Categorias
Notícias

WTorre faz IPO e Arena Palestra está lá

POR VICENTE CRISCIO

Essa é prá tentar melhorar o humor do palmeirense.

Vem passando despercebido um movimento no mercado financeiro
que indiretamente interessa e muito ao palmeirense. A WTorre está vindo a
mercado com IPO (inicial public offering ou oferta pública de ações) para abrir capital na bolsa.

Executivos da empresa já estão em road show com investidores.
E apontam o projeto da Arena Palestra como parte do material comercial distribuído
aos potenciais investidores. Mas quem acha que isso pode ser ruim – ahaa! estão
levando vantagem sobre a Arena Palestra
– vale a pena saber que a Arena é um projeto
relativamente pequeno dentro do portfólio da empresa, pois está orçada em R$
300 milhões, enquanto que a empresa deve vir a mercado avaliada em torno de R$
2,6 bi.

Notem que isso é o valor da empresa, ou seja, representa o
total de ativos menos os passivos. Ou seja, mesmo considerando a dívida
“elevada” da empresa (nas palavras de alguns membros do time do “joga-contra”
da oposição), a empresa vale R$ 2,6 bi! Quase 10 vezes o orçamento da obra da
Arena.

Para se ter uma ideia de números, a empresa conta com certa de
1,5 milhão de m2 em área de locação
(a Arena representa 90 mil m2 ou seja,
6%
). Além da Arena Palestra, entre as principais obras da WTorre em andamento
ou fase final de entrega, constam projetos enormes como:

– O novo prédio da Petrobrás no RJ;
– Novo shopping Iguatemi-JK;
– Estaleiro Rio Grande;
– Centro Empresarial WTorre Morumbi;

Fora esses projetos, a empresa tem em modelo de locação:

Galpões e centros logísticos de empresas como
Alcan (Santo Agostinho-PE) e Procter & Gamble (Queimados-RJ);
Fábricas: Carrefour (Duque de Caxias-RJ),
Nestlé (SBC-SP), Unilvever (Ipojuca-PE), Wolkswagen (São José dos Pinhais-PR
e Resende-RJ), entre outros;
Lojas: Tok Stok (Rio de Janeiro-RJ), Daslu
(São Paulo-SP);
Edifícios Corporativos: Vivo (São Paulo-SP,
Rio de janeiro-RJ e Porto alegre-RS), WTorre Nações Unidas (São Paulo-SP),
WTorre Colônia Britânica (Bogotá-Colômbia), Torre São Paulo (Av. JK, São
Paulo-SP), WTorre Brasília (Brasília-DF).

SOBRE A ARENA

Quem assistiu à apresentação da WTorre nesse road show ouviu que eles praticamente
já encerraram a fase de captação de verbas de marketing (patrocínios e naming
rights
) da Arena. Prá quem não lembra ou não sabe, a WTorre tem a parceria com o Palmeiras mas terceirizou a venda das propriedades de marketing da Arena – camarotes, cativas, Naming Rights, ou seja, direito de usar o nome na arena, e outras propriedades – à Traffic.

Esta venda constitui-se numa excelente notícia ao palmeirense e ao Palmeiras, pois não só garante que a
Arena já tem demanda nas suas propriedades
(ou seja, empresas que apostam e acreditam no seu potencial), mas principalmente confirma que a Arena já é uma realidade; afinal de contas não se vende propriedades de um projeto que apresenta risco de não sair do papel.

Até porque quem
controla esses processos de abertura de capital é a Comissão de Valores Mobiliários
(CVM) e esse tipo de informação tem que ser absolutamente confiável e transparente. Portanto o
projeto da Arena Palestra é absolutamente irreversível; não existe nem a mínima
possibilidade de retorno.

Em outras palavras: é uma baita empresa, que se prepara para um baita
IPO e que tem dentro de seu portfólio grandes empreendimentos, entre eles uma baita Arena multi-uso.

Quem diz que a Arena não vai sair, ou definitivamente não
conhece nada, ou a esta altura está precisando rever seus conceitos.

***

Leia mais sobre o IPO da WTorre nos seguintes canais:

No The Wall Street Journal ;
No Business Week/Business Exchange ;
No ADBUDGET UOL .

18 respostas em “WTorre faz IPO e Arena Palestra está lá”

bom dia
o cipullo ja respondeu com quem jogamos amanhã?
abr

Vicente, que absurdo!
Você coloca uma das 100 melhores cabeças do mundo no sec. XX para dirigir um clube, e o torcedor diz que falta credibilidade. Ele acredita em quê?
No Lanche? no Ripoli? na velha Pan? na folha do São Paulo?

O fato é que uma vez eu tentei carpir o mato aqui na chácara e acabei cavocando tudo, fiz um monte de buraco estraguei uma porção de mudas. Enfim, não é só porque eu gosto que eu vou acertar. Eu sou advogado, não sou roçador.

Vicente, o problema não é que as pessoas não conhecem nada, o problema é que está cada vez mais dificil acreditar no Palmeiras!

Uma trapalhada atrás da outra, depois daquela decepção do reconhecimento do mundial de 51, eu e acho que maioria da torcida palestrina ficamos esperando com um pé atrás!

Espero mesmo que a Arena saia do papel, mas infelizmente só acredito vendo.

Vicente, estar no prospecto do IPO não é garantia de nada. Nesses documentos as empresas que vão captar o dinheiro colocam tudo o que pode ajudar a melhorar o valor percebido pelo mercado em relação à empresa.

O melhor mesmo é torcer para que captem o máximo de dinheiro que coseguirem, pois perto do que a WTorre pode valer, o estádio tem um custo pequeno até.

O fato é: não há como confiar na direção do Palmeiras. É só boa intenção, e olhe lá. Sempre os fatos desmentem os anúncios. Uma pena.

Bruno # 10 ,11, 12, 13, 14, 15, 16,17rsrsrs sem dúvidas esses vão gastar mais e chorar mais, mas acho que até a Arena estiver pronta o time vai estar melhor!!!

“Com a arena pronta os ingressos irão aumentar e a elitização do estádio será irreversível, infelizmente quem pode mais vai chorar menos e vai assistir mais jogos do Palmeiras.”

Do jeito que está, fica mais correto dizer que quem puder mais, vai assitir a mais jogos do Palmeiras e, infelizmente, chorar mais…hehehe

“Com a arena pronta os ingressos irão aumentar e a elitização do estádio será irreversível, infelizmente quem pode mais vai chorar menos e vai assistir mais jogos do Palmeiras.”

Do jeito que está, fica mais correto dizer que quem puder mais, vai assitir a mais jogos do Palmeiras e, infelizmente, chorar mais…hehehe

“Com a arena pronta os ingressos irão aumentar e a elitização do estádio será irreversível, infelizmente quem pode mais vai chorar menos e vai assistir mais jogos do Palmeiras.”

Do jeito que está, fica mais correto dizer que quem puder mais, vai assitir a mais jogos do Palmeiras e, infelizmente, chorar mais…hehehe

O início das obras da Arena será a grande vitória da gestão Belluzzo, parabéns a todos os que lutaram e lutam para que este sonho se torne realidade.

Somos 15 milhões de torcedores e uma Arena para 60.000 também seria pouco, não caberia todo mundo ou seja 46.000 tá bom demais.

Com a arena pronta os ingressos irão aumentar e a elitização do estádio será irreversível, infelizmente quem pode mais vai chorar menos e vai assistir mais jogos do Palmeiras.

Caldeirão é para time ruim ou pequeno que tem que botar pressão para ver se ganha… torcida não ganha jogo, muito menos estádio grande, o que ganha campeonato é time bom.

Notícia maravilhosa, Vicente. E as datas previstas? Ainda estão de pé? O Palmeiras irá mandar os seus jogos em outro estádio a partir de agosto?

Só acho que deveria ter mais espaço para o povão.46 mil é muito pouco para o tamanho da nossa torcida.

Mas,tomara que saia o quanto antes.

Geraldo #1, onde assino?

Vicente, parabéns por trazer informações mais contundentes sobre a Arena.

Abraço.

Cuidado Vicente, temos que ter cautela ainda, podemos cair do cavalo!!!

Excelente texto. Acho que seria muito melhor e mais sadio para essa Administração se assumisse, definitivamente, que o maior objetivo é a Arena e não montarmos um time vencedor com uma equipe de futebol de primeiro mundo. Todos sabemos que a nossa nova casa é o maior sonho de nosso atual Presidente. Outros clubes fizeram isso, pagaram o preço de um tempo sem conquistas, mas definiram muito bem suas prioridades. Se desse para fazer os dois juntos, seria maravilhoso. Mas, no mínimo, deveriam deixar claro suas reais intenções. Pelo menos, ao final de uma gestão, teríamos o objetivo alpha atingido e nosso patrimônio valorizado. O problema vai ser se nçao conseguirmos nenhum e nem outro. Aí seria um caos total.
Essa matéria deveria ser publicada nos maiores meios de comunicação do esporte. Assim baixaria a bola dos Jedis do Lado Escuro da Força, dentro e fora do clube.
Saudações Alvi-Verdes.

Taí DG, acho que a palavra auto estima diz tudo. Um dos grandes pecados desta diretoria foi ter acabado com nossa auto estima. Mesmo nas derrotas há que se manter a altivez, a capacidade de olhar prá frente, a capacidade de absorver a pancada. Essa diretoria não soube fazer isso. Ela é fraca. Ela é medrosa. Ela não acreditou nas suas definições e pulou fora jogando a culpa no sofá (entenda Muricy).

Cunio o Avallone está lelé. Ele precisa de notícia sensacionalista. Não existe carta de intenção. Existe um memorando de entendimentos assinado pelo Palmeiras e WTorre que prevê que, após o projeto aprovado pelos órgãos competentes, os dois assinarão um contrato. Meu Deus, isso já foi dito pros avallones da vida um milhão de vezes e eles não entendem. O Mustafá e sua turma – que são um verdadeiro câncer dentro do Palmeiras – querem que tudo se exploda. Não querem arena, não querem perder a mamata de ingressos (que diga-se de passagem permeia a gestão Belluzzo também, não por culpa ativa dele, mas por passividade).

Avallone, Mustafá, e sei lá mais quem: a fanculo!!

Esta notícia parece mesmo um alívio para a comunidade esmeraldina. O que me intriga é porque notícias como esta abaixo ainda são publicadas… Saiu no Blog do Avallone, onde ele relata o depoimento de uma fonte pró-Califa o risco de não aprovação das contas de Belluzzo no COF:

“…segunda esta fonte, que não faz parte do Palmeiras, mas é amigo dos mais importantes líderes da oposição, os balancetes da gestão Belluzzo não mais serão aprovados pelo COF (Conselho de Orientação e Fiscalização). E QUE TAMBÉM PODERÁ HAVER PROBLEMAS PARA A CONSTRUÇÃO DA ARENA QUE, SEGUNDO ELA, A FONTE, TEM APENAS UMA CARTA DE INTENÇÃO, NÃO UM CONTRATO”.

Dá para entender isso?

Vicente a questão é que a Arena foi o Slogam e o Logo da maior esperança alviverde desde do fim da Parmalat: Luiz Gonzaga Beluzzo. A demora em mostrar “a nova decoração” do Palestra Italia, junto com uma gestão de futebol desastrada poe tudo em desconfiança. Ai fica facil para os profetas do apocalipse contaminarem imprensa e torcida.

Além do que, o que o palmeirense queria mesmo era a Arena no lugar do Morumbi. Queria uma postura firme da diretoria, de confronto mesmo, mostrando grandeza, colocando o clube no seu devido lugar. Mas, isso não veio.

E pior, as constantes alterações do planejamento esfriaram totalmente o animo do torcedor. Chego a acreditar, que a Arena (para aquele torcedor que não vai ao estadio, mora longe – ou seja – maioria) vai ser ofuscada pelo Morumbi na Copa do Mundo.

Então o projeto ja vira uma questão de auto estima, e isso é importante demais pra um time. Se um torcedor confiante, nenhum clube cresce. Ele tem medo de mostrar sua paixão e por conseguinte não compra nada.

Acima de tudo é preciso urgentemente resgatar a auto estima do palmeirense. Pra mim, o unico caminho que vejo no curto prazo, seria aproveitar essa indecisão toda em torno do Morumbi e pleitear um lugar na Copa do Mundo. Como? O professor também é bom na politica, o governador ainda é palmeirense, o presidente é amigo do PRESIDENTE e por ai vai.

Falta culhoes. Falar que matar Bambi é facil, falar que vai dar um chute na bunda do Simon é facil. Comprar briga com um monte de gente, mostrar que tem peito e sair para o confronto, em tornar a Arena um simbolo vitorioso da auto estima Palmeirense, não é pra qualquer um. Não é pro povo que ta no comando hoje.

Abraços, parabéns pelo site/blog mais respeitados da midia alternativa esportiva.

XXX D. G. XXX

Os comentários estão desativados.