Categorias
Resenha dos Jogos

BR09 – Arbitragem – R10 – Palmeiras 4×1 Naútico

POR DANILO CERSOSIMO
 

Num jogo tranquilo frente ao Naútico o Palmeiras goleou e firmou-se no G4. Chegamos à décima rodada do BR09, ou seja, ¼ do campeonato já se foi. A maratona de Julho sempre termina apontando para aqueles que brigarão pelo título no 2º turno e precisaremos chegar inteiros até lá. Por enquanto, estamos bem.
 

A partida aparentemente foi muito fácil para o árbitro Vagner Tardelli (RJ). Nâo me recordo de nenhum lance polêmico e em termos disciplinares tudo transcorreu bem.
 

***

A rodada ficou marcada pela alta média de gols, pelas lambanças dos goleiros de SPFC, Santos e Cruzeiro e especialmente pela expulsão relâmpago do cruzeirense Zé Carlos, aos 7 segundos do primeiro tempo!

No lance, o atacante claramente visa uma cotovelada na nuca do marcador, como mostra o vídeo do globoesporte.com:
http://globoesporte.globo.com/Esportes/Cruzeiro/0,,9863,00.html

Como pode um jogador cometer tal ato com apenas 7 segundos de partida? Não se pode sequer justificar que estava cansado, esgotado, estressado pelo placar do jogo, etc… é no mínimo, falta de discernimento!!

Uma punição exemplar da diretoria do Cruzeiro viria a calhar. Os jogadores precisam parar com esse vício de disputar as jogadas utilizando os cotovelos contra os adversários, isso ainda vai machucar alguém seriamente!

***

No Morumbi, um jogo cheio de polêmicas e lances difíceis.

Quando o jogo estava 1×1, Adriano avança pela lateral da área e segura a camisa de Renato Silva, que se engalfinha ao atacante e o derruba – o juiz assinala pênalti. Na hora, concordei, mas vendo pelo replay nota-se nitidamente a infração de Adriano.

No lance, o zagueiro do SPFC ainda foi punido com cartão amarelo, que mais tarde lhe custaria a expulsão, pois tomou o segundo amarelo em falta grotesca no meio-campo ao segurar e agarrar seu adversário acintosamente.

No segundo tempo, Miranda tenta invadir a área e cava um pênalti que gerou o empate da equipe de Ricardo Gomes. A falta, claramente ocorreu fora da área e o árbitro assinalou o tiro livre da marca penal, dessa vez beneficiando o time paulista.

Já no final, Washington sofre agarrão dentro da área e o juiz nada marca – provavelmente para compensar o pênalti que gerou o empate sãopaulino.

Ricardo Marques Ribeiro é o nome da fera que protagonizou tantas polêmicas com o apito no Morumbi.

10 respostas em “BR09 – Arbitragem – R10 – Palmeiras 4×1 Naútico”

Nossa, Danilão! Hoje vou concordar 100% com sua coluna. Mas só uma observação: a falta fora da área no Miranda foi muito difícil de marcar…

Pessoal, todo mundo falando do tal lance e eu infelizmente não vi – não assisti o jogo ao vivo, só um compacto e aí ficamos na mão do editor…

Desculpem a nossa falha!

Por isso essa interatividade é legal, pois assim vocês me ajudam a enriquecer a análise da rodada!

Valeu!

5,6,7

Isso q eu ia falar, Danilo.

Teve um penalti SIM para o Palmeiras em cima do Armero … qdo tava 2 a 1 o jogo …

Danilo, não se recorda de nenhum lnce polêmico no nosso jogo? E o penalty escandaloso em cima do Obina? Tud bem que não mudaria em nada o resultado, mas a regra existe para ser cumprida.

Este lance do Adriano é típico, ele sempre faz isso, na 1º semi do paulistã-08 ele jogou o Pierre no chão e marcou seu segundo nesta partida, o primeiro também foi irregular neste jogo, todos se lembram. Nossos zagueiros podem se preparar, agora será o teste de fogo pra esta zaga, como eles vão se portar?

E finalmente os bambis foram prejudicados, os dois pênaltis marcados não existiram, o zagueiro deles acabou expulso injustamente e ainda o juiz não marcou um pênalti legítimo pra eles no final. Kkkkkkkkkkk…

Precisa de mais umas trocentas partidas assim + queda pra série B (com permanência de três anos), pra que a justiça divina seja feita.

miranda se jogando na area…

depois falavam q o valdivia q era cai cai…

Agora tem que perguntar pro Miranda se ele acha que foi pênalti no Washington… Se ele der a mesma resposta do dia do jogo com o Verdão, vai ter que dizer: “Se o juíz não deu é porque não foi…”

O IMPERADOR CANSOU DE FAZER ISSO NO TIME DOS BAMBIS. É O FEITIÇO VIROU CONTRA O FEITICEIRO!!!!

Os comentários estão desativados.