Categorias
Resenha dos Jogos

Pós Jogo Palmeiras 1×3 Santo André: o que falar

PALMEIRAS 1X3 SANTO ANDRÉ

O que falar? O Palmeiras perdeu de novo. Desta vez para o Santo André, 1×3, diante de 3 mil testemunhas.

Possivelmente a imagem mais emblemática do jogo foi o lance do terceiro gol. Foram 7 toques na bola, 6 deles feitos por dois jogadores, e o toque final de letra, para o gol.

Nestes momentos a adrenalina do palmeirense fica a mil. A primeira tentação é a de encontrar culpados. A segunda, é propor soluções.

Proponho uma trégua e uma reflexão. Não só para nós, meros torcedores, mas também para a diretoria. Não há culpados: há responsáveis. E esses responsáveis são os diretores e o Presidente que montaram e desmontaram seus times desde dezembro de 2006.

Os menos culpados são Seraphin Del Grande, que acaba de chegar e Antonio Carlos, que igualmente assumiu agora. Se bem que fica a pergunta: se o treinador fez coro que o elenco é bom e poderia disputar os dois títulos, qual a justificativa para perder no Palestra para o Santo André?

Vamos em frente… palmeirense, esfria a cabeça, vai dormir, e amanhã, com calma, vamos pensar na Copa do Brasil.

Saudações Alviverdes, com enorme dor de cabeça…

***

O Palmeiras jogará com o Santo André daqui a pouco. Por isso não tivemos drops.

O Verdão terá três desfalques: Léo (suspenso), Figueroa e M. Araújo (lesionados). O time que deve entrar em campo é:

Marcos, Wendel, Edinho, Danilo e Eduardo; Pierre, Souza, Diego Souza e Cleiton Xavier; Lenny e Robert.

Muito blá blá blá sobre o Santo André, mas não dá prá ser pessimista. Tem que entrar em campo e caixa. Verdão 3×0.

Acompanhe a partida no rádio ou no PPV e comente aqui. Este será também o post do pós jogo.

Saudações Alviverdes… dá-lhe porco!!

125 respostas em “Pós Jogo Palmeiras 1×3 Santo André: o que falar”

“Ele é FOLCLÓRICO! Não é um ídolo”

Vera, minha querida PALMEIRENSE DE VERDADE, antigamente o regime ditatorial nos impedia de dar nossa opinião, assim como fazemos hoje abertamente, em fóruns de discussão como aqui no 3VV. Se vc falasse mal do governo na padaria ou em qualquer lugar, em pouco dias, agentes do DOI COIDE E DO DOPS, estariam na sua residência e daí …bye bye liberdade.Tortura e muita porrada era o resultado.

Perdi um tio desta maneira,em 1974 quando eu tinha 10 anos de idade, ele era militante do PC do B e um dia saiu para trabalhar e nunca mais foi visto.

O tempo passou e graças a Deus a Ditadura também, hoje podemos falar o que quisermos sem ter medo de nada,pelo menos um coisa boa da Democracia,mas infelizmente tenho que conviver com opiniões nem sempre iguais as minhas e aprendo muito com isso, vejo que pessoas inteligentes como você em alguns assuntos não pensam igual a mim, o que acho ser muito salutar, já que a unanimidade é burra.

VIVA A DEMOCRACIA!!!

A questão de ser ídolo ou não é extremamente pessoal, muitos consideram o Edmundo um ídolo, Cesar Sampaio ou Evair.

Eu tenho 02 ídolos no futebol:

Ademir da Guia, que tive o prazer e o privilégio de ver jogar de 1971 até 1977 e o Marcos que acompanho desde o início de sua carreira no Palmeiras.

Portanto, para encerrar esta “discussão” nada que você diga me fará mudar de opinião, talvez o Marcos não seja nada para você, mas para mim é um dos únicos jogadores que eu torço indepedente de qualquer coisa, compreende???

Como eu disse penso que ele fala demais depois das derrotas, fiquei puto com ele quando perdemos do Flamengo no BR09 e ele saiu detonando o Robert e Wendell, mas ele já fez muito pelo Palmeiras e acabo sempre perdoando, pois penso que a vida é muito curta para ficar com mágoa ou rancor .

O que vc sabe de suas atitudes fora de campo?? O que eu sei é que ele ajuda muita gente, é respeitado até por torcedores adversários, que não falta e nem chega atrasado em treinos, que abriu mão de receber salários quando esteve machucado e acima de tudo é um companheiro leal, até hoje não vi nenhum jogador do Palmeiras ou não falar alguma coisa negativa sobre ele.

E se você for notar, aqui no 3VV você é uma das a únicas PALMEIRENSE DE VERDADE que não gosta dele, sinceramente pouco me importa a opinião das outras pessoas ou mesmo a sua.

Meus dois ÍDOLOS, seguem sendo:

ADEMIR DA GUIA E MARCOS.

Abraços

AI AI VAMOS LÁ…

de cabeça inchada aoenas uma idéia me vem à cabeça…

parem de falar que o elenco é ruim, isso é valvula de escape, assim como culpar o técnico.

Ano passado um time com o Vágner Love, que está jogando muito nos urubus (basta ver o gol que ele fez ontem) estava jogando como o que jogou ontem, com muricy no banco.

refletindo sobre isso só tenho um apontamento: falta comprometimento!
Eu nunca pensei que eu ia elogiar alguma coisa da época do turco, mas hoje posso ver que existia uma prática naquela época que era importante: afastamento e multa no salário por deficiencia técnica, uns 15 dias treinando em separado…

pelo amor de deus, o santo andré tem mais elenco que a gente? não!!
mas tem muito mais VONTADE! MUITO MAIS!
existe um comprometimento, existe cobrança…

Pensem como jogadores de futebol: Você está num clube que já não ganha nada faz tempo, que vive dando vexame, logo se não ganhar não tem muita diferença, assim como sofrer uma derrota feia em casa…

Outro pensamento que vem é o seguinte: “sou titular absoluto! posso jogar mal que nada acontece, nem pra reserva eu vou…quando chegar a janela de transferências eu me esforço”.

Ou seja, não existe comando!

Se os reservas e uns moleques da base tivessem jogado ontem teriamos nos saído melhor…

Agora o que não concordo é contratar mais e mais jogadores…querem mais um lateral (pra que?) mais um zagueiro e um atacante (único que concordo). Quanto vai nessa brincadeira?? uns 2 milhões?? estamos nadando em dinheiro mesmo né?

Mas uma coisa que foi falada aqui é verdade: o time está mal preparado fisicamente, muito mal preparado…algo tem que ser feito, mas sou contra mais um bando de reforços, chega de gastos inúteis pois o elenco é o menor dos problemas.

os bambis com cleber santana, souto, hernanes,paraíbas, dagoberto e etc jogaram mal pra dedéu ontem e estão a 2 ou 3 pontos da gente na classificação apenas…

nem elenco nem técnico são os problemas, tem que mudar a filosofia a cobrança e botar os caras em melhor forma física

Victor,

Ele driblou o goleiro, pô! rsrsrsrsrs

A fase era desesperadora e a gente tinha que imaginar que a qualquer momento aqueles caras iriam virar craques. rsrsrsrsr.

Arthur,

O Julio César está jogando muito.

Os comentários estão desativados.