Categorias
Notícias

Pré Jogo Palmeiras x Atlético MG: Cliente bom!

Crédito: Luis Menotti

O ADVERSÁRIO

O Atlético MG está em 11o lugar no Brasileiro, com 10 pontos ganhos e somente duas vitórias em oito jogos.

No
Mineirão o Atlético fez somente 3 jogos até aqui e foi onde teve as
duas únicas vitórias: contra o Ipatinga (atual 19o colocado, por 4×2) e
contra a Portuguesa (atual 8a colocada, por 2×0).

O time vem de
dois desfalques importantes. Na zaga não jogam Leandro Almeida
(suspenso com 3o amarelo) e Nen (ex-Palmeiras, machucado). Não jogará
também o lateral direito Amaral, emprestado pelo Palmeiras ao Galo
Mineiro.

Nos indicadores Footstats o Galo apresenta desempenho mediano (para não dizer mediocre): finaliza muito pouco (média de 12 finalizações por partida) e tem um acerto baixo (41%, ou seja, 5 finalizações ao gol). Para efeito de comparação o Palmeiras finaliza em média 17 vezes por jogo (é o melhor índice junto com o Cruzeiro) mas acerta apenas 36% (cerca de 6,1 por partida). O Palmeiras tem 13 gols pró enquanto o Atlético tem 11.

O Galo trabalha pouco a bola: tem apenas 281 passes por partida e acerta 88% dos passes (o Palmeiras é o time que mais passa no Brasileirão e mais acerta; média de 371 com 92% de acerto).

Como virtude pode-se destacar o baixo índice de perda de bola do time mineiro (apenas 39 por partida; o Palmeiras perde 45) e faz poucas faltas (apenas 19 por partida; o Palmeiras 20).

FIQUE DE OLHO

O
técnico do Galo mineiro é o Gallo. Ex-auxiliar de Luxemburgo, foi
lançado pelo técnico palmeirense na carreira de auxiliar técnico até
alçar vôo solo. Vamos ver como se comporta o “Luxinha”…

O PALMEIRAS


cheio de problemas! De cara são 4 desfalques: Valdívia e Kléber
suspensos; Gustavo machucado. E Leandro que já acertou com o Porto mas
só estará liberado para a partida contra o Figueirense, na próxima 5a
feira.

Para o lugar de Valdívia o Palmeiras terá um meio campo
mais defensivo: Pierre, Martinez e Léo Lima possuem grandes chances de
jogarem juntos a partida deste domingo.

Os três jogando juntos
têm um retrospecto bstante favorável: em 9 partidas, foram 8 vitórias e
1 empate, com aproveitamento de 93%.

No ataque quem treinou foi Lenny no time titular. E tem grande chance de começar jogando.

No
lugar de Gusavo entra o garoto Mauricio. E jogará ao lado de Gladstone,
destaque na estréia contra o Náutico (foi eleito pelos 3VVistas como o
melhor em campo com 46% dos votos). E para o lugar de Leandro, entra
Jefferson.

O provável time é: Marcos; Elder Granja, Mauricio,
Gladstone e Jefferson; Pierre, Léo Lima, Martines e Diego Souza; Lenny
e Alex Mineiro.

Entretanto dois contra-tempos de última hora:
Pierre sentiu o tornozelo e nessa sexta-feira foi poupado. E Elder
Granja sentiu uma lesão na coxa e saiu direto de Atibaia para a
Academia. Está fazendo tratamento. Os dois são dúvidas.

Surgiu
também um imbroglio jurídico com o Corinthians de Alagoas e o lateral
direito. Isso não afeta sua possibilidade de jogo para esse domingo,
mas para o jogo contra o Figueirense o lateral precisará acertar sua
situação. Vamos aguardar aqui mais notícias…

NO CAMPO DO 3VV

Como joga o Palmeiras com Léo Lima, Pierre e Martinez?

Se analisarmos o jogo Palmeiras x Inter – nesse caso Diego Souza não jogou – percebeu-se a presença forte de Martinez no lado esquerdo do campo (55% de sua posse de bola estava no quadrante central esquerdo). Léo Lima jogou no lado direito do meio de campo (33% de posse de bola) mas jogou de forma ofensiva (16% da posse de bola no ataque, lado direito e 11% no ataque, centro).

Pierre é quem comanda as ações defensivas. Teve 26% da posse de bola no meio de campo mas se distribuiu entre defesa (6+6+4%) e o lado direito (25%).


Legal né? Vamos analisar mais vezes esse posicionamento tático.

HISTÓRICO DE CONFRONTOS

Esse
é um cliente bom! De acordo com a análise do 3VV, são 55 confrontos que
Palmeiras e Atlético-MG fizeram desde a década de 30. E o Palmeiras tem
ampla vantagem:

* 31 vitórias (56%)
* 7 empates (13%)
* 17 derrotas (31%)
* 81 gols pró
* 58 gols contra

O resultado mais comum é 1×0 Palmeiras (18%) seguido de 2×1 (13%).

Jogando no Mineirão, em 21 jogos, temos um curioso empate: Palmeiras venceu 10 vezes, perdeu outras 10, e empatou apenas uma partida. Fez 24 gols e tomou? 24! (parece coisa de bambi!);

Vai ganhar neste domingo! para desempatar!

NO ANO PASSADO

Jogando lá o Palmeiras foi, viu e venceu: ganhou por 2×1, numa esplêndida partida de Martinez.

Dizem
as más línguas que nessa partida, em que Martinez foi o destaque
jogando pelo lado direito, o técnico Caio Jr. ficava gritando todo o
tempo para o volante sair daquela posição e voltar para a defesa.

Graças a Deus os tempos são outros…

EU ME LEMBRO…

A lembrança aqui é recente e não é boa. Não vou comentar!

Dá-lhe Porco! Palmeiras vence, qualquer placar serve!

CHAMANDO A GALERA PRÁ OPINAR

Giba, que tipo de jogo é esse?

E você, o que espera desse jogo? “Diz aí…”

Saudações…