OPINIÃO DO CRISCIO: Resultados medem sucesso

3.764. Três mil setecentos e sessenta e quatro.

Esse é o número do público pagante no Palestra Itália numa tarde de sábado, onde o Palmeiras não conseguiu vencer o Mirassol. Um recorde negativo. A Mancha fez campanha na porta para o torcedor não
entrar.

Ah, mas tudo bem, Antonio Carlos, o treinador, avisou que a partida era prá fazer testes e que os jogadores entraram desmotivados pela difícil situação no Campeonato Paulista.

Cabe perguntar se a partida contra Ponte Preta, Rio Claro e outras também eram testes.
Justificativa infeliz de um técnico que pode até virar ídolo nesse papel, mas chegou fazendo média com a parceira e com a Diretoria, desdenhou das críticas de Muricy e disse que o Palmeiras “tinha elenco para lutar pelo título nos dois campeonatos que disputava”.

Ok, ok, agora que está eliminado do Paulistão, avisa que não conseguiu treinar e que os jogadores estavam contundidos e blá blá blá. Va bene…

Mas pior foi a justificativa pela derrota dada pelo Vice-Presidente de Futebol Gilberto Cipullo para o resultado. Enquanto na ESPN o Presidente Belluzzo afirmava que realmente as coisas estavam erradas, Cipullo dizia que está tudo bem, tudo sob controle. Dentre as frases do dirigente destacamos algumas (em entrevista à Rádio Bandeirantes após o jogo):

  • “A Diretoria está acompanhando o
    trabalho do Antonio Carlos”;
  • “Pegou o time no meio do campeonato”;
  • “Só
    teve uma semana de treinamento”;
  • “Agora ele terá tempo para implantar
    de vez a filosofia que ele tem no Palmeiras”;
  • “A questão financeira não é
    preocupação, dívida sob controle”;
  • “Não trazer grandes jogadores é um
    problema geral”;
  • “Lincoln, Ewerthon, Edinho e Ivo são jogadores de
    qualidade”;
  • “O Palmeiras precisa de alguns retoques”;
  • “Não é só o Palmeiras que não está conseguindo resultados”;
  • “O Palmeiras já mostrou
    esse ano contra o Santos e contra o SPFC que tem time”;

As duas últimas são as melhores. Quanto aos outros times, que não estão conseguindo resultados (alusão a SPFC e Corinthians), estes rivais estão claramente priorizando um torneio continental, em detrimento de um torneio regional. Nós não temos o torneio continental para priorizarmos.

E dizer que o Palmeiras, quando joga completo já mostrou que pode ganhar do Santos e do SPFC não combina com alguém com tantos anos de futebol. Sabemos muito bem em que condições o Palmeiras venceu o Santos e o SPFC. De que me adianta com time completo ganhar na fase de classificação do Santos ou do SPFC se na soma dos resultados, o time não ganha de Rio Claro, Rio Branco e Mirassol e está em 10o no Paulistão? De que me adianta 11 bons jogadores que ganham com as calças na mão do Santos se não temos um elenco?

***

Meu amigo Geraldo Gualberto, o DG, escreveu nos comentários do pós jogo Palmeiras 1×1 Mirassol, algo que estamos insistindo há algum tempo. Temos tanto medo da volta de Mustafá que decidimos por “poupar” nossos dirigentes de suas atrocidades. Esse sentimento você vê explícito em muitos, dentro das alamedas do Palestra, ou nos blogs e sites de palmeirenses.

Chega!

Todo mundo que tem bom senso e acompanha o Palmeiras já sabe: a atual gestão do futebol palmeirense comanda há 39 meses o departamento de futebol. No profissional ganhou um título paulista e perdeu três brasileiros, três paulistas (considerando o de 2010), perdeu a Libertadores de 2009, não se classificou para a Libertadores de 2008 e 2010. Perdeu ainda a Sulamericana de 2008 quando permitiu que o treinador fizesse o papel de comentarista de TV ao invés de ir ao trabalho. Perdeu ainda a Copa do Brasil de 2008.

Ainda: teve CINCO técnicos no período de 39 meses (Caio Jr, Luxemburgo, Jorginho [ temporário ], Muricy e Zago). Contratou mais de 50 jogadores, mas não conseguiu formar um elenco permanente. Teve nas mãos a parceria da Traffic que anunciou no final de 2007 mais de R$ 40 milhões para investir em jogadores no Palmeiras. Hoje vemos jogadores da parceira no SPFC, no Flamengo, e em outros. Em 2010 não tivemos jogadores da parceira.

Ainda falando de 2010, da mesma forma que nos anos anteriores, chegamos em abril e não temos o elenco completo.

Nas categorias de base, passados 3 anos, somente agora, nas mãos de Marco Biasoto, contratado em 2009, é que apresentamos algumas promessas. Muitas destas promessas contratadas durante o ano de 2009, pelo próprio Biasoto. E o projeto com incentivo fiscal – onde no período o SPFC levantou mais de 14 milhões de reais – não saiu.

O Palmeiras é uma nau sem rumo. Muitos se esforçam e trabalham duro, é verdade. Mas no mundo de onde eu venho, os resultados são os principais indicadores para medir o sucesso e a continuidade dos gestores, e não o quanto a camisa está suada.

***

Vamos levantar o astral: vemos um novo canal de palmeirenses entrar no ar.
Trata-se do A ACADEMIAhttp://a-academia.zip.net/.

O site se apresenta assim: A ACADEMIA é o primeiro “futeblog gráfico” do mundo: 11
artistas gráficos desenhando sobre seu time. São cartunistas,
caricaturistas, ilustradores e quadrinhistas, alguns mais fanáticos,
outros nem tanto, cada um, ao seu estilo, traçando sua relação com o
Palmeiras. Confira nos Arquivos os posts desde Janeiro/2010.”

Vale a pena ver. Entrem no site e vejam as charges bem humoradas e que relatam bem o que passa atualmente o palmeirense, uma delas como essa acima. Não nos lembra certos dirigentes de um certo clube… ??! Bem sacada não?

E vamos em frente. Mas que a vida do palmeirense tá complicada, ah isso tá.

Saudações Alviverdes!

V. CRISCIO

Posts antigos, Por Onde Anda, e Links Patrocinados