Categorias
Notícias

Classificação R34: estamos mal


quatro rodadas do final estamos a 4 pontos do líder. Bem falou um dos
leitores do 3VV – desculpe a falha de memória – mas se estivéssemos a 9
poderíamos jogar a toalha. Quatro pontos em 12 podem ser descontados.

Mas
seriam necessárias duas rodadas. O Palmeiras tem vantagem do empate
pois tem o mesmo número de vitórias hoje que São Paulo e Grêmio. Ou
seja, um possível triplo empate ao final da R39 seria decidido pelo
número de vitórias. E o Palmeiras só desconta esses pontos se vencer
mais que os outros. Portanto…

Mas os números falam contra o
Palmeiras. Perdemos a liderança em aproveitamento como mandante. Já não
tínhamos essa liderança como visitantes. E o time sai aparentemente
dividido dessa derrota, com o comportamento de Marcos após o gol.

Ou
seja, os outros perderem quatro pontos em 12 é até possível. Mas é
possível para nós vencermos quatro seguidas nessa reta final?

Estranho
esse Palmeiras. Olhando o lado de baixo da tabela o Palmeiras perdeu 8
pontos em 21 disputados com os 4 últimos. Ou seja, o desempenho do
Palmeiras com os candidatos ao rebaixamento foi de 62% de
aproveitamento. Muito pouco!

JOGOS RESTANTES

Incrível
esse Grêmio. Entrou em campo nitidamente para não perder. Procurou o
anti-jogo – foi o time mais faltoso da rodada –, fez cera, e dava
sinais que queria sair com um pontinho prá continuar na briga pela
Libertadores. E agora tem a série de jogos mais fácil entre os 5
primeiros.

Mas o mais surpreendente nesse campeonato é a cara de
pau do judiciário. Na reta final o Goiás teve seu estádio interditado
por 3 jogos. Então Goiás e São Paulo, na última rodada, será em
Itumbiara. Está na cara qual foi o único clube beneficiado nesse
campeonato, seja pela arbitragem, seja pelo STJD.

Patético! Vão acabar com o futebol no Brasil… veja abaixo os jogos das últimas rodadas.

CORRIDA MALUCA

O
Dick Vigarista deu uma força – juro que não falo quem eu acho que seja
o Dick, e quem sugerir algum nome eu vou ter que apagar. E assim
Penélope Charmosa abriu 2 pontos do Cupê Mal Assombrado.

A
Quadrilha Alviverde segue junto aos Irmãos Pedrella. Perde apenas no
número de vitórias. E domingo vamos enfrentar Caio Peter Perfeito no
Maracanã.

Será?

Saudações Alviverdes!

Uma resposta em “Classificação R34: estamos mal”

Bom….teria muita coisa a dizer….mas….vou dizer o principal. na minha humilde opinião, entedo que o Palmeiras jánão vem jogando bem à algumas rodadas. Tem enganado em algumas partidas. Mas jogar bem, faz muito tempo. E pra mim o grande responsável, náo o único, mas o maior responsável chama-se Luxemburgo. A vaidade desta pessoa chegou às raias do absurdo. Fugiu ao controle dele. Ele não tem atuado no time já a algum tempo. Não sei se são os outros compromissos, se é desmotivação pessoal, se é o foco no objetivo “SEleção Brasileira”, enfim, sem foco algum e com o ego inflado. Falando muito que é o bom, é que é isso ou aquilo…e até agora não vi o bom NESTE campeonado. Vale dizer que nessa mesma rodada o ano passado e com Caio Júnior, estávamos em 4º lugar tb ou próximo disso. Ou seja, fazendo essa análise, bem crua é claro, não estamos muito melhores que o ano passado e olha que o nível dos times do ano passado era maior na minha opinião. O time continua com erros graves na defesa e no ataque,e dependendo de um ou outro jogador. Jogadores de baixo nível técnico são colcados como bons. Time sem personalidade a algum tempo, substituições previsíveis, e sem surtir efeito, táticas facilmente previsíveis e anuláveis pelos técnicos adversários, todos conseguem anular com facilidade o baixo poder ofensivo do Palmeiras, e aí o time fica sem um mísero chute a gol que tenha perigo. Enfim, vaidade e falta de concentração do técnico tem o seu preço. Torço para que o Muricy vá para a seleção, seria um tapa de luva de pelica no Luxemburgo. Se ele se acha bom, é por conta de um passado que parece não existir mais. Ele em sua vaidade, se esqueceu de evoluir tb e se esqueceu de perceber que os OUTROS técnicos evoluíram tb. E muito. E o caso Marcos, é a meu ver perfeitamente desculpável diante do que o time apresentou e tem apresentado nos jogos. O que ele fez foi tentar fazer alguma coisa diante de um time que simplesmente não estava fazendo NADA. Se desobedeceu o técnico, é um problema que precisa ser resolvido, mas muito melhor, MUITO menor do que o problema de ter um time que não é time. E isso na minha opinião é o básico, nem vou entrar em outros detalhes a respeito da atuação do técnico.

Os comentários estão desativados.