Categorias
Arenas

As contrapartidas na construção das arenas

Por Claudio Baptista Jr.

Pessoal, sabemos que obras envolvendo impactos
viários são alvo de exigências de contrapartidas solicitadas pela Companhia de
Engenharia de Tráfego (CET) a fim de que esta aprove o projeto.

Nesta fase de aprovação da nossa Arena, o
projeto vem passando nos últimos tempos por diversos órgãos da Prefeitura onde
cada um foi dando seu parecer positivo, ou seja, aprovando segundo sua
competência o projeto da nossa Arena.

Agora,
pelo que temos ouvido, falta “pouco” e estão em marcha as discussões junto a
CET sobre as famosas contrapartidas. 

Quem sabe este órgão exija da WTorre algo como
alargamentos de avenida, passarelas de pedestres, câmeras e afins. Tudo por não
menos de algo em torno de R$15 milhões? Chute meu.

Esse seria um bom dinheiro a ser investido
diretamente no projeto da Arena, aumentando o conforto, disponibilizando mais
algumas funcionalidades de entretenimento, etc., contudo será destinado a
melhorias para a região.

Não entro no mérito sobre essa questão porque
todo o investimento direto para a população é bem vindo, só que de repente me
deparo olhando para o outro lado do muro.

Sabem o que vejo por lá? Avenida Perimetral,
Linha 17 – Ouro de trem elevado que se desvia totalmente do escopo do projeto*
mais área e dinheiro público destinados a estacionamento. 

Ninguém aqui é bobinho e já notou a diferença.
Um paga as contrapartidas, o outro ganha.

E para piorar a situação, não apenas ganha,
mas ganha com dinheiro público, sendo que o clube do outro lado do muro não tem
projeto finalizado e ainda nem o protocolou junto a Prefeitura para finalmente
entrar no processo burocrático de aprovação o qual estamos passando.

Acho que a CET não terá muito que cobrar de
contrapartidas já que estará quase tudo feito.

Abraço,

Claudio Baptista Jr. – ansioso pela aprovação
da nossa Arena junto a Prefeitura.


* O referido escopo diz que o projeto do Metro
de São Paulo tem como fim integrar o aeroporto de Congonhas à malha metroviária
da cidade. Interessante! Isso justifica levar uma linha de milhões de reais até
a estação São Paulo-Morumbi da linha 4 do metro passando na porta do estádio do
Morumbi?

Por que aquela estação e não, por exemplo, a última que eliminaria uma
baldeação de quem pega a linha 4 em seu início (Estação Vila Sônia)?

Esta obra
integra quem à malha metroviária da cidade: o Aeroporto ou o Estádio?

 

 

 

15 respostas em “As contrapartidas na construção das arenas”

2 – Blog 3VV

o emprstimo e impagavel pra qq clube brasileiro.. o Trendinick falou nos comentarios da ultima coluna dele algo em torno de 30MILHOES ANUAIS.. (se nao me engano)..

ninguem consegue pagar isso

e tem mais o emprestimo do BNDES e pra cobrir apenas 75% das obras.. certo?

e ai como fica se nao pagarem??
pq no inicio dessa historia o BNDES queria o estadio como garantia e os bambis apresentaram umas receitas futuras absurdas…

e ai como fica??

e esse trem ate uma regiao residencial de alto nivel??

e o terreno dado de graça??
outro terreno dado de graça pra elas???

ahhhhh Claudio relaxa q o processo burocratico pra elas sera bem facil… rapidinhoooooo rapidinho..

e ainda teram isenção de varios impostos..

e o palmeiras tera isencao desses impostos tbm??

o mais impressionante tbm e que define q cidade tera a abertura?? FIFA?? e eles nao falam nada??

tem q resolver isso… pq pra mim BH e Brasilia estao na frente..

se o morumbi nao for usado pra abertura… TODO ESSE “””””INVESTIMENTO”””” nao tera retorno..

se e pra usar o estadio pra primeira fase(grupos) q use a arena palestra

Posso ser do contra,mas entre gastar uma grana pública absurda para reformar um barraco velho e seu entorno,prefiro que esse dinheiro seja usado para construir uma arena ultramoderna.Algo que esteja à altura da nossa cidade.
Depois, este estádio poderia ser utilizado pelos grandes clubes como campo neutro para os grandes clássicos.Fora shows e outros eventos.

Já que não vão investir o dinheiro no que devem mesmo,que se construa um estádio digno da terceira maior cidade do mundo.

Sds.

Pra quem acha que o projeto do Morumbi ficou bonito,dêem uma olhada no link abaixo.Os projetos dos times europeus são espetaculares.O do Morumbi parece um puxadinho perto deles.Abertura da copa no Morumbi vai nos matar de vergonha.O Morumbambi é feio demais.

http://esportes.terra.com.br/futebol/europeu/2009/fotos/0,,OI110735-EI14093,00-Conheca+projetos+dos+grandes+estadios+europeus.html

Só mais um detalhe,reparem na capacidade dos novos estádios.Qualquer time meia boca da europa está construindo arenas com capacidade de pelo menos 50 mil pessoas.
Nisto acho que o Novo Palestra peca.

Abs.

Absurdo: os bambis sendo beneficiados pelo governo… eita timinho nojento..
Agora essa questao burocratica da CET acho um absurdo! Mostra que a burocracia atrasa o país…

Eu ainda acho que tudo não passa de jogo de cena.Pra mim a FIFA não vai aprovar projeto nenhum do SP.Na última hora vai aparecer um projeto de uma nova arena que vão dar de graça aos gambás.

Caro Cláudio e demais amigos,

Trabalho no Cartório de Registro de Imóveis responsável pela Circunscrição da região do estádio do Morumbi. Essa semana um engenheiro contratado pelo SPFC esteve por lá para verificar a situação do loteamento onde o estádio e o clube estão inseridos. Isso serve para verificar irregularidades e para projetar desapropriações e coisas do tipo… mas esse é só o começo do processo… isso demora uma eternidade para se concretizar. Parece que realmente vão acontecer obras na região para a Copa do Mundo… Conversas informais confirmam que o projeto vai sair do papel. Só espero que não seja com nosso dinheiro.

Abraços e parabéns!!!

Acho que a questão do BNDES é o de menos… O problema são os 3 bilhões que serão gastos no VLT que vai sair de Congonhas até o Morumbi e a área de 50 mil metros para o estacionamento em frente ao estádio!

Eles estão pegando a Copa como gancho para aparelhar o estádio.

Vai ser um negocio da china para eles, enquanto nós não vamos ganhar nenhum benefício do governo!

A questão é porque o governo do estado vai correr o risco de perder o jogo de abertura da Copa por causa do SPFC???

Existem outras soluções, mas parece que o Serra não está disposto a se indispor com o pessoal do Jardim Leonor… 🙁

abs

Pois é, Vicente.

Executa as garantias. Qual banco ou entidade privada vai assumir esses riscos?

Taí um grande problema para eles resolverem.

Abraço.

Rijo é ótimo.

No caso do BNDES é diferente. Se contratar vai ter que pagar ou executa as garantias.

Vic

Concordo com vcs, mas depois que os bambis receberem e usarem o dinheiro, a última coisa que vão se preocupar é em como pagar. Olha o Flamengo: quebrado, tudo penhorado, mais de 100 mi em dívidas e está aí. Firme, forte e rijo, como diz o Prebianchi.

Cunio, evidente que melhorias para a região são bem vindas.

Acontece que estamos diante de uma aberração que é o nosso parceiro, privado, investindo na região do entorno do Palestra enquanto que no entorno do Morumbi quem está se preaprando para colocar dinheiro somos nós.
Não dá para ficar quieto.

Do meu jeito, estou dando uma cornetada no Poder Público.

Abração.

Cunio, o poder público não vai dar dinheiro pro São Paulo. Se ele tiver condições de pagar empréstimo aí ele consegue. Só que ele não tem como pagar.

Vicente

Clabap, ontem com 18000 pessoas e chuva fina a região do Palestra estava um caos. Seria mesmo bom pensar em uma contrapartida para melhorar o trânsito da região, pois com 42000 pessoas vai ficar impossível. Quanto ao Panetone, minhas previsões do começo do ano se concretizarão: receberão rios de dinheiro público, farão tudo e mais um pouco e vão sediar a abertura da Copa. Não tem jeito.
Agora, onde estão estas “marronzinhas” do CET, hein? Nunca encontrei deste nível nas ruas…

Os comentários estão desativados.