Categorias
Drops

DROPS 13/08/10: VALDÍVIA, MARKETING, CIPULLO, FELIPÃO, ITAQUERÃO, NAMING RIGHTS, PAULO NOBRE e CRISE DO OUTRO LADO DO MURO

REDAÇÃO 3VV

VALDÍVIA, PELA IMPRENSA BRASILEIRA

O leitor Rodrigo Bucciolli
Pereira faz uma observação interessante sobre a cobertura dada pela imprensa
brasileira ao retorno de Valdívia, sempre com toques de ironias ou
depreciações, como esta matéria do Terra, por exemplo: http://esportes.terra.com.br/futebol/brasileiro/2010/noticias/0,,OI4619792-EI15406,00-Ovacionado+por+diretoria+e+torcida+Valdivia+tem+recepcao+de+Messias.html

VALDÍVIA, PELA IMPRENSA CHILENA

Já o leitor Cassiano Amatuzzi
nos dá a dica para a cobertura da contratação de Valdívia sob a ótica da
imprensa chilena.

LA
TERCERA: Jorge Valdivia tuvo presentación de estrella en Palmeiras
http://www.latercera.com/noticia/deportes/futbol/2010/08/688-283556-9-jorge-valdivia-tuvo-presentacion-de-estrella-en-palmeiras.shtml

LA NACIÓN: “…El ‘Mago’ llega al popular elenco paulista por las próximas
cinco temporadas…” – lanacion
http://www.triunfo.cl/jorge-valdivia-fue-presentado-oficialmente-en-palmeiras/noticias/2010-08-12/123549.html

La Segunda: Jorge Valdivia fue presentado como ídolo en el Palmeiras
http://www.lasegunda.com/ediciononline/deportes/detalle/index.asp?idnoticia=579641

VALDÍVIA E A ENTREVISTA

O leitor Rodrigo Lepera mandou
email ao 3VV falando sobre a entrevista de Valdívia:

“Nunca antes em 21 anos eu tinha visto uma entrevista de
jogador de futebol (de qualquer clube) tão marcante. Sem dúvida a melhor
entrevista que eu já vi, me deixou extremamente emocionado e feliz.” 

http://globoesporte.globo.com/futebol/times/palmeiras/noticia/2010/08/apos-dois-anos-de-separacao-valdivia-volta-ao-palestra-italia.html

VALDÍVIA E O MARKETING

A contratação de Valdívia deverá
alavancar algumas ações de marketing, especialmente na divulgação de produtos e
licenciamentos. Existe a possibilidade do Mago ser usado para divulgar uma
marca de vinhos chilenos e estuda-se, já para este sábado, a comercialização
das tão clamadas miniaturas, cuja réplica foi aprovada pelo atleta. O
lançamento deverá antes da partida contra o CAP.

POR FALAR EM MARKETING

O leitor Franco Ceravolo
recomenda a leitura da entrevista de Rogério Dezembro, dada ao blog Forza
Palestra:
http://forzapalestra.blogspot.com/2010/08/entrevista-com-rogerio-dezembro.html

Na entrevista o diretor de
marketing do Palmeiras aborda temas relacionados ao marketing no futebol como
um todo, a elitização do futebol e o aumento dos preços dos ingressos, o
Avanti, entre outros temas. Vale a pena ler.

 

CIPULLO TAMBÉM FALA

No blog do Alex Mueller há um
áudio com uma entrevista concedida pelo VP de Futebol, Gilberto Cipullo sobre
as negociações com Ronaldinho. Lá ele explica como a idéia surgiu e as razões
pelas quais a contratação não vingou: http://kigol.com.br/alexmuller/post/valdivia-se-apresenta-ao-kigol-1

SACO CHEIO

Felipão está de saco cheio de
perder (nós também). O perfil do elenco está sendo avaliado e provavelmente este
segundo semestre será um período de muitas avaliações e mudanças. É nítido que
há um grupo de atletas omissos (e alguns tecnicamente incapazes) que não servem
para vestir camisa de time grande: http://esporte.uol.com.br/futebol/campeonatos/brasileiro/serie-a/ultimas-noticias/2010/08/13/felipao-diz-que-esta-de-saco-cheio-de-perder-e-pede-mais-atitude-dos-jogadores.jhtm

ITAQUERÃO

Andrés Sanches confirma com uma
firmeza até então não vista que, em setembro, anunciará a construção do estádio
do Corinthíans. Existem 4 projetos concorrendo e o preferido dele é o Itaquerão
(Guarulhos corre por fora). Inicialmente os projetos não ambicionam a abertura
da Copa, mas não descartamos essa possibilidade, dado que Ricardo Teixeira já
declarara que a abertura não necessariamente precisará de um estádio para 65
mil pessoas. Segundo Sanches tudo estará pronto para 2013…

O 3VV pergunta: e os 2 anos de
trâmites burocráticos, investidas do MP e infinitos laudos e certidões?

NAMING RIGTHS

Enquanto isso a Arena Palestra
recebe propostas para os “Naming Rights” do novo estádio: http://www.espbr.com/noticias/tres-empresas-estao-no-pareo-para-dar-nome-arena-palestra-italia.
Três empresas estaria interessadas.

PALMEIRINHA

Paulo Nobre, também conhecido
como “Palmeirinha” e famoso por carregar os símbolos do Verdão nos carros que
pilota nas competições de rally, fala da sua paixão pelo Palestra em entrevista
ao Globoesporte.com:  http://globoesporte.globo.com/motor/noticia/2010/08/paulo-nobre-leva-paixao-pelo-clube-nos-ralis-deus-me-fez-palmeirense.html

OFF – CRISE NOS BAMBIS

O editor do Painel FC da Folha
de S.Paulo deve estar de férias, dado que hoje a referida coluna publicou a
seguinte nota:

Causa e efeito : O São Paulo
recebeu um vultoso empréstimo de um banco e deu como garantia os direitos de TV
dos próximos quatro Paulistas. Teve a anuência das esferas esportivas para
isso. O acordo foi acertado antes da negociação de Hernanes. Essa foi uma das
últimas opções do clube, que está sem patrocínio na camisa desde o início do
ano e não tem recebido no Morumbi jogos de Corinthians e Palmeiras como
mandantes.

Além disso, o SPFC renovou hoje
o contrato do zagueiro chileno Saavedra, que pertence ao Juan Figer. Você sabe
quem é Saavedra? Pois é, quase ninguém sabe, dado que o atleta praticamente não
jogou pelos leonores, além de ter sido emprestado para times secundários, como
Vitória e CAG. É uma espécie de Max da Vila Sônia…

OFF – MAIS CRISE…

A Folha de S.Paulo fez também
uma outra matéria sobre a improdutividade das categorias de base do SPFC (será
que o Juvenal brigou com o editor do caderno de esportes da FSP?). O artigo
fala dos altos investimentos no tão decantado CT de Cotia e o baixo número de
atletas revelados por lá: http://www1.folha.uol.com.br/esporte/782280-com-juvenal-base-e-cara-e-gera-1-titular-no-sao-paulo.shtml

Em tempo: a intenção do 3VV ao publicar
estas duas notas não é a de dissipar a crise no Palmeiras, mas não podemos
fazer vistas grossas para os sérios problemas vividos pelos rivais, em que
pesem os títulos conquistados por eles recentemente.

No fim de semana fiquem conosco.
Saudações Alviverdes!

 

49 respostas em “DROPS 13/08/10: VALDÍVIA, MARKETING, CIPULLO, FELIPÃO, ITAQUERÃO, NAMING RIGHTS, PAULO NOBRE e CRISE DO OUTRO LADO DO MURO”

Paulo César Juliani,no comentário 29 eu coloquei seu nome por engano.A resposta não foi pra vc valeu.

Mas tá bom,afinal o Dezembro quer esvaziar os teatros e encher os estádios.A torcida do Teatro,com algumas excessões claro,estava lá.Bate palminha,senta e espera o juiz acabar o jogo para aplaudir de pé se valer a pena.

Apesar da ironia,a questão estádio cheio de gente que quer ferver junto com o time é tão importante que o Felipão passou a entrevista coletiva toda reclamando da passividade da torcida.

Espero que uma alma sensível dentro do Palmeiras tenha entendido o recado do nosso treinador.

Renda e público: R$ 350.520,00/9.400 pagantes.

Denis,Paulo e Geraldo,vocês viram que arrecadação fantástica.Vamos montar um timaço.
O Felipão passou a coletiva inteira reclamando da passividade da torcida.Os gênios não entenderam o quanto um estádio vivo e lotado ajuda o time.E o quanto o nosso treinador sabe usar isso a favor do time.

Mas tá legal.350 mil de renda,pouco mais de metade do lucro do jogo contra o Boca.Deu Lucro segundo a cabeça do Dezembro.Com “essa grana toda” dá pra tentar contratar o Tevez que tá insatisfeito na Inglaterra.

Fazendo uma conta bem grosseira e por cima.

37000 pessoas a 25 reais cada ingresso=925.000,00 reais.

Ou seja,quase o 1 milhão tão sonhado.

40,00 se o time briga na ponta talvez………
o time não ganha 3 partidas seguidas desde quando………………
18:30 da noite nessa friaca…………………
moro em parelheiros city pra ver esse futebol bisonho que estamos jogando vou morrer com 40,00 do ingresso,20 de combustível,10 se tomar uma breja,e talvez morrer com mais 10 com os profissonais de estacionamento e segurança mais conhecido como flanelinha……………….80,00 reais pra ver esse timinho jogar………………..fui no derby quem esteve e entrou no banheiro próximo ao portão principal dava 1 palmo de urina no chão……..e talvez chegar 22:00 em casa……..
Amo o Palmeiras adoro ir nos estádios,mas minha condição financeira não acompanhou a inflação futebolistica…………se um treinador de futebol ganha 700 mil livre por mês,eu que ganho 0,,,,,,alguma coisa disso não posso pagar essa conta………………o torcedor pobre vai retroceder 20 anos…..vai voltar para o rádio………….jogo em horários ruíns,ingresso caro,Pfc não é para qualquer um…………….essa é a realidade……….já gastei demais com o Palmeiras…………mas com família as coisas mudam……

voto de confiança no Felipão ok…………mas ele não é Deus e não é o homem mais inteligente do mundo……ainda bem
Então ele acha o Leandro Amaro melhor que o Léo…..tudo bem é a opinião dele……mas onde ele viu o Leandro Amaro atuar…………………..
Então o cara nos custou 5,5 milhões…………..acho que rasgar dinheiro é coisa de louco…ou não……
O Cruzeiro que revelou o tal de Amaro não acha ele melhor que o Léo,tanto que gastou 1 milhão de reais…………………
e outra coisa deixar técnico fazer o que quer,já se lascamos com isso..lembra do Luxa………………
Será que Fabrício,Mauricio Ramos e Leandro Amaro são melhores que o Leo para rasgar 5,5 milhões em 6 meses…………….. essa diretoria que torra dinheiro com Max comprou o passe do cara que não foi aprovado,que contratou o Mozart que veio ganhando mais que quase todos do elenco,que renovou com washington orelha e enilton sem jogar mais no clube,que pagava 250 mil reais pro Edmilson Pastor,que contratou o Edmilson do Pantanal por 2 anos de contrato,que deu contrato de 4 anos pro Capixaba,que renovou o contrato do Jumar em mais um ano sabendo que o cara não joga nada,que foi noticiado que deu aumento pro Saconny aceitar ir para o Goiás…………..e os magos da administração continuam aí Cipullo,Marino………………quem pagou o pato foi o Toninho Cecílio hein……………….é muito triste escrever isso……….mais torraram em 4 anos mais de 300 milhões e ganhamos 1 paulista……………….

Eu não acho o Avanti totalmente ruim. Com alguns ajustes com certeza vai se tornar um bom programa de sócio-torcedor. O problema é que quem criou acha que não precisa mudar nada, que o programa é maravilhoso do jeito que é e ponto final. Pior, li uma entrevista do Zucato se não me engano, dizendo que “o torcedor não entendeu o Avanti, e na hora que a torcida entender o programa decola”. Então os criadores do Avanti são gênios incompreendidos? Porque eles miraram 200.000, mas só conseguiram provar a genialidade do programa para 3.000 pessoas. Nesse ritmo de 3000 associados por ano, vão atingir a meta em 66 anos. Realmente genial!

#42 Denis por favor nao acho que deva privar nos de suas opiniões interessantes. E esclarecendo em nenhum momento acho que ha mão de ferro de fora pra dentro. O que acho que tem é corporativimos, digamos assim, de amigos para com amigos do mkt. Não são todos, mas existe bastante. Principalmente, quando vem com esse argumento:

voce quer o que? Quer time bom tem que pagar caro.

Se é assim, é um grande tiro no pé. Pois o Marketing de um clube não é preço de ingresso e nem patrocinio de camisa. Ele esta lá pra levantar receita justamente pras contas melhorarem pra se ter um bom time.
Pra mim esse povo se acha o maximo, e acha que nós (torcedores) temos que ajoelhar e agradece-los. Se esquecem que a comparação com o trabalho de hoje, não tem que ser feita com o que NUNCA FOI FEITO, e sim com os que virão, afinal o Mumu não tinha MKt no Palmeiras, o Mumu não tinha nada.

É a comparação com alguns jogadores, “jogam mais do que realmente jogam.”

XXX D. G. XXX

Se o Felipão está cansado de perder após “míseros” seis jogos, então ele nem faz idéia do nosso estado após dois anos assim…

#44 Andre Luiz, com todo o respeito, essa negociação teve o aval do Felipão, portanto… e ja ouvi de outras pessoas que o Leandro Amaro é melhor que o Leo.
Não quero polemizar, mas temos que dar um voto de confiança, principalmente ao Felipão que esta montando nosso time.
Sei que o momento não é bom, mas ele sabe o que precisa e como fazer, quem escolher, quem serve, enfim, vamos aguardar.
Vi torcedor nesta semana pedindo a saida do Luan que faz uma semana que foi contratado, pode? o cara jogou alguns minutos e o olho clínico do torcedor ja diz que não serve.
Temos que parar um pouco com isso e apoiar/valorizar o que é nosso, e ainda mais agora com o Felipão tudo tera o aval dele, portanto, esperamos mais acertos.
Estou confiante que a partir de hoje engataremos uma sequencia de vitórias e nós voltaremos a sorrir novamente.
Um abraço.

fui no derby,e se paga 40 conto……….não tem estacionamento…o banheiro tinha 1 palmo de urina no chão…terrível…….

essa eu coloco na conta de qual burrico?????
Compra o Leo por 6,5 milhões e vende pro Cruzeiro por 1 milhão e o passe do tal Leandro Amaro que nunca joga……….isso que é negócio bem feito……………….e o nosso Presidente que é economista aprova isso?

#40 Marco Antonio, tambem acho e torço pra isso acontecer.
Mas acho que ja li alguma algo do Vicente, dizendo que os cardeais entendem que ele ainda não tem idade é muito novo, não tem cabelos brancos.
Ele ja foi VP e apostaria nele para as mudanças que se fazem necessarias bem como modernizar a SEP e dar aquele salto que precisamos.
Falar o que de alguem que diz:
“Deus me fez palmeirense”
O cara é verde por dentro e por fora.

#35 Geraldo, sei bem da audiência qualificada do 3VV. Aliás, foi graças a ela que consegui me tornar sócio do clube. Eu tinha ido duas vezes na sede pedir para me associar, em ambas me deram um folheto com o telefone do Palestra Tour e praticamente me apontaram o portão da Turiassu! Pra você ver, eu querendo pagar a jóia e a mensalidade e o pessoal nem sabia como atender, e na minha inocência da ocasião nem relacionei com algum elitismo. Ou então é o “não saber como receber” que citei no comentário acima.

Foi graças a reclamações minhas neste espaço como fiz hoje (juro que vou parar por uns dias para não incomodar mais mas vou continuar com elas nas alamedas, tenho uma queda pelo debate) que o próprio Rogério Dezembro entrou em contato comigo para encaminhar minha associação. Agora, do jeito que você colocou ficou parecendo que o torcedor é um pária que deve dizer “sim senhor, não senhor” aos poderes do clube e não deve incomodar o comando que passa por aqui. Repressão com mão de ferro à opinião contrária é coisa daquele pessoal esquisito do outro lado do muro da Academia.

Sei que não é isso que você quis dizer de verdade, as vezes a compreensão do leitor não corresponde ao que o autor pensava ao escrever, mas isso a gente discute com uma pizza um dia. Se tiver tempo e disposição, releia os comentários que fiz neste quadro e verá que em nenhum deles feri com os parágrafos do artigo 33 do estatuto social da SEP de forma que ofendesse as alas políticas e sociais que você citou.

Bem, já incomodei demais hoje, acho que todos merecem uma folga de mim por algum tempo.

#31 Alexandre, concordo com a majoração dos preços de acordo com o que você falou: uma disputa de título deve mesmo ter um valor maior que rodadas normais, é provável até que seja o adotado em qualquer esporte. Já sugeri até valor diferente de acordo com o horário e adversário (por exemplo, mais barato de semana à noite contra o Rio Claro, mais caro no Derby de domingo à tarde). Mas neste ano pagamos preço de final para ver o time tomar uma piaba do São Caetano… então falta a regulação que você citou, de acordo com a rodada ou a fase do time.

No #39 você disse que o ingresso mais barato pode nos deixar com o elenco igual o da Portuguesa e também concordo com você, mas com o preço de hoje temos Armero e Max, tivemos Jumar e fiquei sabendo que o Jorge Preá, aquele do gol milagroso contra a já citada Lusa, ainda faz parte da folha de pagamento. É certo que o ideal para equilibrar o pagamento do elenco com valores mais “justos” dos ingressos seja a receita do sócio-torcedor, coisa que o clube já identificou e criou o programa, mas não foi o Zucato quem disse que teria 200 mil associados em pouco tempo? Se patina nos 3 mil depois de quase um ano, não seria o caso de, aham, “ouvir o torcedor” e ajustar o programa? Talvez para pelo menos fazer com que a compra do ingresso comum não seja no final do mês mais barata que a compra com desconto do Avanti somada à mensalidade?

Se o preço do ingresso baixar, é bem provável que a minha frequencia continue a mesma. Então qual a motivação pela discussão? Tem muita gente querendo dar dinheiro ao clube, e o mesmo parece não saber como recebê-lo. Entre no fórum do Avanti no orkut (que tem 2000 membros, não muito menos que o próprio programa) e veja quantas pessoas querem pagar pelo programa mas estão esperando por ajustes.

Enfim, talvez na escrita eu não esteja me fazendo entender e toda essa argumentação soe como choramingo. Talvez seja interessante retomá-la em algum encontro do 3VV.

Criscio,

Na minha opinião, Paulo Nobre é um bom nome para a presidência da SEP. Qual a possibilidade dele “furar a fila” da politicagem do Palestra e se eleger presidente?

2 anos para a papelada do Gambazão? Vcs estão malucos… se precisar sair em 6 meses, sairá em 4.

36# Geraldo
Não me lembro de ter visto o Amaro jogar, mas tenho certeza que esse negócio contou com o aval do Felipão. Isso me conforta. Se o aval fosse do WL eu ficaria preucupado.

Não sei ainda se o Palmeiras fez mal negócio mandando o Léo em troca do Leandro mais um troquinho. Desconfio que muita gente até o fim do ano vai estar aqui falando que agora temos um zagueiro e até ídolo da torcida. Leandro Amaro é bom, muito melhor que o Lèo. Não me assustaria se no ano que vem fosse convocado para a Seleção. Na verdade nem me assustaria se amanha ele aparecesse no time titular.

XXX D. G. XXX

Cássio, Dênis e Paulo Cesar, voces tem que entender que o 3vv não é só lido pelo torcedor comum. Apesar de não comentarem muito, e quando não se indetificarem, por aqui passam membros de todas as alas politicas e sociais do clube e se “marcar” ate o presidente.
Então não me espanta amigos, o Vicente parece que também é, e colegas de trabalho do Rogetio Dezembro e sua equipe também frequentarem o forum. E sabe como é, sem argumento ai vira a apelação. Afinal, todos que conhecem um pouquinho dos outros projetos sócio torcedor (outros times) sabemos o quanto é falho o Avanti. A comparação nem precisa ser feita.

Enfim, se fosse voces, não considerariam cometarios claramente passionais, não de um torcedor, mas de alguem envolvido de alguma forma no MKT do Palmeiras. É que voces tem que ver, que quem não fez grife trabalhando na area (MKT), decidiu usar o clube pra se promover, e parece que não ta conseguindo. Bater o desespero, quando argumentos falham, é comum.

Bom fim de semana

XXX D. G. XXX

FRASE DO SÉCULO…..

O TORCEDOR PALMEIRENSE NÃO É CONSUMIDOR

depois dessa parei de ler o resto da entrevista do Dezembro

Gostei do Felipão na entrevista de hoje.
Começou a separar o joio do trigo desse elenco
Forza Palestra!

#26 Alexandre
Eu quis dizer “de encontro” mesmo. É óbvio que o ingresso não pode custar 10 reais. Porém, 40 reais como preço mínimo é pesado. Pra quem não gosta de se misturar existem as numeradas e o setor Visa. Simples assim. Metade do estádio paga 20 reais e a outra metada 200. Dá para arrecadar um milhãozinho todo jogo, que é a meta da diretoria.
Felizmente não é a diretoria do Palmeiras que estabelece o preço do leite…

28- Denis,Parabéns.

Só não vou comprar pilhas.Não consigo ouvir jogos do Palmeiras pelo rádio.Fico nervoso demais.Por isso,também, prefiria ir ao estádio.

26-Paulo você está certo.Acho inclusive que você deveria pedir ao Vicente que excluisse todos os meus comentários.Porque você não manda um e-mail ao 3VV fazendo essa solicitação.

Quanto ao discernimento,à formação acadêmica ou o pretenso conhecimento que o sr.tanto exige de meus comentários,prefiro não me aprofundar por dois motivos.
1º Não lhe dizem respeito.
2º Educação e respeito a opinião alheia com argumentos equilibrados não são o seu forte.

Siga meu conselho,mande um e-mail ao Vicente e peça que ele bloqueie ou exclua meus comentários já que o incomodam tanto.

#26 Alexandre, eu concordo com a melhor exploração financeira em certos aspectos. Por exemplo, sou favorável ao Visa, tão criticado por muitos, mas tenho duas ressalvas.

Primeiro, sempre ele, o preço. Em 2008 custava R$ 50 e comprei em Agosto ingressos para partidas de Novembro, pois nesse meio tempo estava tudo esgotado. Já no ano passado a R$ 120, bastou bater o olho para se ligar que mal dava 30% de ocupação. Ou seja, por um ano as pessoas que lidam com essa questão diariamente fizeram vista grossa para a situação – talvez a renda fosse a mesma do ano anterior mas sem ter que lidar com aquele monte de gente. Lembro que nas poucas vezes que estive nesse setor conversei com palmeirenses de diversas cidades do Brasil, pois aquele setor era o único que alguém de fora consegue se programar para assistir um jogo. Com o ingresso majorado no ano seguinte, a peregrinação ficou muito mais cara.

Segundo, o local. Concordo que o setor caro seja numa área de boa visibilidade, mas por que não nas cadeiras da “turma do amendoim”, que já era de certa forma elitizado pelo preço? Há sim lugar para setores caros no estádio, mas não é certo o tratamento dado à massa mais humilde.

Se elitizar todo o estádio, é óbvio que a torcida será reduzida. Se for reduzida e passar a ser quinta, sexta ou sétima força do País, os valores de patrocínio cairão, a qualidade técnica dos atletas contratados será menor, a receita do pay-per-view será menor, tudo diminui.

Mercado de nicho pode funcionar para a Ferrari, para a Mont Blanc, mas não para um time de futebol. Mas não sou gestor, sou só torcedor, então deixa eu comprar minhas pilhas para ouvir o jogo de amanhã no radinho – ah, esqueci: quando o clube se apequena e sua torcida diminui, não há interesse das rádios em transmitir seus jogos…

Os valores que eu sugiro possuem o mesmo embasamento técnico usado pelo clube: o chute. Ou teve um estudo técnico para cobrar R$ 600 pela numerada no amistoso contra o Boca? Ou os R$ 5 de amanhã para os sócios-torcedores Avanti?

#23 Denis

Pois é… Essa elitização ridicula vai totalmente de encontro aos ideais dos fundadores do Palestra. Um clube que nasceu da discriminação contra os mais humildes hj fecha suas portas para esse mesmo toecedor menos favorecido.

#22 Paulo, agora imagina se o ingresso fosse R$ 10… muita gente poderia levar seus filhos com mais frequência e teríamos uma nova geração de torcedores para carregar a chama, ao invés de ter que ler ironias no Lance sobre queda do tamanho da torcida entre os mais jovens.

Algumas colocações poderiam ser evitadas nesse espaço… Se algumas pessoas soubessem o quanto é duro ouvir seu filho te pedindo para ver um jogo no estádio e vc não poder levar por causa do preço…

#15 Alexandre, me complementando: em 2008 o Palmeiras foi campeão paulista com o Visa custando R$ 50, já em 2009 deu uma pipocada com o Visa custando R$ 120.

Ou seja, talvez o que faça o elenco ser campeão seja a atitude de cada um dentro de campo pelo respeito ao torcedor na arquibancada, e não o valor do ingresso. Veja as declarações de hoje do Felipão se o que ele disse não é mais ou menos por aí.

#15 Alexandre, não tenho nenhuma experiência em gestão, minha experiência é de arquibancada, de torcedor e de consumidor.

Sou sócio do clube (pago R$ 125 mensais), vou a dois jogos por mês com minha esposa (mais R$ 200 mensais), nos últimos três meses comprei uma camisa da temporada passada (R$ 69), uma feminina (R$ 59), um cachecol (R$ 34) e dois cordões de crachá (R$ 18). Certamente o clube recebe seu quinhão de cada compra e somos milhões que consomem produtos do Palmeiras. Pode ser que tenha algum problema na arrecadação dos royalties, pois nunca se fala quanto o clube recebe da Tilibra pelos cadernos com o escudo, por exemplo.

Não sou sócio-torcedor Avanti porque como sócio do clube já tenho 50% de desconto, mas em compensação nunca o aproveito porque não tenho como atravessar a cidade (50 km ida e volta) em horário comercial só para poder comprar o ingresso.

Eu gasto muito com a minha paixão, e o Palmeiras não se esforça em facilitar as coisas. Por exemplo: eu iria ao dobro de partidas se vendessem o ingresso com uma semana de antecedência, assim na visita ao clube aos domingos eu já compraria o da semana seguinte. Mas não, o clube só vende em horário comercial de dia útil e não vende pela internet para sócio – se quiser ter essa ‘conveniência’, teria que pagar o Avanti. Só que o Avanti não tem plano familiar, então sai mais caro pagar o sócio-torcedor do que comprar o ingresso inteiro direto na bilheteria.

Outra coisa, no ano passado disseram exatamente isso que você falou: o ingresso custa caro pois é o custo necessário para ter um time vencedor. O que eu vi, pagando o ticket mais caro do país, foi o elenco mais PIPOQUEIRO dos 30 anos que acompanho o Palmeiras. E olha que eu vi a final do Paulista 1986. O que eu vi foi a gestão pagar, ao mesmo tempo, salários de TRÊS técnicos top ao mesmo tempo (Luxa, Muricy e Felipão) e mais alguma coisa para o Zago.

Como eu disse, não tenho experiência em gestão de clubes – mas às vezes os homens do Palmeiras mostram que também não tem, e provavelmente não sofrem para comprar ingresso como nós.

Nem pense em dizer que estou do lado do inominável picanheiro – essa gestão tem mais acertos do que erros, mas no que se refere à atender o torcedor existe sim um descaso muito grande.

Aliás, uma vez fizeram uma reunião com torcedores, blogueiros da mídia palestrina, membros de organizadas, etc. e disseram que seria periódica. Alguém sabe se já teve outra?

17-É verdade Denis.Cansei de assistir jogo do Palmeiras no anos 90 juntando uma graninha.Quantas vezes não vi o Palestra abarrotado em jogos contra times absolutamente inexpressivos.Peguei Morumbi com 110 mil.Pessoas,mais de 50 mil palmeirenses.Bandeirão da mancha calando a gambazada quando era aberto.Usando ônibus da prefeitura que saia da Tiradentes.Tomando pedrada no vidro e tudo mais.
Comparar realidade européia ou americana com a brasileira é simplesmente irreal.

A torcida que sempre lotou o Palestra jamais abandonou o time.O problema que acontece agora é exatamente o que você falou.Um pai tem que gastar uma fortuna para levar o filho a um jogo de futebol.Isso é irreal no Brasil.
Por mais amor que se tenha ao clube ninguém é burro.Com metade desses 100 reais que você disse,dá para o cara ir ao cinema com os filhos uma vez por mês com muito mais segurança e conforto.

15-Alexandre,seu comentário não merece perda de tempo para reflexão, muito menos para resposta.A premissa básica da educação não foi respeitada.

#13 Cássio, concordo com tudo. Lembro que no começo da década de 1990 eu era adolescente, nunca tinha visto o Palmeiras campeão, e juntando o troco do lanche da escola por alguns dias dava para comprar um ingresso. Não lembro o valor, mas era equivalente a uns R$ 10 de hoje.

Hoje são R$ 40 de ingresso, mais uns R$ 20 pra estacionar. E olha que nem estou colocando na conta o combústivel, que dá uns 50 km percorridos (ida e volta). Mais, ainda tem o ingresso da minha esposa, palestrina de arquibancada como nós – somando tudo, uma partida nos custa R$ 100 no mínimo.

Quanto ao Felipão,não tem o que dizer.Ele é foda mesmo.

Com ele é bem simples,covardão não joga.Ou mostram alguma coisa ou vão sair do time.Pode ser o Papa que com ele não tem vez.

Denis-12 – Ele mente nisso também.A torcida do Palmeiras não abandonava o time nem na época da fila nos anos 80.Talvez tenha sido uma das épocas que a torcida do Palmeiras mais cresceu.
Esse Dezembro demonstra um tremendo desconhecimento da maior parte da torcida do Palmeiras que é pobre sim.Mas nunca abandonou o time.Quantos jogos na série B tivemos o Palestra com menos de 20 mil pessoas?1,2 se muito.Lembro de entrar para assistir um jogo contra o Brasiliense aos 15 do primeiro tempo.Já tava 1×0 e só consegui lugar nos últimos degraus da arquibancada do placar eletrônico,quase colado atras do gol.O estádio estava entupido.Ao dizer que a arquibancada fica vazia também na crise só mostra o quanto ele nos desconhece.Nos confunde com os bambis.Ele quer dizer os pobres também abandonam o time na crise.Os mais pobres não vão aos jogos agora,na gestão dele,porque ele quer assim,colocando preços de ingressos absurdos.Ainda assim,mesmo trabalhando com MKT não sabe ganhar no volume de pessoas que frequenta o estádio.É simples,lota o estádio e vende produtos simples e oficiais a preços decentes.Vamos ver quanto faturaríamos?

Eu me lembro até hoje de uma entrevista do “craque” Neto ao grandes momentos do esporte da Cultura.Ele dizia claramente.”A torcida do Palmeiras é muito forte.E no Interior ela é a maior.Maior até que a do Corinthians”.

Isso tudo já tendo sido trocado pelo Ribamar.

Eu tenho vergonha do MKT do Palmeiras ser comandado por esse cara.Quanto ao setor Visa,até peço desculpas ao Vicente,mas acho que foi a pá de cal no Palestra.É minha opinião.

#6 Cássio, o Dezembro disse que na crise do time não é só o setor caro que vazia, a arquibancada também perde torcedores.

A minha réplica seria: sim, fica vazia mas não é abandono ao time como ele sugere, mas já é um sacrifício muito grande pagar R$ 40 por jogo, imagina sabendo que o time vai tomar uma sacolada. Se estivesse a R$ 15 ou R$ 20, provavelmente manteria a lotação mesmo na fase técnica ruim.

Bem que o Armero podia ser o homem de confiança do Felipão fora do estádio…

Essa do Felipão falar sobre o sangue palmerense foi muito boa……..é assim mesmo!!!!, não precisa amar o time, basta honrar a camisa……quem não o fizer…RALA!!!!

Cara eu tô indignado!!!! Eu não entendo como alguém tão inteligente como o Belluzzo,em dois minutos de conversa ouvindo as bobagens que esse cara fala ainda assim o mantém no cargo.Ao que me parece o Belluzzo pensa igual.Aí é o fim mesmo.Caminhamos a passos largos para a “portuguelização”

#4 Weliton, que ficar mais p*** com essa história do Leo? Olha só o comentário do presidente gremista:

“Foi um ótimo negócio que fizemos negociá-lo com o Palmeiras em troca de uma dívida histórica, de 8 milhões de reais. Se ele não está sendo aproveitado por lá, cabe conversar com o Renato (Gaúcho, técnico do Grêmio) para definir se o buscamos ou não”, disse Kroeff.

Que ver ficar pior? A troca foi além dos R$ 8 milhões, cederam também o Maurício troca-tapa-com-Obina.

Mais 3 anos com essa figura no nosso MKT e nossa torcida será ultrapassada pela do Santos em SP.
A desculpa que ele dá da pirataria de carteirinhas de estudantes não se justifica.Ainda mais quando diz que quem acaba pagando é o torcedor honesto.Ferra os honestos por causa dos outros em vez de tentar um mecânismo para controlar o acesso de estudantes de verdade.
Amanhã com a arquibancada custando 20 reais,teríamos sem dúvida 37 mil pessoas no Pacaembu.A esse preço não vamos ter 20 mil.
Por que ele não responde a respeito do privilégio que é dado às organizadas.Os piratas oneram,o subsídio ao ingresso das organizadas não.

É chamar o torcedor comum e honesto de trouxa.

Acabei de ler a entrevista do Rogério Dezembro.
O mais incrível é que ele realmente acredita que o Avanti é inovador.
Com a mentalidade elitista que ele tem,a tendência é que nossa torcida vire bem rapidamente uma Portuguesa com dinheiro.
A pergunta sobre os preços dos ingressos afetarem diretamente o torcedor que frequenta o estádio na boa ou na ruim,e privilegiar àqueles(na maioria dos casos) que vão aos grandes jogos,foi certeira.

E a resposta do Dezembro foi rídicula.

Nada está errado,tudo é conceitual,tudo é ponto de vista.Com esse tipo de mentalidade vamos afundar cada dia mais.Não espero nada do Felipão.Teremos estádios vazios(40 a 50% da lotação)na maioria dos jogos.O fator torcida sempre foi uma grande arma do Felipão,mas ele pode esquecer só vai ter estádio cheio em grandes jogos e olhe lá.

Enquanto o MKT do Palmeiras tiver essa figura com mentalidade totalmente segmentada e praticamente dizendo que lugar de pobre é no sofá,nunca mais vou a jogos do Palmeiras.Primeiro porque não tenho grana mesmo.Segundo porque considero um baita desrespeito.
Com 15 reais vou ao cinema,não pago estacionamento,não encontro cambista para me encher o saco,tenho boa segurança,banheiros limpos e decentes,assisto um bom filme em cadeira confortáveis.

Esse cara é um nojo com essa mentalidade.Não representa a história de lutas que o Palmeiras tem.Parece mais um Bambi Mauricinho que quer ter ao seu lado apenas pessoas perfumadas e bem vestidas.

É decepcionante que o Prof.Belluzzo deixe uma figura dessa comandar o MKT do Palmeiras.Só pelo cara ter a cara de pau de constatar que o Visa teve 15% de ocupação no jogo contra o Boca,mas ficar satisfeito porque o Palmeiras lucrou 600 mil reais com o jogo assim mesmo,já era motivo para ele ir pra rua.E o espetáculo pra quem vê um estádio vazio e feio visualmente?

Eu lamento e muito,mas com esse cara e essa mentalidade preconceituosa eu fico longe do estádio.Não vou fazer falta em um universo de milhões,mas a minha parte vou fazer.Não serei trouxa de um cara tão preconceituoso.

“Perdoamos” uma dívida de +/- R$ 8 Milhões com o Grêmio pelo Léo, e agora vendemos por R$ 1 Milhão + Leandro Amaro…
.
.

.
.
.
.
.
É claro que essa cagada não apaga as coisas que vem sendo feitas, mas não da pra entender essa negociação.

mais eu duvido que os gambas vai pasar , por essa burocracia toda , politicos vai facilitar tudo !!!!!!!!

Acho legal essa iniciativa do Felipão. Jogador deve sim falar o que pensa sobre o esquema, as dificuldades e etc.
Lembrando que o Felipão não usa auxiliar na arquibancada!

Outra, Felipão deve conversar mais com o elenco. Pedir para o Tadeu deslocar-se para os lados foi o fim. Tadeu foi contratado para ser cabeceador e não segundo atacante. Portanto, injusta a cobrança em cima do Marcão!
Confesso que, se fosse eu, também não iria! Já basta a vergonha de ter de voltar para buscar a bola sem a menor competência!

Saudações!

Os comentários estão desativados.