Categorias
Pré Jogo

Pré Jogo Palmeiras x Náutico: tchê, vamos voltar líderes!

Crédito
para a foto: Cesar Menotti; Análises 3VV; reprodução autorizada somente
com expressa informação da fonte e do link www.terceiraviaverdao.com.br

O ADVERSÁRIO

O
Náutico está em 13o. lugar no Brasileirão 2008. Tem 29 pontos, 9
vitórias e saldo negativo de 11 gols. Essa pontuação o coloca apenas 3
pontos acima do 17o. colocado (o primeiro na zona do rebaixamento)
Vasco da Gama.

Em casa o Náutico fez até aqui 13 jogos, 21 pontos, 6 vitórias e 4 derrotas. Desempenho de 54% em casa.

As vitórias em casa:
Goiás (2×1)
Botafogo (3×0)
Atlético-MG (2×1)
São Paulo (2×1)
Santos (1×0)
Ipatinga (2×0)

Perdeu para:
Sport (0x2)
Coritiba (1×2)
Figueirense (1×2)
Fluminense (1×2)

E empatou com:
Vasco (1×1)
Inter (1×1)
Grêmio (1×1)

A
última derrota do Náutico em casa foi na R21, para o Fluminense. Depois
disso fez 5 partidas, empatou duas, venceu duas, e perdeu a última, no
Mineirão, para o Atlético MG [ nb: Washington, obrigado pela correção ].

No
início da semana o técnico Roberto Fernandes anunciou o retorno de
vários titulares que estavam fora por problemas de contusão. Hoje já
faz mistério e não divulga o time. Os desfalques certos são Alceu
e Derlei, suspensos. Além deles o meia Willian e o volante Reinaldo,
que têm contratos com o Palmeiras e estão emprestados ao Náutico até o
final da temporada, não poderão jogar por força contratual.

Outro
adversário será o gramado. Não é um campo de futebol para bola rolando.
Foi eleito entre os boleiros do Brasileiro como o pior gramado da Série
A.

Ironias: reclamamos um gramado artificial, que é perfeito e a bola rola, e também reclamamos do gramado esburacado.

Quem quer ser campeão não escolhe gramado. Mas não será um jogo fácil.

O PALMEIRAS

Depois
de algumas partidas sempre com desfalques importantes, neste jogo o
Palmeiras terá elenco completo, exceto por Jéci, contundido. E contará
ainda com o reforço no banco de reservas de Roque Jr.

E
coincidência ou não – não acredito em coincidências – desde que entrou
Martinez no time fazendo a função do terceiro zagueiro o Palmeiras não
levou gols. Foram 4 jogos – Cruzeiro [1×0], Vasco [3×0], de novo Vasco
[2×0], Sport Ancash [0x0] (se bem que nesse jogo foram vários sustos).

E
os números comprovam isto. O Palmeiras tem aproveitamento (até a R26)
de 63% dos pontos disputados. MartineZ ganhou 69% dos pontos que ele
disputou. E Maurício tem um desempenho ainda melhor: ganhou 72% dos
pontos disputados.

O time de amanhã deve ser o mesmo das últimas partidas. Meu palpite para quem entra em campo:
Marcos; Gustavo, Maurício, Martinez; E. Granja, Sandro Silva, Léo Lima (Pierre), Diego Souza e Leandro; Alex Mineiro e Kléber.

HISTÓRICO DE CONFRONTOS

O Palmeiras tem ampla vantagem nos confrontos contra o Náutico. Na história dos dois times foram 33 jogos:

21 vitórias do Palmeiras (64%)
5 empates
7 derrotas
61 gols pró
29 gols contra

Naturalmente
que em Recife o desempenho cai. Foram 4 partidas nos Aflitos com uma
vitória do Palmeiras, um empate e duas vitórias do Náutico.

Jogando na cidade de Recife tempos um desempenho bem melhor:

9 vitórias Palmeiras;
2 empates;
6 derrotas.

Percebeu né? Não é time que empata com o Palmeiras.

O ÁRBITRO

Leandro Vuaden, gaúcho, será o árbitro.

Apitou
até aqui 11 partidas, aplicando em média 29,5 faltas por partida. A
média do campeonato até a R26 é de 38 faltas por partida.

Vuaden apitou dois jogos do Palmeiars:

R12 Palmeiras 3×1 Fluminense
R19 Palmeiras 0x1 Botafogo

Mais
conhecido como o árbitro que não marca falta, e deixa o jogo correr,
Vuaden tem duas curiosidades: a primeira é que Carlos Eugênio Simon
apita menos faltas que ele (média de Simon é de 29,2 faltas por
partida).

A segunda curiosidade é a seguinte. O juiz apita em
média 29,8 faltas por partida. Para simplificar, 15 faltas do mandante,
15 do visitante, correto?

Nas duas partidas que fez do Palmeiras
neste Brasileirão, o juiz apitou 19 faltas do Verdão (contra o
Fluminense) e 24 faltas (contra o Botafogo). Média de 21,5 faltas do
Verdão por jogo.

Será que nossos jogadores batem mais dos que os demais?

Vuaden, estamos de olho…

NO PRIMEIRO TURNO

Palmeiras 2×0, no Palestra, sem surpresas. Eu estava lá!

ANO PASSADO

Foi
engraçado. Eu estava em um hotel, nem sei exatamente onde, mas fora de
São Paulo. Era um sábado, final do dia. E não havia transmissão na tv.
Achei pela internet a transmissão de uma rádio pernambucana.

Quase enfartei quando aos 49 do 2o. tempo Luiz Henrique fez o gol da vitória.

Nesse domingo vou deixar o desfibrilador portátil na mão… nunca se sabe!

ENTÃO TÁ!

Jogo difícil… um amigo colorado veio tirando onda: “faz a tua parte no domingo que nós vamos fazer a nossa”.

Eu falei, “não é mole jogar lá…”.

E ele, naquela psicologia que deixou famoso o analista de bagé: “porra tchê, se tu queres ser campeão tem que ganhar dos caras lá!”.

Tá certo meu amigo colorado… mensagem enviada, mensagem recebida. Vamos prá vitória!

Saudações Alviverdes…