Categorias
Meninos Eu Vi

Papai Noel veste verde

POR JOTA CHRISTIANINI

Nos primórdios a bola rolava até no dia de Natal.

Já aconteceu de tudo no futebol desse dia, até um jogo em que o juiz era um tal João Carnaval.

Fora de época sem dúvida.

O ano de 1921 tinha tido um campeonato atípico; o árbitro do jogo Palestra vs. Internacional terminou o jogo dez minutos
antes do horário regulamentar. Simplesmente errou ao marcar o tempo e
nada o fez voltar atrás. Encerrou o jogo e foi embora.

A APEA – entidade que dirigia o futebol – julgou o
caso com duas possibilidades, jogar os minutos restantes ou anular o
jogo. Empatou e o presidente da entidade decidiu, soberano: danem-se
os prejudicados, vale o resultado, derrota palestrina para o lanterna,
mesmo sem terminar o jogo.

Na última rodada o Corinthians só precisava empatar com o Palestra. A tabela marcava a rodada final para o  dia 25 de dezembro.
O Paulistano antecipou seu jogo contra o Sirio para o sábado, dia 24.
Um ponto atrás dos corintianos o time do Jardim
América, em seu estádio, venceu o Sirio na véspera de natal 3×2, e
subiu para o  primeiro lugar.

Os dirigentes do Palestra solicitaram ao Corinthians a mesma coisa; que antecipassem a rodada.
O leal adversário não admitiu. Disse que jamais
abriria mão de proporcionar a seus torcedores um presente natalino tão
bom, o título de campeão.
A equipe do  Palestra ja não tinha possibilidade do título.
Torcedores palestrinos, do paulistano,
interessados no resultado, alem dos corintianos; aqueles que desejavam
sair do estádio com o papai noel alvi negro.

Lotaram o estádio Palestra Itália, recém adquirido pelos palestrinos.
O Palestra foi para cima, honrou a camisa e enfiou 3×0, gols do Martinelli, Heitor e Imparato.
Naquele ano o papai noel vestiu verde.

Feliz Natal a todos os amigos.

4 respostas em “Papai Noel veste verde”

Jota, tudo bem? Nos conhecemos na Sala de Troféus outro dia, quando você contava sobre aquele quadro do banquete de campeões.

Consultando o Almanaque do Palmeiras, encontrei um complemento interessante para o seu ótimo ‘causo’.

A derrota para o Internacional-SP em que o árbitro terminou o jogo antes da hora foi no primeiro turno por 3×2, e foi no nosso estádio – ou seja, desde sempre somos roubados em nossa própria casa…

No segundo turno a revanche foi boa: 7×1 contra o mesmo Internacional-SP no estádio da Floresta.

Feliz 2010 a todos!

Freguesia até no Natal!! Mais um belo causo Jota. Feliz Natal alviverde!!!!

Jota,
Mais uma bela história.
Aproveito o espaço para desejar a você e toda sua família um Feliz Natal.

HAHA muito BOA J!
O Palestra estragou a festinha da gambazada! E eles… sempre fregueses hein…

Os comentários estão desativados.