Categorias
Campeonatos

Contagem regressiva – DOMINGO: Pré Jogo Palmeiras e São Paulo

Chegou o Domingo. Hoje o Pré Jogo é diferente dos demais. Hoje o jogo é diferente dos demais.

O
palmeirense mais fanático começou a sentir o clima do jogo a partir da
5a feira. Diria um amigo meu: um “certo environment” no ar! Pelo menos
foi quando o meu telefone começou a tocar. “E aí Vincenzo, vamos
ganhar?” era a pergunta logo depois do meu alô.

Já comentei por
aqui, o palmeirense parece um “animal” diferente dos demais. É mais
crítico… parece meio reclamão. Às vezes corneteiro. Quando vai bem, o
time será campeão “ganhando todas”. Se vai mal, “esse time não vai nem
prá Libertadores”.

É o jeito palmeirense de ser, bem definido na frase de Joelmir Beting: “quem não sabe o que é, não entende; quem sabe o que é, não precisa explicar”.

TIME POR TIME

Passei a semana criticando as flores da Mancha. Dei meus motivos, certos ou errados…

Mas
hoje, domingo, 19 de agosto – e se você está lendo esse post no momento
que ele foi publicado é mais ou menos 1:10 da manhã, horário de verão –
é hora de desdizer o que eu disse: o Palmeiras é favorito!

Nós
torcedores podemos dizer isso. Diretoria e jogadores têm que ficar na
deles, não dar mole pro azar. O adversário temos que desprezar. Deixa
eles quietos por lá… não queremos um “fato novo” para eles.

Mas, palmeirense, chega mais perto do post: o Palmeiras é franco favorito. Por quê? Três razões, cada uma tem o lado A e o lado B:

i.a. O grupo hoje é mais forte do que o grupo que venceu as moças na semi-final do Paulista; (estou falando grupo, não falo talentos individuais);

i.b. O grupo do adversário é mais fraco, perdeu peças chaves – por exemplo, Adriano e Alex Silva;

ii.a. O time do Palmeiras está melhor do que no 1o. turno,
quando perdeu por 2×1 pro São Paulo. Aquele jogo o Palmeiras entrou em
campo com ; o Palmeiras trouxe ainda Roque Junior e a zaga que entrará
em campo nesse domingo é diferente do jogo anterior;

  • Escalação
    do Palmeiras no jogo anterior com o São Paulo: Marcos; Fabinho Capixaba
    (Evandro), Jeci, Gladstone e Leandro; Martinez, Léo Lima (Lenny), Diego
    Souza (Denilson) e Valdivia; Kléber e Alex Mineiro.

ii.b. O time do São Paulo não está mais forte –
em termos de elenco – que no 1o. turno. Perdeu Alex Silva (não estava
naquele jogo) e Aloísio. Trouxe o zagueiro que gosta de uma balada –
ok, quem não gosta – Rodrigo, e fortaleceu a defesa. E perdeu um
destaque do time por contusão, Joílson;

  • Rogério Ceni; Zé
    Luiz, André Dias e Alex Silva; Joílson (Éder), Richarlyson, Hernanes,
    Hugo e Jorge Wagner; Borges (Aloísio) e Dagoberto (Éder Luís).

iii.a. Vanderlei Luxemburgo tem o time na mão. O elenco está concentrado – informação extraída de lá – e com muita vontade de entrar em campo. E só a vitória interessa;

iii.b. O time do São Paulo tem um técnico competente. Vai jogar neste domingo prá não perder.
Há muito tempo perdeu a esperança do TRI, mas não pode ficar fora da
Libertadores, com o risco de ter uma grande queda de receitas em 2009.

MAS…

Superioridade em futebol é como cerveja gelada: se aproveita na hora. Se demorar, esquenta e perde o colarinho. É aí onde mora o perigo!

Muricy vai usar e abusar dos cruzamentos de Jorge Wagner. E o Palmeiras precisa mostrar que sua zaga agora está firme.

No ataque, o Palmeiras não pode perder gols. E não vai! É jogo para Alex Mineiro…

Portanto
o meio de campo vai decidir. De um lado um time que vem prá ganhar. Do
outro um time perigoso, que defende bem mas só tem uma jogada: as bolas
paradas. Se o meio campo do Palmeiras souber bloquear os cruzadomentos
do adversário e fugir da marcação armando as jogadas para Alex e
Kléber, “caixa”. Não tem prá ninguém.

O Palmeiras é favorito sim. Mas tem que transformar favoritismo em resultado dentro de campo. No futebol não tem jogo ganho na véspera. Então os jogadores têm que entrar em campo e fazer sua parte.

E
a torcida tem que fazer a parte dela. Empurrar o time, cantar,
incentivar. No papel temos melhor elenco, melhor grupo, melhor comissão
técnica e jogamos em casa. Somos favorito e vamos prá cima. Mas é jogo
prá placar apertado… já estou levando meu estoque de izordil!

POR FALAR EM TORCIDA

Mas há milhões desses seres
Que se disfarçam tão bem
Que ninguém pergunta
De onde essa gente vem
(Chico Buarque, Brejo da Cruz)

Somos
o Welliton, garçom do Camelo. Somos o Giba, de Jaguariúna. O
Franceschini, de Analândia. Somos os danilos, jotas, tredinnicks,
baptistas, pasqualinis … e amigos do Rio, Porto Alegre, BH,
Curitiba… da Austrália, Itália, Inglaterra, México, US, … da Moóca,
Tatuapé, Perdizes, Embu Guaçu.

Neste domingo o Palestra vai explodir naquela mesma energia de 20 de abril. E nós estaremos lá! Com muita paz.

Saudações Alviverdes…