Categorias
Arenas

Arenas – Organizadas querem mesmo um espaço na Allianz Parque?

Por Claudio Baptista Jr.

No jogo da S. E. Palmeiras do último fim de semana, pouco antes do início da partida houve um confronto entre integrantes de diferentes torcidas organizadas.

O motivo? Acho que poucos aqui querem saber restando apenas o fato, a briga, que prestou mais um desserviço a imagem do clube, já tão arranhada e sucateada.

No próximo ano a Allianz Parque será inaugurada e a expectativa e anseio por voltar a nossa casa é enorme por parte de toda a torcida. A tendência através de uma política de ingressos eficaz é termos ocupação completa por diversas ocasiões.

Aí entra aquela questão que sempre surge a respeito da setorização do estádio.

Como serão divididos os lugares? Quanto custará os melhores lugares, os setores mais populares? Como garantir seu lugar? Onde será que as organizadas estarão? Etc…

 

Quanto a esta última pergunta é bom deixar claro que tem gente lutando a favor delas dentro do clube. Lutando para a disponibilização não apenas de um setor popular, mas um setor com maior possibilidade lugares e que possa acomodá-las da forma como historicamente os torcedores organizados assistem aos jogos.

FUTEBOL - TORCIDA  TORCIDA-C

Este setor pode ser traduzido pelo Stehplatz. Funcionalidade que diversas vezes vem sendo citada por aqui e que pretende ser útil na manutenção da alma do Palestra Itália. Relembre o recente texto abaixo

http://3vv.com.br/2013/05/arenas-com-alma/

O problema é que ao proporcionarem brigas, prestam um desserviço não apenas ao Palmeiras, mas a si próprios porque muitos começam a se perguntar se vale mesmo a pena disponibilizar tal setor dentro do estádio onde suas torcidas organizadas brigam entre si.

Vamos supor que tal setor venha a ser instalado.

Ótimo, porém quais serão as consequências quando novamente estas torcidas entrarem em confronto? Vou citar apenas alguns:

– Órgãos de segurança pública não hesitarão em criar ações para a extinção do setor.

– Enquanto durará a queda de braço, aquele local do estádio ficará interditado. Perderemos atmosfera e receita

– Caso exista a definição para extinguir o setor e o mesmo não seja equipado com cadeiras removíveis, mais tempo se perderá para a sua instalação incorrendo em possíveis custos adicionais de aquisição e instalação. Imaginem que no período de interdição do setor o Palmeiras venha a realizar partidas decisivas dentro do seu estádio.

– Punição nas esferas esportivas.

Será que é esse o objetivo de torcedores que mais uma vez dão mostras que o episódio poderá ser repetido dentro da Allianz Parque?

Sabemos que o estádio será equipado com sistemas de vigilância de última geração, possuindo diversas funcionalidades para identificação individual e rapidez de ação nos casos de mudança de comportamento de massas (ex: brigas).

Só que até onde estes sistemas em conjunto com procedimentos de segurança poderão inibir ou diminuir os riscos de confrontos? Não é fácil precisar, mas certamente não garantirão eliminar por completo os riscos.

Enfim, nosso novo estádio chegará e poderá acomodar a todos, mas não se observa mudança significativa no comportamento de poucos torcedores, que prejudicam a sua organizada e principalmente a S. E. Palmeiras.

Pena que a bola não está apenas nas mãos do clube e dos operadores do estádio. Órgãos de segurança pública também têm que colocar a mão na massa mudando o modelo atual de segurança.

Para finalizar, quem quiser relembrar e consultar o que já foi mencionado aqui no 3VV sobre o Stehplatz, basta ir lá em cima do site e realizar a pesquisa.

Abraço,

Claudio.

 

 

36 respostas em “Arenas – Organizadas querem mesmo um espaço na Allianz Parque?”

Olá amigos;

Bem, tenho uma teoria para o problema dos marginais que frequentam estádios apenas para quebrar, brigar e matar… Clubes, Ministério Público e outros envolvidos não resolvem o problema porque não querem. Clonam ovelha, pisam na lua, mandam um jipe pra Marte mas não conseguem barrar esses imbecis que se dizem torcedores? Me poupem.

Antes de mais nada: uma solução existe, é cara, mas dá pra fazer. Há tempos discuto com amigos que se os clubes se organizassem e fizessem um acordo, gastariam uma grana mas poderiam resolver o problema.

A proposta é: todo torcedor, nao importa quem seja, só vai entrar no estádio com um cartão como o de banco, com chip, seu nome, clube e foto estampados. Terá de apresentar esse cartão com um documento com foto. É pessoal e intransferível. Perdeu? Nao entra até fazer outro. Emprestou? Pra isso a foto e documento. Evidente que vão chiar, reclamar, terão que se cadastrar, mas esse é o preço. Gostam mesmo de ver seu time, de ir no estadio? Então não vejo problemas em guardar o cartao na carteira, portá-lo junto com o RG em dias de jogos. Quem quer, faz!

A idéia seria punir quem for pego fazendo merda e suspender seu direito de ir ao estádio. Exemplo: foi pego brigando? Se a PM pegar e autuar, vai achar o numero do cartão através do RG ou CPF e suspender esse cartao por X meses. Por isso é pessoal e intransferivel. Cumpriu suspensao, voltou pro estadio e fez merda de novo? NOVA SUSPENSAO, com o dobro do tempo. 3ª vez fazendo merda? Suspenso pelo triplo do tempo. 4ª vez? Aqui não tem idiota. O cara certamente é um problemático e deve ficar no zoologico e nao no estadio, entao banido permanentemente do estadio.

O pilar da coisa é: SÓ ENTRA COM CARTAO E DOCUMENTO. Nao interessa se esqueceu, perdeu. Você esquece passaporte ao viajar? Você embarca no aviao ao perder o passaporte? MEU AMIGO, É um documento que te garante acesso ao estadio do seu time. Perdeu, dancou. Corra atras de outro e vá em um prox. jogo.

O segundo segredo da coisa é orientação: deixar claro que os cartoes serao verificados SIM na entrada com um documento. AHH, MAS ISSO DEMORA.
Avisem que os portoes se abrirão 3 hs antes da partida. Quem deixar pra entrar faltando 5 minutos vai estar sujeito a fila e pode pegar o jogo já iniciado.

Eu sei que ninguém vai gostar, vão xiar, o clube dirá que nao tem gente pra fiscalizar todas as entradas, etc. Meu amigo, VC É CHECADO na entrada da Disney. Nao importa o tempo, vc será checado e se houver irregularidade, vc nao entra. Por isso é preciso equipamento (tecnologia) gente pra fiscalizar, abrir os portoes bem antes, etc. Como eu disse, dá trabalho, custa R$, mas dá pra fazer.

É preciso deixar que chorem e esperneiem. Depois de 20x todos terão se acostumado. Sobre perder tempo pra correr atrás do cadastro, ema-ema. NAo perdem tempo indo atrás de ingressos 50x por temporada? Então percam 51x, percam mais 1x e consigam sua credencial de acesso.

Fez besteira? Suspenso. O cara pode fazer besteira e dizer que nao esta com o cartao, mas ele tem outro documento. Com outro documentp suspende o cartao dele. Se ele perdeu, terá de fazer outro e estara suspendo ainda assim. Se ele esta dando migué, ta suspenso ainda assim. Se ele perdeu mesmo, nao entrará. Enfim. No caso das cadeiras quebradas em Itaquera, os 2 engracadinhos que postaram fotos já estariam suspensos. Dá 6 meses na 1ª, 1 ano na 2ª, 2 anos na 3ª e bane pra sempre na 4ª. Nao aprendeu nas primeiras nao vai aprender mais a se portar como gente decente.

Abcos

Engraçado, todo mundo critica as organizadas, mas todos cantam as music as, tiram fotos ao lado de bandeiras, faixas fazendo sinal de organizadas…..hipocrisia sempre foi o mal do brasileiro

Nossa, ta parecendo o programa mulheres ricas…até parece que, quem tem dinheiro não briga,não usa drogas,não comete crimes, não mata…francamente heim, se tens dinheiro vai estudar, e assim criar uma mentalidade mais próxima da realidade.

Só para deixar claro, sou contra o sistema de cadeiras removíveis, quanto ao preço dos ingressos alguns setores tem que ter preços populares mesmo, não faço parte da elite paulistana, pelo contrário, trabalho 10 horas por dia e só vou no estádio de arquibancada!!Abraços

Essa discussão sobre a elitização que acabou acontecendo na Inglaterra é interessante. Tem prós e contras como tudo. Acho preconceito tachar todos os organizados de bandidos como também é preconceito os organizados acharem que são mais, amam mais, sofrem mais. Discussão estúpida essa. Agora, que a mancha e a tup não cantam a mesma coisa no estádio a uns 2000 anos é novidade??? Isso é antigo, não tenho idéia de qual é a causa e nem se algum lado tem razão. Não sei se há gente disposta a sentar e conversar, MAS, é óbvio, evidente que isso atrapalha muito. Quanto ao post , acho que o fato de o estádio cumprir os padrões FIFA impede qualquer idéia de deixar um espaço sem assentos para as organizadas. Me desculpem, mas é uma outra realidade e todos teremos que nos adaptar. Já passou da hora das torcidas organizadas repensarem o jeito de ser e agir.

Amigo,a maioria dos os jogos do Allanz Parque não serão organizados pela FIFA,ninguém é obrigado a se adaptar a essa realidade,se você já se conformou,respeito,mas não concordo,os alemães conseguiram aliar essa modernidade com simplicidade sem ceifar os lugares populares ou em pé,não sei porque não podemos fazer igual,ainda mais porque a empresa que dará o nome ao nosso estádio é alemã também.

Desculpe, Luiz, a organizada precisa repensar seu papel e suas ações SIM. E preço popular não siginifica lugar sem cadeiras em espaço cativo. Tem palmeirenses que tem orçamento apertado e não são de organizadas. Construir um estádio seguindo o tal de padrão FIFA não permite um setor sem cadeiras em que o publico fique em pé (informação do google, não tenho como checar). Eu não me conformei. Eu tenho convicçao que a mudança é pra melhor. Estádio melhor, maior segurança e conforto para TODOS os torcedores e mais dinheiro para o meu time. Acho que essa é uma tendencia e que atenderá os anseios da maioria. Os preços populares devem ser atrelados ao programa de sócio torcedor. É nele que o clube deve pensar. Nada de conformismo, Luiz. O estadio do Dortmund tem capacidade para 80000 pessoas e eles tem 60000 socios. A nossa realidade é diferente e será absolutamente impossivel agradar a todos. Vai prevalecer o tal de business. E na boa, acho que se for o melhor pro Palmeiras (não pra mim ou pra vc), está certo!
Ab

Cara,eu não estou dizendo que as organizadas não precisam rever suas ações,elas precisam sim em muitos casos,eu também quero que meu time fature o quanto puder com esse estádio e que quem gosta de conforto e segurança seja bem atendido,eu só quero que caibam todos no novo estádio,já que a modenização é inevitável não devemos rejeitar ninguém,não podemos pensar só no sócio-torcedor,somos um clube popular,sei que muitos aqui não gostam de torcidas organizadas,mas é inegável que todas elas tem o direito de participar dessa festa,até porque,queiram ou não quem puxa o estádio pra cima são elas,sem elas o estádio vira um túmulo,o Palmeiras foi um clube pioneiro em vários momentos,fazer do nosso estádio um lugar que todos,do rico ao pobre,do organizado ao “desorganizado” tenham condições de fazer parte de um novo momento,seria outro pioneirismo de nossa parte

Há tempos a principal organizada perdeu o tom. Há tempos vejo uma torcida da torcida e não do Palmeiras. Há tempos não gritamos os nomes dos jogadores antes dos jogos. Há pouco tempo ouvi organizados e comuns trocando ofensas no pacaembú. Também ouvi ofensas de organizados contra sócio torcedor. Nesse ponto não tenho dúvida Luiz. Um está para o clube e o outro está para a torcida. Mas vc tem razão qdo diz que a organizada é quem puxa o estádio. No nosso caso, e vc deve frequentar o estadio, sabe que não está sendo assim.
O Palmeiras precisa resgatar isso também!

Morei em Londres por dez anos e digo como era chato assistir os jogos nos estádios londrinos , sem vibração ,sem festas, sem musica e bastava ficar um minutinho em pé que o fiscal chegava enchendo o saco….as torcidas adversarias que tinham lugar reservado faziam mais barulho pelo fato de poderem ficar juntas e de pé e sem lugar numerado (embora tivessem entradas numeradas eles se aglutinavam não dando importância nenhuma a numeração) ..basta vcs prestarem atenção nos jogos da Champions League para entender o que eu estou falando, se não reservarmos um espaço popular para nossas organizadas …dentro do nosso estádio ….mesmo com o estádio lotado seremos incapazes de exercer qualquer pressão no adversário ,teremos um estádio frio , quieto e sem nenhuma empolgação seremos uma piada frente aos nossos adversários …o melhor estádio do Brasil que em vez de um caldeirão se torna um caixao , quem aqui acha que o time da marginal não vai reservar um espaço para seu torcedor organizado ……sou torcedor de arquibancada e rezo para que não percamos esse diferencial……!!!

Bom então baseado no seu relato, a melhor opção foi a dada pelo Felipe que deu de exemplo o Estadio do Borussia. Resta as duas torcidas se entenderem.

Pra mim essas cadeiras removíveis tem que ser uma obrigação no projeto do novo estádio,esta briga em Guaratinguetá foi uma babaquice sem tamanho sobre isso todos de acordo mas ao mesmo tempo ela foi supervalorizada e os torcedores coxinhas já se revelaram vociferando a favor de proibições e restrições a torcidas organizadas,muito provavelmente(dessa vez eu não estava lá pra ver) essa briga foi motivada por algum espaço que estava sendo disputado pelas duas torcidas em questão,sobre isso é muito simples resolver tem que haver uma conversa entre elas para definir onde elas se situarão no novo estádio,e quem brigar ou fizer palhaçada vai se deparar com o sistema de segurança do Allianz Parque,não tem porque tergiversar sobre o conceito stehplatz,pra mim isso tinha que estar implícito neste projeto,não querer que as organizadas ou quem gosta de ver futebol em pé,com emoção e um pouco de loucura façam parte disto é negligenciar uma boa parte de nossa torcida,uma das coisas mais legais do estádio do Borussia é a chamada muralha amarela,que é prova cabal de que o conceito Stehplatz faria um sucesso enorme e seria um diferencial imenso em relação a outros times que já apelaram ao coxinhismo

Não sei. O torcedor de futebol, não só aqui no Brasil, no mundo todo, quando entra no estádio se acha no direito de xingar todo mundo. Se acha no direito de partir pra porrada com qualquer um que tenha uma atitude oposta a sua. Acho que isso é humano. Apesar de nos considerarmos civilizados, todos nós tomamos atitudes incompreensíveis no momento em que a adrenalina se mistura ao sangue. Proibir e/ou deixar de apoiar as torcidas organizadas, ou aumentar o valor dos ingressos, na minha opinião, não é a solução. Depender da polícia ou do ministério público para punir infratores também não vai funcionar. Acredito que a solução é a administração da Allianz Parque ser independente. Se o sistema de segurança com câmeras de alta resolução prometido for realmente instalado e, se for possível identificar possíveis infratores, os próprios administradores poderão impedi-los de frequentar a Arena.

Boa noite a todos, em especial a você Claudio, pois este assunto pelo que li, já é polemico , pelo simples fato de alguns torcedores mais idiotas, procurarem resolver suas diferenças, na porrada, mas é claro e notório, que a elitização do futebol já é uma realidade, pois os novos centros esportivos, buscam enaltecer conforto e segurança, que diferenciam em muito os diversos estádios que eu e muitos amigos , fomos, sendo importante estabelecer quais sejam os setores e seus preços, para que todos, tenham a oportunidade de ver o Palmeiras em uma arena multiuso, sem comprometerem seu orçamento mensal, onde o sistema Stehplatz, em minha modesta opinião é uma solução viável e barata para acomodar com segurança e conforto , torcedores que possam pagar um preço justo , em condições de torcerem em uma arena que trará orgulho e dinheiro ao Palmeiras.
O pronunciamento de nosso amigo Raul Ricardi, vai de encontro aos princípios mais distorcidos de uma sociedade descompromissada com seu semelhante, pois se eu posso , que se dane o outro, que venhamos e convenhamos , não é a realidade dos fatos, em nenhum pais que se possa rotular civilizado, mas respeito a opinião, já que creio que o amigo Raul seja leigo em obras que possam oferecer segurança e conforto, respeitando o direito de todos, não importando o volume e tamanho do bolso.
Quanto as “torcidas“, organizadas, é fato que a cada momento temos uma ocorrência, nada saudável , pois sermos justos nas circunstancias que se apresentam perante a visão de milhões, os argumentos caem por terra, mas há uma solução, a de manter limites em expor atitudes agressivas e gratuitas, relacionar um a um dos que sempre comparecem aos estádios, monitorar movimentos e posturas, confinar agressores e valentões, enfim toda e qualquer ação que necessite força e habilidade, pois os mesmos participantes do evento de Guaratinguetá , não são primários, não são ingênuos, não são inocentes, e não são Palmeirenses dignos de frequentar o mesmo espaço que pode ter seu parente a poucos metros!

A melhor saída é identificar e punir com o banimento dos estádios os encrenqueiros. Parece que aquele Zeca encrenqueiro da Mancha estava envolvido. Como ele ainda entra nos estádios?
Sou contra aumentar o valor dos ingressos. Alguns idiotas brigam e a torcida toda é punida? Menos,né?

Só espero que no Allianz Parque exista este sistema e vigilância que prometeram. Neguinho aprontou é simples: proibição de assistir jogos, processo por perdas e danos físicos, processo por danos morais e cadeia para os meliantes. Quem não se enquadrar só terá duas alternativas: Ou não assista aos jogos ou arque com as consequências no caso de comportamento indequado.

Não acho que cobrar ingresso caro vai ajudar o Palmeiras. Estive no Pacaembu nos últimos 3 jogos em casa e fiquei no setor 2 das cadeiras laranjas, o torcedor que fica por ali é um torcedor de sofá, um típico amendoim, que não canta, que não incentiva e que tem ejaculação precoce (grita gol antes da hora). É ridículo! Não concordo com a violência de alguns membros da organizada, mas no jogo contra os gambás que rendeu a punição ao Palmeiras, no ano passado, eu estava no mesmo local (setor 2 das cadeiras laranjas) e vi na minha frente que quem vandalizou no estádio não foram as organizadas e sim as pessoas desse setor.
Para mim, generalizar os membros da organizada como vândalos é bem típico dessa nossa elite paulista hipócrita que não olha para o seu próprio umbigo e pedem ingressos mais caros para elitizar os estádios. A punição deve ocorrer para todos da mesma forma, sendo membro de organizada ou não, para aqueles que não sabem torcer e ficam sentados apenas cornetando o time ao invés de incentivá-lo! Ao menos, a Mancha canta o jogo inteiro.

isso vai dar muita discussão!!!!!!
parece que na Fonte Nova um torcedor foi proíbido de entrar!!!!!!
cadastre todos, cobrar ingresso caro e punição para quem aprontar!!!!!!

Palmeirense batendo em Palmeirense….
Torcida Organizada X, cantando suas musicas para encobrir a Torcida Organizada Y…
Por mais que eu ache bonito e necessario a presença das Organizadas, aqui no Palmeiras parace que tem que ser tudo diferente, e a tendencia me parece ser a extinção delas, ou então, que novas Diretorias assumam, para que a Harmonia volte, e o Palmeiras ganhe com isso, dentro e fora de campo.

Sou totalmente contra esse sistema de cadeiras removíveis.Para mim tem que ter cadeira em todos os setores do Allianz Parque e preços altos, só assim nos livraremos desses pseudos torcedores que só existem para prejudicar o Palmeiras e nos fazer passar vergonha.O que ganha jogo e por consequência campeonatos é time forte e não pressão de torcida.É irrelevante aquilo que esses caras fazem nas arquibancadas, jogador de futebol que está realmente concentrado no jogo nem ouve aquilo que se grita da arquibancada.Abraços

Que mundo você vive? Ingressos caros para ir gente que pergunta quem é a bola? E o cara que mora na períferia que não tem condições de pagar muito para ver o time do coração jogar? Quer dizer que só quem tem dinheiro pode? O Palmeiras está assim porque tem inúmeros torcedores que diminuem o clube, acham que só é de direito da colônia italiana, mas esquecem que tem torcedores de todas origens. Para de ser minimalista!

Amigo,eu vivo no planeta Terra.Quero o Allianz Parque para torcedores de futebol e não para pessoas que vão ao estádio para brigar e prejudicar o Palmeiras.Não estou preocupado se essa pessoa conhece alguma coisa de futebol ou não.Concordo contigo, o Palmeiras é de todos e há muito tempo deixou de ser um time da colonia italiana, porém muita gente se acha dona das arquibancadas e é com isso que eu não concordo.Abraço

Raul, eu discordo de ti na questão de que ingresso caro resolve o problema. Ingressos caros não vai punir só o organizado, mas a todos os torcedores, inclusive a grande maioria que é pacífica. Fora que tem muito brigão que vai arrumar grana pra ir no estádio não importa o preço. Só ver como alguns viajam pra todo lugar, até fora do país pra xingar jogar e tentar bater em aeroporto.
Educação e bom comportamento não são medidos pelo poder aquisitivo do cidadão. Exemplo disso é que na partida contra o time da marginal sem número ano passado, torcedores das numeradas tentaram pular para os camarotes pra pegar o B1 e B2…
O que resolve é prender quem arruma confusão e o obrigar a se apresentar em delegacia nos horários de jogos.

Que mentalidade tacanha e mesquinha, por causa de visões assim é que o abismo social no país não diminui. Você diz que é contra quem se acha dono da arquibancada, mas o que você propõe com uma elitização do público dos estádios é limitar o acesso a arquibancada a poucas pessoas que no fim serão os “donos” da arquibancada porque só eles poderão pagar pra estar lá. Fora o o preconceito implícito de que só pobre que briga e ricos não.
Quer resolver o problema da violência nos estádios? Bota a polícia e o MP pra fazerem o trabalho deles de identificar, prender e punir os indivíduos responsáveis pelas confusões ao invés de passarem o recibo de incompetência ao repassar a solução dos casos pra outras entidades como os clubes e as T.O.s

Acho PERFEITO!
Ingresso caro, estádio confortável e todas as dificuldades do mundo pra esses bandidos que se dizem torcedores.
Vamos parar com essa hipocrisia de futebol é pra povão. Futebol é caro pra manter e se, o espetáculo for bom, nego paga o quanto for.
Puta preconceito bobo também essa historia de que so duro que entende de futebol.
Tem que ter UM SETOR mais barato e o resto caro.
Qqer evento do mundo AO VIVO é caro.
Quer ver o Cirque de Soleil ao vivo? Paga 300 paus.
Nao pode pagar? Gasta 50 no DVD e assiste com a família inteira

Boas Claudio, bom já temos exemplos vindos da arena do gremio. Na minha opinião os dois presidentes das organizadas deveriam se sentar e colocar tudo em pratos limpos e para com essa de que uma é melhor que a outra. Isso ajudaria e bastante. Esse é um assunto que da pra se estender e muito, na inglaterra não tem nego pulando, dei este exemplo pois acredito que a arena ficara bem próxima dos estadios de lá com relação aos lugares numerados. Na espanha tb não.
Agora eu te falo, no setor verde e amarelo do pacaembu, todo mundo fica de pé, ninguém senta mais, fui obrigado a ouvir que se quiser ver o jogo sentado que vá pra outro lugar, essas merdas toda. já mandei nego pra pqp e falei que se quiser fica de pé que vá na mancha verde. A arena deve colocar um ponto final nisso.

Neste ponto, acho a Signal Iduna Park – arena do Borussia Dortmund – perfeita. Atrás de um dos gols ficam 25 mil torcedores sem cadeira, ou seja, pros organizados.

Os demais 50 mil lugares, sao para os torcedores “normais”, que nem eu. O clube ganha em renda e em apoio durante o jogo.

é uma opção, mas lembre-se que estamos falando de alemanha país de primeiro mundo, que se não é uma maravilha, o pessoal é educado.Não digo nada se lotar esse espaço e nego querer ficar pulando um lugar onde não seria “permitido”. As vezes o cara que ta na organizada acha que pode tudo especialmente se esta com 10 do lado.

Pessoal, primeira vez que comento aqui.

Estava essa semana com dois israelenses comigo e iamos todos ver Palmeiras x Icasa, infelizmente apos eles verem na internet essa violencia dentro da propria torcida do verdao, desistiram de assistir no estadio, acabamos vendo pela TV mesmo

Os comentários estão desativados.