Categorias
Corneta do Cunio

Corneta do Cunio – O Matuto e os Laranjas

Desorientados alviverdes, o DROPS enviado
há alguns dias que continha os comentários de um amigo do 3VV “Matuto do
Interior” falava alguma coisa sobre “Laranjas Podres” dentro das alamedas palestrinas.
Por coincidência ou não, a laranja quando está dentro de um cesto ou fruteira,
pode se deteriorar com o tempo, embolorar e ESVERDEAR. Encostada às demais, vai
impregnando sua putrefação e espalhando-a até acabar de vez com todo o conjunto
de frutas. Bom, isso tudo é bem conhecido e no mundo futebolístico é um jargão
bem usado: “Tem laranja podre no grupo”.
 

Longe de querer me apossar da observação do
atento e perspicaz “Matuto”, faço questão de relembrar aos leitores do 3VV que
insisto aqui há muito tempo que a nossa dependência na dupla DS-7 e CX-10 é tão
evidente que eu pergunto: alguém se lembra de algum jogo em que ficamos sem os
dois e ganhamos a partida? Sim, é difícil ter o desfalque dos dois durante 90
minutos, mas sábado foi um exemplo. E sabem o que isso significa? Que o pé de
laranja começou a crescer já faz um bom tempo.

Para se ter ideia da facilidade com que
isso acontece, eu me recordo de uma vez disputar um torneio de futebol amador
em que nossa equipe tinha um “centroavante” daqueles meio trombadores, estilo
truculento, mas que fazia lá seus gols. Do time ele era a esperança de balançar
as redes. Sempre era o último a entrar em campo para ouvir a preleção. Ficava
arrumando a chuteira, na maior cara-de-pau, enquanto todos ficavam chamando-o
para o centro do campo. Muito encrenqueiro, virava e mexia, era expulso. No
jogo seguinte, sem ele, não tinha dúvida: era pau. O time perdia impiedosamente
até do clone do Mirassol. Na partida subsequente, porém, lá aparecia o máscara,
nariz empinado e cara de solução.

Transportem essa história para o mundo do
futebol profissional, onde falamos de bons salários (em times grandes, claro) e
PRÊMIOS por vitórias e títulos. Vocês acham que o egocentrismo humano, a
vaidade e a arrogância não entrarão em campo junto a estes supostos candidatos
a “cítricos”?

Paremos para pensar: quem são os “líderes”
de nossa equipe? Marcos, defende seu lado de ídolo, de explosivo e que tem
prerrogativas para “falar o que quer”, quando quer. Danilo, o xerife, ao
decidir permanecer no Palmeiras contra tudo e contra todos para ganhar títulos,
quer o mesmo status de Pierre como “intocável”. A dupla mencionada parágrafos
acima, não quer nada com nada. Quer mais é reverência ao seu futebol salvador
da pátria. E os demais? Pobres satélites, que se não tiverem personalidade
suficientemente fortes, sairão contaminados pelos “Laranjas Podres”.

Dentro de um grupo fechado, nunca saberemos
a verdade a não ser que façamos parte de seu dia a dia. Qualquer hipótese aqui
levantada, é mera especulação deste que vos escreve, baseada tão somente na
observação EXTERNA do que este grupo produz em campo.

Por isso mesmo, diante da dúvida, mas
corroborando com nosso nobre “Matuto”, desfiro impiedosamente minha CORNETA na
orelha dos possíveis potenciais candidatos a “Laranjas Podres”
, verdadeiro
veneno no mundo daqueles que precisam trabalhar em equipe. E prova cabal de que
os problemas de nosso clube não se resumem “apenas” à incompetência de sua
diretoria de futebol.

ALBERTO CUNIO

14 respostas em “Corneta do Cunio – O Matuto e os Laranjas”

Laranja podre no Palmeiras é o Mumu, a oposição, algnus conselheiros, os vitalicios, as familias tradicionais… essas merda todas que so atrapalham a SEP!

Cunio,
nem eu consigo imaginar isso, estava só brincando, claaaaro… Agora que tudo que acontece no Palmeiras é estranho, isso é mesmo…

abs

#9 Fassina, nem consigo imaginar o que seria o Toninho Cecílio técnico. Mas que ele deve estar dando risada, isto está. Mas tenha certeza que ele tem razões de sobra para ter saído. Muitas impublicáveis.

#11 Giggio, o que falta é aquilo roxo para mandar embora os Laranjas. E tem mais: eu sugiro alguns nomes, mas posso estar enganado. Nunca saberemos aqui do lado de fora…

Alberto, não acredito nesta historia de laranja podre, já falamos disso no brasileirão (na baixa) e descobrimos que não tinha nada a ver (na alta). OK, exceto com 1 premissa: Se nosso técnico for um banana. Como vc diz, só quem está lá dentro sabe e é total responsabilidade do técnico criar e manter o clima de colaboração e equipe. Nem mesmo ganhar jogo é obrigação, mas isso é. Se tem laranja podre, tira. Veja exemplo voley, o que o Bernardinho fez com o então levantador, líder e um dos intocáveis do time, o Sr Ricardinho: Mandou o cara caçar sapos. Teve crise? Não. O Brasil foi campeão depois? Várias vezes. Portanto, se houver qualquer problema de clima (persistente), o que é uma coisa sempre possível diante da dinâmica do grupo, temos que ficar muito preocupados com a liderança que temos (no caso o técnico).

Ah! Isso não quer dizer que prefiro ele como técnico, apenas como curiosidade, uma vez que até outro dia ele estava no clube…
abs

Cunio,

Uma pergunta: Como seria este time nas mãos do Toninho Cecilio? Como reagiriam estas laranjas podres?

A campanha que ele está fazendo no Gremio Prudente não é de se menosprezar, uma vez que temos muito mais time que eles…

abs
Fassina

Como bem sugeriu o Raul (#1), se o “comando” é fraco, os jogadores começam a deitar e rolar. E, claro, nesse “comando”, além do técnico, estão os dirigentes do depto. de futebol profissional.
E ainda tem o atraso na grana dos caras… aí, já viu…

Entendi o raciocícnio Cunio. Até faz sentido. Mas se a situação chega a esse ponto é por causa de uma série de fatores. Os dois além de serem os melhores jogadores acabam sendo intocáveis muito mais por serem jogadores da Traffic. Outros fatores que o Sergio #6 citou também contribuem, como aumento de salário só para alguns jogadores. Esse tratamento diferente que estraga as laranjas.

Mas será que tirando os dois o Palmeiras resolve os problemas? Acho que não. Sem eles o time perde muito tecnicamente, por mais que grande parte da torcida deteste isso. São dois jogadores que seriam titulares em qualquer time do Brasil.

Talvez seja hora do DS ser negociado mesmo. Já está desgastado depois de 2 anos e meio. Tomara que o Lincoln possa ocupar esse espaço e se tornar a referência no meio campo do Palmeiras. Fora o Lincoln e o CX, se este não for negociado também, para delírio de grande parte da torcida, ficaremos só com promessas para o meio campo: Ivo, Joãozinho, Bruno Paulo. Vamos ver qual o suco essas laranjas vão dar.

Recordemos.

Fomos líderes do Brasileiro 2009 durante 19 semanas seguidas, se não me engano. O time era o mesmo, somente Wagner Love e Obina a mais…sendo que o WL chegou com o time já na liderança.
Nosso time era tido como “barbada” para ser campeão, dito por toda a Imprensa. Era o melhor elenco do Campeonato.

Agora, vejamos o que aconteceu com o “melhor elenco”. Hj, com exceção do WL e Obina, temos mais jogadores e elenco mais completo, e mesmos assim não jogamos.

Até concordo com a tese das “laranjas podres”. Mas, fomos nós que criamos essas “laranjas”.
Desculpem, o “nós” refere-se à nossa “Diretoria”, que tomou medidas administrativas erradas e inviáveis em qualquer empresa de fundo de quintal.

Não vou nem falar dos erros na dispensa do Luxa, nem nas idas e vindas na troca do Jorginho pelo Muricy.

Em qual empresa decente, a administração eleva os sálarios de 1/2 dúzia de funcionários em mais de 60% e isso não afeta os outros funcionários???
E, isto sob alegação que “precisamos segurar os jogadores”. Acho que todos nós sabemos o que acontece com os funcionários que recebem esses aumentos e com aqueles que não receberam.

Adicionalmente, lembro que ainda atrasamos os salários e direitos de imagem dos jogadores, inúmeras vezes durante o ano, a partir de Setembro, e o WL ganhando 400mil.

Também não preciso mencionar que quando a administração fala que estamos “sendo roubados”, os jogadores assumem isso como verdadeiro e passam a reclamar mais do juiz tbm.

Lembro tbm, que a pessoa indicada para interagir com o time e fazer as contratações era a mesma pessoa, TOninho Cecilio. Erro básico de administração de recursos humanos.

Criamos as “laranjas podres” e apenas aperfeiçoamos o sistema em 2010. Jogam quando querem.

Abs

#3 Bucciolli, os caras se tornaram Laranjas-Podres justamente por saberem da dependência que o time tem de seu futebol. Entre outras coisas…

Cunio,

Não tenho dúvidas que todos boicotaram o Wagner Love, que quando recebia a bola ele estava de costas para o zagueiro e com o companheiro mais próximo a uns quinze metros de distância pelo menos….

Agora que o Love se foi, e fica evidente que o time depende do D. Sousa e do CX. Se é assim, ou o pessoal não gosta deles, ou tem alguma coisa a mais nessa história.

O mais estranho para mim e lembrar do pessoal comemorando os gols contra o Santos em que TODOS foram comemorar juntos, seja com o DS ou seja com o Robert.

Esse time mostra alguns momentos de evidente união. Mas sem dúvida não é um grupo fechado.

Não sei se são só os resultados ruins que estão influenciando o clima no elenco. Acho que essa é uma daquelas situações onde a verdade é mais complexa do que podemos imaginar.

Sds Alvi-Verdes

Cunio, você quis dizer que na verdade, apesar de serem laranjas podres, são eles que resolvem?

Cunio não entendi. Quando as laranjas podres não jogam, o time não ganha? Desenha aí por favor… rsrs

Para mim o que falta é respeito ao nosso manto. Só que pra vagabundo respeitar, tem que ser cobrado. Se um jogador está descontente por qualquer motivo, mas ganha 40 mil por mês e ainda pega as menininhas, o que o cara faz? Se encosta e fica ganhando a grana fácil, lógico. Qualquer um faz isso onde não existe cobrança. Isto é o que está errado na minha opinião.

Para mim o que aconteceu é que o elenco perdeu a confiança em si próprio e na direção do clube, com as inúmeras lambanças cometidas.

Esta diretoria ,que eu tanto defendi,mandou um técnico como Muricy embora e contratou o AC Zago que tem menos de 08 meses nesta profissão, não tem vivência como treinador e já esta dando mostras que está perdidinho, e o time já percebeu isso.

A coisa mais importante para um técnico é convencer os atletas sob o seu comando, mostrar o caminho a ser seguido e provar que este é caminho certo e acho que o AC não esta convendo o elenco.

Este ano seremos coadjuvantes em todas as competições que iremos disputar, a única vitória será fora de campo, com o início da construção da Arena, por que em termos esportivos…. VERGONHA!!!

Cunio, penso que se quem joga mal é laranja podre, então temos um cesto cheinho de laranjas podres, a começar pela diretoria que insiste no discurso que “esta tudo sob controle”…mas claramente a nau esta a deriva, infelizmente…

Os comentários estão desativados.