Categorias
Verdão na Mídia

Verdão na Mídia 22-07-2013: Cleiton Xavier conversa com Nobre e fala em voltar ao Verdão no futuro ❘ GLOBO ESPORTE COM

NOTICIÁRIO ❘ GLOBO ESPORTE COM

• Cleiton Xavier conversa com Nobre e fala em voltar ao Verdão no futuro

Por Marcelo Hazan

A reaproximação de Cleiton Xavier com o Palmeiras pode culminar na sua volta ao clube. Mas não agora. Em tratamento de uma lesão na coxa direita, na Academia de Futebol, o meia do Metalist, da Ucrânia, conversou informalmente com o presidente Paulo Nobre. E no encontro surgiu o assunto sobre a volta ao Verdão, antiga casa de 2009 a 2010.

Apesar de a negociação ser inviável no momento, já que Cleiton Xavier renovou recentemente seu contrato até 2017, o retorno no futuro não está descartado. Pelo contrário: as duas partes aprovam a ideia.

– Conseguimos a classificação para a Liga dos Campeões pela primeira vez na história e o presidente conta comigo. Mas ninguém sabe o dia de amanhã. Por tudo o que vivi aqui, sou muito grato ao Palmeiras e tenho um enorme carinho pelo clube. Espero um dia poder jogar novamente e ouvir a torcida gritar meu nome – diz.

– Cheguei a conversar com o Paulo Nobre e ele comentou que o Palmeiras sempre estará de braços abertos pronto para me receber. Quem sabe esse desejo mútuo não se torne realidade um dia? – completa.

A ideia de tornar real a volta de Cleiton Xavier ao Verdão ocorre logo depois de o meia retirar uma ação movida na Justiça contra o clube. Nela, o jogador cobrava uma dívida de R$ 500 mil, valor referente a direitos de imagem devidos da sua passagem pelo Palestra Itália. Entre muitas sondagens, o atleta chegou a receber recentemente uma proposta oficial do Santos no ano passado, mas o negócio não se concretizou.

No último dia 11, Cleiton Xavier iniciou a recuperação de sua lesão na Academia de Futebol. No total, o jogador de 30 anos fez 90 jogos e 16 gols pelo Verdão, e também se notabilizou no clube pelas assistências.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ GLOBO ESPORTE COM

••

NOTICIÁRIO ❘ LANCENET

• Com ótimo retorno, Valdivia melhora o Palmeiras em campo

Por Caio Carrieri e Fabricio Crepaldi

A torcida do Palmeiras sempre cobrou de Valdivia ser decisivo e o diferencial do time. Demorou, mas nessa Série B, enfim, o Mago tem se destacado e sido o principal destaque do Alviverde. O técnico Gilson Kleina não esconde a melhora da equipe após o retorno do jogador, que ficou quatro meses afastado por lesão.

– Ele faz grandes jogos, foi o terceiro jogo tecnicamente acima da média, como o futebol dele é. Ele foi decisivo, premiado com o gol no final do jogo (contra o Figueirense). Tem toda diferença com o Valdivia, a criatividade do Palmeiras melhora muito quando ele está em campo – declarou.

A melhora do camisa 10 não está apenas dentro de campo. Fora dele tornou-se mais comprometido com o grupo nesta temporada. Os números que mostram a evolução do Mago e curiosidades de seu relacionamento com outros jogadores, especialmente os gringos, você confere no LANCE! Digital.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ LANCENET

••

NOTICIÁRIO ❘ GAZETA ESPORTIVA NET

• André Luiz lembra 22 gols na França após desencantar no Palmeiras

Ao marcar o segundo gol do Palmeiras na vitória por 3 a 2 sobre o Figueirense, André Luiz fez algo que já foi uma rotina sua. Foi o primeiro do zagueiro no clube, mas ele conta que é recordista entre jogadores de sua posição no Campeonato Francês enquanto defendeu o Nancy até o começo deste ano.

“Na França, junto com o Cris, fomos os zagueiros com mais gols no Campeonato Francês. Fiz 22 em sete anos”, disse o defensor durante a sua participação no programa Mesa Redonda desse domingo, na TV Gazeta. “E no Atlético-MG teve uma época em que fui o zagueiro com maior média de gols”, lembrou.

Apesar de ter balançado as redes pela primeira vez em quase cinco meses no clube, o camisa 33 até ensina como fazer gols. “Tem a questão do batedor, que você sabe onde coloca a bola, do posicionamento e de atacar a bola, não pode esperar chegar”, indicou, admitindo até usar o adversário como “apoio”. “Quando defendemos, o atacante sobe antes e nos atrapalha.”

Outro fator que o ajudou a desencantar também foi Gilson Kleina. “Treinamos bola parada toda quinta e sexta-feira”, falou André Luiz, sem esquecer, porém, de sua principal função. “Agora tive a felicidade de fazer o meu primeiro gol pelo Palmeiras, mas o meu primeiro objetivo é sempre evitar que o Palmeiras leve gols”, indicou.

E o jogador ressalta sua missão defensora também em apoio a Kleina. Ao comentar a liderança do Palmeiras na Série B do Brasileiro, o zagueiro, que passou todo o primeiro semestre na reserva de Mauricio Ramos e só ganhou a vaga após a negociação do antigo titular, agradeceu ao presidente do clube por ter mantido o técnico depois da goleada por 6 a 2 sofrida em Mirassol (SP), em março, pelo Paulista.

“O Paulo Nobre mudou muita coisa, por isso estamos fazendo uma boa campanha. Naquela derrota para o Mirassol, muitos pensavam que o nosso treinador seria demitido, mas ele foi mantido e temos confiança no Gilson assim como passamos confiança para ele. Por isso estamos em primeiro lugar no campeonato, e queremos continuar nessa posição”, afirmou.

E é abrindo um fixo largo sorriso que André Luiz comemora a opção que fez ao voltar para o futebol brasileiro e aceitar o desafio de ajudar um clube grande na segunda divisão nacional. “Eu estava quase certo no Vasco, mas, quando apareceu o Palmeiras, vim para cá e estou muito satisfeito”, celebrou.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ GAZETA ESPORTIVA NET

••

NOTICIÁRIO ❘ LANCENET

• André Luiz elogia união do elenco ‘brincalhão’ do Palmeiras

A fase no Palmeiras é a melhor possível. Quatro vitórias seguidas, liderança da Série B e o time se entrosando a cada dia mais.
Além disso, o ambiente dentro do clube é excelente. Pelo menos é o que garantem os jogadores do Alviverde, como o zagueiro André Luiz, que exalta a união do grupo “brincalhão”.

– Dentro de campo, a união desse elenco faz diferença. Eu procuro estar sempre brincando com os jogadores no vestiário, no nosso dia a dia, e acredito que o grupo todo é assim. Brincamos bastante entre nós, mas na hora que tem que ser sério, o negócio fica sério. Você vê nos últimos jogos que o time está fechado, muito unido, e quando sai o gol está todo mundo comemorando junto. Isso é importante para que a equipe toda jogue bem – declarou.

Autor do primeiro gol com a camisa do Verdão no último sábado, contra o Figueirense, ele espera que a equipe mantenha a sequência de vitórias, mas não se candidata a artilheiro.

– Espero que a gente possa continuar ganhando. Isso é importante. Se as vitórias vieram, com gol meu ou não, já está bom – completou.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ LANCENET

••

NOTICIÁRIO ❘ UOL ESPORTE

• Palmeiras vive síndrome de pênaltis, e Valdivia é o próximo da fila

Desperdiçar pênaltis já está virando comum na temporada do Palmeiras. Leandro foi quem cometeu o último erro na cobrança na vitória por 3 a 2 contra o Figueirense, no último sábado, em Florianópolis, e deixou escancarado um problema: o alviverde não tem nenhum cobrador oficial.

Na temporada, já foram cinco jogadores que cobraram pênaltis, sendo que nenhum deles teve mais de uma oportunidade. A síndrome das penalidades também se fez presente na eliminação nas quartas de final do Campeonato Paulista para o Santos.

Barcos foi o primeiro batedor da temporada, logo no jogo de estreia do time diante do Bragantino. O argentino errou, e deixou o clube sem uma nova chance de se redimir. Assim como ele e Leandro, o zagueiro Henrique foi outro que desperdiçou uma penalidade.

Assim, o Palmeiras soma três erros de pênaltis em cinco oportunidades em 2013. As conversões ficaram por conta de Souza, que foi para o Cruzeiro, e Vinicius, em duelo recente diante do ABC-RN.

Na partida em que Vinicius teve a oportunidade, o meia Valdivia teve o nome gritado pela torcida para que fosse o cobrador.

O camisa 10 foi quem bateu, e converteu, o pênalti no primeiro jogo da final da Copa do Brasil do ano passado diante do Coritiba, e parecia estar incumbido da função no time. Agora, ele volta a ter uma chance.

“O Vinicius, o Wesley e o Leandro treinam. E o Valdivia vai entrar na escala agora. Respeitamos todos. Aqui não tem número um ou dois. São eles que treinam”, destacou Gilson Kleina.

Leandro errou o segundo pênalti no ano, já que também desperdiçou a cobrança no duelo das penalidades diante do Santos. No entanto, o fato não impede o atacante de ter novas oportunidades.

“Ele pediu para bater por ter confiança, e não vai se abater com isso. É grande jogador, tem nosso respaldo e amanha vai surgir outra oportunidade para ele e vai fazer”, disse Kleina.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ UOL ESPORTE

••

COLUNA PAINEL FC ❘ FOLHA DE S.PAULO

Por Bernardo Itri

• Na carne.

O corte nos esportes olímpicos vai enxugar os gastos do Palmeiras em R$ 1,7 milhão até o fim do ano. Essa é a estimativa da diretoria do clube, que anunciou a diretriz na sexta-feira.

• Da quadra…

Em contrapartida, as categorias de base do futsal palmeirense receberão atenção especial para, potencialmente, abastecer o futebol de campo.

• …para a grama.

A proposta da diretoria é integrar as duas modalidades. Se surgir algum atleta no futsal com potencial, ele poderá ser levado para o futebol de campo e, eventualmente, chegar ao time profissional.

••

COLUNA DO PAULO VINÍCIUS COELHO ❘ FOLHA DE S.PAULO

• O Líder

Primeiro da Série B, o Palmeiras tem duas preocupações: diminuir o contingente de 43 jogadores treinando e melhorar sua equipe taticamente pensando em ganhar a Copa do Brasil. A evolução em campo acontece. Kleina joga com volantes de bom passe e tem Valdivia finalmente jogando bem. Por isso, o Palmeiras é líder.

••

COLUNA DO JORGE NICOLA ❘ DIÁRIO DE S.PAULO

• Protesto verde

O fim dos esportes olímpicos no Palmeiras revoltou dirigentes e sócios. “O pior é que o Paulo Nobre teve pelo menos uns 40 votos na eleição prometendo apoio às modalidades”, avalia o ex-funcionário alviverde, Fernando Galuppo.

••

COLUNA DO ALBERTO HELENA JR ❘ DIÁRIO DE S.PAULO

• Na linha do gol

O Palestra, na estreia de Alan Kardec, provou diante do Figueira, lá, que as excelentes atuações diante de Oeste e ABC não foram mera casualidade ou fruto da fragilidade dos adversários. Venceu por 3 a 2, em jogo lancinante, um dos melhores times da Série B, com direito ao primeiro gol de Valdivia desde sua volta ao time. Ele, mais uma vez, jogou bem.

••

OUTRAS NOTÍCIAS :

GAZETA ESPORTIVA NET → André Luiz lembra 22 gols na França após desencantar no Palmeiras
 
AGORA SP → Mago projeta futuro melhor e descarta ser chinelinho
 
JP ONLINE → Após vitórias, Kleina exalta atuações de Valdívia: “Acima da média”
 
GLOBO ESPORTE COM → São Paulo e Palmeiras duelam por lateral Luis Ricardo, da Portuguesa
 
ESPN BRASIL → André Luiz lembra época de artilheiro na França após desencantar no Palmeiras
 
GLOBO ESPORTE COM → Kleina elogia Alan Kardec e projeta time titular com centroavante
 
GLOBO ESPORTE COM → Dupla de zaga ‘invicta’ é desfalque do Guará para duelo contra Palmeiras
 
FOLHA ONLINE → Valdivia, em boa fase, critica rótulo de ‘chinelinho’

••

14 respostas em “Verdão na Mídia 22-07-2013: Cleiton Xavier conversa com Nobre e fala em voltar ao Verdão no futuro ❘ GLOBO ESPORTE COM”

Prezado WILSON….eu apenas dei a MINHA opinião e parece que apenas vc não concordou.Eu respeito a sua. Se vc acha que o CX SERVE PARA O PALMEIRAS eu nao acho. Cada um tem o seu ponto de vista e analisa sob a sua otica. No fundo o que mais interessa ê que nos PALMEIRENSES queremos o melhor para o nosso amado VERDAO. Vida que segue…..com ou sem o CX.

Torcedor fala demais mesmo, esse Paulo Franceschini dizer que o CX fez grupinho pra derrubar técnico só poder ser maluco, um jogador que se doou pelo clube e por infelicidade saiu do time na reta final do BR09, fez muita falta pra equipe naquele campeonato, gostaria que voltasse ano que vem para ter uma nova oportunidade de ganhar títulos, só assim mesmo pra esses torcedores reconhecerem o valor do jogador.

Pessoal o MUSTANOBRE é velhaco,ele esta apenas elogiando o CX pra que ele no fundo continue sem entrar com a ação na justiça !! Mas no fundoelesabe o que o CX e Diego Souza fizeram contra o MURIÇI……………….

Meu deus quando parece q as coisas vaum se ajeitar aparece essas coisas. Cleiton (some-some) xavier de volta é um pesadelo. Jogador mediocre q jogava as custas do DS7. Sem falar nesse papo de luis ricardo ja deu tbem. O ayrton é muito mais jogador q ele , e com o time certinho como ta ficando é titular facil. Agora eu pergunto oq essa ameba do m. Araujo ainda faz no clube? O cara ė taum ruim q nao vem uma proposta pra ele nem da serie b. E aki o cara é titular vai entender.

CX, aproveita que vai disputar a Champions, faz um bom trabalho e se aposenta na Europa. Se fosse um Alex ou outro jogador que tivesse uma identidade com o time até compensaria repatriar…mas esse cara pode ficar ganhando seus euros por lá e esquece o Palmeiras.

62 anos… esse é o número. Essa foi a data mais marcante para a torcida de um time que em 22/07/1951, representou toda uma nação.

Ganhamos com o coração, ganhamos com a raça e com a coragem de presentear esse país com um título inédito, inesquecível, enchendo de orgulho todos aqueles que ainda cicatrizavam as feridas oriundas da Copa do Mundo de 1950. Essa era pra ser uma data religiosa para a nação alviverde e uma data a ser lembrada com respeito por todos os brasileiros, que infelizmente não conhecem o tamanho dessa conquista ou por não terem conhecimento do que aquilo significou ou simplesmente pelo descaso da mídia brasileira, muitas vezes oportunista e tendenciosa, que procura enaltecer apenas aqueles clubes que lhe interessam em algo;

Tive orgulho, hoje ao chegar em meu trabalho, e minha casa e junto aos meus amigos e dizer que ontem, a Sociedade Esportiva Palmeiras completava 62 anos do título da Taça Rio, o primeiro campeonato mundial interclubes! E tentei imaginar, após uma boa conversa com meu pai que esteve no maracanã nesse dia, o que foi esse feito pelo meu glorioso Alviverde Imponente. Mais tarde, ouvi algumas partes da narração do jogo, percebendo a emoção do narrador na transmissão da partida e sua comemoração exaltada com o título que estava por vir.

Infelizmente me senti solitário recordando desse magnífico título, dessa façanha e dessa conquista até então inédita para o mundo e principalmente, para a coletividade Alviverde. Não vi nenhuma nota substancial sobre essa data na mídia palmeirense, nos jornais impressos e da televisão, nas rádios…

Enfim, fica aqui registrado o meu carinho, meus agradecimentos, meus respeitos por todos aqueles que foram responsáveis diretos e indiretos pela maior conquista do Alviverde Imponente.

Parabéns PALESTRA ITÁLIA… Parabéns SOCIEDADE ESPORTIVA PALMEIRAS, pelos 62 anos da Taça Rio, o primeiro campeonato mundial interclubes.

Que essa data seja eternizada nas memórias de todos os palestrinos!

Saudações Palestrinas

Estamos no caminho certo, serie A já êh realidade, agora êh treinar bem as possíveis formações táticas para disputar a C B em igualdade de condições contra qualquer time do Brasil.

Acho que se Valdívia arrebentar agora poderemos finalmente vendê-lo para recuperar o prejuízo. Ele é um ótimo jogador, só louco negaria isso. Mas creio que com sua venda conseguimos montar um time digno no ano do centenário. Se Mendieta e Eguren realmente vingarem, melhor ainda.

Ronny demonstra MUITO potencial, Vinicius é um bom driblador (mas mal chutador), Leandro provavelmente não volta (multa de 13 milhões, se continuar com esse futebol não será paga). Charles e M. Oliveira tem espaço, pra mim esse segundo fica na vaga do Juninho se o Fernandinho não ficar.

Wesley na posição dele vai bem, Luis Felipe tem potencial pra melhorar mais, Ayrton pode ser um reserva mediano.

Felipe Menezes tem que brigar pela vaga no meio. Falta um atacante, porque mantendo Kardec, Vinicius e Ronny, mas saindo Leandro bem, acho que teremos problemas.

Mas acho que ano que vem o time será bastante diferente desse.

Prass
Luis Felipe – Henrique – Vilson – Fernandinho (M. Oliveira)
Eguren – Wesley – Mendieta – Felipe Menezes (ou algum reforço, o que seria bom)
Alan Kardec – Ronny

Clayton Xavier voltar ao PALMEIRAS? Ai é pra acabar de vez com tudo. Esqueçeram o que ele (um deles) fez com o Muricy quando foi tecnico nosso? Foi um dos que fizeram a famosa “igreginha” para derrubar o tecnico. Essa irresponsabilidade nos custou o titulo do Brasileiro de 2009 e com ela uma serie de desencontros na gestão do Belluzzo que tinha tudo para transformar o PALMEIRAS. Eu acredito que ate a coronariopatia do presidente foi fruto de tudo isso. Tivessemos ganho aquele titulo o Belluzzo seria reeleito e não teriamos o Bananonne( que nos levou para a serie B) como presidente e o Nobre tb( que ainda não mostrou nada). Obvio que o grande articulador disso tudo foi o diretor de futebol( Cipullo) que sempre foi desafeto do Muricy. Falar em trazer esse mau carater do CX de volta é dar um tapa na cara da torcida. ACORDA NOBRE, BRUNORO E CIA.

is comentar o que comentou, então faço das suas palavras as minhas.

Concordo com tudo que disse. Espero que o Nobre não faça uma desfaçatez dessa com o clube trazendo esse sujeito que fez parte da panela que nos tirou o título mais fácil da nossa História.

Os comentários estão desativados.