Categorias
Opinião

OPINIÃO DO CRISCIO: três fatos que definem o caminho

POR VICENTE CRISCIO

A semana ficou marcada por três fatos que serão provocados aqui. Todos eles apontam para o futuro palmeirense. Todos ele têm aspectos positivos. Entretanto todos também apresentam preocupações.

Este post acima de tudo apresenta uma OPINIÃO crítica sobre eles.

FATO 1: CATEGORIAS DE BASE 

Atendendo a pedidos dos sócios remidos – pelo seu número e poder econômico os remidos têm se tornado importante influência junto ao Presidente Belluzzo – o principal executivo das categorias de base palmeirense, Marcos Biasotto, apresentou na segunda-feira dia 5 de julho um status sobre suas atividades.

Quase tudo, uma maravilha: com 1,5 ano de Palmeiras Biasotto está implantando um modelo de gestão baseado em informações (bancos de dados de jogadores com “scout” em várias dimensões), vídeos (inclusive para dar o devido feed back para quem indica jogadores, eliminando ou pelo menos reduzindo a influência política) e controles rígidos dos meninos e as obrigações alviverdes (para evitar casos como o de Ilsinho).

Está implantando ainda um esquema de franquias de escolinhas – duas cidades já definidas – onde com isso poderá aumentar a capilaridade para identificar novas promessas além de gerar alguma receita para o clube.

Porém, ah porém, duas coisas deixaram os palmeirenses de plantão com uma pulga verde atrás da orelha. Uma delas é que quando o Palmeiras identifica um jovem jogador para trazer para suas categorias de base estará pedindo ajuda a empresários para bancar o atleta. Por exemplo, se identificar algum garoto de 16 ou 17 anos num pequeno clube em qualquer lugar do Brasil, um empresário será “convidado” a participar do investimento. Isso, justifica-se, porque hoje o Palmeiras não teria disponível hipoteticamente R$ 300 mil para bancar uma jovem promessa.

Complicado, concordam?

Outro fato que deixou este colunista prá lá de incomodado foi a quinta declaração de objetivos que Biasotto apresentou para seu departamento. Depois de iniciar uma apresentação em power point e formalizar que tem como objetivos identificar talentos, formar atletas, e outras metas, o competente gerente explicita que a SE Palmeiras tem como objetivo revelar atletas para revendê-los.

Como assim? Ah mas a necessidade de receitas, a necessidade de vender para gerar caixa… bla bla bla. Vamos parar com isso. Formar jogadores para vender é coisa de time pequeno. Não é coisa do Palmeiras.

A missão desse departamento tem que ser identificar talentos, formar
atletas, e fazê-los jogarem na SE Palmeiras para serem campeões do
Brasileiro, da Libertadores, do mundo! Precisamos de ídolos, e que joguem anos e anos no Palmeiras. Só depois disso, e bem depois, se um Barcelona
ou Real quiser gastar 40-50 milhões de euros, aí você vende.

Concordam?

FATO 2: DESPEDIDA

Essa é fácil: a despedida do Palestra foi uma das mais bem boladas formas de alavancar a imagem e gerar receitas que se fez nos últimos tempos. A parceria com a Record foi excelente, as ideias criativas e se algo ficou ruim na concepção foi o preço dos ingressos nos setores Visa e cadeiras. Tirando esse último ponto, o marketing alviverde acertou em cheio.

Porém, ah porém… falta uma integração entre “o que fazer” com o “como fazer”. O que se viu na Turiassu foi algo triste, com famílias (crianças, idosos) sofrendo para trocarem ingressos que ironicamente tinham taxa de conveniência. A grande maioria perdeu os eventos anteriores à partida – jogo do Masters por exemplo. Além disso a revista prometida não foi entregue a todos e muitos sentiram um gostinho amargo nessa despedida.

Pergunta: custava aos responsáveis pela operação do estádio (não sei quem são logo não é uma pergunta pessoal) disponibilizarem outro processo para quem comprava arquibancada pela internet? A troca do voucher pelo ingresso era lenta, confusa, mal sinalizada. Um evento dessa natureza precisava mostrar que estávamos mudando de patamar na relação torcedor-marca.

No sábado ouvi de um apaixonado palestrino com dores na coluna depois de duas horas e meia de fila e 90 minutos de jogo em pé: “ok a Diretoria conseguiu levantar R$ 1,2 MM de renda. Mas conseguiu encantar o cliente?”.

Resposta: parece que o objetivo estava longe de encantar o cliente.
Concordam?

FATO 3: E O TIME?

Bom, esse é rápido. O time continua como antes. Ruim!

Murtosa/Felipão ainda não começaram a trabalhar. Mas como foi dito no pós-jogo, não se faz um prato bom com ingredientes ruins, ainda mais em um campeonato de pontos corridos. Felipão terá muito trabalho, e contratações são necessárias. Kléber – esforço pessoal do Presidente Belluzzo que passou por cima da opinião contrária da Diretoria de Futebol para trazer o Gladiador – é raçudo e tem todas as qualidades que nós conhecemos, mas não tem quem o coloque na frente do gol.

Esse alguém é Valdívia, que igualmente está sendo trazido pelo esforço pessoal do Presidente, com apoio do Marketing palmeirense e da Diretoria de Relações Internacionais. Além dele, Tinga vem aí. E só!

Ou seja, lá no começo do ano a Diretoria de Futebol dizia que tínhamos time bom para disputarmos todos os títulos do ano, faltavam apenas contratações cirúrgicas. Depois do choque de realidade vieram (não nessa ordem):
– Ivo (veio e já foi, perceberam? quem será que ganhou com isso?);
– Lincoln;
– Ewerthon;
– Bruno Paulo;
– Paulo Henrique (que também já era);
– Vitor (ótimo lateral);
– Marcos Assunção.

Kléber chegou e está pegando ritmo. Tinga foi confirmado. Valdívia deve vir. Resolverão o problema palmeirense?

Felipão precisará de muita inspiração e transpiração.
Concordam?

O QUE ESPERAR?

Todos estes três fatos terão desdobramentos importantes daqui prá frente. As categorias de base apresentarão seguramente resultados no médio/longo prazo. Mas precisa parar com essa síndrome de time pequeno, que precisa revelar jogador prá vender. Queremos ídolos, que geram valor pro clube, geram torcida, títulos, aumentam a paixão, que no limite aumentam as receitas.

Sobre a Arena, que pode entrar na pauta da FIFA por conta da Copa 2014, também. Com ela espera-se um novo padrão de operação de estádios, que farão com que os problemas da última sexta-feira sejam coisas do passado. Além de trazer novas receitas.

Mas fica a principal pergunta: e o planejamento do futebol? e a montagem de um elenco duradouro? e a gestão profissional? e os investimentos em contratações com responsabilidade, pensando também no caixa do clube? e a transparência nas contratações? por que ainda fazemos contratações que duram meses, como nos casos de Ivo e P. Henrique?

Enquanto aguardamos os desdobramentos peço sua opinião. Deixe aí nos comentários.
Estamos no caminho certo?
Saudações Alviverdes!

40 respostas em “OPINIÃO DO CRISCIO: três fatos que definem o caminho”

Amigos, desculpem mas hoje entrei em reunião logo cedo e só me liberei do trabalho agora. Alguns comentários, atrasado.

Álvaro (39), é fria hein?
Wagner (38), a foto realmente é marcante.

Felipe (30) infelizmente parece que foi isso mesmo.

PC (16) eu reconheço que hoje é difícil competir com a Europa mas eu discordo (e quis alertar sobre isso no post) que a formação dos garotos tem que ser no sentido de se valorizar o mercado local e principalmente fazer os meninos terem como objetivo serem ídolos no Palmeiras.

Com dor no coração eu admito perder um ídolo para o Barcelona, Manchester, Inter de Milão. Mas perder ídolos para mercados da Ucrânia, Rússia, ou mesmo Portugal, não dá.

Veja o Keirrison. Mal orientado, mal formado. Foi preparado para jogar fora do Brasil. Se tivessem incutido na cabeça dele que ele tinha que ganhar títulos e ser ídolo no Brasil ele (e seu empresário) não forçava a saída. Foi prá Europa, virou um perdedor, e voltou com o rabo entre as pernas pro Santos (prá ganhar menos do que ganhava lá).

Se tivesse continuado no Palmeiras, se fosse campeão brasileiro e artilheiro, poderia ter disputado uma Copa do Mundo. Quanto poderia ter se valorizado?

É isso aí. Abraços a todos.

So vou dizer uma coisa:

VICENTE CRISCIO PARA DIRETOR DE FUTEBOL JA!

Bom, quanto ao post, irretocavelmente correto, acrescentando o fato da briga interna dos sócios/políticos, alguns sanguessugassauros dentro o clube e o desencontro do departamento de futebol. O primeiro passo, e o passo que mais esta ao nosso poder, é primeiramente nos unir. Belluzo chegou e, male má, puxou a corda pra frente, mas os fantasmas turcos ainda insistem em puxar a corda pra trás. Se conseguissimos, de alguma forma, com que todos puxassem a corda pra frente…iriamos looonge mesmo.

Só sei que a foto do post me arrepiou a espinha. Não sei porque.

Começou a retaliação da CBF contra o Palmeiras: Kléber teve seu nome retirado do BID

Caro Sérgio,

Eles não me precisam repassar meia entrada, pois como falei sou estudante e estou no meu direito. Se a diretoria recebe uma cota de meia entrada e vende para os puxa sacos, isso não é problema meu e sim da diretoria do PALMEIRAS que faz isso. (Não sou a favor de cotas para qualquer torcida Organizada, apesar de fazer parte dela.)
Não disse que o estádio estava lotado, disse que a ARQUIBANCADA esgotou (segundo eles, exceto o verde-limão, que estava cheio, mas não lotado).

O Visa é um caso a parte, todo mundo sabia que não iria lotar com o absurdo de preço que cobraram (se lá fosse arquibancada como antigamente, iria lotar e daria mais renda, mas isso é outro papo).
A culpa da não lotação foi unica e exclusiva da Diretoria e do pessoal (?) de Marketing.

Quanto a convidar a Escola de Samba, qual o problema nisso? É a única que representa (um pouco) nosso time no Grupo Especial. Chamar a Escola de Samba da TUP seria uma perda de tempo.

*Sobre o jogo ser uma ação caça-níqueis isso é fato e todo mundo acabou achando ‘legal’ por ser a ‘despedida’.

O engraçado é isso, vcs cobram “onde estava a organizada”…
Na hora que a Organizada vai lá reclamar, dizem que é obra politiqueira, a mando do Sapo Boi e coisas assim. Quando não falam nada, cobram a Organizada. Não somos a unica do Palmeiras, podemos ser a maior, mas não a única. Ninguem reclamou.

Alias, muitos reclamaram em fóruns e blogs por ai, mas chegou na hora todo mundo decidiu ir pois valeria a pena por ser a despedida do ‘velho’ Palestra.
Então do que adiantaria reclamar?
Não iria adiantar nada, mas nós demos o aviso (todos os torcedores) sobre isso e no fim só a arquibancada esgotou (como ja cansei de dizer).

Abraço

Caro Yargo #32

Se a Mancha não te repassa a meia entrada, melhor falar com eles.

Agora vamos à lotação do Estádio, se no setor VISA cabem 5000 pessoas e não tinha mais de 1000, no setor destinado ao visitante cabem 2000 pessoas e no nosso Estádio cabem 27000 pessoas, vc pode me dizer onde estavam os outros 6000 faltantes???
10000 pessoas a menos e vc acha que estava lotado???

Se vc acha que um Estádio com apenas 60% da lotação é um Estádio cheio, vc se contenta com pouco….. eu quero o Estádio cheio… principalmente na festa de despedida. Vc nunca mais verá esse Estádio.

Quanto ao privilégio, caro Yargo, está no fato de se convidar apenas uma uniformizada. A Escola de Samba é mero detalhe.

Outro privilégio que eu não entendo e não concordo é o de majorar os preços para auferir maior receita. Isso é caça-niqueis, é ação comercial conveniente….não há ação de marketing nisso. Favorece apenas quem tem mais dinheiro.

Onde estava a Torcida Organizada nessa hora, que reclama quando o preço da arquibancada aumentou de 30 para 40???? Como concordaram em pagar 80???

Festa é para todos, e não para alguns somente.

Abraço

Poxa, essa da revista é de lascar – se tinha pouco menos de 18 mil pessoas no estádio e logo na primeira página da mesma diz que a tiragem foi de 30 mil exemplares, onde enfiaram as 12 mil de diferença?

Ao #26:

Organizado pagando meia?
Sou membro da Organizada e só paguei meia porque so estudante e peguei fila como todo mundo (alias, a arquibancada ACABOU então não diga que não estava lotado e só me sobrou verde-limão o que deu um total de mais de 2 horas na fila).

O único lugar que estava realmente vazio era o setor VISA lugar que Organizado não participa, ou seja, NOSSA parte de apoiar, nós fizemos.

Sobre entrar c/ a Escola de Samba, qual o problema?
Faz parte do clima de festa que vc disse que não viu.
Vc tem uma escola e quer se apresentar tbm?
Pura dor de cotovelo…

E as faixas, bandeiras e mosaicos feitos pela TORCIDA ‘PRIVILEGIADA’ não fez parte da festa tambem?

Não vi privilégio nenhum, apenas nós fizemos a festa de sempre, pro nosso TIME e homenageando nosso ESTÁDIO.

caro amigo yzquierdo, obrigado pela ajuda, ainda que nao tenha me convencido, o que ratifica a conclusão que fugi da escola mesmo, ate pq nos outros setores cada ingresso valia por 3,4 e ate 6 pessoas. e ai se confirmada a informação do site verdazzo, que o palmeiras pagou 600 mil dolares para o boca, chego a conclusão que minha fuga escolar não foi solitária, apesar de meus amigos de fuga, terem mais sorte , pois viraram diretores do palmeiras.

Vicente.
Quero comentar somente o evento despedida.

Você acertou em cheio. Eu imaginava (inocentemente) que a festa seria para homenagear o Palestra, o Palmeiras e sua torcida. O que se viu foi descaso.
O que era para ser encanto acabou como indignação.

Porra, enqto o time da marginal não tem nem gramado próprio, o do Jd.Leonor precisa implodir aquele monte de concreto, tacamos a lenha em um time que está pensando longe.
Há defeitos, lógico que sim!
Mas em dois anos de Belluzzo tivemos 3 dos melhores técnicos do Brasil, quiçá do mundo (ao menos em teoria), DS, Vitor (melhores em suas posições pelo último Brasileiro); desfizemos contrato (alguém já viu isso?) pra faturarmos mais, e nossas categorias de base tem gannho títulos e revelado garotos.
Na minha opinião: bota fora em quem não tem vontade ou qualidade pra jogar com pressão.
Nossa defesa (zagueiros) é horrível.
Esperemos Tinga, Mago e Linconl no meio…o resto…fora.
Mais um atacante de ofício e ao menos Libertadores conseguimos….agora ano que vem…que o Felipão faça a cobra fumar e mande embora os parasitas que já fizeram habitat no nosso Palmeiras.

Se eu fosse treinador do Palestra daria uma sequencia de jogos para o Assunção, coisa que ele não teve até agora. Não existe jogador tão bom na bola parada que nem ele no Palmeiras e no Brasil (não acho que o CX chegue nós pés). Desse modo também aproveitaríamos melhor a estatura do Tadeu na jogada aérea.

E jogaria com 3 volantes, dando liberdade aos nossos laterais Vítor e Armero que melhor atacam que defendem. Mesmo porque o volante Tinga também é muito bom no ataque.

Pra mim o meio de campo teria que ser Pierre(Edinho), Assunção, Tinga e Valdívia (Lincoln).

Torcida organizada paga meia e tem direito de desfilar a bateria da Escola de Samaba dentro do clube….. e eu não tenho esse direito.

Já tivemos vários jogos com arrecadação acima de 1milhão e 200mil mas, estava lotado…… não seria melhor assim, clima de festa???

Onde estava o clima de festa na 6a feira????

Desculpem-me, mas estou indignado com esse jogo caça-niqueis e os privilégios oferecidos a alguns e em especial à Mancha Verde. Quero saber o porque desses privilégios.

Abraço

Sérgio, tem muitos torcedores que pagam meia entrada, tem que considerar isso na conta.

Qual o dia da apresentação do Felipão?

Do mkt eu já desisti.O cara compra na internet e fica um ano esperando para entrar no estádio.Alguém ganha com isso,não é possível.

devo ter fugido da escola, se 18 mil pessoas entram num estadio em que o ingresso mais barato era 90,00 reais, como pode dar uma renda de 1,2 milhao????????????? como diria o datena, me ajuda ai !!!!!

Totalmente off topic, mas, não posso deixar passar:

CHUUUUPAAAA HOLANDA!!!

VIVA LA FURIA!!!

O Palmeiras é tão amador em certas coisas que irrita. Ainda ficaremos sem Felipão, Valdívia, Ronaldinho Gaúcho… Podem esperar.

Vicente

Se vc teve acesso a essa “explicação” do Sr Biasotto, será que vc sabe quem tem acesso a esse “banco de dados” de informações??? Ele é do Palmeiras (sob controle do clube) ou está sob controle do Gerente???

Acho fundamental saber isso para pensar se vai funcionar ou não…… o “furo” pode estar ai!!

Não vou comentar sobre as “ações” de Mktg, pq não aumentaram a receita, não aumentaram a exposição da marca e não incrementamos a massa de aderencia à marca (torcedores). Forma apenas ações comerciais normais, e mal executadas.

Abraço

#16 André ai que ta, não é uma questão de gosto que falo. É a questão de explorar um novo nixo de mercado, daqueles que não gostam e consomem também. Quem gosta com patrocinio continuario a comprar, e quem não gosta teria sua opção de faze-lo. Ou seja, venderia se mais e não menos.

XXX D. G. XXX

categoria de base é um investimento de risco e se tiver alguem que ajude nos custos de forma transparente é útil………….

Minha previsão e, lógico, espero estar errado, o foco terá que ser o título da sulamericana, no brasileirão, brigar pra não cair…

Vicente

Como estamos amargos hoje, a sua coluna até que não esta tão critica mas os comentarios tem um gosto de fel, infelizmente vivemos em um pais onde um jogador top vai ganhar no maximo em torno de 300 mil reais enquanto na Europa um jogador mediano ganha o dobro disso, fica impossivel querer segurar o atleta no Brasil , quanto a colocar a situação como objetivo, nada mais é que constatar a realidade.

Quanto ao convite aos empresarios para participarem da contratação de promessas, nada mais é que um investimento e antes de criticar devemos ver os numeros dessa participação para depois podermos formar uma opinião.
Mais uma vez temos criticas quanto as atitudes da Diretoria, em seu texto por duas vezes vc fala do “esforço pessoal do Belluzzo” em trazer esse ou aquele, por favor estavamos estagnados nos ultimos trinta anos, vamos ter um pouco de paciencia e dar um voto de confiança, acredito sim em classificação para a libertadores, para um inicio de trabalho ja estaria otimo, o principal motivo da minha confiança se chama Felipão, pois devemos lembrar que ele foi campeão da Libertadores com Luis Carlos Goiano e Dinho no meio de campo e esses com certeza seriam reservas de Edinho e Pierre.

Em relação a despedida não pude ir pois estava trabalhando, alguem tem de fazer isso nesse pais, enquanto outros se divertem com seu mocassim ferragamo sem meia e sua careca exposta ao sol, rsrsrs abraços.

E o galo tem o melhor CT do futebol brasileiro,e fica uma semana treinando em Atibaia………..imagina o valor dessa conta…………………………já passamos por isso……..

Respeito a opinião do colega,mas adoro camisa com patrocínio………comprei a réplica da camisa de 88 com o logo da Agip…………amo aquela camisa com gola V.

#5- Fernando quer ver uma granda tacada de makerting que esses caras nem pensam em fazer.

A principio quando se faz um contrato de patrocinio para estampar a marca na camisa de um time de futebol é com objetivo principal de expor a marca na Tv. Os outros fatores agregados são de segundo plano: clube vencedor, torcedor fiel, exponser em vestiario e estadio, etc. O principal da camisa é EXPOR A MARCA PARA APARECER NOS PROGRAMAS ESPORTIVOS.

Dentro disso, vou citar uma coisa que os “MAGOS DO MARKETING”, não só do palmeiras, mas dos outros também, não sacaram ainda.

Eu amaria ter uma camisa dessa ai azul que voce comprou. Adoraria mesmo, iria sair com ela pela rua a qualquer hora, poderia ir até uma baladinha bacana: CASO NÃO TIVESSE NENHUM PATROCINIO.
Ou seja, a camisa é bonita, PRA MIM, o que a deixa feia sáo os patrocinios, não só da manga, até mesmo da principal mesmo.

Agora veja bem, por que nenhum genio do marketing não pensou em lançar essa camisa sem patrocinio nenhum? Não sei se é obrigado a faze lo com patrocinio, não li o contrato, mas se o é, pra mim devia ser revisto.

Mas pera ai, digamos que seja por contrato obrigado a fazer isso, não pode vender sem patrocinio. Enão pega se os uniformes anteriores, que ja não estão sendo usados e VENDAM SEM PATROCINIO. Venda com o valo sei lá 20% maior que seja, diferencie para aquele torcedor que vai comprar com atual patrocinador pagar mais barato, agradando o parceiro.

Exemplo, hoje poderiamos ter varios modelos a venda sem patrocinio, que não se encontra nem com patrocinio. Aquela famosa verde marca texto, uma outra lançada na época da parmalat que tinha faixas vermelhas e assim vai…

Tudo bem que o que vem de fonte de dados do Jardim Leonor não é confiavel, mas reza a lenda que venderam mais de 200 mil camisas sem patrocinio no começo desse ano, epóca que estavam sem patrocinador na camisa.

ISSO É MARKETING, VER UM NICHO Á SER DESCOBERTO E EXPLORA -LO. Hoje isso é só uma idéia que estamos tendo numa discussão aqui no 3VV, mas não duvide que num futuro próximo algum time vai lucrar muito vendendo camisas atuais, SEM FALAR NAS RETROS, sem patrocinio. Farão contratos especificos e pagos a parte caso a empresa queira “patrocinar” também o torcedor. E ainda assim, o torcerdor poderá escolher outros uniformes sem logomarca nenhuma , a não ser a do seu prórprio time.

Será o Palmeiras o primeiro clube a fazer isso? Talvez, mas não nessa gestão com certeza.

XXX D. G. XXX

CATEGORIAS DE BASE
– deveria ser vendida só a “produção” excedente.
– é perigoso dar participação em jogadores para essa escória, mas fazer o quê? Espero que, com o tempo, o Palmeiras possa tocar o barco sozinho

DESPEDIDA
– organização de partidas nunca foi o forte do Palmeiras. Torço para que, na Arena, isso fique na mão da administradora do estádio até aprendermos como é que se faz.

TIME
– depois do Gladiador, vindo o Mago, já ficarei feliz pra caramba. Acredito que o Felipão ainda vai fazer esse time ser extremamente competitivo.

Essa história do BID é engraçada. O Cruzeiro negociou o Guilherme, trouxe o Kleber na mesma negociação como parte do pagamento, fora outras dezenas de jogadores que os marias venderam, como Marcelo Moreno e outros. Agora que negociou com o Palmeiras aparece essa história de Goytacaz do RJ. Aí chamam o palmeirense de paranóico.

Acho que a mentalidade no Palmeiras tem que mudar. Nos últimos tempos só ouvimos falar em lucro, gerar receitas, estratégias de marketing. Estão tratando o Palmeiras como se fosse simplesmente uma empresa, em que o único objetivo é ganhar dinheiro. O Vicente mostrou nesse ótimo texto dois exemplos disto. A mentalidade é a mesma nas categorias de base, no marketing, em todas as áreas. Mudar um pouco o foco seria bom. Por exemplo, fazer um esforço para facilitar as coisas para o torcedor adquirir seu ingresso, não só cobrar 80 reais e fazer um serviço ruim como no jogo de despedida. Por exemplo, este ano começaram a vender ingresso antecipadamente em algumas lojas da Roxos e Doentes. Achei boa a iniciativa, para mim facilitou bastante pois comprei ingresso para alguns jogos em um shopping a 5 minutos da minha casa. Deveriam continuar com esse esquema, e pensar em aumentar os pontos de venda em diferentes regiões da cidade, e se possível não só das 10 às 17 h, mas no horário do shopping, das 10 às 22h. Já que é para vender em uma loja de shopping, que sejam vendidos os ingressos no horário integral de funcionamento do shopping, para quem trabalha durante o dia poder comprar em um horário alternativo, e não necessariamente ter que ir até o estádio para comprar. Não parece ser tão difícil implantar algo desse tipo.

Me desculpem os defensores da diretoria, quem acha que está tudo indo as mil maravilhas pelo fato do Palmeiras ter aumentado as receitas. Mas só isso não basta. Ficar pensando em idéias mirabolantes (Avanti por exemplo), e não ter capacidade de executar um bom serviço não adianta de nada. Antes de tentar ser genial, que tal tentar ser competente?

Sobre o time, acho que o Felipão sozinho não vai conseguir fazer milagre. Precisamos de mais alguns reforços, principalmente um atacante de qualidade para jogar com o Kléber. Cansei de ser enganado com Ewerton, Robert, Lenny, Marquinhos. E espero que termine logo mais uma novela, a contratação do Valdivia, pelo amor de Deus!

DIRETORIA – chega de falsas promessas…
Falar mal de uma diretoria que comprou Kleber, trouxe Felipao de volta e esta atras do Valdivia parece ser um grande absurdo, mas nao eh.

Realmente eles fizeram um ótimo papel nessas contratações, porem cipullo prometeu um elenco fechado na quando o felipao voltasse e ateh agora soh trouxeram o Gladiador para resolver nossos problemas.

Felipao nao faz magica e o Kleber nao resolve as coisas sozinho. Atualmente temos praticamente o mesmo elenco que conquistamos o 10 lugar no paulista e foi desclassificado na copa do brasil pelo fraco atletico goianiense.

Ainda falta um lateral esquerda, zagueiro, meia e atacante e o unico nome engatilhado eh o de valdivia. Ou seja, nem de longe resolveremos nossos problemas ateh quinta-feira.

Sei que nao eh simples contratar jogadores que venham para ser titular, mas o cipullo tmb sabe e poderia muito bem soltar a real para a torcida. O Palmeiras vai contratar aos poucos, focando no ano que vem, o que vier nesse segundo semestre eh lucro. Pronto bastava falar isso que a torcida ia reclamar mas nao ficaria aqui sonhando com ronaldinho gaucho, fabio aurelio, anderson polga, taison etc… Precisou nosso auxiliar tecnico, murtosa, ter peito e respieto com a torcida e jogar e real.

Todo ano eh a mesma coisa, prometem o time pronto o inicio da temporada e os campeonatos começam com nos precisando de reforços ainda. Maior exemplo disso eh o Camisa 9 que a diretoria prometeu para o começo do ano e ateh agora nada! SO ESPERO QUE NAO QUEIME MAIS UM TREINADOR QUE POR SINAL E O MELHOR DO MUNDO ! sem jogadores bons ele nao vai consequir !

Vicente, tenho muita curiosidade de saber qual o custo das categorias de base do Palmeiras… Como já falei muitas vezes , sou a favor da EXTINÇÃO de todas categorias de base do Palmeiras… a imensa maioria é absolutamente a favor de categorias de base, eu sou contra… Se tivesse os numeros relativos a dinheiro investido, numeros de jogadores mantidos, minha opinião poderia mudar ou ganhar força… Você poderia nos informar ?
Tempos atrás o Palmeiras nãofez uma parceria com o Ajax da Holanda ? quem sabe a nova camisa número 3 não pode ser laranja, da cor da Seleção holandesa ?

nem ví o jogo de despedida,fiquei tomando uma breja com alguns amigos…………80 reais é muita grana e depois que o pessoal ficou 3 horas na fila………sinceramente pra mim mesmo sendo despedida não tem todo esse apelo…………

Vale a mesma história da plinplin com o pires na mão a poderosa deita e rola…..os empresários a mesma coisa……quando aperta o calo correm atrás deles………..veja as jóias do Santos o grupo sonda tem parte do passe de todos eles……..

e o Belluzzo sentando a bota na imprensa

http://www.verdao.net/noticia.php?n=4265

2 – GERALDO
“”””Continua com a visão equivocada que o torcerdo é obrigado a dar dinheiro ao clube e ponto final, não importando a qualidade do produto.”””

sabe do q lembrei qndo li isso??

Palmeiras AVANTI

ja li dezenas de vezes.. a diretoria de Marketing dizer q o mais importante e q o torcedor vai dar dinheiro pro clube….

mas perai dar dinheiro??
se fala tanto em profisiionailizacao e os caras querem q eu pague por um produto porcaria..

eu nao sou torcedor idiota… nao compro produto ruim so pq tem o nome Palmeiras..

Ontem eu comprei a camisa AZUL, pq ela e bonita e de otima qualidade..

pq se fosse horrivel eu nao compraria nem por 10 reais..

o torcedor quer comprar produtos e servicos do time..
so precisa aparecer alguem com ideias decentes para botar em pratica..

fazer oq eles fizeram na despedida… NAO E TACADA DE MARKETING??? pensaram em coisas basicas e executaram de maneira ridicula.

abs

A idéia do jogo de despedida foi muito boa, mas sua operação foi um desastre do começo ao fim. Espero que a diretoria tenha aprendido a lição e não repita esses erros no jogo de inauguração da Arena.

Vender ingressos de todos os setores pela internet foi ótimo, mas só aceitava Master e Amex. E ainda teria que retirar o ingresso na bilheteria. Que bela conveniência hein?

Desculpem o palavreado, mas depois de comprar o ingresso e vi isso já sabia que ia dar merda e dei um jeito de retirar os ingressos durante a semana…

Vicente..

Fato 1:
—- Quais as bases desses “convite” para o empresario contratar o jogador..

visto que o Palmeiras garimpou e identificou o talento..

e o empresario entra somente com 300.. 400mil.

digo somente pq o investimento do clube com scout, infra estrutura da base, salario e etc e muito maior q 300-400mil..

portanto o clube tem q ficar com a MAIOR parte desse bolo..

certo? esta sendo feito assim?

—- sobre vender atletas concordo em parte… por exemplo.. oq fazemos HJ com atletas nao aproveitados no time principal???

NADA?

investe anos… muita grana e depois o cara vai embora assim? sem retorno algum?

os nao aproveitados por nos, devem gerar algum retorno, mesmo que nao pague nem 10% dos seus custos.

mesmo pq gerando alguma receita com os atletas nao aproveitados (MAIORIA) o clube teria receita para contratar atletas melhores e se livrar do tal empresario “convidado”.

concorda?

Fato 2:

bom qndo vi que teria que trocar o voucher pelo ingresso eu sabia q nao ia dar certo..

1.2MM de renda nao e nada de mais…
poderiamos ter conseguido isso vendendo mais barato principalmente visa e cadeiras e lotado completamente o estadio.. e alcançariamos essa cifra
cadeiras por 400 reias foi um roubo…

encantou no começo na ideia, na execucao foi quase um desastre

Fato 3:

bom a diretoria de futebol contra a contratacao do Kleber e piada d+..
FORA CIPULLO

de resto..

Lincoln se conseguir pegar uma sequencia e ritmo bom.. e muito bom jogador..

bruno paulo acho q ja foi embora (menos um lixo da traffic)

M. Assunção parece q ainda ta meio perdido… mas podemos ter esperancas nele..

alem de valdivia falta um bom zagueiro pra jogar com o danilo.

e essas suas perguntas no final tem uma resposta..

FORA CIPULLO.. quase 100 atletas em 3 anos..
eita rotatividade alta… isso ta parecendo consultoria de informatica..

precisa vir um cara do nivel do Maluf (que quase veio) nao é possivel que nao tenha ninguem..

o Brunoro falam que e caro
caro qnto?
100mil por mes?

ele mataria todos os problemas..

Fora cipullo, genaro e saverio..

Abs

Vicente o Bruno Paulo também ja foi, pro Vasco. Outra enganação.

Minha opinião: a porca ja foi pro brejo.

Vou continuar torcendo, mas não vejo nem vaga pra libertadores. Assim como não existe arvore de dinheiro, não existe milagre. O time é ruim, a defesa é pessima, e vai continuar falhando na hora H. O Valdivia, SE VIER, não ser o armador que tanto precisamos.

Por fim, me perdoe, mas ações de marketing do tipo criar “locais” e cobrar caro: NÃO É AÇÃO DE MARKETING.
Prova cabal que o Marketing do Palmeiras realmente é ruim foi que ele se limitou a aumentar o preço dos ingressos e “invetar” postos de trabalho “a receber”.
Continua com a visão equivocada que o torcerdo é obrigado a dar dinheiro ao clube e ponto final, não importando a qualidade do produto. Tanto é que voce mesmo fala que a execuçaão do “tal projeto” foi falha, deixando muita gente na “mão”.

Me perdoe quem acha que Rogerio Dezembro faz um bom trabalho, quiça razoavel, mas esse ja deveria ter saido dai faz tempo. Não consegue nada de novo: aumentar ingresso, vender contrato de camisa, vender direitos televisivos e de arquivo de imagens NÃO É FUNÇÃO DO MARKETING. Se alguem não ta fazendo e marketing ta tapando buraco ok? Obrigado pela ajuda, mas isso não é função do Marketing.

Abraços.

XXX D. G. XXX

Crisio!
Concordo com sua preocupacao, mas depois de pegarmos um caminho errado por um longo tempo, com certeza um bom tempo para retornarmos ao certo, agora a um melhor e um pouco mais dificil. O primeiro passo esta dado, e esperamos daqui pra frente melhorar.

Os comentários estão desativados.