Categorias
Direto da Fonte

Vagner Love nega vaidade e diz que grupo não vai se entregar

Agência Palmeiras
Fábio Finelli
22/10/2009 20h44

O atacante Vagner Love atendeu a imprensa na tarde desta quinta-
feira (22), na reapresentação do Palmeiras na Academia de Futebol, e
afirmou que o momento da equipe é de encontrar alternativas para
solucionar rapidamente os problemas dentro de campo.

“Nessas horas, não adianta ficar falando muita coisa. Às vezes, a
gente tenta dar explicações, mas as respostas devem ser dadas dentro
de campo. É lá que a gente precisa mostrar resultado e vencer os
jogos”, disse.

De acordo com o jogador, o sentimento do grupo é o mesmo do torcedor
palmeirense: de frustração. “É claro que estamos chateados. Nós
sabemos o quanto representa ser campeão Brasileiro. Não disputamos
um campeonato por praticamente oito meses para colocar tudo a perder
no final. Isso não existe”, se defendeu o atleta, negando qualquer
tipo de relaxamento por parte do elenco.

“Nós ficamos concentrados quase o ano inteiro, perdemos horas
viajando, e não é por causa de alguns resultados ruins que vamos nos
entregar. Esse grupo não tem vaidade, são todos homens para levantar
a cabeça e buscar a reviravolta. Mas como eu disse, não adianta a
gente ficar falando. Tem que mostrar dentro de campo.”

Autor de 4 gols em 8 jogos nesta sua segunda passagem pelo clube, o
camisa 9 negou qualquer tipo de ambiente ruim no grupo. “Essa coisa
de ciúmes não existe. Não existe problema de dinheiro, nunca teve. E
ninguém está deixando de correr por isso. Eu abri mão de muita, mas
muita coisa para voltar ao Brasil. Não existe motivação maior do que
ser campeão e entrar para a história do clube”, encerrou.