Categorias
Arenas

Atenção com a cobertura

POR CLAUDIO BAPTISTA
 

Rapidamente, gostaria de chamar atenção sobre a Cobertura do Anfiteatro que aparece nas plantas e imagens da nossa Arena.

Reparem que ela avança sobre parte de uma das grandes áreas.

De cara, não é necessária nenhuma análise detalhada para perceber que em caso de chuva, poderemos ter uma parte do campo molhada e outra seca.

E o contrário também. Como ali é um local que deve fazer mais sombra, caso tenhamos chuva que consiga molhar também aquela área, certamente aquele local demorará mais para secar, aí teríamos o caso inverso. A maior parte do campo seca e aquela parte ainda úmida.

Perguntem aos jogadores se eles aprovariam um campo com características técnicas não uniformes.

Bom, torço para que os projetistas estejam atentos a esses riscos.

Desejo a todos um ótimo Natal, final e entrada de ano, torcendo para que em 2010 tenhamos muitos assuntos focados na construção da nossa Arena.

Em nome do 3VV agradeço muito a companhia de vocês durante todo esse ano.

Grande Abraço,
Claudio Baptista Jr. – ansioso pela aprovação da nossa Arena junto a Prefeitura e muito contrariado com a falta de transparência nas discussões sobre a sede paulista e investimentos públicos na cidade para a Copa de 2014.

15 respostas em “Atenção com a cobertura”

E nós achando que 42 ou 46 mil,que seja,é uma capacidade compatível com o potencial da nossa torcida.

Respeito e valorizo o esforço que foi feito para viabilizar o projeto da Arena como está,mas acho a capacidade muito pequena.Tomou-se como base o público que frequenta os estádios rídiculos que temos hoje.Com novas arenas modernas e consequentemente novos atrativos,teremos muito mais gente nos estádios.Além disso,quantas pessoas nem compram ingressos porque sabem que o estádio vai entupido.

Lamento,mas acho que deveríamos fazer um esforço para ter um estádio com pelo menos 55 mil pessoas.É o mínimo diante do potencial de nossa torcida.O torcedor apóia o time sem ganhar quase nada a 10 anos.Imaginem se tivermos uma arena moderna e voltarmos a ganhar grandes títulos?

Pra mim, isso mostra os horizontes que enxergamos.O Boca enxerga um horizonte cada dia mais gigante e glorioso.E nós?

Sds.

GLOBOESPORTE.COM
Buenos Aires
28/12/09 – 09h30 – Atualizado em 28/12/09 – 09h30

Boca Juniors inicia processo para ampliação da Bombonera

Estádio, atualmente com capacidade para 49 mil lugares, passará a receber 56 mil pessoas. Obras deverão começar em julho de 2010
Depois de meses de negociação, pesquisas e planejamento, a diretoria do Boca Juniors começará a colocar em prática nesta semana a ampliação da Bombonera. O estádio, atualmente com capacidade para 49 mil torcedores, será ampliado para 56 mil lugares, todos sentados. O objetivo do clube é iniciar a obra em julho de 2010 e terminá-la até o fim de 2011. O setor ampliado será o que atualmente possui apenas camarotes, logo acima de onde ficam os bancos de reservas.

Rodrigo # 10 – Anfiteatro serve para gerar mais receitas para a SEP e para o parceiro, ok ?
abs

e eu ja tinha reparado nisso..

mas pela explicacao do mansur isso sera acertado na obra…

O pio é que isso é muito provável que aconteça. A solução seria recuar alguns metros a cobertura do anfiteatro./

Eu não sabia para que servia essa cobertura. Ter um Anfiteatro é um item do caderno de frescuras, quer dizer, de encargos da FIFA, ou é uma particularidade do projeto da Arena?

Valeu Mansur, boa explicação. E faço das palavras do Zanbom #1 as minhas…

O problema maior me parece ser a entrada e saída dos jogadores em áreas de luz e sombra. Mas se eu supus certo, um dos responsáveis pelo projeto já explicou que é só um daqueles erros tradicionais de “croqui” – eu acho esses desenhos uma tremenda enganação, as proporçoes parecem nunca estar certas.

E eu não vejo a hora da obra começar de fato, já está dando a impressão de que o projeto falhou. Se todo estádio que for usado na copa demorar tanto para começar a ser feito qt o nosso PALESTRA, teremos q deixar pra fazer a Copa de 2018. Já tem mais de um ano do anúncio oficial, né?!

Claudio,
Isto é apenas um croqui.
No projeto final, apenas a “projeção do campo”, ou seja, as 4 linhas, fica descoberta. ok ?
Feliz Natal e otimo 2010
Joao Carlos Mansur

Mesmo sendo transparente, é uma questão a ser pensada! Boa Claudio Baptista! Mas prefiro acreditar que ‘eles’ pensaram nisso ao projetar o projeto (hehe)!

pela segunda imagem, nota-se que a cobertura que avança sobre a grande area deve ser de algum material transparente, nota que pelo desenho para vcver, sendo assim resolvido o problema da luz..

acredito q essa cobertura seja pra segurar o telão tbm, certo?

Eu. como espectador não veria nenhum problema hehehe.
Mas olhando bem, acho isso relativo, Claudio. Porque não dá pra saber aonde o vento vai soprar em dias de chuva, um lado molha o outro não; dias de muito sol com nuvens, etc… Existem N fatores. Já vi vários jogos pela televisão onde há sombras gigantescas em determinados locais do campo logo depois da chuva. AS transmissões da Premier dá pra perceber melhor, lá na terra da Rainha chove do nada e depois abre sol….
Tanto q o estádio que eu mais lembro com relação a esse assunto é o St. James Park do Newcastle.

Vejam o tamanho da sombra da imensa cobertura diagonal.

http://maps.google.co.uk/maps?ll=54.975547,-1.621622&spn=0.002,0.002

Mesmo assim, não deixa de ser um ponto interessante pra se discutir. E na minha opinião, pra “consertar” construam uma idêntica no lado oposto.

Abs

Olha, Cláudio, se a bagaça sair do papel no ano que vem, eu já vou ficar feliz pra caramba. Com ou sem cobertura sobre a área…kkkk

Os comentários estão desativados.