Categorias
Futebol com Números

As Receitas da FIFA

Ok, pessoal.  De novo um posto durante um jogo do Brasil.  Tudo bem, se ganharmos como na semana passada juro que vou ficar feliz, ainda que (quase) ninguém leia este post.

Em primeiro lugar,vale à pena comentar que é incrível o grau de transparência que a FIFA tem com a publicação dos relatórios anuais.  Gostaria muito que as entidades no Brasil tivessem o mesmo grau de transparência. 

Em segundo lugar, umas das coisas que chamam a atenção é a consistência da FIFA em aumentar as suas receitas. Observem no gráfico abaixo a evolução das receitas da FIFA, em milhões de dólares.

 

Incrível como eles conseguiram basicamente dobrar a receita entre 2003 e 2009, não? A consistência da FIFA sem dúvida é um ponto importantíssimo em qualquer entidade que planeja ser financeiramente independente.

Agora vocês devem estar se perguntando, do que são compostas as receitas da FIFA?  Observem no gráfico abaixo a resposta.

 

Viram que a maior parte das receitas da FIFA são compostas por basicamente dois itens? 

Os direitos de TV da Copa de 2010 representam simplesmente 61% de toda a receita da FIFA em 2009. Só para esclarecer, a FIFA reconhece todo o ano parte das receitas de transmissão de cada Copa, então, entre 2007 e 2010 teremos todos os anos uma receita de TV para a FIFA.

A outra grande parte da receita da FIFA vem dos direitos de Marketing que a FIFA vende, para os patrocinadores dos campeonatos que a FIFA organiza.  Só essa parte representa 26% do total de receitas.

Assim, com apenas dois itens, a FIFA possui 88% de toda a sua receita. Ou seja, essa entidade tem nas mãos o sonho de toda a empresa: o monopólio de um produto que é também um produto que todos estão dispostos a pagar caro por ele.  Cá entre nós, sendo assim, fica até fácil aumentar as receitas, não?

Voltando ao futebol brasileiro, vemos novamente a importância da TV para o futebol.  E vemos novamente como o Palmeiras e demais clubes brasileiros tem dificuldades em competir com os demais clubes mundiais justamente pela relativamente baixa cota de TV.  Para compensar isso, só com muita criatividade para criar fontes adicionais de receita.

Saudações Alvi-Verdes

* Luís Fernando Tredinnick escreve às sextas-feiras no 3VV explicando a quem conhece, e a quem não conhece, os números do futebol

7 respostas em “As Receitas da FIFA”

Todos vão se lembrar o que houve a muitos anos atras o SBT tentou comprar os direitos de transmissão do futebol, a Globo começou uma campanha contra essa emissora até que o Sr. Abravanel desistisse da ideia, a alguns anos atras a Globo começou outra campanha contra a Record com reportagens e entrevistas difamando a emissora, a grande diferença é que a Record esta tão infiltrada nas camadas do poder quanto a Globo, dessa forma conseguiu se manter e nos ultimos anos vem crescendo de forma vertiginosa a sua audiencia e se a Record conseguir retirar o futebol da Globo será um duro golpe na venus platinada.

Zambon,
Muito boa pergunta. Existem alguns rumores sobre investimentos mais pesados para a transmissão pela internet, mas aparentemente está mais no campo na especulação do que no campo da negociação.

Saudações Alvi-Verdes

Luís,
Existe alguma negociação em andamento para a venda dos direitos de transmissão dos jogos pela internet?

Eu leio sempre.Só não comento porque muitas vezes não tenho capacidade para argumentar a respeito.

Só acho que muito do monopólio da Globo e a consequente “baixa” receita de TV,são em virtude de tudo que move este país quando se fala da Globo.
Medo,rabo preso.O Pitta brigou com a Globo e foi para onde?

Enquanto não tivermos gente com coragem e sem rabo preso não vamos nunca ter receitas maiores.Eu acho que cada clube deveria vender os seus jogos.
E quem vai peitar a Globo?O Dunga.Este não tem rabo preso,mas vai durar só até o dia 11.Depois ele pede pra sair porque não vai aguentar a pressão.E se não pedir pedem por ele.

É um monopólio global de longa data.Da época do Coronel ACM Ministro das Comunicações e cumpadre do Coronel Marinho.Ambos já se foram,mas,sua descendência usam os mesmos métodos.Com menos força,mas ainda tem muita força.
Para mim,não há momento melhor do que este em que os dois reais mandatários do país já partiram desta para outra,para que os clubes se unam e vendam a transmissão para quem pagar mais.

Aliás,parece que o CADE tá tentando acabar com o monopólio,mas,a Globo,que é a acusada neste caso,resolveu peitar até o CADE e não quis fazer acordo.Preferiu que a questão fosse julgada.Ou seja,bota muita fé no seu taco.Acredita que vai influenciar até o judiciário.

Recentemente a JP(só porque proibiram repórteres de entrar em campo) resolveu fazer uma campanha para que os jogos começassem mais cedo.No máximo 21:15.Os vereadores foram lá e bateram no peito dizendo que o povo não podia ser prejudicado pela grade de uma TV.A proposta foi aprovada quase que por unanimidade.Chegou no prefeito Gilberto Kagãossab,ele vetou.Óbvio que se borraria de medo da Globo,afinal ele também tem seu rastro deixado pra trás.E também é do partido do DEMo ex-PFL onde o cacique era o cumpadre ACM.
Voltou para os vereadores,de repente,eles que tinham o poder de derrubar o veto do prefeito,passaram a enrolar para decidir e resolveram decidir a favor da Globo agora no meio da Copa do Mundo.
Resumindo,todo mundo mudou de opinião.O povo não era mais prejudicado e a empresa é que não poderia ser prejudicada.

A Globo manda no Brasil.E por mais que eu discorde dos métodos e meios da Record,ela é a única que tenta e tem conseguido vitórias sobre a Globo.

Espero estar vivo para ver esse monopólio acabar.

Ricardo e Fernando,

Sem dúvida a falta de uma real concorrência entre TVs no Brasil impede um maior valor de cotas para os clubes brasileiros.

Além disso, também não conseguimos vender os jogos brasileiros para o exterior, algo que o Clube dos 13 deveria ser o responsável.

Agora, o Palmeiras sozinho fechar um acordo com a Record é uma temeridade. Se todos os clubes fizessem isso AO MESMO TEMPO, é um tipo de relação com a Globo. Como só o Palmeiras fez, no caso o Palmeiras é ainda a parte que pode ser mais prejudicada nessa história toda…

Vamos ver.

Saudações Alvi-Verdes

bom oq eu ia falar bate +- com o Ricardo ai de cima..

so mesmo abrindo concorrencia com as emissoras de TV para aumentarmos de verdade essa verba..

bom parece q a Record vai vir forte ano q vem, quando vence o contrato da Globo para transmitir o brasileirao..

mas se acontecer a palhacada q aconteceu da ultima vez… ai vai ficar dificil..

abs

Tredinnick,

Como você mesmo disse, não tem como a FIFA não aumentar as suas receitas com um produto desses.
É surreal o ganho. Acredito que o COI funciona da mesma maneira com os Jogos.

Sobre o ultimo paragrafo, é evidente que as cotas da TV são importantes por causa da exposição e dos cotistas das emissoras. No ultimo Football Money League da Deloitte, se eu não me engano, todos tem a renda através da TV como maior aporte.

Infelizmente não temos concorrência aqui no Brasil, por sermos alienados ao Clube dos 13 e Rede Globo. A emissora carioca fatura mais com seus cotistas do que repassa.
Os clubes participam de um círculo vicioso ao adiantar receitas, nunca conseguem se desvincular.

Saindo disso, eles deviam buscar seus próprios contratos e decidir em qual horário os jogos serão transmitidos.
O próprio Palmeiras, não sei como, conseguiu celebrar com a Record a exibição do jogo contra o Boca.

Se um começar a fazer, e ganhar mais, os outros vão atrás. Aí não precisa ficar se esforçando demais pra alavancar outras receitas.

Abs

Os comentários estão desativados.