Palmeiras e Corinthians e o Projeto Derby

Mais de 90 anos de história, mais de 40 milhões de torcedores apaixonados, 8 títulos brasileiros, 47 títulos paulistas, encontros dramáticos entre os dois clubes decidiram títulos, carreiras e vidas
em mais de 300 oportunidades.

Por qualquer ângulo que se olhe, quando Palmeiras e Corinthians se encontram os números são superlativos e o encontro é único. É o maior clássico do futebol brasileiro e foi apontado em 2008 como um dos 10 maiores do futebol em todo o mundo.

Os presidentes do Palmeiras e do Corinthians veem o DERBY como um evento muito especial, que mexe com a emoção de todos os brasileiros. “O Brasil entra em transe às vésperas do DERBY. No dia seguinte ao jogo, o país se divide entre a felicidade e a frustração até o próximo encontro, quando a esperança da vitória renova a rivalidade”, diz Luiz Gonzaga Belluzzo, presidente do Palmeiras.

Para o presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, “quando se fala em clássico, não há como não lembrar da emoção de ver Corinthians e Palmeiras em campo. Quantos ídolos se consagraram e quantos outros deles acabaram caindo no esquecimento depois de um DERBY como esse”.

Não é diferente para os diretores de marketing dos dois clubes. Para eles também o DERBY é especial. “Sou palmeirense, mas o Corinthians esteve presente em muitas festinhas minhas de aniversário. Lembro de sempre pedir à minha mãe um bolo decorado como campo de futebol, tendo sobre ele os bonecos de Palmeiras e Corinthians jogando o DERBY”, diz Rogério Dezembro, diretor de marketing da Sociedade
Esportiva Palmeiras.

“Sou torcedor e não posso esquecer de todos os torcedores que perdem noites de sono com a ansiedade de um DERBY Corinthians x Palmeiras”, completou o diretor de Marketing corinthiano Luis Paulo Rosenberg. Em função da força, da tradição e da eletricidade que só é encontrada quando Palmeiras e Corinthians se enfrentam, as diretorias dos dois clubes decidiram criar um conceito inédito de um clássico de futebol.

Foi criada uma marca para o DERBY, uma iniciativa pioneira em todo o mundo. Essa marca estará presente nas camisas dos dois times, na bola do jogo e no uniforme dos árbitros no próximo dia 08/03/2009. E a marca será adotada daqui por diante, todas as vezes em que esse clássico for jogado.

Vale registrar que o nome DERBY dado ao clássico foi criado pelo jornalista Thomas Mazzoni, do jornal “A Gazeta Esportiva”, para definir o jogo entre os dois times de maior tradição em São Paulo, por ser sempre difícil apontar o vencedor. O nome é emprestado de um milionário inglês conhecido como Lord DERBY, que financiava as principais e mais difíceis provas de turfe da Inglaterra.

Também foi criado um troféu, que será disputado apenas nos encontros entre as duas equipes. A taça foi batizada de “Troféu Osvaldo Brandão”, em homenagem ao técnico que brilhou tanto no comando do
Palmeiras como do Corinthians.

Essa iniciativa também quebra um paradigma: a de que os rivais do futebol são incapazes de se unir para proporcionar um melhor espetáculo para o público. Palmeiras e Corinthians inauguram uma nova mentalidade no futebol brasileiro: a mentalidade da gestão compartilhada entre rivais, que celebram sim suas equipes e sua rivalidade histórica, mas usam esses ingredientes para criar um jeito novo de promover o maior clássico do futebol do país.

>> Histórias de Palmeiras x Corinthians >>

O primeiro gol palestrino foi alvinegro: O primeiro gol marcado no Palestra Itália teve como autor Bianco, então um atleta corinthiano, cedido pelo alvinegro para a disputa da partida entre Palestra Itália x Savoya, no ano de 1915.

Pai e filho craques. Mas em Parques separados: Domingos da Guia, um craque incontestável e figura lendária do futebol mundial defendeu as cores alvinegras do Corinthians. E seu filho, Ademir da Guia, um
dos maiores meio-campistas de todos os tempos, se tornou o maior ídolo da história do Palmeiras.

Torcendo juntos: Em 20 de Setembro de 1942, palestrinos e corinthianos se irmanaram na emoção e no entusiasmo, durante a final do Campeonato Paulista. Naquele dia, após meses sofrendo ataques de
diversos setores da sociedade, que acusavam o clube de inimigo do Brasil, a Società Palestra Italia suprimiu o vermelho e deixou de ser a squadra tricolore. E, mais dramático ainda, mudou o nome para
Sociedade Esportiva Palmeiras. Com a torcida corinthiana apoiando a torcida palmeirense, a emoção tomou conta do Pacaembu e o Palmeiras festejou seu primeiro título com o novo nome.

>> “Troféu Osvaldo Brandão” >>

Como parte do novo conceito do DERBY entre Palmeiras e Corinthians, as diretorias dos dois clubes, com o apoio da Federação Paulista de Futebol, instituíram um troféu que, a partir de agora, será colocado em disputa sempre que as duas equipes se enfrentarem.

Por consenso entre os dois clubes, a taça foi batizada de “Troféu Osvaldo Brandão”, homenageando o grande treinador que fez história e conquistou inúmeros títulos tanto pelo alviverde quanto pelo
alvinegro.

O modelo escolhido remete à tradição de mais de 90 anos desse clássico, com um design que traz referências dos modelos de taças disputadas pelas equipes de futebol no Brasil do início do Século
XX.

A posse do Troféu Osvaldo Brandão, colocado em disputa a cada DERBY, é transitória. Conquistará em definitivo a equipe que primeiro vencer o conjunto dos Derbies por 3 anos consecutivos ou por 5 anos
alternados. E, na sequência, um novo troféu será colocado em disputa por Palmeiras e Corinthians.

>> Bola ganha selo comemorativo >>

A bola Topper é a mesma utilizada em todas as partidas do Paulistão 2009. A diferença é que para o DERBY a bola vai ganhar um selo comemorativo com a data da partida e o número de confrontos (330)
entre os dois times. A combinação das cores vermelha, amarela, preta e branca torna o visual da bola bastante moderno.

>> Talent >>

Mais do que apenas criar uma marca, a Talent desenvolveu um conceito inédito de promover um clássico de futebol. Criou então, além do conceito, o logotipo do DERBY entre Palmeiras e Corinthians. Esse logotipo materializa a idéia de que o encontro entre essas duas equipes, pela mobilização que gera, é muito maior do que apenas um jogo de futebol. A marca do DERBY, criada pela agência, estará
presente na bola do jogo, no uniforme dos árbitros e no uniforme dos dois times, algo inédito no futebol mundial.

PARA VER IMAGENS DO PROJETO: http://derby.libero.com.br

Posts antigos, Por Onde Anda, e Links Patrocinados