Categorias
Direto da Fonte

Muricy diz que líder do Brasileirão não deixará de brigar

Agência Palmeiras
Jairo Giovenardi
22/10/2009 10h39

O técnico Muricy Ramalho disse, em entrevista coletiva, que é
preciso ter frieza neste momento do Campeonato Brasileiro, já que
restam sete jogos [no caso do Palmeiras] para o fim da competição.

“A ansiedade de buscar o resultado é enorme. Então, temos de ter
frieza, usar a experiência e mudar nossa estratégia para
conquistarmos bons resultados. Estamos arriscando demais para
aumentar a vantagem na liderança, e acabamos jogando muito abertos.
Logo, temos que mudar nosso estilo para voltar a vencer”, afirmou.

O treinador palmeirense salientou, ainda, que não há crise no
Palmeiras e que os maus resultados são normais no futebol, já que os
adversários buscam sempre vencer e, com isso, equilibram ainda mais
o campeonato.

Não tem crise no Palmeiras. Com resultado negativo, a crise vira
moda no futebol, mas aqui [no Palmeiras] é tudo tranquilo, o
ambiente é muito bom. Com os resultados negativos, se perde um pouco
a confiança. Nessa hora, entra a comissão técnica para tentar
reverter a situação, que não é desesperadora. Garanto que não
deixaremos de lutar”, disse.

O Palmeiras volta a campo na quinta-feira (29), para enfrentar o
Goiás, no Palestra Itália, em jogo válido pela 32ª rodada do
Brasileirão.