Categorias
Drops

DROPS 10/06/10 – Parte 2: Morumbi, FIFA e COPA 2014

REDAÇÃO 3VV 

MORUMBI –
CRÔNICA DE
UMA MORTE ANUNCIADA

Depois da
história do SPFC
recuar na questão do projeto, os jornais nesta quinta trazem duas novas:
a
primeira é do Diretor de Comunicação da CBF que no intervalo dos treinos
comentou em off com jornalistas presentes que o Morumbi ficará fora da
Copa.
Ele foi claro ao dizer que não há chance de aprovarem projetos antigos.
Ou o
SPFC mostra as garantias deste até segunda, ou está fora.

A outra, mais
quente, vem do
Estadão, que conversou com dirigente da FIFA [lembrem-se que o Estadão
tem a
primazia deste furo, para o bem ou para o mal] e o “alto dirigente”
da FIFA falou que até o final do mês a exclusão do Morumbi será
formalizada. Aí
já são duas datas. A de segunda e a do final do mês.

O leitor
Valter Rodrigues de
Freitas dá a dica do link para a notícia do Estadão:
http://www.estadao.com.br/noticias/esportes,fifa-vetara-morumbi-para-a-copa-de-2014-ainda-na-africa,564106,0.htm

REPERCUSSÕES

O leitor Erik
Mikai sugere a
leitura do blog do Erich Beting sobre o imbróglio FIFA/CBF/Morumbi, que
aborda
o jogo de cena leonor:
 http://negociosdoesporte.blog.uol.com.br/arch2010-06-06_2010-06-12.html#2010_06-09_22_22_06-136381883-0

Na Folha é
possível vermos o
prefeito Kassab tentando defender o discurso pró-Morumbi, após sair a
notícia
de que o estádio deverá ser vetado:
http://www1.folha.uol.com.br/esporte/748818-kassab-diz-que-morumbi-e-a-aposta-de-sao-paulo-para-a-copa.shtml

HIPÓTESES, APENAS HIPÓTESES

1. Nem Verome/FIFA nem CBF/Ricardo Teixeira querem a abertura no
Morumbi. Além de toda a disputa política e o péssimo relacionamento,
fato é que
diante dos Estádios dos últimos mundiais e olimpíadas, era de se esperar
que o
Brasil apresentasse um projeto melhor. O de Brasília [gastos públicos à
parte]
é maravilhoso, e São Paulo merecia algo semelhante. Já chega o Morumbi
de 60
anos na final. Fazer a abertura no remendado Morumbi é broxante. Se o
País não
quer gastar, então que não se candidatasse.

2. Portanto, o Morumbi é candidato a cair fora desde sempre, MAS
como deixar a cidade de São Paulo de fora ? Impossível. O problema é que
o
prefeito Kassab e o Comitê Paulistano não aceitam nem pensar em discutir
o
Palestra, Pirituba, Corinthians, … e pior, ainda tem como aliados
nessa
falácia os palestrinos Portela e Serra, que nem para colocar dúvida no
processo
… ao contrário, sempre que falam defendem veementemente o Morumbi,
impedindo
no mínimo a discussão de alternativas …

3. Daí a FIFA/CBF vem jogando o jogo, bem jogado, do SPFC, que
vinham empurrando com a barriga para ganhar tempo e se tornarem a única
alternativa. MAS vento que bate nos traseiros de lá, bate nos de acolá, e o SPFC caiu na
cilada.
Acabou tendo de fazer um projeto com todos os requisitos, mas na hora do
orçamento e garantias financeiras a casa caiu, e agora não há como
voltar
atrás.

APOSTAS APENAS APOSTAS

1. A FIFA marcou para segunda o prazo para os clubes apresentarem
as garantias. Na terça-feira deve vir a primeira bomba, com o Comitê
Nacional
da Copa [leia-se CBF] informando a exclusão do Morumbi. Não por acaso,
no dia
da estréia do Brasil no Mundial. Conveniente! A repercussão ficará para os
intervalos do que realmente interessa … e deve dar um prazo até o
final do
mês para o Comitê Paulista apresentar outro projeto, ou poderá ficar de
fora do
Mundial, com abertura no RJ.

2. Com este cenário, a CBF/FIFA melhoram as condições políticas
para que seja apresentado novo projeto custeado pelo Estado. Isso seria
feito
lá pelas semi-finais da Copa … mas daí viria chumbo grosso. A mídia
bambi vai
jogar pesado contra qualquer político que quiser bancar a idéia. Será
que o
Prefeito Kassab terá peito pra isso? Talvez
o
Governo Federal ofereça ajuda junto com o Estadual e daí a coisa se
viabiliza.
Vão falar que o Estádio vai custar 550 milhões, ou seja, menos que a
reforma do
Morumbi … se colar, vão em frente…

3. Mas e se não colar ? Daí pode ser que a CBF feche com o RJ na
abertura, manda semi-finais para Beira Rio [ou Brasília] e Belo
Horizonte, e
deixa os políticos de SP justificarem apenas as quartas por aqui, e nada
de
Seleção Brasileira. Daí o Palestra deveria entrar no páreo, e a
WTorre/Belluzzo
teriam de mostrar as cartas que nunca mostraram. Manda a Itália prá SP e
pro
Palestra … mas antes tem que combinar com o Corinthians que ainda
corre por
fora, mas com vantagem sobre os demais. É ambicioso, audacioso, e astuto. Tem Ricardo Teixeria e sabe-se lá mais quem apoiando. Se o apoio por em russo então, por que não? Qual político não
gostaria
de ser eternizado pela concretização do sonho corintiano?

ENQUANTO ISSO…

… uma fonte de dentro do Palestra já alertou: não adianta pedir aos dirigentes palestrinos que firmem posição sobre a Arena Palestra e Copa 2014.

Se a pressão está forte para o Piritubão ou coisa que o valha, e se já empurraram ladeira abaixo um Opala velho chamado Morumbi, deixem os tubarões se comerem vivos por conta da primazia da abertura (e todos as benesses fiscais) da Copa.

Que nada atrapalhe a nossa Arena e que ela esteja pronta e reluzindo para o principal evento esportivo de 2014: nosso centenário!

Concordam??

Saudações Alviverdes!

22 respostas em “DROPS 10/06/10 – Parte 2: Morumbi, FIFA e COPA 2014”

Concordo plenamente! Eu já tinha dito antes, nos comentários: deixemos essa corja se matar. Não tem jeito, vão usar dinheiro público a rodo na copa, o certo é não ter o evento nesse país de ladrões e incompetentes. Se nos metermos nessa, vai respingar na Arena e vai respingar merda!!! Então, que se f***am e o Palmeiras cuide de si.

A diretoria do Palmeiras sabe que se pleitear sediar jogos da Copa, antes do início das obras, o projeto da Arena certamente só será aprovado depois de 2014. Portanto, a melhor posição, no momento, é o silêncio. Pelo que se diz, não falta apenas uma certidão.

Mas, com toda certeza, tanto a diretoria quanto a WTorre se manifestarão com pompa na solenidade de assinatura da escritura, ou quando o projeto for irreversível. Aí sim, com segurança e credibilidade.

Ademais, essa história de “Piritubão” não passa de fantasia para engabelar inocentes, para não dizer trouxas. Não existe nem a área definida, muito menos o projeto. Tudo exige tempo legal, principalmente quando houver aplicação de dinheiro público: locação da área, audiência pública, impacto ambiental, licitação, previsão orçamentária etc, e muitos outros etc… Já foi o tempo que o governo podia descumprir a lei.

Acho o comentario 13 do Zago muito ponderado e bem explicado. Ele argumenta muito bem o porque nao podemos comprar briga contra Deus e o mundo.

Por outro lado, nao ha razao para adotarmos o outro extremo de comportamento – abaixar a cabeca e fingir que nao eh com a gente.

Ja estao ventilando fazer a abertura fora de Sao Paulo, nao estao?

A questao do dinheiro publico ja esta comecando a ser um pouco mais debatida, nao esta?

O Palmeiras poderia sim se posicionar como uma alternativa para o caso em que “o Sao Paulo nao consiga parceiros privados” e “o governo decida que nao quer investir bilhoes de dinheiro publico em um novo estadio”.

Esta tudo aprovado ou nao esta?

Somos homens ou somos ratos?

Que clubezinho eh esse?

Temos medo de que?

O Palmeiras eh grande ou nao eh?

Sinceramente, essa frouxidao me deixa envergonhado.

Nao precisamos bater de frente com todo mundo e dizer aos quatro cantos que a Copa deveria ser na Arena.

Admitidamente, 42 mil eh uma capacidade pequena para uma cidade como Sao Paulo.

Agora o que nao entendo eh como nao nos posicionamos nem mesmo como um plano B, bem cinicamente, bem como o Marco Aurelio Cunha adora fazer. Poderiamos usar a oportunidade para alfinetar o Sao Paulo sutilmente, sempre levantado a questao de recursos publicos / recursos privados…

Poderiamos dizer algo como:

“Acreditamos que o Sao Paulo conseguira parceiros privados para reformar o Morumbi sem a necessidade de dinheiro publico (ate segunda-feira – hehehehehe), MAS CASO NAO CONSIGA A ARENA PALESTRA ITALIA, que esta sendo construida inteiramente com recursos privados, e uma alternativa – nao para a abertura, mas para as outras fases”.

Obviamente, todos os politicos do estado de Sao Paulo gostariam de ver a abertura da Copa aqui. Como a Arena nao pode fazer a abertura, de certa forma da pra entender o racional por tras desse boicote por parte dos politicos.

O que nao da pra entender eh a paura de nossos dirigentes.

No início, o projeto foi apresentado à CBF e com certeza, é de conhecimento da FIFA.
Temos muita gente do contra dentro do próprio clube, imagina batermos de frente com o inimigo que temos fora e que não são poucos.
Então, muita cautela ate estarmos com toda documentação aprovada.
Como já foi dito, queremos a Arena para as nossas festividades do centenário.
Mas, concordo tambem, que após a liberação da papelada e escritura de cessão à WTorre, temos que mostrar a cara para CBF/FIFA , enfim.
Esse mês de junho ainda promete muita coisa boa, vamos aguardar.

Quem vai se dar bem nessa historia será os Gambas!! O governo vai construir um estadio novo, que depois vai cair no colo deles!!

Amigos,

Infelizmente acho que o Palmeiras nao abriu o bico até agora porque nem tudo está 100% fechado com WTorre ou nem tudo está 100% aprovado pelas esferas publicas…

Abraços,

Marcos

Até um tempo atrás eu descia a lenha na diretoria do Palmeiras e no Serra por não apoiarem a idéia da Arena Palestra Itália na Copa. Mas, agora que a situação clareou, sou obrigado a dar a mão à palmatória. Como citou o Zago (#13), o interesse é gastar dinheiro público em estádio novo. Sendo assim, a aposta no. 2 do Vicente deverá ser a vencedora. Será feito um estádio que, depois de usado na Copa, será arrendado aos gambás. Quem pode espernear contra isso é o Ministério Público, o presidente do BC, o ministro da Fazenda, sei lá, alguém bem fodão. Ao Palmeiras cabe tocar a sua Arena e boa.

Até um tempo atrás eu descia a lenha na diretoria do Palmeiras e no Serra por não apoiarem a idéia da Arena Palestra Itália na Copa. Mas, agora que a situação clareou, sou obrigado a dar a mão à palmatória. Como citou o Zago (#13), o interesse é gastar dinheiro público em estádio novo. Sendo assim, a aposta no. 2 do Vicente deverá ser a vencedora. Será feito um estádio que, depois de usado na Copa, será arrendado aos gambás. Quem pode espernear contra isso é o Ministério Público, o presidente do BC, o ministro da Fazenda, sei lá, alguém bem fodão. Ao Palmeiras cabe tocar a sua Arena e boa.

Caros, muito bom dia!
Existem muitos interesses (todos podem suspeitar quais são) na construção de estádios comdinheiro público. Desconsiderar este fato é a pior das alienações. O Palmeiras e seus dirigentes devem focar suas energias na construção do estádio para posteriormente apresentarem um projeto efetivamente concreto como alternativa a cidade de São Paulo. Muito me admira alguns “sabichões” defenderem a “compra desta briga” e colocar um enorme componente de risco regulatório no projeto Arena Palestra. Os orgão públicos podem pedir novas vistas para “terem certeza” de que o estádio efetivamente atende a todos os itens do caderno de encargos FIFA. Cúnio, você consegue dimensionar o prejuízo financeiro, político e insitucional de um atraso considerável ao cronograma atual da Arena Palestra? Mas eu quero algo concreto, amplo e que retrate toda a sua competência e inteligência, porque falar grosso qualquer imbecil sabe.
Abraços a todos

Não, não concordo. Falarmos que o evento de maior importância do ano de 2014 é nosso centenário é alienação palestrina. Vamos deixar de olhar somente para o nosso umbigo. Temos SIM que pleitear que a Arena Palestra Itália seja sede de jogos da Copa 2014. Isso seria algo que faria sua valorização IMENSAMENTE maior é colocaria a nossa disposição a possibilidade incomensurável de promover ESTÁDIO, TIME, HISTÓRIA, CENTENÁRIO, TUDO no ano de 2014. Essa visão míope, egocêntrica, paranóica e PROVINCIANA de nossos torcedores e dirigentes nos aproxima mais do Juventus da Moóca do que do Real Madrid, Barcelona e Milan. Sejamos conscientes do que significa PROJETAR nossa equipe para o mundo. Vamos sair desse casulo ridículo do Bar do Elias e da Pizzaria da esquina. O Palmeiras tem que se internacionalizar, não virar TIME DE BAIRRO. Quem pensa pequeno deste jeito não pode querer ganhar Libertadores, Mundial e os cambau. VAMOS ABRIR OS OLHOS ENQUANTO É TEMPO! ESTOU REPETINDO ISSO HÁ MESES: O PALMEIRAS ESTÁ PERDENDO O BONDE DA HISTÓRIA!

Desculpem todos mas o Palmeiras e a sua diretoria estão absolutamente certos em não se pronunciar em relação a Copa de 2014.
Qualquer palavra a respeito e estaríamos no mesmo nível de pilantragem e safadezas dos rivais; e isso todo Palmeirense repudia.
Temos ORGULHO e a DIGNIDADE de honrar a nossa palavra dada. O Palmeiras tem um contrato onde cede o DIREITO DE SUPERFÍCIE por 30 anos para a WTORRE e 2014 está inserido nestes 30 anos.
SE, e este é um ‘se’ maiúsculo, houver algum interesse de sediar jogos da copa 2014 e servir de vitrine para o empreendimento ARENA PALASTRA para o mundo quem deve se articular politicamente é a WTORRE juntamente com toda a influência do Sr. J. “Mr. Traffic” Hawilla tem junto da CBF.
Hoje o que mais me interessa é terminar , no prazo, a ARENA PALESTRA e ao passar pela porta podermos olhar com orgulho, se as lagrimas deixarem, o imenso distintivo do Palmeiras.

BOM DIA ! NÃO CONCORDO ! TODOS NÓS PALMEIRENSES RECLAMAMOS QUE DE UMA FORMA OU DE OUTRA, O PALMEIRAS ESTÁ SE APEQUENANDO, QUE A MÍDIA EM GERAL DESDENHA O VERDÃO, ETC,ETC,ETC. QUANDO TEMOS UMA CHANCE ENORME DE ENTRAR NO CENÁRIO NACIONAL BRIGANDO PELO JUSTO E DIREITO DE ABRIGAR UMA COPA NO MOSSO ESTÁDIO, O PALMEIRAS ABRE MÃO. JÁ VALERIA A PENA SÓ PELO RETORNO MIDIÁTICO,POIS, IRIAM EXPLORAR MUITO O TEMA.OU VCS ACHAVAM QUE OS BAMBIS TERIAM COMO FAZER UMA ABERTURA…TUDO JOGO DE CENA E ESTÃO GANHANDO UM ESPAÇO ENORME NA MÍDIA COM ESSA BALELA TODA (NÃO SE FALA EM OUTRA COISA).SÓ QUE…LAMENTÁVELMENTE, O PALMEIRAS SEMPRE FOI PÉSSIMO NOS BASTIDORES, E OLHE QUE…HÁ QUEM ACREDITE QUE O MERDA DO JOSÉ SERRA É PALMEIRENSE E QUE A TRAFFIC (QUE SE DIZ PATROCINADORA DO VERDÃO) É ALINHADA COM A CBF. FICO MUITO TRISTE COMO PALMEIRENSE, POIS, ESTAMOS PENSANDO PEQUENO DE NOVO, A COMEÇAR PELA CAPACIDADE DA ARENA…MUITO GRANA PRA WTORRE PRA UM ESTÁDIO PARA 42 MIL (JOGOS FIFA).ALÍ TINHA QUE FAZER UM ACORDO COM A WTORRE EM AUMENTAR PARA NO MÍNIMO 52MI E ENTRAR NA BRIGA PARA SER A SEDE DE SP NA COPA (NÃO ABERTURA) E QUEM TERIA QUE FAZER O JOGO POLITICO SERIA O BELLUZZO E O SERRA. APESAR DO NOSSO PRESDENTE IR (ERRONEAMENTE) A FAVOR DO PILANTRA DO JUVENAL JUMENTO E CONTRA A CBF (QUE INGENUIDADE DO BELLUZZO).

Acho que o problema é que quando o palmeiras tentar aparecer como candidato e o pessoal não conseguir achar defeito ele podem começar a criar defeito e atrasar a arena, prefiro arena sem copa do que ficar sem a arena.

Que clube de merda é o Palmeiras hein.

Moral ZERO, não tem moral nem pra entrar na briga, que ao meu ver seria praticamente ganha, que seria ofereçer o Palestra como sede em 2014.

De todos os projetos sobre estádios no Brasil o da Arena é o único com aporte financeiro garantido, mas mesmo assim nossa politica é inerte.

Nossa dá medo isso.

Eu já tinha uma idéia, mas não sabia que em termos político os Palmeiras é um ZERO a esquerda.

O que me interessa é quando irão terminar as infindáveis licenças pendentes… Eu quero ver a obra começar cazzo!

Há bastante tempo que venho dizendo a mesma coisa que este post: o que importa é a nossa Arena pronta para o centenário do Palmeiras!
O resto, com todo o respeito à Copa 2014, é o resto!
E uma coisa que não muda a minha visão sobre essa bondade toda dos dirigentes do Palmeiras quanto ao apoio ao Penicão ou mesmo ao Piritubão: quanto menos falarmos da nossa Arena, menos tempo levaremos para aprovar o projeto! Vejam bem… se mesmo com o bico calado, demoramos dois anos para conseguirmos a aprovação da obra, já pensaram em quantas décadas seriam necessárias para aprovar uma obra que faria concorrência com aquele penico velho????
Por mais que imprensa e oposição insistam em esculhambar o nosso acordo com a WTorre, não consigo ver esse prejuízo todo que vivem dizendo em blogs, jornais, televisão…
Acho até que o prêmio de maior absurdo foi o post lançado no “blog do paulinho” (só poderia ser…), onde o cara tem o delíria de achar que o Palmeiras está perdendo dinheiro porque, em 30 anos, terá pago com juros e correção os gastos que a construtora terá pela execução da obra. Ué? Será que a WTorre pensou em construir a Arena Palestra de graça para o Palmeiras????? E onde o Palmeiras conseguiria 300, 350 milhões de reais para levantar sozinho seu estádio/arena?
Continuemos nessa toada… em 2014 deveremos ter nossa Arena pronta, moderna, qualificada e sem utilização de dinheiro público.
Abraços

Morumbi fora da Copa nao é um sonho; é uma realidade: nunca acreditei que ele seria sede – só se entupissem $$$ publico… MAS o que nao consigo entender é por que nao botar a Arena pra ser sede da Copa em SP – obviamente que nao é para a Abertura nem pras Semis… mas seria tao bom pro Palmeiras uma Copa no Palestra… sei lá! Eu acho que seria legal a Arena sedia a Copa!

A questão não é firmar posição.
A questão é mostrar trabalho, comunicar o que tem sido feito. Isso falta e muito.
Basta fazer um mega evento de lançamento da Arena Palestra, com assinatura da escritura etc. Nada a ver com Copa, é o estádio do Palmeiras. Mas mostraria para imprensa, CBF e Fifa qual é a solução para a cidade de São Paulo.

Dane-se a Copa.O importante é o Palmeiras.

Mas eu prefiro que se construa outro estádio à dar dinheiro para os bambis reformarem na mão grande o estádio mais feio do mundo.

Os comentários estão desativados.