Categorias
Resenha dos Jogos

Análise da Arbitragem – Grêmio 2×0 Palmeiras

POR DANILO CERSOSIMO

Numa das partidas mais
melancólicas da história do Palmeiras, vimos um amontoado de jogadores sem
personalidade jogarem no lixo o título [para os que ainda acreditavam] e a vaga
na Libertadores ao serem derrotados para um Grêmio pouco motivado, por 2×0.

Héber Roberto Lopes (PR)
e seus auxiliares foram perfeitos em todos os lances.

Tecnicamente foram muito
bem, acertarem todos os lances de impedimento.

O primeiro gol do Grêmio,
foi legal. Eu não apitaria pé-alto do argentino.

Disciplinarmente, também
foram muito bem. Inclusive na expulsão das duas antas, que atendem pelos nomes
de Mauricio Santos e Obina. Além de atrapalharem demais o time, mancharam nossa
imagem.

***

Gilberto Cipullo acaba de
informar que as duas amebas não vestem mais a camisa do Palmeiras – terão seus
contratos rescindidos. Até que enfim uma bola dentro dessa diretoria de
futebol, que andava desaparecida ultimamente…

***

Eu só queria entender
porque André Dias e Hugo, do SPFC não foram expulsos no último sábado, por
cometerem o mesmíssimo ato de violência em campo.

***

13 respostas em “Análise da Arbitragem – Grêmio 2×0 Palmeiras”

Eu só queria entender porque André Dias e Hugo, do SPFC não foram expulsos no último sábado, por cometerem o mesmíssimo ato de violência em campo.
*******
Eu TAMBÉM!!!

por que as bibas não foram expulsas e os nossos porquinhos foram??? Fácil de responder:

Depois da pressão (em lugar e local errado) feito pelo gerente de futebol e nosso Presidente a definição do sérgio correa é a seguinte:

Já dizia Castro Alves:
“Para os amigos a Lei e para os inimigos o Rigor da Lei”

Danilo,
você jura que não sabe porque as bibas não foram expulsas?

A arbitragem errou num lance que acabou se tornando crucial.

A jogada que originou o escanteio foi um lance fácil de CLARO IMPEDIMENTO, não assinalado nem pelo bandeira nem pelo careca.

E o careca levou o jogo até os 46′ sem ter razão. Sequer sinalizou o acréscimo.

Ficou claro que enquanto a bola não saísse do ataque do Grêmio ele não acabaria o jogo.

No mais a arbitragem acertou.

O árbitro não interferiu no resultado de ontem, agiu corretamente nas expulsões.

O que nos deixa mais infelizes ainda é que quando os árbitros erram, erram mais vezes contra a gente e quando acertam exemplarmente, acertam mais vezes contra o Palmeiras também.

O caso dos bambis que brigaram foi o mesmo tipo de lance e não aconteceu nada. Só achei que no lance deles os jogadores a volta interferiram rapidamente pra merda não ficar maior, já do nosso lado…

Cirurgico Danilão!
Só espero que a nossa diretoria não faça como fez com o Profexô…… esses dois tem que ser demitidos por justa causa e se entenderem que tem algum direito a cobrar que entrem com uma reclamação trabalhista!
Vai você sair no tapa com um colega de trabalho durante o expediente pra ver se não te demitem por justa causa!
Abração

Danilo, concordo com quase tudo que você disse, porém não concordo com a demissão do Maurício. Sinceramente, acho que é mais um caso de atleta criado pelo Palmeiras que, devido a falta de paciencia da torcida, a falta de comprometimento de quem deveria chamar a responsabilidade e não chama e assim cai nas costas de novatos… Espero que voltem atrás e deem uma chance a mais para um menino que está a quase 10 anos no clube e ama o Palmeiras. Ele não merece ser dispensado por causa de um FDP de um flamenguista que vai voltar pro seu time e dar sequencia no seu trabalho, jogando libertadores e tudo mais.

Não tem do que reclamar da arbitragem. Mas que o tal “bom senso” poderia ser usado, isso poderia. Talvez deveria ser usado, pois o spfc foi tratado de maneira diferente. Já que o errado foi certo no caso dos bambis, tem que ser igual para todos. Mas isso é culpa do próprio Palmeiras, que hoje visto como um time pequeno por todos (CBF, STJD, adversários), menos por nós torcedores. Somos os únicos que respeitam o Palmeiras, por puro amor ao time.

Só para constar é Maurício Nascimento e não Santos, se não estiver enganado

Danilo, é simples entender porque André Dias e Hugo não foram expulsos. É só ver aquela pizza no uniforme rosado delas que você entende. Eu achei o Héber perfeito ontem também, porém aquele pé alto poderia ser marcado se houvesse interesse… E assim caminha o futebol. Há mutos lances interpretativos… porém os árbitros não definem a interpretação pelo lado técnico, e sim pelo lado dos interesses. Abraços!

Os comentários estão desativados.