Categorias
Notícias

A força de uma instituição

Vejam a matéria do lancepress.
O link é http://www.lancenet.com.br/palmeiras/noticias/09-12-14/669808.stm?futebol-bbc-palmeiras-e-o-ultimo-grande-da-america.

Abaixo seguem dois parágrafos:

O site da rede inglesa de televisão ‘BBC’ realizou uma reportagem sobre a História do Mundial Interclubes. E o Palmeiras foi considerado pelo veículo como o “último grande time da América”, em alusão à equipe que perdeu a final da competição para o Manchester United em 1999.

De acordo com a reportagem, o Manchester venceu a partida, mas o Palmeiras, comandando por Luiz Felipe Scolari, mereceu ficar com o título e o plantel tinha uma qualidade incrível, principalmente por contar com jogadores experientes como Marcos, Zinho, Alex, César Sampaio, Arce, Roque Júnior, Júnior Baiano, Júnior, Paulo Nunes, Evair e Asprilla.

Depois alguém vem dizer que o time não tem obrigação de ir para uma Libertadores. Realmente tem gente que precisa entender melhor o Palmeiras.

Saudações Alviverdes!

8 respostas em “A força de uma instituição”

e o nosso retrato a anos..

fazemos quase tudo certo… e acontece quase tudo errado..

ta dificil

abracos

Concordo com o Cunio.Esta reportagem deveria ser estampada no clube para todos os jogadores novos, ou que já estão lá, vejam bem grande.

O ÚLTIMO GRANDE DAS AMÉRICAS.

Fora que anularam um gol que só com olho de lince para enxergar impedimento.

Vicente,
Acho que quando o Toninho falou que o Palmeiras ‘não tinha obrigação’, ele disse isso para não haver um mal-estar e uma cobrança exacerbada caso o Palmeiras não fosse à Libertadores! Imagine se todos falassem, inclusive ele e o Belluzzo que o Palmeiras TINHA que ir à Libertadores de qualquer jeito exaustivamente durante o ano todo, que era obrigação… e aí?! Como ficaria a situação agora que não fomos?! Enetende o que quero dizer?

Eduardo, sou contra a violência, mas bem que aquele bandeirinha mereceu levar uma muquetada.

O Palmeiras hoje poderia ser tri-campeão da América se não fosse roubado descaradamente. Nada me tira da cabeça que teve dedo dos gambás nessa história. Eles não aceitariam ver o Palmeiras sendo campeão mais uma vez depois de os ter eliminado.

Só uma correção, o MARCOS não era experiente. Ele foi eleito o melhor jogador da Libertadores – 1o goleiro a conseguir isso – tendo começado o campeonato como reserva. No 1o ano dele como goleiro titular do PALMEIRAS ja entrou para a história conquistando o título mais importante do continente com um destaque enorme. Diferente de uns e outros aí que foram titulares por 6-7 anos antes de fazer fama como batedor de faltas e só depois de 10 anos como titular q começou a ser considerado um dos melhores goleiros do país.

Pensar que esse timaço perdeu a final de “bobeira” e só não fui tri seguido da Libertadores pq foi garfado 2 vezes de forma absurda e em uma das vezes um torcedor – lembram de qual torcida? pois é, dessa mesma – invadiu o campo para fazer graça, com o PALMEIRAS com a bola no pé, no momento q o time esboçava uma reação.

Esta reportagem deveria ser guardada para sempre. É nosso doloroso troféu daquele fatídico jogo, o qual testemunhei in loco.

Marcos

Arce Junior B Roque Jr Junior

Rogerio Cesar S. Zinho Alex

Paulo N. Oseas

Time este que começou a ser montado pelo Felipão em 1997, ano que não ganhamos nada a não ser o Vice Brasileiro.

Base feita em 1997, mantida para o ano seguinte onde ganhamos a Copa do Brasil e a Mercosul.

Em 1999 chegaram Evair e Cesar Sampaio e o melhor time das Américas dos últimos 10 anos estava montado.

Exemplo que tem que ser seguido neste ano de 2009 onde não ganhamos nada, mas temos uma boa base montada, com contratações sendo bem feitas teremos um time muito forte para os próximos anos.

Os comentários estão desativados.