Categorias
Drops

DROPS 13/08/08: de novo, Valdívia, Sul-Americana, desfalques, Valdir

MAIS FRIZZO, DE NOVO

Causou estranheza a pelo menos uma pessoa essa notícia sobre a conversa do Conselheiro Roberto Frizzo com a imprensa para criticar mais uma vez o Projeto Arena.

Recentemente – cerca de duas semanas atrás – Marcelo Fonseca, colaborador do Professor Belluzzo na Diretoria de Planejamento – procurou R. Frizzo para para desarmar os espíritos e procurar tornar mais saudável o debate de idéias no clube.

O Conselheiro teve a oportunidade de levantar todas as suas dúvidas e críticas mas não o fez. Se fizesse isso Marcelo teria explicado os pontos que ainda geram dúvida ao senhor Frizzo.

Minha opinião: Frizzo não quer esclarecer!

VALDÍVIA E AL JAZIRA

O time de Abel Braga quer Valdívia. É o que diz matéira do globoesporte.com (clique aqui).

A matéria afirma que os árabes estão oferecendo 10 milhões de euros (cerca de R$ 24 milhões).

Alguns perguntaram se era barato essa venda. A princípio parece que sim, principalmente pela qualidade do jogador.

Mas alguns fatores pesam contra: i. Valdívia teve uma passagem pela Europa e foi frustrada; ii. seu estilo de jogo não é bem visto por alguns centros da Europa (por exemplo Inglaterra); iii. sua valorização passa ainda por uma disputa de Libertadores, principalmente se chegar numa final (quando a exposição é bastante alta, vide caso T. Neves).

Se tivesse tempo, a Direção do Palmeiras não deveria vender o jogador. Ele poderia valorizar-se. Mas seria um risco.

E de qualquer maneira não há tempo disponível. E lembre-se do ditado: tempo é dinheiro.

VALDÍVIA E AL JAZIRA ii

Esqueci do motivo iv para uma eventual saída do jogador: El Mago às vezes parece sonhar dia e noite com a grana de uma transferência desse volume.

E prá explicar melhor lembrei de outro ditado: fogo morro acima, água morro abaixo e jogador que quer sair prá ganhar mais, ninguém segura (ok, adaptei o ditado).

SUL-AMERICANA: IMPORTANTE OU NÃO?

Começa a Sul-Americana e os times vêm completamente desfigurados. O Grêmio joga hoje com time praticamente reserva contra o Inter.

O Palmeiras também vai com muitos reservas. Não jogam por lesão ou por precaução: Marcos, Elder Ganja, Jéci e Leandro; Pierre, Martinez; Alex Mineiro. Com mais um zagueiro, dois meias e um atacante dá prá ser Campeão Brasileiro.

O que eu pergunto é o seguinte: o torneio dá dinheiro, dá a chance de disputar com o campeão da Libertadores a Recopa, dá um certo prestígio: será que não estamos desdenhando demais desse campeonato?

Responde aí ao lado…

PIERRE E MARTINEZ TAMBÉM NÃO JOGAM CONTRA O CORITIBA

Os dois já estavam fora da partida de hoje contra o Vasco. E também não jogam contra o Coritiba.

Pierre e Martinez fizeram exames de ressonância magnética na terça-feira (12), e os
resultados apontaram uma leve lesão no joelho esquerdo de ambos.

Pierre teve uma contusão óssea e deve retornar entre 7 e 10 dias. Já Martinez sofreu uma torção, e o prazo de recuperação é inicialmente de uma semana.

VALDIR JOAQUIM DE MORAES, 50 ANOS DEPOIS

Nesta quarta-feira, dia 13, o coordenador-técnico do Palmeiras, Valdir Joaquim de Moraes completa 50 anos de sua chegada ao Palmeiras. Natural de Porto Alegre, Valdir chegou em 13 de agosto de 1958.

Valdir fala: “Eu havia atuado por mais de 10 anos no Renner e recebi a visita do Osvaldo Brandão [ex-treinador do Palmeiras] no início de agosto de 1958. Ele foi até lá para buscar eu e o Chinesinho [atacante], cuja indicação havia sido feita pelo Ênio Andrade. Eu lembro que, quando cheguei em São Paulo, demorei alguns dias para acertar. Foi uma novela (risos). Mas felizmente deu tudo certo e em 13 de agosto de
1958 eu assinei meu contrato com o Palmeiras.”

Excelente profissional. Excelente contratação do Mestre Brandão.

Novamente peço desculpas pelo adiantado da hora para liberar o DROPS de hoje.

Saudações…