Categorias
Opinião

Opinião: ousadia ou insanidade?

Por Vicente Criscio

Entro num debate quase tão surreal quanto discutir religião na faixa de gaza: o modelo do Atlético MG deve ser seguido?

Pára tudo!

Alguém aqui duvida que o Presidente Kalil tem méritos – e muitos – sobre o título da Libertadores do Galo Mineiro?

Senão vejamos: contratou Ronaldinho Gaúcho ano passado. A princípio para ficar apenas 2012, pagando menos do que o Flamengo pagava (mas pagando, o que para Gaúcho já era lucro).

Contratou Cuca. Melhor do que contratar Cuca, manteve Cuca depois da perda do título brasileiro de 2012.

Manteve um dos melhores – se não o melhor – executivo do futebol, Eduardo Maluf. Maluf já trabalhou no Cruzeiro com excelente performance. No Atlético montou um dos melhores elencos do país, mesclando jogadores antigos – Leonardo Silva, Rever, Josué – e jovens jogadores – Bernard é a grande revelação. Aliás, posso dizer que quando certo grupo político com chance de assumir a gestão da SEP procurou Maluf propondo trocar BH por SP, Kalil rapidamente agiu e renovou o contrato do executivo, não sem antes engordar a poupança de Maluf com uma generosa porém justíssima luva.

Kalil investiu e ousou. E por isso é campeão da Libertadores. No futebol é assim. Você ousa, investe e pode perder no ano 1, pode perder no ano 2, mas uma hora vai ganhar.

Pois bem… esse é um lado da moeda.

Agora o outro lado.

Se aquele pênalti do Tijuana aos 46 do 2o tempo não bate no pé salvador, Kalil e seu Atlético estariam na mesma vala comum do Grêmio de Luxa e cia. Para lembrar, Luxemburgo gastou os tubos e montou um time para ganhar a Libertadores. Sem resultado, perdeu o emprego. O Grêmio perdeu a chance de disputar o título. E seus dirigentes ficaram com as dívidas.

Daí alguém fala: mais vale um time equilibrado do ponto de vista orcamentário, com os pés no chão, do que um campeão que teve sorte.

É isso mesmo?

Eu tenho uma tendência a ficar com a ousadia em detrimento do conservadorismo. Gosto da aposta. Futebol é negócio de baixas margens e alto risco. Se não arriscar é bem provável ficar com medianos resultados financeiros e com similar resultados no campo. Mas sem título.

Mas concordo que não dá prá quebrar o clube em cima de apostas vagas. O equilíbrio talvez esteja no centro. Um time saudável financeiramente, com receitas sempre crescentes, que potencialize e monetarize a paixão do seu torcedor. E que invista no futebol. E que faça apostas.

Pode não ganhar no ano 1. Nem no ano 2. Mas se disputar todo ano, uma hora ganha.

Ah… e não dá prá esquecer. A renda da final foi de R$ 14 MM. No líquido, para o que ganha Ronaldinho, Bernard e Maluf um ano. E ainda sobra. Acertou ou errou Kalil?

A palavra é sua. Sempre naquele estilo “hard” na opinião, mas “soft” com as pessoas. Afinal, aqui no 3VV nosso interesse é apenas no  debate, na construção de ideias, e claro, apenas no Palmeiras.

Saudações Alviverdes!

 

48 respostas em “Opinião: ousadia ou insanidade?”

Torco para que tudo que esta sendo feito no Palmeiras de certo. Memso discordando muito da maioria das atitudes e planejamento.

Pra mim, o que doi mais eh a falta de pensar como Palmeiras. Pensar em ser sempre o melhor time do Brasil. Hoje, assim como na ultima gestao, nao pensamos grande. Pensamos pequeno, prioprizamos a Serie B, emprestamos jogadores da base melores ou iguais a novos que vem emprestado e ganhando mais, nao temos sequer patrocinios pontuais, dificultamos a vida da torcida e trocamos nosso melhor jogador por um pacote incerto.

Que voltem a pensar no Palmeiras grande. O retorno eh garantido.

Abraco,
FC

Por essas e muitas outras que eu digo e repito….. VICENTE CRISCIO PRESIDENTE DO PALMEIRAS.É preciso OUSADIA e COMPETENCIA á frente de uma MARCA gigante como o PALMEIRAS. E o VC tem de sobra as duas qualidades. Quanto as outras diretorias o melhor é esquece-las. O UNICO que eu ainda vejo com bons olhos é o BELLUZZO. O UNICO erro do BELLUZZO foi morrer abraçado com o CIPULLO. Nao podemos esquecer que a ARENA saiu porque ele, BELLUZZO juntamente com outros da diretoria da epoca( REGERIO DEZEMBRO p ex.) tiveram peito, ou saco roxo , para tirar o projeto da gaveta e torna-lo realidade. Essa HERANÇA eles deixaram para o PALMEIRAS. E isso vale pra 100 anos. Ja os outros………

É verdade concordo com você, se não fosse o BELLUZO a nossa Arena não teria saído do papel e ele foi o responsável para a modernização do antigo Palestra, apesar de tudo o que se passou. A Arena será um divisor de águas (é o que o Palmeirense espera), será o início da modernização do clube, além das Diretas, temos também a Reforma Estatutária, que será importantíssima para o futuro do Palmeiras.

Antes e Depois da negociação de cotas com a TV. Antes, times viviam de ciclos vitoriosos (Parceiros no futebol, vendas de jogadores, contratações certeiras, Política, etc…) ou seja, é a soma desses fatores tudo acontecendo no tempo certo e na hora certa, exemplos não faltam: Palmeiras, SP, Santos, Inter, Fluminense etc. Hoje com os times negociando diretamente com a TV (Cotas)+ dito cujo Profissionalismo do Futebol (Politica de clube + Planejamento + MKT), muita coisa mudou nesses últimos anos e o time que se adaptar melhor nesse sentido vai se destacar e com isso se manterá na disputa de títulos por muito tempo (Os ciclos do passado, ficarão no passado). Engana-se que isso é uma tarefa fácil, pelo contrário, exemplos temos aos montes, dentro e fora do País, o difícil é encontrar o próprio caminho, só o tempo mostrará se o Palmeiras está no caminho certo.

Mario , uma boa tarde, o caminho chama-se planejamento, pois estão soltas no mercado inúmeras alternativas de receitas que devem ser absorvidas pelos “competentes´´, profissionais, do Marketing alviverde, lembrando a você e amigos que o ALLIANZ PARQUE , é uma embalagem que necessita conteúdo, desta forma as receitas já mencionadas, são reflexo de atividades na arena em virtude de postura e atitude da WTORRE e AEG, mas resta sim saber qual sera a postura e atividades que o clube que é proprietário da área e do empreendimento , fara pelo período ao qual terá a disponibilidade de utilizar os 93.129 metros quadrados do ALLIANZ PARQUE, pois não é só vendendo pipoca , refrigerante, lanches, flamulas, bandeiras, mascotes, apitos, e ingressos, que farão a redenção financeira do Palmeiras, há algo muito mais elaborado a ser realizado, é esta é a função de um departamento de Marketing, que busca enfatizar e concretizar a marca em todos os sentidos, criando e trazendo ao mercado um conceito que é negociável, além de render boas receitas pelo período ao qual o seu ciclo de vida permita explorar, utilizando-se ferramentas corretas e estratégias flexíveis, o resto é balela!

Mais um mandato do Belluzzo na sequência e estaríamos melhores do que os 2 últimos campeões da Libertadores.

Será que ninguém entendeu que o post foi criado pra debater a ideia. A mentalidade do conselho parece que no Palmeiras reflete para a torcida. Não sou fã do Nobre mas torço por tudo neste mundo que ele seja o novo salvador, que sua filosofia de gestão funcione, que seus investimentos tragam retorno e que tudo volte ao seu devido lugar, tornando-nos grandioso novamente. Sobre o post, uma mescla de Atlético-MG x Gambás pós rebaixamento não seria nada mal, estamos formando uma base interessante, com jogadores medianos, sem muito status que, se juntarem a alguns bons jogadores, pode trazer um ótimo resultado. Dois grandes pilares podem definir nosso futuro nessa gestão Nobre/Brunoro, o primeiro realizado com sucesso, voto direto, o segundo é a extensão desse direito ao sócio torcedor, se aprovado isso, não tenho dúvidas que o gigante estará de volta!

A diferença do Inter e outros times de ponta é o fato deles investirem sempre em craques. Esses times estão certos, pois, preferem contratar 1 craque ao invés de 3 cabeças de bagre, que no fim daria o mesmo valor investido e tbm os mesmos salários pagos a eles.
É aí que está no cerne do problema do Palmeiras…e isso vem de várias gestões…pois, contratando craques (que são caros), os agentes, que são parceiros dos: técnicos, conselheiros, gerentes, diretores e presidentes NÃO EMPURRARÃO OS PEREBAS PRO CLUBE, E ASSIM , OS ENVOLVIDOS NÃO MORDERÃO SEUS JABÁS. E assim, colocam essas MERDAS no clube…com contratos longos (Weldinho é o caso mais recente dessa gestão) e depois, dezenas e dezenas de outros cabeças de bagres e o Palmeiras tenta empurrar pros outros clubes, e os mesmos não aceitam. Daí o retrato é o que acontece atualmente, pois, ficamos com um time mediano/ruim, sem craques, e o pior, com quase a mesma folha de pagamentos de um time de ponta.
E assim é o Palmeiras hj do Sr. MustaNobre…pois, o mesmo contratou, veio por empréstimos, ou até, algum clube qualquer, acostumado com as incompetências dos mandatários palmeirenses, empurraram alguns cabeças de bagres, só pra livrar dos salários, e o Palmeiras aceitou. Eis a lista: Weldinho, Ananias, Roni, T.Real, T.Alves, Serginho, Só ficarei nesses 6, mas, a lista passa dos 12 e se somar os que estão lá…sabe lá como…a lista chega aos 20. Resumindo meu raciocínio, e que é seguido pelo Inter e outros times de ponta:
Só esses 6 cabeças de bagres, já daria pra pagar os salários de 2 craques. E os times de ponta, não contratam jogadores desse baixo nível no mercado, pois, sabem que os tem na sua base, do mesmo nível ou até melhor….e sem custos extras de agentes.
P.S. Não é toa que o Palmeiras RARAMENTE vende jogador feito na sua base pro exterior a preços altíssimos, que ajudariam nas despesas e investimentos no clube…Claro que não! pois, ao invés de colocarem os garotos da base, os notáveis dirigentes fazem os “esquemas” com os agentes, e dá-lhe perebas no time, a preços altos e salários idem. E no final, todos nós sabemos:
Segundona, nunca brigamos por títulos, torcida apequenando, fama de não formar ninguém na base, patrocínios baixos (quando encontram)….e o pior, sendo motivos de chacotas nas mídias e desanimo total de nossa torcida. Pois é…é dessa MENTALIDADE DE TIME DE COLÔNIA QUE EU SEMPRE MENCIONO AQUI, QUE O PALMEIRAS TEM QUE SE LIVRAR. POIS, ESSES CARCAMANOS QUE DIRIGEM O CLUBE HÁ DÉCADAS, SEMPRE COMETEM OS MESMOS ERROS, E COM ISSO, ESTÃO APEQUENANDO O PALMEIRAS ANO APÓS ANO. O duro é saber se esses notáveis gostariam de “PARAR DE ERRAR”, pois, talvez seja um ” NEGÓCIO NÃO LUCRATIVO PROS ENVOLVIDOS”.

Boa tarde Aldo, você esta correto quanto a visão deturpada de uma gestão que tem apoio politico viciado na mediocridade , pois o grande carro chefe financeiro do Palmeiras é o futebol, que agrega valores e disponibiliza ações mercadológicas, que viabilizam receitas e novas estratégias, mantendo um elenco com qualidade técnica , além de recursos a serem plataforma em conduzirem, receitas paralelas em manutenção de modalidades esportivas aos quais, públicos e recursos, podem ser lançados em virtude da visibilidade da marca Palmeiras e diversidade das próprias modalidades resgatando o interesse de investidores agregando assim uma receita mais qualificada, que tem guarida em eventos no próprio ALLIANZ PARQUE.

É muito simples. Se ficar esperando as contas baterem, seremos um time medíocre da primeira divisão ou pior, cairemos mais algumas vezes para a segunda divisão.
Aguardar que o “projeto” sócio-torcedor e as rendas da arena quitem as dívidas será um teste de paciência ou alguém acha que com 5% de rendas em shows nos primeiros 5 anos vai render esta fortuna toda, alguém acha que a médio prazo mesmo com patrocínio master, Arena e sócio-torcedor bombando teremos uma renda líquida em 5 anos de R$ 300 milhões? E em contrapartida com um time medíocre lutando para não cair ou ficando na zona intermediária, sem direito a voto (essa eu já até desisti que aconteça durante este biênio), vai atrair mais sócios-torcedores ou, ao contrário, irão minguar mensalmente?

Então, no médio prazo devemos contar com duas rendas Arena (shows e eventos) e patrocínio master, no primeiro temos direito de apenas 5%, senão me engano do valor líquido do angariado em cada um destes eventos, e o patrocínio master, mesmo que seja estes valores que muitos pensam não chegam a R$ 30 milhões por ano.

O Palmeiras vive uma sinuca de bico, ou pensam grande ou nos manteremos este time mediano motivo de chacota e daqui algum tempo, nem mais chacota receberemos, seremos como torcedores da Portuguesa que, desculpem meu português, não fedem, nem cheiram.

Pessoal,

Não quero desanimar ninguém, mas por mais que a gente ganhe algum título no próximo ano a tendência é nossa torcida diminuir. Vamos ser sinceros, daqui para frente o SCCP vai ganhar cada vez mais torcedores. A ESMAGADORA maioria da população não tem Premiere (PPV), ou seja, assiste ao futebol pela Rede Globo, que transmitirá agora 4 JOGOS SEGUIDOS do SCCP para São Paulo:

1º) 28/7 SCCP X SPFC;
2º) 31/7 SCCP x Grêmio
3º) 4/8 Criciúma X SCCP
4º) 7/8 Santos X SCCP ( A transmissão não é por causa do Santos)

No domingo, dia 11/08, provavelmente a Globo passará Cruzeiro X Santos, mas mostrará “os principais lances” de SCCP X Vitória, que acontece no mesmo horário. E na quarta-feira, dia 14/08 o jogo da Globo provavelmente será Fluminense X SCCP.
Portanto, a Globo exibe para SP e boa parte da rede praticamente TODOS os jogos do SCCP como visitante e mais alguns em que ele atua em SP, sem contar Libertadores e Copa do Brasil. Nestas todos os jogos deles são transmitidos pela Globo.
A TV aberta transmite o SCCP porque dá mais audiência e o SCCP ganha cada vez mais torcedores porque é exibido em TV aberta. Ou seja, é um circulo vicioso para o Palmeiras que poderá reduzir nossa torcida a pó nos próximos 20 ou 30 anos.
Em Curitiba, por exemplo, a torcida do SCCP já é uma das maiores da cidade, quase passando a do Paraná Clube. Para mim os clubes de fora do eixo Rio-SP cavaram seus próprios buracos ao permitir apenas 3 jogos por rodada exibidos pela TV aberta (antigamente eram 5): um para SP, outro para o RJ e o regionalizado. Esses clubes estavam pensando em ganhar dinheiro com o PPV, mas a maioria da população jamais assinará PPV de futebol. As crianças assistirão aos jogos pela TV aberta e vão torcer, em maioria, para o SCCP.
Acho que, infelizmente, o único time que conseguirá rivalizar com o SCCP é o Flamengo.

Boa tarde Luiz , respeitando seu argumento, as diretrizes da deusa platinada, não modificam a postura de termos mais ou menos torcedores, pois os títulos são memoráveis, e atraem muitos torcedores, desde que sejam conquistados, pois os gambas não tem tantos torcedores assim como é mencionado aos que tem interesses em vender gatos por lebres, já que no interior do estado a torcida alviverde ainda é a segunda em números, mas há o porem de estarmos sendo administrados, por senhores com visão muito além do umbigo, esquecendo-se que ao assumirem a presidência do Palmeiras , trabalham com um publico leal de 18 milhões de Palmeirenses, ávidos em consumir qualquer produto e serviço, desde que saibam ser resultado de uma serie de ações planejadas que refletem , dividendos ao plantel do futebol profissional, já que hoje estar na serie B , pode alavancar atitudes e posturas dignas de planejamento estratégico, motriz de uma reação real sem que tenhamos um retorno ao pesadelo que é vivido, quando trata-se de profissionalismo capenga , das alamedas infestadas de idiotas em Palestra Itália!

Boa noite a todos, as argumentações são validas, mas há um porem, onde esta o planejamento a médio e longo prazo?
Todas as medidas que são descritas por todos, são importantes, mas necessitam de apoio politico e planejamento continuo, desta maneira quando o atual presidente assumiu , tinha em mãos, um apoio politico viciado e conivente com a própria tragédia, que seria administrada, a seguir, mas hoje qual é a solução encontrada? Conchavos políticos de aproximação com todas as correntes? Designar planos com maestria, absorvendo ideias, e montando uma equipe, que produziria estratégias pontuais? Manter amigos próximos em cargos com nepotismo desvelado, sem ter a vergonha de assumir tal desfeita? Ou planejar detalhes em todas as vertentes e buscar soluções diretas isolando-se dos conchavos políticos, administrando de forma seria uma conjuntura , sem vender a alma?
Amigos Palestrinos, hoje somos uma grande embarcação a deriva, o comandante é fruto de um motim de inteligência em nome de meia dúzia de ladrões que assumiram o leme a exatos 37 anos, pois ao vermos o horizonte , sabemos que o sextante esta quebrado, já que o motim teve seus resultados, mas não afundou a embarcação, desta maneira caro e inteligente mestre , Senhor Vicente Criscio, eu sempre o admiro pela sensatez de seus comentários, pois você esteve ao lado de Paulo de Almeida Nobre, com a carta dos mares e lhe mostrou os melhores oceanos a serem navegados, mas em sã consciência , você lhe daria uma pequena escuna , ao invés do grande transatlântico de nome Palmeiras?

Pois é, o Kail manteve técnico contratou, contratou, e contratou, aquentou inúmeras críticas em vários anos de Atlético Mineiro, e no Palmeiras o novo Presidente tem que resolver tudo em menos de um ano. Só aqui no Palmeiras mesmo. Cada conversa, pra mim é dor de cotovelo.

O Palmeiras na verdade tem dois cânceres, o mustafá e o clube social. Sim o clube social, é também um dos causadores dessa decadência toda no Palmeiras, TEM QUE SEPARAR O CLUBE SOCIAL EM RELAÇÃO AO FUTEBOL, que faz parte do clube social, não está nem aí pro FUTEBOL que é a razão da nossa existência. O clube social só dá prejuízo não só no futebol mas também nas finanças do clube, ele é o causador de todo mal ao Palmeiras. Na minha opinião se eu fosse presidente, eu passaria um trator em cima das piscinas e do bar do tênis e em seguida construir um estacionamento ou um hotel. Já o outro câncer, o mustafá, não há mais no que dizer, todos nós já sabemos o que esse satanás fez com o Palmeiras desde 1977.

O modelo a ser seguido começa no seguinte ponto: separar o futebol do resto do clube financeira e contabilmente (parte esportiva amadora e parte social) e pasar a trtá-lo como um negócio em si. E mais, esse ente “Futebol do Palmeiras” precisa ser administrado por profissionais com capacidade gerencial e comprometimento com o Palmeiras. Desses profissionais devem ser cobrados resultados esportivos e equilíbrio financeiro (que não exclui a possibilidade de endividamento, desde que sustentável).
O “negócio futebol” não pode ser simplesmente a compra e venda de jogadores, o Palmeiras não é imobiliária. As transações de direitos econômicos dos jogadores não podem ser a motivação da existência do clube, que não pode estar a serviço de empresários abutres que não passam de corretores de imóveis (ou melhor de almas!) disfarçados. Além de muito arriscada, a visão do futebol como imobiliária acaba com a possibilidade de de manutenção de um elenco estável durante três ou quatro temporados, o que é imprescindível para montagem de um time competitivo.
Uma parte grande do negócio futebol deveria envolver receitas de bilheteria de jogos, de direitos de transmissão pagos pela mídia, de licenciamentos de material esportivo, vestuário em geral, brindes, telefones e chips e toda sorte de iniciativa de marketing inteligentes que se possa conceber. É isso que se deve buscar para o Palmeiras e para o futebol brasileiro.

voces sao todos burros ou ninguem percebe o que esta acontecendo? o senhor Paulo Nobre se aliou a Mustafa,Frizzo ,Della monica,Tirone por uma unica razao ele percebeu que a briga interna acaba com o clube entao o que ele fez se aliou com todas as opposicoes e tambem se aliou as pessoas mais influentes no clube assim qualquer proposta dele sera aceita ja que ele tem apoio de todos o mustafa nao manda no clube mais ele ajuda e muito a gestao de Paulo Nobre assim nao tem mais brigas internas ou ninguem notou que agora nao tem conselheiro ou diretor falando mal do presidente? outra coisa desde o mustafa nenhum outro presidente apoiava o Palmeiras B TODOS achavam uma perda de tempo e gasto desnesessario mais ninguem teve peito ou apoio politico para acabar com ele mais o Nobre com Apoio de mustafa conseguiu o COF vetava qualquer proposta do tirone porque. porque o senhor tirone era odiado por todos la dentro ele nao tinha muitos aliados por isso nao conseguia fazer nada um exemplo disso esta no Belluzo ele tinha um projeto igual ao do Kalil mais brigas internas no clube acabaram com tudo e o resultado foi a serie b o Nobre conseguiu fazer mais em 6 meses que Tirone fez em 2 anos ele pode ate errar mais ele tenta e conserta e corre atras nao fica parado igual ao B1 e B2

Acho que o modelo a ser seguido não é do Galo, nem do Inter, nem de outros.
É só fazermos igual ao período de 1992 à 2000, só isso.

em 1992-2000 poderiamos ganhar muito mais so que a parte politica do clube sempre foi podre se fosse boa iriamos ganhar 3 libertadores a mais e no minimo 2 brasileiros a mais por isso esse exemplo nao deve ser seguido o nobre consegui aliar todos ali dentro por isso nao tem mais brigas acho que estamos no caminho certo e se nobre for mantido vamos ganhar mais titulos que naquela epoca.

receitas de venda de atletas, cotas de tv e sócio torcedor são alicerce para boa administração!!!!!!!!!

– sócio torcedor temos 25836 em agosto vem mais mudanças no programa………….
– base é a longo prazo para ter resultados, com o término do B……que todos que reclamam não tiveram coragem de acabar…..detalhe o time B era cria do Mustafá……..e o Nobre acabou com ele!!!!
– receitas de tv foi as administrações anteriores que negociaram e anteciparam as receitas……
– o clube está sim negociando o patrocínio master que paga 3 ou 4 meses de folha, essa não é a receita principal do clube até porque se recebe em várias parcelas……..
Quem cobra ousadia trouxe Obina e Mozart para o Palmeiras!!!!!!!!

Criscio, nao tenho a sua teoria e nem a sua vivencia em termos de economia/administracao empresarial, mesmo porque sou médico. Nao sei se existe um modelo administrativo infalivel no futebol… acho que nao existe. Existem ciclos. Até 1976 o Palmeiras fazia parte e protagonizava estes ciclos: primeira academia depois segunda academia… aí veio o ciclone Mustafá e o Palmeiras afundou com excecao da fase Parmalat. Apesar de erros e de alguns detratores mesmo aqui no 3vv respeito o Beluzzo. Mil vezes o Beluzzo que Mustafás (Mustafá satanás), Frizzos, Tirones… o Beluzzo pensou e agiu do tamanho do Palmeiras: muito grande. Contratou jogadores e tecnicos na tentativa de conquistar campeonatos e alicercou a Arena, para mim a ultima bala para restabelecer a grandeza da cor verdao. Nao critico Paulo Nobre, estou na expectativa. Penso que ele tomou uma diretriz de recuperacao financeira para depois investir no futebol. Eu, torcedor anestesiado por vexames, consigo esperar. Na minha opiniao a recuperacao economica do Palmeiras passa pela Arena, pelo programa socio-torcedor, pela estruturacao do marketing e por uma categoria de base efetiva ( o Palmeiras nao forma jogadores e nao vende pratas da casa – uma fonte de competicao e de ativos financeiros). A unica realidade palpavel dessas possibilidades é a Arena prestes a ser inaugurada. As outras ainda precisam de muito trabalho.

Concordo com vcs,
Harley e Regina Rodrigues.

O que sempre batemos na tecla é o fato que…entra presidente, sai presidente (com exceção do Belluzzo, que tentou o melhor e foi sabotado pela ala do Mustafá) e mesmo assim, conseguiu a Arena, e nos levou a brigar por títulos, e a mentalidade era excelente, diferente desse Paulo MustaNobre…que não tem luz própria, e segue o que seu mentor Mustafá manda.
E o que me deixa mais p…da vida é o fato desses últimos presidentes (Tirone e Nobre) soltarem a 4 ventos que o Palmeiras está falido? Ou seja, agora estão penando pra arrumar um patrocínio decente. Pois, imagina uma empresa vindo negociar sabendo que o time está falido, pois, o próprio presidente do clube disse na imprensa? E qual retorno de mídia e claro, $$$, essa empresa investidora teria? pois, se está falido, não contratarão craques…como não contrataram, e ainda venderam (doaram) o que tinham…e com certeza não ganharão títulos. É o tal círculo VICIOSO!

abraços !!!

Aldo concordo plenamente com você, o Palmeiras nunca foi e nunca será só de 300 conselheiros (verdadeiros sanguessugas), mas SIM dos 18 MILHÕES DE PALMEIRENSES, esse sim que todo dia acompanha o time, paga o INGRESSO CARO ( e a diretoria, como sempre, vem com a desculpa esfarrapada que não tem DINHEIRO, a mim não me engana), já está no sexto mês da gestão de mu$taNobre (BANANA FASE 2) e até agora, não vir absolutamente nada, ele é um pau mandado de mustafá, o verme maldito, AMIGOS VERDES Aldo e Regina, TEMOS QUE FICAR ATENTOS NAS PRÓXIMAS ELEIÇÕES, QUANDO UM CANDIDATO A PRESIDÊNCIA DO CLUBE, SE ALIA A ALA MU$TAFÁ, COM CERTEZA SERÁ MAIS UM FANTOCHE, um exemplo, os dois últimos presidentes BANANONE e o MU$TANOBRE.
QUERO O MEU PALMEIRAS DE VOLTA !!!
ABRS.

O Kalil apostou de acordo com a vontade dele de ver o Atlético campeão. Poderia ter dado errado, mas o importante é buscar sempre. O Palmeiras parou de buscar há tempos e por isso nunca encontra.

A questão é que a diretoria do Palmeiras não quer ver o time campeão. Ela quer apenas um time bom e barato, que dispute campeonatos e dê um agradinho para a torcida de vez em quando – não necessariamente títulos -, mantendo-a distraída o suficiente para comprar ingressos, camisas… Enfim, dar receitas sem exigir nada. As diretorias do Palmeiras, tirando o Belluzzo, não montaram times para ganhar campeonatos – só para disputá-los. Essa é, para mim, a mentalidade do Palmeiras de mustafá, que é quem manda no clube. Além disso, há coisas que são incompreensíveis. Pagamos mais de 20 milhões no Wesley, outros tantos no Valdívia. Mesmo sem considerar as lesões e ausências em campo, os valores são tremendamente altos, mesmo no mercado internacional. O Oscar foi vendido por R$ 15 milhões para o Inter; vi jogadores excelentes do Borussia que foram comprados por valores muito mais baixos do que os que o Palmeiras tem pago por seus reforços. Ainda, os jogadores ficaram muito tempo longe e não justificaram em campo o valor empregado neles. Então fizemos uma dívida enorme, sem o devido retorno. O único que custou pouco e valeu cada centavo pago foi o Barcos – e, no fim, asseguraram o prejuízo que não tinham tido no momento da compra. Além de não investirmos na Base, compramos e vendemos mal. Por tudo isso, acho inevitável entender que tem muita gente no Palmeiras lucrando com essas negociações, porque é impossível ter tanto ‘amadorismo’ concentrado – pra não dizer outra coisa. O Palmeiras tem potencial e estrutura pra bater qualquer time, mas ter um Palmeiras vencedor não interessa para quem está lá. E as ações realizadas são compatíveis com essa falta de interesse.

Prefiro mil vezes a mentalidade do Belluzzo…que em 2008 foi campeão Pta, brigou tbm em 2008 até o fim pelo título do Br, mesmo não vencendo, fomos pra libertadores. E tbm em 2009, brigamos até o fim pelo título do Br, e faltou bastidores, pois, demos azar de termos que brigar com um Flajuto (que acabou campeão), e cruzamos justamente o Florminense, que a CBF nos operou pra safar o mesmo da segundona, e de quebra, deu o título ao Flajuto.
Os erros do Belluzzo foram:
1- Demitir o Luxemburgo…e ainda contratar o péssimo Bambi Muricy. Foi ele o principal culpado pela perda do BR-09 juntamente com a CBF e Globo. E o Muricy caprichou…pois, além de fazer a gente perder o título ganho, ainda nos tirou da libertadores e colocou seu time de coração; bambis fc.
2- Contratar o Valdívia numa hora péssima…pois, o mesmo estava disputando um mundial…e claro, veio a preço de ouro…e que não valia nem a metade. Sobre o Kléber Gladiador, acho que o Belluzzo acertou…mesmo pagando quase o dobro que ele valia tbm. Mas, o retorno com o Gladiador foi alto, pois, ao contrário do Valdívia, o Kléber jogava, dava o sangue em campo…e com isso, a nossa torcida comprou milhares e milhares de camisas dele…inclusive, naquele ano vendemos quase igual os Gambás, mais de 1.1 milhão. E depois o mesmo Kleber foi vendido e recuperamos o valor investido.
3- Não ter renovado o contrato do Denilson (hj comentarista da Band), que ainda poderia jogar mais 1 ano tranquilo…e o mesmo acabou fazendo falta, pois, por um azar enorme, o Cleiton Xavier (que tbm armava o time) se contundiu tbm.
4- Não ter renovado com o centroavante Alex Mineiro (nem sei pq foi embora…eu não entendi). E tbm o lateral-direito Elder Granja, e o volante Léo Lima….que mesmo não sendo titular, poderia compor o elenco muito bem, pois, o Br é longo.
Pois é….notaram a diferença dos nomes e tbm da mentalidade em relação aos campeonatos?
Hj os nomes são bem inferiores….e a briga é pra subir pra série A, e se estivéssemos na A, só um milagre nos daria título este ano. Em 2008 e 2009, tinhamos time/elenco pra brigar por títulos, e éramos consideramos por todos como uns dos 4 melhores do País. Hj somos medianos! tanto que nem na liderança de uma série B estamos…e ainda temos um jogo a mais que o lider Chapecoense. Meuuuu Deuuuuuuuussss!!!!

Futebol muita vezes é desprovido de qualquer lógica, senão, vejamos: Leonardo Silva é um péssimo zagueiro, estabanado como ele só, fez o referido pênalti no jogo contra o Tijuana, porém, na final fez o gol que prorrogou o jogo, indo a decisão das penalidades, onde converteu a última cobrança do galo, colocando toda pressão do mundo no batedor paraguaio que acabou acertando a trave… Ou seja, ficará marcado como um dos grandes heróis da épica conquista… Se oferecerem o Leonardo Silva pro Palmeiras, não queria nem de graça! Coisas do futebol…

Lembram da gestão do Belluzzo? Não vendeu os jogadores com propostas do exterior (Cleiton Xavier, Diego Souza, Maurício Ramos e Pierre). E além de tudo trouxe Muricy e o Vagner Love. Antes disso repatriou Valdivia e trouxe Kleber. Enfim, o final não preciso nem falar, certo? O que o Belluzzo fez de diferente de Kalil? A ousadia nos custou tudo que vivemos de 2010 pra cá.
.
.
Aliás, O do vizinho é sempre melhor. Elogios ao Maluf, mas o nosso Brunoro (o tal CEO) continua sendo bombardeado por quase toda a mídia palestrina. Não sei o tanto que falam do Brunoro.

Ai eu entro no twitter do Erich Beting e vejo uma resposta que ele deu ao Fábio Finelli:

Erich Beting ‏@erichbeting 25 jul
@fabiofinelli com R$ 112 milhões de prejuízo em cinco anos e tomando R$ 62 milhões em empréstimos? Vencer, sim, mas sem depenar o Galo!!!

A conta vai chegar, é contra esse tipo de coisa que todos tem que lutar para que acabe dentro do Palmeiras. Porque não pegar exemplos como o do Borussia Dortmund, contratações cirúrgicas e valorização da base além de trazer o torcedor para dentro do clube? Quanto vale um título?

Criscio comentar sobre quem ganha é fácil. Só que nem você e nem ninguém sabe exatamente o tamanho do buraco do Atlético Mineiro (só o Kalil sabe).

Antes de pensar em montar o time, temos que pensar em SUSTENTABILIDADE, porque esse discurso nós já ouvimos, até do Flamengo quando foi campeão brasileiro, e veja agora a draga insolúvel que eles estão.

Temos que ter um time campeão, mas antes de tudo temos que ter uma estrutura campeã.

Sem isso, os títulos até podem vir, mas serão mais pelo acaso, do que por mérito próprio.

Time grande de futebol como o Palmeiras tem que ganhar todo ano, um ano o Brasileiro outro a Libertadores, outro a Copa do Brasil e em outro, dois ou três campeonatos simultâneos no mesmo ano. Tenho comigo que time como o Palmeiras não foi feito para ter dinheiro em caixa, quem tem que ter dinheiro em caixa é banco. Temos que ter títulos em caixa, ou seja, no currículo. É lógico que não podemos sair gastando como doidos, mas temos que ter em mente que para sermos ganhadores, temos que ter bons times. Bons times trarão maior rendas, maiores patrocínios, maiores cotas de TV que geram em dinheiro, que não pode ficar em caixa. Tem que fazer a roda continuar girando e fazendo consequentemente melhores times, mais títulos, e mais dinheiro. A roda é essa.
O nosso problema é que o COF passou a comandar o Palmeiras, a entidade manda mais que o presidente, diretoria e conselho, porque deixou de ser um “conselho” como o próprio nome diz para ser o o dono do dinheiro do clube. Consequentemente o dono do poder.
Lembram do tal “Conselho Gestor” idealizado por um “ex presidente” onde 2 ou 3 mandaria em tudo e o presidente passaria a ser a Rainha da Inglaterra? Pois é, ele ja é realidade dentro do Palmeiras, só não vê quem não quer. E esse tal “ex presidente” não ta interessado em ser presidente como a maioria burra pensa, hoje ele é mais que isso sem ficar na vitrine tomando porrada.
Por isso, estamos patinando a 6 meses e não sairemos do lugar. ficaremos somente na teoria.

Existem ousadias e ousadias. Tem a ousadia do Kalil que culminou com o título da Libertadores e a ousadias do Belluzzo que iniciaram o projeto série B.

A questão é que a ousadia do Belluzzo, ao contrário dos clubes com os quais estão nos comparando neste post, enfrentou uma sabotagem interna para que o projeto que ele iniciou não fosse bem-sucedido. Mentalidades tacanhas todo clube tem; as nossas são as únicas que não medem esforços para que tudo o que for feito no Palmeiras dê errado. Por isso, precisamos quebrar esse ciclo de decisões e influências no Palmeiras. Mas a julgar pelas pessoas encarregadas de mudar o estatuto, essas alterações serão para inglês ver.

É verdade. No Palmeiras, infelizmente, as correntes políticas divergentes preferem afundar o cloube, desde que isso resulte na destruição do inimigo. E com Belluzzo foi isso que aconeceu, a sabotagem interna em 2009 resultou na pindaíba de 2012.
O pior é que não há sinal de que esse tipo de política esteja mudando.

Vicente, a projeção do cenario caso o penalti do Tijuana entrasse foi muito feliz! Aí eu digo que para ser ambicioso você precisa de una base política solida, porque se perder vão deixar vc tocar o projeto adiante. Dois exemplos recentes: 1) em 2009 o Palmeiras tinha a dianteira do campeonato e um time competitivo, mas um interino no comando técnico. Contratou o atacante mais cobiçado do futebol brasileiro e tambem o então melhor técnico, mas surpreendentemente teve una baixa técnica e moral tão grande que conseguiu terminar fora até da Libertadores. Ao invés de acreditar no projeto e manter a base pra tentar de novo no ano seguinte, a diretoria desfez o time e no ano seguinte ainda gastou mais do que devia pra trazer de volta o Valdivia e o Kileber, além do Felipao, sem nenhum sucesso dentro de campo. O resultado foi que a oposição conseguiu apoio suficiente para colocar um incapaz na presidência, culminando em mais um rebaixamento.
2) os gambás vinham numa ascendente após voltar a primeira divisão em 2008 e já tinham ganhado uma copa do Brasil (após no ano anterior ter perdido a final pro Sport). Tinham o Ronaldo e toda a mídia e patrocínio que ele atraiu e tiveram que trocar o técnico porque o Mano foi pra CBF. Eis que o projeto Libertadores e subitamente interrompido depois de uma eliminação pro Tolima na pre Libertadores, algo inédito para times brasileiros. Ocorre que o apoio político era forte e eles conseguiram manter o projeto até o fim e o resto nos sabemos e nao vou fazer o sacrifício de contar.
Por isso concordo que ousadia e requisito indispensável para o sucesso, mas sem apoio maciço nao e possível. E o nosso atual mandatario nao confia plenamente na própria base que o elegeu para ousar sem medo e a história da razoes suficientes para isso.

Concordo também que o modelo é o Internacional. Como pode um time fora do eixo Rio-São Paulo ser o modelo?
Voto para o sócio-torcedor, estatuto de vantagens para os sócios torcedores, vantagens para os sócios torcedores que moram longe da Allianz Arena. Resultado = mais de 100.000 sócios contribuindo mensalmente com os cofres do Palmeiras.
Fim dos conselheiros vitalícios
Fim dos Diretores de Futebol corruptos
Separação do futebol do social, com receitas e despesas separadas.
Quem será o HERCULES que conseguirá tal proeza?

Meu amigo, com todo o respeito, no Palmeiras qualquer coisa neste sentido é impensável. quem tem uma diretoria e um departamento de marketing que não consegue um patrocinador máster e, também, não consegue melhorar o AVANTI jamais terá um programa de sócios tordeores com 100.000 sócios . É de uma incompetência total, absurda. Onde estão Srs. Nobre e Brunoro? Olha que contribuo há mais de um ano no plano MEU PALMEIRAS, mas estou começando a ficar descrente em nossos dirigentes.

você é sócio? espero que todos que reclamam do AVANTI ao menos sejam sócios né, aff

Técnico de …… Manter no time Márcio Araújo, Juninho, Vinícius não dá. FORA GILSONKLEINA, BRUNO, MÁRCIO ARAÚJO, JUNINHO, VINÍCIUS, ANDRÉ LUIS(PIOR QUEO MAURÍCIO RAMOS) WENDEL. Já que perdemos o Dorival Jr. tragam o Nei Franco. Olha o time do Coritiba foi ele quem montou. FORA GILSON KLEINA.
Ainda sofremos do fantasma do Maldito Mustaphá e suas crias.

Serei breve , concordo com o Aldo Londres totalmente.

A referência quanto a um modelo deve ser o Internacional de Porto Alegre.

Outra coisa o Atlético Mineiro tem como caixa forte o BMG, o bc do mensalão do senhor Ricardo Guimarães, acho que não preciso falar mais nada.

Vicente,
Pra começar…o Palmeiras (com esse feudo de décadas) – e ainda continua com esse MustaNobre, não é parâmetro pro Galo Mineiro em mentalidade hj…pois, O GALO ESTÁ PENSANDO GRANDE, COMO SE DEVE…e olha que o Galo tem 1/3 da nossa torcida e marca….mas, o time reserva deles é melhor que esse nosso de série B (aliás, estamos em segundo lugar e com um jogo a mais que o poderosíssimo Chapecoense). A prova está aí na tabela de classificação. E não vejo tão fácil assim, com esse time que temos, subirmos! Vai ter que se doar em campo. Fato!!!
Hj o Palmeiras “pena” pra atrair patrocínios por causa dessa mentalidade de time pequeno, de colônia…que essa gente insiste em continuar taxando nosso clube. E o time é mediano/fraco e as tvs e grande mídia desdenha (e com razão).
Hj não temos um craque sequer…pois, o Valdívia é apenas um bom jogador….e como tbm está provado, não atrai nem nossa torcida (ele perde em vendas de camisas pro Henrique), imaginem pra atrair a grande mídia e dar os retornos e os patrocínios? Sem chances! O Barcos sim…esse atraía a mídia, com seus gols e irreverência. Mas, deixa pra lá…só de lembrar, fico p…da vida!
O ruim é que quem comanda o clube é o Mustafá e tbm o COF…e assim sendo…eles continuarão a fazer do clube uma mera Portuguesa com grife…mais nada! A ordem dessa gente é ECONOMIZAR…E PONTO FINAL! Só pra se ter uma idéia: A ORDEM LÁ É SUBIR PRA SÉRIE A, E INVESTINDO EM JOGADORES MEDIANOS, EM APOSTAS. MEU DEUSSSS!!! Pois, o MustaNobre INVESTIU EM; SERGINHO, ANANIAS, RONI, WELDINHO, TIAGO ALVES, FERNANDINHO, ALAN KARDEC, KLEBER (que já foi tarde), ou seja, SÓ MERDA! O restante são empréstimos da cagada do Barcos. E tem alguns acima que mencionei, que tbm são empréstimos.
E saber que jogaremos uma CB, onde nos levariam pra libertadores no ano do centenário….e se tivessem CORAGEM, INTELIGÊNCIA, COMPETÊNCIA, já estariam com as empresas (via marketing) investindo em craques pra VENCER essa CB, e claro, subir sem sustos pra série A (O GRANDE INTUITO, SONHO, DESEJO, “AMBIÇÃO” DESSA DIRETORIA), e os altos patrocínios viriam naturalmente, já teríamos uma senhora base, com craques de ponta…pro centenário.
Mas, o maketing praticamente INEXISTE! pois, não se vê nada de bom alí, e se apegam no Avanti…e nada que possa atrair um, dois, três CRAQUES, que venha a colocar o Palmeiras num patamar de time de série A, e mesmo assim, ficaríamos muito aquém de um Galo Mineiro, Gaymio, Florminense, Gambá, Marias…e até o Vaxco, e a léguas, milhas de distância de um Inter, que é disparado o melhor time das américas.
P.S. Não concordo como alguns disseram (inclusive o Kleina) que temos time pra vencermos uma série A, e bater com qualquer time do Brasil. Balela! Pode até ser que num mata-mata, jogue bem, encaixe os jogos e vença (assim como ocorreu na CB-2012 contra o forte Gaymio), mas, em pontos corridos num BR, esse time MEDIANO ficaria entre oitavo e décimo-segundo…se muito! E as provas virão em breve com a CB.
Portanto…na minha opinião, temos que mudar essa mentalidade de time mediano, pequeno até…e INVESTIR EM CRAQUES, QUE CHEGUEM PRA VENCER UM CAMPEONATO…QUE ENTREMOS COMO UNS DOS 3 FAVORITOS. O resto é mesmice e mimi de presidentes e diretores incompetentes que ficam chorando e jogando a 4 ventos que estamos quebrados e tal. O fime (ERROS INFANTIS SE REPETEM). E a palhaçada é tanta…que os mesmos que dizem isso sempre depois que assumem (só pra dar uma desculpa), já sabiam da situação financeira bem antes. E entra presidente, sai presidente, o mimimi é o mesmo, e montam sempre TIMECOS FRACOS, JOGADORES DE ESQUEMAS DE EMPRESÁRIOS, MEDIANOS QUE SÓ AUMENTAM A FOLHA SALARIAL…e outros clubes que tem o dobro até das nossas “dívidas,” montam verdadeiros esquadões e vencem os campeonatos.
P.S. Não tenho partido político e não apoio ninguém…e estou c…pra ala A ou B …sou palmeirense… digo o que penso e que vejo há décadas…nada mais! E é tão somente uma opinião.

Meu caro, nao consegui nem passar da segunda linha do seu comentario. Porque Atletico-MG nao é parametro para ninguem e quem tentar seguir o que foi feito pode ser que ganhe na sorte como esse time ganho, mas o resto tera se afundado em dividas e como nesse pais que luta para tirar certas dividas de clubes mediocres pode ser que pareçam até como um modelo top aos inuteis da nossa imprensa. Mas se voce realmente é palmeirense sabera que o Palmeiras é o unico clube que o governo cobra e leva ate o MP algumas cobranças, entao chegue de idolatrar esse falsario que ganhou a libertadores na sorte.

Aldo AMIGO VERDE e digo mais, tudo no Palmeiras tem que PERMISSÃO do mustafá (verme maldito), essa é a realidade infelizmente.

* Para trazer a PARMELAT E FUTUROS PARCEIROS, tem que ter a permissão do mustafá ;
* Para reforçar o time para a temporada, tem que ter a permissão do mustafá ;
* Para aprovar no CD e Assembléia Geral para a construção da Arena, o ALLIANZ PARQUE, tem que ter a permissão do mustafá ;
* Para aprovar o ORÇAMENTO no clube, pelo COF, tem que ter a permissão do mustafá ;
* Para contratar JOGADORES DE ALTO NÍVEL, tem que ter a permissão do mustafá ;
* Para contratar uma COMISSÃO TÉCNICA, tem que ter a permissão do mustafá ;
* Para contratar PROFISSIONAIS REMUNERADOS, tem que ter a permissão do mustafá ;
* Para aprovar as DIRETAS no CD, tem que ter a permissão do mustafá ;
* Para aprovar a REFORMA ESTATUTÁRIA, tem que ter a permissão do mustafá
* Para aprovar o tão desejado o benefício do SÓCIO-TORCEDOR (incluindo para o voto para Presidente, CD e COF), tem que ter a permissão do mustafá ;

TUDO NO PALMEIRAS, não há o que negar, quem manda diretamente e indiretamente é o mustafá, enquanto esse bandido estiver no Palmeiras, o Palmeiras nunca vai sair da idade média, sempre vamos presenciar com jogadores de vázea e um técnico inexpressivo.
O Palmeiras não é time de colônia, o Palmeiras é uma MARCA muito poderosa e tem que ser gerido por PROFISSIONAIS DO RAMO e não pelos os masmos de sempre, a saída é TERCEIRIZAR todos os departamento do clube.

ABRS.

Sr. Aldo, respeito tudo o que o Sr. falou. O Galo está pensando grande, Resta uma dúvida a respeito do financiamento deste clube e de alguns outros do futebol brasileiro: De onde vem a grande quantidade de dinheiro que financia o Galo? Quem é seu verdadeiro patrocinador? Ora, é só fazer contas que se verifica que a arrecadação do clube é muito longe de ser suficiente para bancar as despesas. Quem banca e por quê?
Se for feito o mesmo raciocínio em relação ao Grêmio, olha que a diferença entre despesas e receitas é estarrecedora, a folha de pagamento deste time é completamente impagável. Neste mesmo caminho está indo o Internacional, embora pareça que este possui uma boa renda de sócios torcedores, mas também há dúvidas nas contas. Daqui, o gámbá também deixa dúvidas nas contas, o quem vem oficialmente do governo, bilheteria e patrocínio também não parece suficiente para bancar as despesas. Neste último caso, temos a forte participação do chefe do mensalão (todo mundo sabe quem é), ele não coloca dinheiro mas “arruma” sabe Deus como.
Voltando ao Verdão, mesmo com as dificuldades, acho a atuação de nossa diretoria medíocre. O nosso departamento de marketing, muito bem remunerado, não consegue um patrocinador máster e, também, não consegue melhorar o AVANTI. É de uma incompetência total, absurda. Onde estão Srs. Nobre e Brunoro?

Para mim o projeto mais adequado é o do Internacional que tem um equilíbrio financeiro admirável e um time de futebol altamente interessante com jogadores de alta qualidade! Por isso que não condeno o Paulo Nobre ! Teoricamente ele está colocando (a terra arrasada encontrada por ele no verdao) as finanças e a gerência em ordem para depois poder investir alto e com equilíbrio mas convenhamos, mesmo com tudo isso ele montou um time digno e razoável para esse ano! Sabemos que falta muita coisa patrocínio ; voto do ST; separação do fut…

Os comentários estão desativados.