Categorias
Corneta do Cunio

A Corneta do Cunio – Autópsia

POR ALBERTO CUNIO

Legistas alviverdes, por algumas horas não tive que reescrever minha coluna da semana passada, substituindo-a por outra “saída do fígado”, como diria nosso amigo Vicente Criscio. Na realidade, aquela história, novela, romance ou patacoada, como queiram, envolvendo o ex-técnico dos vizinhos de muro, escancarou uma faceta que não era tão declaradamente pública, sobre o nosso clube.

 

Fazendo uma breve pausa, vou antecipar que espero comentários bem suaves a esta coluna, já que estamos com nosso time navegando em águas calmas, graças a fatores como a união do elenco, sua harmonia com o esforçado e trabalhador técnico interino, além do baixo nível apresentado pelos grandes clubes, hoje preteridos das primeiras posições por “turistas” como Vitória, Barueri e Santo André. Isto tudo está colaborando (e muito) para jogar uma cortinaça de fumaça na incompetência vigente.

 

Sem menosprezar o êxito de nossa equipe, voltemos ao “circo armado” que é o tema inspirador de hoje: a forma como vem sendo (há tempos) a condução dos assuntos internos do clube, da instituição, Sociedade Esportiva Palmeiras.

 

Durante a semana fui muito criticado por amigos, boicotado por uns, desprezado por outros, vários aqui mesmo no 3VV. Tudo por simplesmente não ficar conformado com o desfecho (mais um) desta história de contratação do novo técnico.

 

Pois agora vou esclarecer aquilo que penso e imagino que muitos compartilharão com o mesmo pensamento. Há 7 dias escrevi que não poderíamos esperar muita coisa da direção do clube com as pessoas que lá transitam. Porém, o mais grave que o comodismo, nepotismo e a omissão, são as atitudes amadoras, inadmissíveis e até hilárias que somos obrigados a observar. E olha que vemos apenas aquilo que vaza. Imaginem aquilo que não sai lá de dentro para fora.

 

Desde a gestão presidencial anterior até a atual, pudemos observar alguns acontecimentos que não são dignos sequer de um clube de várzea que disputa troféus da prefeitura na periferia. Poderíamos citar aqui um rosário, mas vou lembrar as mais impressionantes, como as assinaturas de contrato em papel de pão do Thiago Neves (ganhamos o Lenny como consolo), do Deivid (que se mandou), a contratação sinistra (e secreta) do Obina, a lenga-lenga interminável da NÃO-contratação do Kléber (já sei, não tínhamos USD 8 milhões, não adianta chorar), o sumiço inexplicável pela janela do banheiro do K-9 (falando nisso, cadê ele?), a demissão “arruma outra desculpa” do VL, terminando pela “tragédia grega” da tentativa de contratar um ex-técnico vizinho (ou ex-vizinho técnico).

 

Poucas vezes vi o nosso clube ser achincalhado pela imprensa, adversários, opinião pública em geral e até pelos próprios torcedores. Lembrei da queda para Série B, do S.O.S. Palmeiras nos anos 80 (alguém se recorda disso?), dos anos de fila… Pois revivemos isso esta semana, graças à necropsia feita pela nossa diretoria, que simplesmente expôs as entranhas do clube para serem devoradas pelos abutres de plantão, que se fartaram até dizerem “Chega!” ao longo da semana. Tudo causado pela péssima condução dos assuntos internos do clube: reuniões que não existiram, declarações infelizes, diretores sentados ao lado do telefone com o chapéu na mão esperando uma ligação que nunca viria, culminando com uma proposta salarial “Recuse, pelo amor de Deus!” e com o infeliz comunicado via “tweeter” feito pelo presidente. Até ele sucumbiu à incompetência de gestão do futebol esmeraldino.

 

E antes que me venham com aquele papo de “novos patrocínios”, Arena Palestra Itália (que não vou entrar em detalhes aqui, mas foi outra celeuma intragável para hoje ainda não ter um tijolo), parcerias de sucesso, vou alertá-los que sei bem como são as conquistas na vida. Passo a passo, etapa por etapa, com discernimento e planejamento. Mas existem atitudes que não são compatíveis com este roteiro. AMADORISMO, INCOERÊNCIA, DISPLICÊNCIA, AUSÊNCIA, FALTA DE COMANDO e até de AMOR PRÓPRIO. E TODAS elas estão sendo tomadas pelo nosso Departamento de Futebol, que é o vencedor da CORNETA da semana. E olha que nesse Departamento tem gente com orelhas grandes o suficiente para ganhar mais de uma corneta berrando de cada lado. Lamentavelmente.

 

37 respostas em “A Corneta do Cunio – Autópsia”

Entidade onde todos querem dar opinião vira bagunça. No C.D, a maioria se acha dono. Imaginem vcs que tem um grupo que pede a volta do M.C. Soltam as picuinhas para contaminar o ambiente, a imprensa compra a idéia, e a bagunça fica generalizada. A meu ver a desorganização começa pelos grupos do C.D que não visam o bem da entidade e sim assumir o poder. Podemos compara-los aos nossos senadores. Muda, Muda, Muda e no fim os mesmos continuam.

Pode crer, Neosnardo. Vc tem razão.

Aliás, o Stinchi tem razão: onde está você, Raul Ricardi? E o senhor, Rogério Rocha?

Alberto, torço e confio muito no Belluzzo. A referência, figurativa, com a Rainha da Inglaterra é, diante da aparente letargia, cutucar a onça com vara curta para pelo menos acordá-la.

Sobre o Jorginho:

” Aliás, o Palmeiras está treinando em dois períodos quase todos os dias agora. E também treinou fundamentos. Semana histórica! ” – vi isso no PARMERISTA.

Acho q já diz tudo !!

Concordo com você, Cunio. Savério, Genaro e Toninho são muito fraquinhos para os cargos. Porém, o Abraham mandou bem: ou o Belluzzo muda as coisas democraticamente, e para isso tem que ir devagar, agradando a gregos e a troianos, ou chuta o balde, o que parece não combinar com o perfil dele.

Cunio,

É fundamental termos um “corneta” como você, afinal, é reconhecendo os erros e críticas que nós melhoramos!

Realmente essa contratação de técnico foi uma novela mexicana de péssimo gosto, mas, de repente, atiramos no que vimos e acertamos no que não vimos… e quem sabe seremos os primeiros campeões com um técnico que aparece como interino?

Saudações AlviVerdes

Calma Alberto… a incompetência e o amadorismo no futebol é generalizado, pelo menos aqui no Brasil. Tudo isso que acontece aqui acontece também nos rivais… o que não podemos admitir é roubo e desonestidade, e isso não tenho visto nessa administração. Aí, mesmo com todo amadorismo e incompetência que existe em TODOS os clubes do Brasil um time acaba “dando liga”, ganha títulos e a imprensinha vem dizer que há planejamento, estratégia, etc… No fim tudo não passa de um ciclo aleatório… Quem sabe esse não é o nosso ano? Abração!

Muita gente fala do Toninho, do Savério, do Genaro e se esquecem do Cipullo. Se for pra fazer uma limpa, tem que ir todo mundo. Apesar do Cipullo ser um dos vices, nada obriga que ele seja o homem forte do futebol.

Cunio:

heeheh, a distancia mata, mas GRACAS A DEUS por existir um 3vv, Mondo, Palmeiras Todo Dia!!! Para vc ter uma ideia, quando ganhamos o Paulista em 93, a internet estava engatinhando e para saber o resultado foi um sofrimento do caramba na minha faculdade na California!

A respeito do momento do clube, espero que o Belluzzo realmente traga duas coisas importantes para o departamento de futebol:
1) Um diretor renumerado acima do Toninho para cuidar dos assuntos mais importantes (contratacoes, dispensas, planejamento do time de base, etc). O Toninho continua para fazer as coisas do dia a dia, como logisticas, relacionamento dos jogadores com tecnico, renovacao de contratos.

2) Um porta voz ou um diretor de imprensa com peso para centralizar as informacoes importantes e evitar todo esse oba-oba diario no clube.

Um abraco!

(#24) Abraham, muito legal você nos prestigiar dos EUA. Imagino o sofrimento pela distância…
Não conheço a fundo estatutos nem as políticas internas que regem o clube. Mas não imagino que seja do perfil do Belluzzo “chutar o balde”. Ao mesmo tempo, tenho lá minhas dúvidas se ele tem não capacidade, mas a possibilidade de se livrar dos trastes que são heranças de gestões anteriores, as quais não fizeram nada que prestasse ao clube. Aí reside o problema, mesmo achando um pouco de exagero a comparação do Neosnardo (#25) com a Rainha da Inglaterra…

(#26) Bruno, não sei o que quis dizer com achar que o texto era do Cosme… Mas posso te dizer: um dia eu chegarei lá! rsrsrs Abraços!

Só agora vi q o texto era do Cunio. Cheguei a pensar que era do Cosme Rimoli….

Em vez de dizer que o presidente Belluzzo não tem “peito” para demitir essa patota que atravanca o departamento de futebol, prefiro imaginar que não tem é autonomia para certas mudanças no clube. Uma rainha da Inglaterra no reino do Palmeiras.

Assim, como não tem poderes para demiti-los, ou remanejá-los, a esperança seria um gesto de grandeza e bom senso desses diretores (ou gerentes) em colocarem os cargos à disposição, para o bem do Palmeiras.

Não tive a curiosidade de acessar o “ASSINA MURICY” criado pela torcida (preferi aproveitar o tempo rezando para que não assinasse), mas quem sabe uma alternativa parecida, como “Assina Toninho” etc, não surtisse o efeito tão esperado?

Mas, assim como isso já expôs o desespero da torcida, vai expor ainda mais “as entranhas do clube para serem devoradas pelos abutres de plantão”. Se funcionar, vale o prejuízo.

Cunio:

Sua coluna foi precisa em resumir as nossas burradas e cag*das. Como o Vicente sabe, sou um palmeirense que acompanho o time da terra do Tio Sam faz muitos anos.

Agora, como um palmeirense que acompanho o clube de fora do pais por mais de 20 anos, as minhas observacoes sao atraves da media palestrina e da imprensinha.

A questao principal de todo palmeirense e’ como deveria ocorrer as mudancas que sabemos que o Palmeiras precisa. Na minha opiniao, temos duas alternativas: 1) Mudanca de dentro para fora ou 2) “Chutar o balde” e fazer uma revolucao interna.

Qual deveria ser a postura da gestao do professor Belluzzo? Voce acha que ele deveria tentar mudar de dentro para fora ou limpar a casa e comecar do zero ou “chutar o balde” e implementar ordens da presidencia para todos os departamentos?

O que eu quero dizer e’ o seguinte. O Belluzzo entrou num meio sujo E com muita paixao que e’ o futebol e talvez ele imaginava que era somente sujo como e’ a politica brasileira. Pelo que eu observo, ele quer mexer com as estruturas do clube (Arena, saneamento das dividas, novas fontes de renda, separacao do social e do futebol, transparencia, etc) para preparar o Palmeiras para o seculo XXI depois da era do mumu.

Agora, sera’ que o Belluzzo teria cacique o suficiente para chutar o balde e implementar uma revolucao em todas as partes dos clubes? Ou sera’ que ele esta’ fazendo essas mudancas que parecem muito lentas para o tipico torcedor alviverde?

Uma coisa eu concordo com todos, precisamos aprender a controlar as informacoes para evitar especulacoes e gerar expectativas desnessarias (vide caso Murici quando so’ o fato de dizer que era a opcao numero 1 fez o Murici achar que valia ouro).

Um grande abraco da Florida.

Abe

Criscio, o Somália eu não lembro datas nem nada, mas o Palmeiras se ofereceu para contratá-lo e ele não quis jogar. O Christian foi quando ele veio, se não me engano, de fora do Brasil. O Palmeiras acabou se antecipando ao Grêmio e frustrou o cara. Ele disse que estava indo jogar no Palmeiras, apesar de querer ter acertado com o Grêmio. Aí as declarações caíram mal e ele teve que se retratar de forma embaraçosa. Pelo menos ele jogou bem no Palestra.

Cunio, eu seria incapaz de zoar com você. Rsrsrsrs… Os técnicos são pessoas (que brilhante conclusão) e também mudam. Alguns pro bem, outros nem tanto. Os exemplos recentes estão aí: Estevam e Celso Roth (parece que melhoraram, é inegável) e Luxa (que está em inferno astral).

Mas ajudem-me a recordar: o Somália desdenhou o Palestra quando? e o Christian?

Sobre a Globo, aí sou obrigado a ir contra os meus amigos: bebo de uma vez uma caneca de cerveja quente o clube que conseguir alterar a agenda dos jogos na conjuntura atual. Quem define é a GLobo gente…

Sem querer ofender pessoalmente, julgando apenas o trabalho mostrado (ou não) pelo trio Toninho Cecílio, Genaro Marino e Savério Orlandi, dava pra fazer um filme: os três patetas.

(#3) Elio, concordo com você. Os outros podem até estar uma bagunça, mas deixar a coisa ficar ridícula como o Palmeiras, é difícil…
(#6) Arthur, a novela do Jorginho eu nem coloquei senão a coluna iria dobrar de tamanho.
(#7) Salvarani, não entendi sua ironia… rs. Não estamos aqui para elogiar adversários, mas para tentar corrigir as burradas do Palmeiras. Elogiar adversário é coisa do Luxa.
(#8) Presi, faço do seu comentário um anexo a minha coluna.
(#9) Tobias, Nepotismo sim. O Palmeiras parece o Senado Federal.
(#13) Forastiero, endosso sua queixa. Este sábado, por um milagre e conjunção astral, vou escapar e conseguir assistir ao jogo às 18h30. Outra chance igual, acho que só em 2015. Horário absurdo. Imagina domingo.
(#14) Yzquierdo, faço também seu comentário anexo ao meu. O assunto poderia se estender tanto que teria que fazer a Corneta de hoje em capítulos. Vou lembrar do Somália que desdenhou o Palestra e o Christian, que assinou dizendo que preferia estar indo para o Grêmio.
(#17) Criscio, você me zoa que eu gosto do Estevam Soares, mas veja que ele colocou o Barueri com Fernandinho, Val Baiano e sem Pedrão perto do G4… O cara é fera!!!!

Sou obrigado a concordar com 90% do que o Cunio disse. Só acho que as trapalhadas do futebol não podem servir para diminuir a importância dos acertos (sim, o processo de comunicação da Arena foi mal conduzido, mas ainda assim acho que ela será um dos pilares de nosso renascimento).

Isso posto, concordo totalmente que TODA essa turma do futebol que está aí há 2 anos e meio já deveria ter tomado o caminho da roça (antes tarde do que nunca). Eu começo a suspeitar que nos falta quadros e que talvez a completa profissionalização do futebol seja nossa única esperança.

O Elio (3) comentou que nossos adversários são tão trapalhões quanto a gente. Isso é uma ótima oportunidade, afinal se conseguirmos mudar esse estado de coisas nós poderemos nos posicionar à frente dos outros. É isso que queremos, não?

Imagino que o Belluzzo vai esperar o final do campeonato brasileiro pra mexer nesse vespeiro. Agora se passarmos os dois anos de sua gestão sem que ele mexa nisso, será uma decepção enorme para mim (o que não diminuirá a importância dos outros tantos acertos).

Será que o pessoal que dirige o Palmeiras é assim amador para divulgar coisas que não se concretizam ou será que eles mesmos sabem que as não sairão conforme o planejado e daí em seguida jogam outra patacuada no ar ?
As patacuadas são quase sempre seguidas.. Perdemos o Keirrison e para diminuar o fala-fala mandamos o Luxa embora.. o assunto Keirrison foi esquecido… Daí para esquecer o assunto Luxa, criamos o assunto Muricy… e agora partimos p/ a discussão fica ou não Jorginho…
Eu tô achando que o pessoal aí planeja essas bagunças…como eu já venho dizendo, nossa diretoria VENDE ILUSÕES..
Abraço

Cunio, dizendo que não temos grandes times neste Brasileirão você está cometendo uma grande injustiça com Estevam Soares.

Aliás, o que você acha desse técnico? (rsrsrs)….

Parabéns pelo texto.

O CRUZEIRO TROUXE O GILBERTO. O ATLÉTICO TROUXE O PEDRO ODONI. E NÓS?? VAMOS PERDER O ARMERO?? CARALHO ESTÁ NA HORA DESSA DIRETORIA MORTA SE MEXER E CONTRATAR JOGADORES, PORRA.

# 13 – Concordo. Eu inclusive deixei alguns recados no mural do nosso site a respeito disso. Este horário de FDP SporTV/PFC é de lascar! VTNC!

Cunio, este foi um comentário que postei no drops “Exageros” do dia 10/07/09, e que é bem apropriado a cornetada de hoje.

O problema foi ter declarado abertamente que o plano A era o Muricy desde o 1º momento da saída do profexô. Não adianta passar um pano, houve erros primários nesta negociação. E o cara nunca quis vir pra cá mesmo.

“Quando a síndrome de vira-latas, recentemente até que ela se justifica, minha memória não é das melhores, mas posso listar aqui sem esforço o nome de uns cinco cidadãos que CAGARAM na nossa cabeça nesta década:

1) Carlinhos Bala (não trocou a reserva do Cruzeiro pela titularidade no Palmeiras, foi pro Sport);
2) Ilsinho: pulou o muro e nos chamou de navio afundando;
3) David: foi pras europa e nós ficamos aqui brigando pra receber algum trocado na justiça;
4) Tiago Neves: pegou grana nossa e perdoamos a dívida em troca do super Lenny;
5) Muricy: dispensa maiores comentários;

Se fizer um esforço vou lembrar de mais uns cinco”.

Sorte que a midia pegou leve. Dava para martelar mto sobre a cabeça do PALMEIRENSE depois desses acontecimentos.

Eu tb preciso dar uma cornetada e dessa vez não é na patética comunicação PALMEIRAS-Torcida.

Eu queria entender se o PALMEIRAS não precisa mais d dinheiro, se esta sobrando grana. É que, agora, todos os nossos jogos de fds são as 18:30. Um horario q costuma ter menos publico. Quem é que assina essas porcarias de tabelas? Pq nós temos que jogar tantos jogos em um horario ridiculo que afasta torcedores? Esse pqno detalhe afasta algumas centenas de milhares de reais do caixa do clube.

Cunio, você disse tudo o que estava entalado na garganta da maioria dos palestrinos.

Sem mais,

João Gomes Y. Neto.

a dupla de diretor não manda nada,todos sabemos disso…tem um que só aparece em tribunal…tambem é advogado…

Bom, tinha prometido que não iria tocar nesse assunto, só tendo conversado com poucos amigos dentre eles o Cunio, mas agora com a cabeça muito mais tranquila dá pra falar um pouco.
Primeiro, foi bom essa coluna só sair agora, pois assim todos podem comentar com um pouco mais de razão no lugar da emoção da semana passada.
Num primeiro momento eu acreditava que deveriam pedir demissão do presidente ao porteiro pelo amadorismo, mas depois as coisas foram se colocando de forma a isentar alguns e colocando a culpa exclusivamente sobre quem recaiu a corneta de hoje, e aí continua minha ideia de que todos da diretoria de futebol deveriam entregar o boné.
Mas durante a semana nosso presidente demonstrou que se não tem controle sobre a diretoria de futebol (e acredito sinceramente que ele não tenha mesmo), pelo menos é um dos melhores contornadores de controvérsias do país.
A ridicula situação somente não foi pior pela postura do Belluzzo que foi a imprensa e revestiu a trapalhada com uma roupagem de transparencia na negociação e reformulação financeira que pra mim somente encobriaram as burradas sucessvas da diretoria que nao soube tocar a negociação, mas que indiscutivelmente barrou as criticas da imprensa que passou a elogiar a conduta do presidente .
Por isso dessa pataquada toda se a corneta vai pra diretoria de futebol (com toda razão) que seja dado um voto de clemencia e até mesmo um pequeno elogio (pequeno porque ele tambem é responsavel por tudo o que acontece no clube) ao nosso presidente que nas horas de confusão sempre sai com uma boa conversa que muda um pouco o rumo das coisas.

E tem mais Cunio…
A nova novela “Jorginho vai ou não vai…”

Concordo com a coluna…

Os fatos e as atitudes tomadas ultimamente não condizem tb com a nossa grandeza, com a imagem do nosso presidente e da nossa torcida…

Lamentável mesmo…

COMENTÁRIO PERFEITO. NÃO PODEMOS NOS ESQUECER QUE TEMOS TONINHO CECÍLIO, GENARO E SAVÉRIO. EM NADA DIFEREM DE MÁRIO GIANINI, LAPOLA, AMÉRICO FARIA, NELSON DUQUE, PALAIA, NICOLA RACIOPPI.
É UMA PENA, ACHO QUE FICAMOS ILUDIDOS COM O BELUZZO, PORQUE ATÉ AGORA NÃO DEMONSTROU NADA. O QUE ESTÃO FAZENDO COM NOSSO MANTO SAGRADO É UMA JUDIAÇÃO.

A melhor cornetada de todos os tempos. É duro admitir mas realmente é um festival de patacuadas. amadorismo total….

Cunio, vc tem razão. Mas pergunto: nos outros clubes não é a mesma coisa? Não que justifique nossa incompetência. Longe disso. Porém, analisemos nossos vizinhos: trapalhada total quanto à comissão técnica; evidente falta de dinheiro (e olha que eles são tricampeões brasileiros); administração feudal e totalmente pessoal. Já nossos rivais lá da marginal, os títulos escondem as dívidas de 100 MM. O clube é um covil de ladrões. E o Santos, então? Vergonha total, serem recebidos por ovos e pipocas.
A semana foi vergonhosa para todos.
Mas aí entra um diferencial: a imprensinha, que geralmente pinta com tintas mais carregadas nossa realidade. Isto é histórico, não é paranóia.
Repito: não justifica, nem exime. Mas explica um pouco.

Bom Dia a todos. Cunio, vou respeitar o pedido e fazer um comentário leve, pois fiquei muito feliz em ver os bambis tomarem um pau ontem. Ganhamos uma posição devido o empate do Vitória.
Mas assistindo aos jogos vou discordar de você, não acho que o Barueri seja um time passageiro não… achei que eles tem uma equipe muito bem organizada, onde todos jogam pro time. Santo André sim, vai lutar por uma Sulamericana, o Vitória, com o time de hoje, luta por Libertadores, mas acredito que vá ficar na Sulamericana mesmo.
O Palmeiras tem totais condições de ser campeão, mantendo esse elenco e essa determinação e o Atlético-MG, que eu achava que não ia aguentar, está me surpreendendo. Assisti três jogos deles nesse campeonato e o nível é o mesmo em todos.

Alberto, pode deixar. Não dá pra discordar de você nesta semana. Por mais q eu tenha adorado q o ex-técnico bâmbi tenha ido pro inferno, não posso deixar de concordar com você. Todo o processo foi extremamente como você definiu. Sua visão além do alcance, enxergou tudo precisamente. Abraços!

Os comentários estão desativados.