Categorias
Direto da Fonte

Diego Souza pede paz e confia no projeto


O meia Diego Souza atendeu os jornalistas após o treino desta sexta-
feira, no estádio do J.Malucelli, em Curitiba, e fez um pedido de
paz para os torcedores.

“Temos que entender o protesto do torcedor. Eles viajam e sofrem
para ver o time. Mas as críticas precisam ter fundamento. Não
consigo entender o pedido de saída do Vanderlei. Ele é um dos
melhores treinadores do mundo e eu posso garantir que todo o elenco
tem muito respeito e confiança no trabalho dele. O grupo está
fechado e unido, e gostaríamos muito que a torcida estivesse do lado
de todos até o final do Campeonato Brasileiro.”
 
O jogador afirmou que a condição do Palmeiras na temporada deve
fazer com que o torcedor continue acreditando na equipe.

“Fomos eliminados de duas competições, mas nossa temporada tem sido
boa. É verdade que ainda alternamos alguns altos e baixos, mas o
trabalho está no caminho certo. Vejo um grupo forte e determinado,
que não vai se abalar com as dificuldades e nem se esconder das
cobranças.”

Diego Souza admitiu que tem exercido o papel de líder do grupo e
conversado com os companheuros sobre a pressão.

“Já passei por situação ruim aqui no Palmeiras, mas é nos momentos
de dificuldade que o profissional cresce e mostra quem é. Não pode
se acovardar. Quem joga no Palmeiras tem que honrar essa camisa,
pois aqui passaram grandes nomes da história. Nós também queremos
fazer história e temos totais condições de conseguir títulos e
glórias. Eu passo isso para o elenco e eles entendem.”

O camisa 7 também deixou claro que, apesar de todo a pressão,
preferiria atuar no estádio Palestra Itália neste sábado. “Nunca vai
existir essa coisa de ser melhor jogar fora de casa. O Palestra é a
nossa casa e nada melhor do que atuar lá para engatar uma
reviravolta. Pena que não será possível.”

Próximo de completar 100 jogos com a camisa palmeirense -já são 92
no total, Diego acredita que o projeto do clube pode fazer a
diferença para a sequência da temporada.

“Temos um grupo que está crescendo, umas melhores comissões do
Brasil e uma diretoria que briga pelos direitos do clube e dos
atletas. A torcida precisa enxergar também as coisas boas. Esse ano
estamos devendo alguma coisa, mas temos a consciência de que podemos
melhorar. Quem joga no Palmeiras só pensa em títulos e nós não vamos
desistir de conquistá-los.”

Crédito para foto: Cesar Greco

2 respostas em “Diego Souza pede paz e confia no projeto”

Concordo com tudo que o Diego Souza falou este grupo foi montado ha seis meses não se pode meter os pés pelas mãos só pq a minoria dos torcedores querem o Luxa fora, entendo que tem um projeto e este projeto tem que continuar que o Luxa fique

Li essa matéria do Diego no Lance.net. Lógicamente ele está defendendo o treinador, nao é bobo nem nada.
Mas não adianta ele ter defendido a seleção brasileira e o real madrid e não ganhar nada com o Palmeiras. No esporte o momento é tudo, se for julgar por curriculum, vamos trazer de volta o Ademir da Guia, Evair, Dudu e mesmo assim o treinador seria o Felipão e não o Luxemburgo, pois o atul já nos deixou na mão uma vez.
Acorda Diego… futebol é presente, é momento…

Os comentários estão desativados.