Categorias
Italiano

MANDA A SAMP! MANDA CASSANO!

POR CARMINE PACIELO

*    Isso é
o veredicto, até sorprendente,  após as
rodadas  n° 5 & 6  do  campeonato
que foram disputadas na semana passada.


*    Derrotando a Inter no jogo da 6a
rodada e aproveitando do empate em casa
da Juve o time de Del Neri conquista o 1° lugar isolado: não acontecia desde 1991, ano no qual conquistou
o seu único “scudetto” tendo no time jogadores como  Vialli, Mancini e  Cerezo.

*    A Sampdoria é um time dinâmico, de muita
correria, que ataca em pressing o adversário, que joga  com alas 
e tem bastante personalidade. Sobretudo  tem um Cassano que amadureceu  e que está em fase inspiradissima. A pergunta é: Esse time terá a energia suficiente para chegar ao fim? Provavelmente não, ao longe o fôlego
e a “spinta” emocional  vai acabar  e a
missao do time será lutar para
chegar na 5/6 posição. 

*    Pela série ” como jà
anotei”  a Juventus deixou escapar a
possibilidade de conquistar o 1° lugar na classificação ao bobear contra o Bologna que, merecidamente, empatou
no final graças ao gol do brasileiro Adailton ex Juventude de Caxias.  A ocasião perdida denota uma  estrutura pouco sólida do time sobretudo na defesa que sofre os ataques dos
adversários:  foi assim com o
Bordeaux  na Champions e no campeonato
com times modestos como Livorno e  Chievo
onde Buffon  resultou ser  o melhor 
em campo. Por sinal a volta de Diego foi impalpável. No jogo precedente
a Juve havia obtido outro empate (2 x 2) contra um Genoa de grande
temperamento e que até a 5 minutos do fim estava ganhando de virada.   

* 
  E o Milan? “Pudemos ser contentes do 0 x 0!”
Essas as textuais palavras de Leonardo depois do empate em S. Siro contra o Bari. Vi o jogo e confirmo: Leonardo estava com razão pois o Bari, deu aula de
futebol,  parecia ser o Barça; deveria ser
um massacre mas os atletas do Bari,  assim  como os azulgrana contra a Inter, não conseguiram
finalizar as muitas ocasiões que tiveram.  Foi um outra 
desilusão  após a derrota em Udine:  o time não tem ideias (Pirlo está sem ritmo),  é um time muito lento, Ronaldinho é a grande
decepção, o homem  que  a diretoria achava capaz de fazer esquecer
Kaká é vaiado sistematicamente.   Gattuso é um possuído que só sabe dar carrinho (é
indecente ver ele na Nazionale), a
defesa é embaraçante, e Pato? Pato nao dribla, não corre, não é participativo, é um fantasma. O Milan tem talento e capacidade para recuperar e isso, sem dúvida,
vai acontecer. Então como mero dado estatístico informo que em 6 jogos o Milan fez 3 gols! O último  e pouco confortante  precedente remonta ao campeonato 81/82  que se concluiu com a queda para a Série B do
(pobre) diabo.

*    Contra
o Napoli (3 x 1) a Inter foi passear! O  jogo foi fechado depois de 5 minutos graças  a dupla Mili(e)to’o;  Lucio com uma cabeçada peremptória ampliou o
placar comemorando  o seu 1° gol
“neroazzurro”  enquanto Lavezzi, ainda no
1° tempo, marcou pelo Napoli. Mas a Inter enfrentou um time morto, sem
temperamento, que foi tranquillamente 
“controlado”, coisa que nao pode fazer, na 6^ rodada,  contra a motivada Sampdoria:  sem Sneijder e Thiago Motta infortunados.
Mourinho colocou  o time no 4/3/3 com  Balotelli no ataque junto a  Eto’o e Milito mas o time jogou mal  e mereceu 
perder. 

*    No dia do aniversário de
Totti (33 candelinhas, parabéns!) a Roma empatou contra o Catania ao término do seu “tour” em
Sicilia. Mas diferentemente de quando aconteceu  na 5^ contra o Palermo (um 3 x 3 sob uma forte
chuva onde o time de Ranieri foi superior aos “rosanero” do nosso amigo Zenga)
desta vez a Roma jogou  muito mal e só conseguiu
 1 ponto devido  a um presente do juiz  que, ao conceder um corner inexistente ao 93°  a
Roma, permitiu  o empate  a De Rossi.

*    O  próximo adversário da Roma será o Napoli que vive uma fase complicada:
antes  da sofrida vitória (2×1 Hamsick 2
vezes, 5 gols em total pelo “Lampard azul”) contra o Siena, o presidente do
Napoli, in modo pouco apropriado,  comunicou em tv a demissao do Diretor General Marino, ou seja do homem que teve o mérito de conduzir o
Napoli da Série C a máxima Série. Mas ele foi constrangido a tomar essa decisão
pois o mesmo presidente e a presunçosa imprensa local o haviam criticado pelo
modesto mercado do clube para este campeonato, uma loucura! Marino, como é uma
pessoa extremamente correta, pediu
demissao.

*    Marino  será o unico a expiar pelo péssimo início
campeonato do Napoli?  Não  pois 
ainda Donadoni  parece ter os dias
contados. Em Napoles se fala com insistência de Delio Rossi (que por sinal o
mesmo Marino pretendia trazer antes que
o presidente De Laurentis escolhesse o mesmo Donadoni) e também de Mancini. 

*    Zarate a 5 minutos do término
impede a Lazio a 4 derrota em casa. O empate mal agradou aos torcedores que acusam o presidente Lotito de não ter reforçado o time e também para o braço de aço contra Pandev e
Ledesma  que, tendo o contrato ao
término podem sair de graça ao fim do torneio e por isso não querem renovar com
a Lazio como desejava Lotito que por isso  afastou os dois. No Palermo o protagonista foi
o esordiente e jovem  (22 anos) goleiro
Sirigu que defendeu o gol e saiu com os
cumprimentos de amigos  e a admiração dos
adversários. Será que, depois  de muito
tempo a Itália terá uma boa safra de goleiros como de tradição? Sirigu, Mannone
do Arsenal, Fiorillo da Sampdoria, Viviano do Bologna e Mirante do Parma tiveram
a capacidade de emular Zoff, Zenga, Buffon?

Abç, Carmine.


4 respostas em “MANDA A SAMP! MANDA CASSANO!”

De-lhe SAMP! A camisa mais linda do mundo (depois da camisa do VERDÃO, obviamente….)!

Juve pisou na bola, Carmine… Tomar gol aos 47 do segundo tempo é imperdoável. Deixou a liderança de bandeja para os caiçaras de Genova.

Os comentários estão desativados.