Categorias
Arenas

Série Arenas: bancos de reservas e painéis publicitários

Da Série Arenas Esportivas 
Recomendações e Exigências Técnicas FIFA 

Por Claudio Baptista Jr. 
Reprodução permitida mediante explícita divulgação do autor do texto,
o site da FIFA e o blog Terceira Via Verdão e seu link.
 
Amigos, 
 
Continuamos com a 4ª parte do documento que fala sobre Áreas de Jogo.

Segue abaixo o conteúdo da parte que fala sobre as Áreas de Jogo e em negrito o posicionamento dos temas da publicação de hoje perante o conteúdo total:

1- Decisões preliminares.
2 – Segurança.
3 – Orientação e estacionamentos.
4 – Áreas de jogo.

4.1 – Dimensões recomendadas.
4.2 – Qualidade do campo de jogo.
4.3 – Campos de jogo em grama natural.
4.4 – Campos de jogo em grama artificial.
4.5 – Bancos de reservas.
4.6 – Painéis publicitários entorno do campo de jogo.
4.7 – Acesso à área de jogo.
4.8 – Exclusão dos espectadores da área de jogo.

5 – Autoridades e jogadores.
6 – Espectadores.
7 – Hospitalidade.
8 – Mídias.
9 – Iluminação e alimentação elétrica.
10 – Telecomunicações e espaços complementares.

4.5 – Bancos de reservas.

Antes
de apresentar o documento da FIFA que fala a esse respeito, lembrei de
uma situação patética ocorrida no jogo realizado no final de 2007 entre
Brasil e Uruguai aqui em São Paulo, no estádio do Morumbi.

Quem
teve o desprazer de ver e principalmente ouvir o jogo pela TV Globo se
deparou com o Galvão Bueno soltando essa: “O Morumbi já está a caminho
da Copa de 2014, até seu banco de reservas está de acordo com os
padrões da FIFA”.

Aquilo foi uma piada ou uma baita demonstração de desconhecimento.

Até hoje eu fico com as duas possibilidades.

Vocês
acompanharam o que já foi colocado nesta coluna e sabem muito bem qual
é a distância entre um banco de reservas de acordo com os requisitos da
FIFA e um Estádio totalmente adaptado, bem como o quão longe está o
Morumbi para atingir os mesmos.

Mas vamos lá, dando continuidade e vendo o que mais nos é apresentado.

Os
bancos de reservas são dois, cada um situado em uma parte e outra da
linha de meio campo, paralelos a linha lateral, a cinco metros do campo
de jogo. Cada banco deve estar distante ao menos 5 metros do
prolongamento da linha de meio campo e ambos devem estar a uma
distância igual em relação à linha lateral e a linha de linha de meio
campo.

A figura abaixo representa esta referida localização.

Cada
banco deve ter capacidade para receber até 22 pessoas para partidas
internacionais bem como para jogos da Copa do Mundo da FIFA.

Os
bancos devem ser colocados ao nível do solo e não obstruir a visão dos
espectadores em relação ao campo de jogo. Devem estar protegidos do
tempo ruim ou de objetos que possam ser atirados por uma cobertura
transparente em Plexiglas™.

Uma atenção especial deve ser feita neste item para a construção da nossa Arena.
Apesar da instalação de um banco de reservas aparentar algo simples,
muitas vezes bloqueia e prejudica a visão do gramado. Muita atenção,
não podemos perder capacidade de público para solucionar o problema e
muito menos desrespeitar um requisito da FIFA visto que desde o início
nossa Arena é apresentada respeitando as normas da FIFA.

Vejam nas figuras abaixo as alternativas de layout para a instalação dos bancos de reserva.

E não é que nem essa singela funcionalidade o Morumbi atende?
Os bancos de reserva estão instalados em uma espécie de fosso, o que
prejudica a visão dos próprios jogadores e comissão técnica. Isso sem
contar que a cobertura atual do banco de reservas é opaca e não
transparente, prejudicando ainda mais a visão dos espectadores.

O
Sr. Galvão Bueno não leu esse trechinho do documento da FIFA. E nem o
próprio SPFC que no seu site oficial informa que o banco de reservas do
Morumbi está totalmente adaptado para campeonatos internacionais.
Mentira! Não para jogos de Copa do Mundo. Solução? Vai lá, rebaixa o
campo.

Ai, ai, ai… Veja bem…

4.6 – Painéis publicitários entorno do campo de jogo.

No
momento da construção de um novo estádio deve ser verificado que a
visão do campo de jogo não deve ser obstruída pelos painéis
publicitários entorno do campo de jogo. Estes devem ser visíveis
permanentemente das plataformas de câmeras de filmagem e em caso de
serem eletrônicos, estarem conectados a um gerador.

A altura regulamentar é de 90 a 100cm. A distancia mínima dos painéis publicitários deve ser de:

  • 4 a 5 metros das linhas laterais.
  • 5 metros das linhas de fundo e somente 3 metros na diagonal das bandeiras de canto.

Os painéis publicitários não devem em nenhum caso:

  • estarem situados em locais que possam constituir perigo para os jogadores, oficiais da partida ou outras pessoas.
  • serem
    erguidos sob forma ou material que possa constituir perigo aos
    jogadores. A voltagem dos painéis rotativos e dos painéis a diodos
    eletroluminosos também não deve constituir perigo aos atores da partida.
  • serem compostos de materiais que possam refletir a luz a ponto de atrapalhar os jogadores, os árbitros e os espectadores.
  • serem
    erguidos de alguma forma que possam bloquear a evacuação em caso de
    urgência dos espectadores na direção da a área de jogo.
  • estarem localizados em lugares que possam obstruir o campo de visão das pessoas situadas na superfície técnica.

Vejam nas duas figuras abaixo o posicionamento dos painéis publicitários de acordo com o exposto acima.
A primeira figura reflete a situação em relação às bandeiras de canto e
a segunda figura em relação ao seu posicionamento atrás do gol.

Os
mesmos comentários e alertas feitos no item anterior a respeito dos
bancos de reservas e a visão do gramado servem para o projeto de
instalação dos painéis publicitários.

Na próxima semana terminaremos a 4ª parte do documento.

Abraço,

Claudio Baptista Jr.