Categorias
Opinião

OPINIÃO DO CRISCIO: mudanças já

POR VICENTE CRISCIO

Estes caracteres mal digitados são escritos na manhã deste domingo. Logo não sabemos (ainda) o resultado final da R38. Mas com a vergonhosa atitude da diretoria do Grêmio – o time pode ser grande mas a atitude é de cabeça provinciana – em mandar apenas 3 jogadores titulares, inclusive tirando o excelente goleiro Victor da partida, o Flamengo deve se sagrar campeão brasileiro de 2009 (assim mesmo, com letras minúsculas).

Ah, e ia já esquecendo; se o Grêmio vai jogar hoje com time reserva facilitando as coisas ao Flamengo, o que diremos do “co-irmão” Corinthians e do badalado Ronalducho, que saiu mancando depois de sentir as caspas do joelho?

Ok, mas voltando ao tema: despeito meu? estou com dor de cotovelo pelo Palmeiras ter perdido um título mais do que ganho? estou “p” da vida porque faltou comando e foco aos jogadores? estou revoltado porque faltou elenco para suprir as ausências de Cleiton, Diego, Ramos e Pierre? estou ainda com insônia por conta da perda de pontos para Sport, Santo André, Avaí, Náutico e Fluminense?

Os meus amigos rubronegros podem dizer que sim. Mas nunca na história deste país um campeonato de pontos corridos foi parar em mãos tão erradas. O Flamengo é a antítese da gestão do futebol. Há anos se arrasta como um moribundo à procura de salvação da sua milionária dívida, não tem um centro de treinamento decente (perguntem ao Obina qual a fauna que prevalece na Gávea), usa do favor da CBF para treinar na Granja Comari, não tem estádio, e se beneficia de um STJD anacrônico, parcial, de torcedores com poder de dirigir o destino das partidas.

Seria mais justo que o campeão fosse o Internacional, que investiu em jogadores para vencer o torneio e tem um dos melhores modelos de administração do futebol do país. Mas errou em insistir muito tempo com Tite – que não tinha apoio de parte da Diretoria e nem mesmo da torcida.

Seria mais justo o Palmeiras, que se preparou para ser campeão mas demorou para tirar de cena um técnico egocêntrico e que pensa mais em seus negócios, ao mesmo tempo que apresenta uma estrutura de comando no futebol frágil, que não sabe contratar e sem história vencedora (a instabilidade na reta final, com jogadores se estapeando dentro de campo se deve a quem?).

Ou talvez – cuidado, amigo, não vá socar a tela do seu computador pensando em me atingir; uma placa de lcd custa caro – até mesmo o time do Jd. Leonor mereceria mais que o Flamengo, pois é um time que montou um elenco há três anos, trocou o treinador rapidamente quando viu que seu modelo não funcionava mais internamente, e tem o segundo melhor trabalho de bastidores do Brasil (perde apenas para o Flamengo, imbatível com a ajuda da Globo Futebol Clube e dos assessores de imprensa G. Bueno e Arnaldo Rabbit).

Mas o que fazer? Vamos conviver com o Flamengo campeão. Mas cuidado: nenhuma diretoria ou treinador mandaria os jogadores do Grêmio perderem em campo. E histórias de Maracanazo estão cheias por aí.

***

Outro cuidado: não vamos matar a vaca por causa dos carrapatos que existem nela. Dizer que é mais justo um campeonato de mata-mata porque evitaria que cabeças provincianas entreguem o jogo é fazer o jogo da vênus platinada, que além de ter o seu queridinho campeão vai empurrar um modelo de campeonato que só interessa a ela.

O problema está na [ falta de ] moral do futebol brasileiro e seus principais interlocutores, que acham divertido, “uma questão de cultura”, ou até mesmo natural na última rodada um time grande do futebol brasileiro vir ao Maracanã sem os titulares.

Em um modelo de futebol sério, que respeita o torcedor, o investidor e os patrocinadores, o Grêmio, o Barueri, e eu me atreveria a dizer até o Corinthians, seriam punidos com severidade por conta dessa palhaçada que aprontaram na reta final.

Ou seja, não vamos matar a vaca por causa dos carrapatos que existem nela. Vamos dar remédio para ela. Mudanças já, na estrutura do futebol brasileiro.

Mas como fazer isso se as cabeças ainda são as mesmas?

***

Mudando de assunto, mas não muito: por falar em mudanças já, o Santos FC mudou de Presidente. Saiu Marcelo Teixeira e entrou Luiz Álvaro de Oliveira. Marcelo Teixeira foi Presidente do Santos de 1999 a 2009.

Uma espécie de “déspota esclarecido” Teixeira agia como dono do clube. Dizem que colocou dinheiro do bolso (e ainda não foi totalmente restituído) e permaneceu mais de 10 anos no poder apesar das críticas dos oposicionistas. Na sua gestão o Santos foi Campeão Brasileiro e Paulista, e mais importante, investiu em categorias de base, infra-estrutura (CT Rei Pelé) e profissionalização das áreas mais importantes do futebol.

Bem diferente de outros déspostas, que mandaram “seus” clubes para a 2a Divisão do futebol brasileiro, não investiram na infra-estrutura do clube (talvez na infra pessoal, mas isso não se consegue provar) e permearam “seus” clubes com um legado tenebroso: uma “elite” de sanguessugas que ainda estão por aí, seja do lado de lá, seja do lado de cá.

***

É isso aí: vamos torcer neste domingo para que pelo menos alguém lá em cima lembre que a ética é algo para prevalescer, mesmo que seja no tema mais importante dentre as coisas menos importantes, que é o futebol.

Bom domingo!
Saudações Alviverdes!

14 respostas em “OPINIÃO DO CRISCIO: mudanças já”

Esse Campeonato esá manchado, assim como o de 2008, de 2007, de 2005…

Pessoal, se tivéssemos ganhado os jogos que tínhamos a obrigação de ganhar, a Globo podia fazer o que quisesse e o STJD também. NÓS demos a chance para que o final do campeonato fosse facilitado para os cariocas…

Mas Vicente, dizer que seria justo o Palmeiras ser campeão eu discordo… Ficamos na liderança por muito tempo pq abrimos uma boa vantagem, mas jogando muito mal…

Flamengo se aproveitou da forcinha que nós demos… se falta ética no futebol brasileiro, falta brio e raça e pro time de verde da Rua Turiassu… Se nos comportássemos de acordo com a grandeza do Palmeiras, não estaríamos discutindo STJD, Rede Globo, falta de ética etc… Estaríamos comemorando o título…

Mas, como disse o Vicente… Futebol é a coisa mais importante das menos importantes…

Ergamos as cabeças e vamos em frente…

Abraços a todos!

E depois das entregadas de jogo do barueri, do GAYMIO e dos imundos da marginal sem número, eu me convenci plenamente que pontos corridos não serve para o brasil. O jeitinho brasileiro corrompe até um modelo teoricamente mais justo de campeonato. No brasil tudo só funciona à moda bosta mesmo.

Quando eu digo que o Flamengo foi mais competente, leia-se dentro de campo.

Li o texto agora, depois do final da rodada. Concordo que o título foi parar em mãos erradas se analisarmos o planejamento, mas uma coisa é certa, no segundo turno o Flamengo jogou bola. Teve stjd favorecendo os cariocas, campanha da globo pró urubu, grêmio (com letra minúscula também) entregando no jogo final (e até que disfarçaram bem). Se eu vejo algum mérito do Flamengo foi ter mais competente do que todos os outros, principalmente o Palmeiras. Nossos jogadores envergonharam a torcida demais.

Vicente, usando a sua figura, sem vaca não tem carrapato e o futebol brasileiro não existe para as vacas. Ele foi feito para os carrapatos. Portanto, se mata-mata for bom para carrapato, vamos de mata-mata. Só quero ver qual o juiz que vai apitar pro Palmeiras uma semi-final contra qualquer carioca ou contra qualquer um dos 4 da Vipcomm.

#3 – Andre, com certeza. Eu também passei o ano todo afirmando aqui que precisávamos de 3 ou 4 reforços na janela de agosto. Infelizmente parte da torcida (a parte alienada) achava que tudo era lindo, que o time manteria o nível e os jogadores para sempre. Sabemos que a coisa não funciona assim…

excelente vicente..

so nao concordo com:

_ “””Mas cuidado: nenhuma diretoria ou treinador mandaria os jogadores do Grêmio perderem em campo””

eu acho q a diretor do gremio ja cantou a bola pros jogadores q entrarem perderem…

—–

se o barueri tivesse sido punido nao teriamos capitulos como dos gambas e do gremio..

—-

o marcelo teixeira do santos se apossou do clube… mas ao contrario d emusgamba e duablib nao destruiu o clube…

EH SIM.. tem dinheiro da familia teixeira dentro do Santos..

vicente tem q reformular tudo..

pra q temos federacoes estaduais??
pra nada.. bando de vagabundo..

temos o ricardo teixeira a 20 anos na CBF.. a comissao de arbitraggem e a mesma a sei la qntos anos…

temos um clube dos 13 fraco..
associacao de atletas fraca..

se tivesse uniao de verdade fora de campo dos clubes tudo mudaria..

talvez quem sabe com Belluzzo e Luiz Alvaro isso comece..

ao menos em alguns clubes estamos vendo gente de nivel e com sangue novo

Por incrivel que pareça ainda tenho esperança. Se relamente perdemos o título, o que de fato é o mais provável, devemos avaliar com muito critério porque perdemos o segundo título seguido para nós mesmos.
Temos que manter a maioria dos que estão neste elenco, contratar algumas peças e o mais importante: PROFISSIONALIZAR TODA A ESTRUTURA DO FUTEBOL.

abs.

Nossa incompetência dentro de campo permitiu manobras fora dele.

Concordo que muito precisa mudar, voltar ao sistema mata-mata seria retrocesso.

Parabéns ao Flamengo pelo provável título, mesmo com as manobras e entregadas dos gambás os caras colocaram a faca nos dentes é arrancaram as vitórias necessárias, tiveram poucos vacilos no final (barueri e goias) e venceram os confrontos diretos com méritos (Palmeiras, SPFW e Atlético-MG). Hoje eles conquistarão o penta, não o hexa, mas como a grobo deve estampar ao final do jogo em letras garrafais “HEXA!”, é o que vai prevalecer.

Vicente me tira uma dúvida.voce sempre diz que o Inter é o clube mais bem administrado do País é o time da minha mãe….te pergunto como esse clube que é modelo de administração vai contratar o Kid Madureira…..que se acha o dono de tudo no clube…….descasca esse pepino….

Vicente ví entrevista do opositor santista,ele disse agradecer pela chegada do Belluzzo e diz só não ter o sangue italiano do Professor…….ele disse que no balanço do SANTOS as multas de jogador eram lançadas como receitas…aí não dá…..ele diz que sumiram 180 milhões de reais…..não tem como elogiar esse cara……em 10 anos fez pouco…e tem que agradecer a Deus pela turma de 2002 que apareceu……sobre o Flamengo perdeu apenas 1 jogo pro Barueri..pra mim ganhou dentro de campo….sempre tem os times que amarelam e não ganham o campeonato….já foi o Atlético – PR,Gremio e agora o verdão….até os bambis acostumados a pressão…..sucumbiram………Edú para nós não passou desarpercebidos sempre falamos em 3 ou 4 reforços e não vieram….a liderança escondeu muita coisa…..

Bom texto, Vicente. Bom mesmo. Concordo com tudo.

Só vou fazer o advogado do diabo rapidamente… o Flamengo fez algo que o Palmeiras deveria ter feito para garantir o título: detectou os principais defeitos do time e contratou para essas posições (me refiro a Álvaro e Maldonado).

Infelizmente para parte da torcida e, aparentemente, para a diretoria, alguns defeitos passaram batidos (falta de substitutos à altura para o Pierre, falta de zagueiros – apenas quatro naturais da posição o ano todo, sendo dois deles os gloriosos Maurício Tyson e Paulo Miranda (?) -, escassez de qualidade nas laterais e falta de reservas para Diego e Cleiton).

Não tô dizendo que eles são bem planejados e tal, até porque concordo com o que você escreveu. Contudo, na hora de analisar o elenco e detectar as falhas eles foram melhores que nós.

VICENTE, BRUNORO JÁ. CIPULLO JÁ. BELUZZO JÁ. MURICI JÁ. REVOLUÇÃO GERAL. MANDA ESSE MALDITO DO MUSGAMBÁ PARA O INFERNO COM SUAS VIÚVAS. DO ELENCO FICAM: MARCOS, DEOLA, FIGUEROA, MAURÍCIO RAMOS, DANILO, PIERRE, DIEGO SOUZA, VAGNER LOVE, SOUZA, O RESTO RUUUUUUUUUUUUUA.
E MAIS, BRUNORO VOLTA PELO AMOR DE DEUS, TONINHO CECÍLIO, GENARO E SAVÉRIO CHEGA. M AS MESMO ASSIM, ESCREVE: FLAMERDA 0 X GRÊMIO 01: SANTO ANDRÉ 1 X INTER 0 (MÁRIO SÉRGIO PÉ FRIO), MOÇAS 1 X SPORT 0 (COM A AJUDA DA ARBITRAGEM), VERDÃO 2X0BOTAFOGO(TINHA QUE CAIR O FLU, MAS INFELIZMENTE), OUTRA COISA TOMEI UMAS A MAIS, MAS MESMO ASSIM VERDÃO ATÉ O FImmmmmmmm.

Os comentários estão desativados.