Categorias
Drops

DROPs 19/06/08: Mira, Arenas e Euro

DEMISSÃO NO PALMEIRAS

O (ex) Diretor de Marketing Carlos Mira pediu demissão. E saiu atirando.

Disse que era considerado “persona non grata” pelo grupo, mas não
definiu qual. E comentou que existem entre os Diretores e Conselheiro
ex-empresários que procuram levar vantagem para si.

Poupou apenas o Presidente Della Mônica e o Controller Vicente Schiavone.
Mas mostrou total falta de sintonia com a torcida palmeirense quando, na Jovem
Pan, chegou a elogiar a rádio.

Mira, precisava?

ARENAS EM PORTO ALEGRE i

Ainda na quarta-feira, na Federasul, os Presidentes do Internacional e do
Grêmio falaram sobre seus projetos de Arena. Foi noticiado no Jornal do
Comércio de hoje.

O projeto do Inter está orçado em R$ 250 milhões, e está dividido em duas
partes: a primeira, reforma e cobertura, vem acontecendo desde 2003 e custará
R$ 40 milhões. Deste, R$ 30 milhões virão da venda do antigo campo do Inter,
chamado estádio dos Eucaliptos.

A segunda parte do empreendimento e a mais importante prevê a construção de
um centro cultural, hotel, restaurantes, estacionamentos, pavilhão de exposições e
reforma do Gigantinho.

Prá isso o Inter diz que irá procurar investidores.

ARENA EM PORTO ALEGRE ii

A matéria afirma que a arena do Grêmio custará R$ 300 milhões e o complexo multiuso
em R$ 700 milhões.

TBZ, OAS e Plac Arquitetura estão no projeto. Pela matéria o Grêmio participaria em 65%
das receitas. O Grêmio dará o Estádio atual em troca, que será implodido e onde será
construído um outro empreendimento. Neste o Grêmio não teria participação.

ARENA EM PORTO ALEGRE iii

Essa sou eu que digo: ano passado conversei com um executivo que participou do
business plan inicial da Arena do Grêmio. Ele dizia que não havia projeto em Porto Alegre
que se pagasse.

Por outro lado ele dizia que uma arena em São Paulo também não era viável. Logo…

Saudações… agora é torcer prá Itália. Ou não?

NÃO DEU PRÁ PORTUGAL

Não vi o jogo. “Assisti” pelo site da euro2008.uefa.com. Mas o Renato deixou
um comentário que Portugal foi prejudicada pela arbitragem. Vamos comentar
depois.

E a manchete do site da Uefa Euro 2008 diz tudo: “bom começo não
significa título”.