Categorias
Verdão na Mídia

Verdão na Mídia 10-09-2013: Com Valdivia de volta, Palmeiras recebe o ASA no Pacaembu ❘ Globo Esporte Com

NOTICIÁRIO ❘ GLOBO ESPORTE COM

• Com Valdivia de volta, Palmeiras recebe o ASA no Pacaembu

Palmeiras e ASA se enfrentam nesta terça-feira, às 19h30m (horário de Brasília), no Pacaembu, pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, com uma atração especial: Valdivia. Liberado pela seleção chilena do amistoso contra a Espanha, também nesta terça-feira, ele voltou antes do previsto e foi relacionado pelo técnico Gilson Kleina, mas não tem escalação garantida no time titular. O mais provável, aliás, é que o meia não participe dos 90 minutos – ele pode iniciar no banco de reservas.

Mesmo assim, o Mago retorna ao Verdão com moral. O jogador teve boa atuação na vitória do Chile por 3 a 0 sobre a Venezuela, na última sexta-feira, pelas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2014, em que contribuiu com uma assistência e boas jogadas. Além disso, o Palmeiras encerrou o jejum de quatro jogos sem triunfos, com a vitória por 3 a 1 sobre o Atlético-GO, no último sábado.

Sem nada com isso, o ASA, com 23 pontos, tenta desbancar o Alviverde, com 45 pontos, para ficar mais longe da zona de rebaixamento. Para isso, terá também o seu Valdivia no banco de reservas. Apelidado por causa da semelhança física com o palmeirense, o jovem Caíque, de 20 anos, conta com o apoio da torcida para recuperar espaço na equipe e melhorar o retrospecto do time alagoano fora de casa. Em dez partidas como visitante, o Alvinegro perdeu sete, venceu duas e empatou uma.

O árbitro Wagner dos Santos Rosa apita a partida, auxiliado por Carolina Romanholi Melo e Rafael Trombeta. O GLOBOESPORTE.COM acompanha todos os lances, em Tempo Real, e o canal Premiere FC 3 transmite a partida ao vivo para todo Brasil, pelo sistema pay-per-view.

AS ESCALAÇÕES

Palmeiras: com apenas um dia de treinamento entre a vitória contra o Atlético-GO e o confronto diante do ASA, Gilson Kleina sequer fez atividade tática. Apesar disso, ele deve manter a formação com três atacantes, que teve sucesso frente ao Dragão. Com oito desfalques, o comandante deve improvisar Wendel novamente na lateral esquerda. A dúvida é se Valdivia iniciará o jogo ou começará no banco. Assim, o provável Verdão é o seguinte: Fernando Prass; Luis Felipe, Vilson, Tiago Alves e Wendel; Márcio Araújo, Wesley e Felipe Menezes (Valdivia); Vinicius, Leandro e Alan Kardec.

ASA: o técnico Leandro Campos vai promover duas mudanças. Sem contar com o zagueiro Samuel e o atacante Elionar Bombinha, o treinador vai recuar Fabiano para a zaga e dar uma chance a Milton Júnior no meio. Na frente, Wanderson será titular ao lado de Lúcio Maranhão, artilheiro do Alvinegro nesta Série B, com seis gols. O time: Gilson; Maicon, Tiago Garça, Fabiano e Chiquinho Baiano; Glaybson, Milton Júnior, Djair e Didira; Wanderson e Lúcio Maranhão.

QUEM ESTÁ FORA

Palmeiras: Mendieta (suspenso pelo STJD), Eguren (Uruguai) e Henrique (seleção brasileira), convocados, além de Ronny (entorse no tornozelo direito), Marcelo Oliveira (fisgada na panturrilha direita), Ananias (lesão na coxa esquerda), Juninho (dores no púbis) e Fernandinho (lesão na coxa esquerda).

ASA: o zagueiro Samuel está suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Com uma lesão muscular na coxa direita, o atacante Elionar Bombinha foi vetado pelo departamento médico. Outras baixas são os volantes Cal, Rudiero e Jorginho, todos machucados.

PENDURADOS


Palmeiras: Eguren, Luis Felipe e William Mendieta.

ASA: Chiquinho Baiano, Edson Veneno, Fabiano, Glaybson, Jorginho, Osmar e Tiago Garça.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ GLOBO ESPORTE COM

••

NOTICIÁRIO ❘ GAZETA ESPORTIVA NET

• Palmeiras reencontra adversário ‘mais tranquilo’ para novo embalo

Por Wiliam Correia

No sábado, contra o Atlético-GO, o Palmeiras venceu pela primeira vez após quatro jogos de jejum. E terá às 19h30 (de Brasília) desta terça-feira, no Pacaembu, uma boa chance de retomar o embalo para garantir o acesso o quanto antes. O adversário será o ASA, contra quem o time conseguiu sua vitória mais tranquila no primeiro turno.

Ainda na segunda rodada da Série B do Brasileiro, mesmo com a cansativa viagem para Arapiraca, o time de Gilson Kleina precisou de 42 minutos para definir a vitória por 3 a 0 ainda no primeiro tempo.

Nas rodadas seguintes, o Verdão conseguiu até triunfos maiores, mas nunca mais construiu o placar com tanta tranquilidade. Nos 4 a 0 sobre Oeste e Icasa, por exemplo, o goleiro Fernando Prass teve que fazer defesas difíceis, pegando até pênalti, enquanto Bruno teve trabalho menos exigente em Alagoas.

Naquela fácil vitória em 28 de maio, até o contestado Kleber, já dispensado do clube, marcou gol. Hoje, o centroavante e artilheiro da equipe na competição é Alan Kardec, que naquela época ainda era jogador do Benfica. E não se empolga com o desempenho de seus colegas em Arapiraca.

“Classifico este jogo como dificílimo. Estaremos em casa, com apoio da torcida, mas com o adversário certamente se dedicando ao máximo para nos marcar e matar as nossas jogadas. Hoje, no futebol, não tem mais ninguém bobo nem jogo fácil. Os jogadores que facilitam apoiando e se impondo, por isso espero que sejamos muito ofensivos, buscando vitórias”, comentou o camisa 14.

Com esse espirito, Kleina deve apostar mais uma vez na formação com três atacantes. Mas ainda sem Valdivia. O meia foi liberado mais cedo por sua seleção e ficará no banco de reservas, com atuação programada para, aproximadamente, 30 minutos. A incumbência de armar para Vinicius, Leandro e Alan Kardec segue com Felipe Menezes, já que Mendieta continua suspenso pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).

No setor defensivo, Wesley continuará com uma função mais atrasada, ao lado de Márcio Araújo. E o volante Wendel será lateral direito, com o lateral direito Luis Felipe na esquerda, pois Juninho, Fernandinho e Marcelo Oliveira seguem vetados pelo departamento médico. Como Henrique está com a seleção brasileira, Vilson e Tiago Alves continuam como a dupla da zaga.

A ordem é que, com a mesma escalação que venceu o Atlético-GO no sábado e encerrou jejum de quatro vitórias, não haja empolgação pela diferença entre os times na tabela: o Palmeiras, líder da Série B, tem 45 pontos, quase o dobro dos 23 do ASA. O Verdão ainda tem a confortável vantagem de 14 pontos para o quinto colocado Sport, primeiro a aparecer fora da zona de acesso.

“Independentemente do adversário e da sua posição na tabela, é necessário respeitar. Lá também entram 11 jogadores. Mas o nosso objetivo tem que estar acima de tudo: buscar as vitórias para garantirmos o quanto antes a classificação para a primeira divisão. Se as vitórias acontecerem, a diferença aumenta. Ainda mais em casa, temos que jogar, colocar em prática tudo o que sabemos”, discursou Alan Kardec.

É o que deseja o ASA, mas por um motivo bem diferente. Em 13º lugar, o time está a três pontos da zona de rebaixamento e terá que se reabilitar de uma sequência bastante prejudicial. Nas últimas dez partidas do clube alagoano, foram sete derrotas, um empate – na sexta-feira, em casa, com o Paysandu – e só duas vitórias.

Em busca da reviravolta na tabela, o técnico Leandro Campos deve suprir as ausências do zagueiro Samuel, suspenso, e do atacante Elionar Bombinha, machucado, recuando o volante Fabiano para a defesa, recolocando Milton Júnior no meio-campo, e deixando Wanderson como companheiro de Lúcio Maranhão no ataque.

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS X ASA

Local: estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)

Data: 10 de setembro de 2013, terça-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)

Árbitro: Wagner dos Santos Rosa (RJ) 
Assistentes: Carolina Romanholi Melo (CE) e Rafael Trombeta (PR)

PALMEIRAS: Fernando Prass; Wendel, Vilson, Tiago Alves e Luis Felipe; Márcio Araújo, Wesley e Felipe Menezes; Vinicius, Leandro e Alan Kardec
Técnico: Gilson Kleina

ASA: Gilson; Maicon, Tiago Garça, Fabiano e Chiquinho Baiano; Glaybson, Milton Júnior, Djair e Didira; Wanderson e Lúcio Maranhão
Técnico: Leandro Campos

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ GAZETA ESPORTIVA NET

••

NOTICIÁRIO ❘ ESTADÃO ONLINE

• Palmeiras pega ASA e quer iniciar arrancada rumo à elite

Por Ciro Campos

A sequência de quatro jogos sem ganhar e com atuações decepcionantes em empates na Série B do Campeonato Brasileiro ficou para trás no Palmeiras. Nesta terça-feira contra o ASA, às 19h30, no estádio do Pacaembu, em São Paulo, pela 21.ª rodada, o discurso é de dar gás a uma arrancada responsável por garantir a vaga à Série A.

“Não é momento de ficarmos administrando vantagem. Temos que pisar no acelerador para subir o quanto antes”, resumiu nesta segunda o atacante Alan Kardec. A meta é tentar repetir o primeiro turno, quando o time ficou 11 jogos sem perder e, assim, construiu a campanha de líder.

Se na semana passada a equipe parecia insegura pelo jejum de vitórias, agora está confiante. Isso é resultado do convincente triunfo fora de casa no último sábado, por 3 a 1, sobre o Atlético Goianiense, em Itumbiara (GO), conquistado ao superar 10 desfalques e problemas como intoxicação alimentar de alguns atletas do elenco.

Contribui também para o otimismo a fragilidade do adversário, que luta contra o rebaixamento, e o retorno de Valdivia. O meia vai começar o jogo no banco de reservas e deve atuar por até 30 minutos. Um acordo entre as comissões técnicas do Chile e do Palmeiras possibilitou a dispensa do jogador do amistoso desta terça contra a Espanha, em Genebra, na Suíça.

O técnico Gilson Kleina deve mandar a campo os mesmos titulares do último jogo. O lateral-esquerdo Juninho ainda não está recuperado de dores no púbis e Wendel continua no lugar, embora Léo Gago também pode aparecer como provável substituto para o decorrer do jogo. A equipe está mantida no esquema com três atacantes: Vinícius, Leandro e Alan Kardec.

Nesta segunda, no último treino, Gilson Kleina fez mistério e em vez de comandar a habitual atividade tática de véspera de partida, deixou os jogadores apenas treinando finalizações. Já o ASA joga desfalcado do atacante Elionar Bombinha, que sentiu a coxa direita e será substituído por Wanderson.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ ESTADÃO ONLINE

••

NOTICIÁRIO ❘ UOL ESPORTE

• Palmeiras recebe o ASA em reencontro de Valdivia com torcida após um mês

Na noite desta terça-feira, no Pacaembu, o Palmeiras recebe o ASA pela 21ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro e poderá contar com a ilustre presença de Valdivia para tentar manter a sequência de vitórias no segundo turno da competição. Será o reencontro do meia chileno com a torcida alviverde dentro de casa após um mês. A última vez em que ele atuou no Pacaembu foi na vitória por 2 a 1 contra o Paraná, exatamente no dia 10 de agosto.

Desde então, contando a Copa do Brasil, foram mais oito jogos e o camisa 10 da equipe do Palestra Itália só jogou em um, diante do Ceará, fora de casa. Lesões e convocações para a seleção chilena deixaram o principal ídolo do atual elenco alviverde fora de combate contra Joinville, Paysandu, duas vezes contra Atlético-PR, Chapecoense e Atlético-GO.

O comandante alviverde, Gilson Kleina, ainda não definiu, no entanto, se Valdivia inicia jogando ou entra no segundo tempo. Certo é que, para preservar sua condição física, ele deve atuar cerca de 30 minutos, mesmo que seja saindo do banco de reservas no segundo tempo da partida. Kleina deve repetir uma escalação com três atacantes.

No setor de criação, ele não poderá contar com Mendieta, suspenso pelo STJD por conta da briga no jogo com o Paysandu, mas o retorno do chileno compensará a ausência. O atacante Alan Kardec, artilheiro do time, irá se beneficiar com a criatividade do chileno. O jogador acredita que a formação ofensiva do time será um ponto a mais no jogo.

“Contra a Chapecoense e o Ceará, nós finalizamos muito, faltou um pouco de sorte. A nossa equipe tem de continuar jogando, somos uma equipe que joga para a frente e temos qualidade. Tenho certeza de que a sorte será melhor do que foi contra a Chapecoense. Nós criamos, mas infelizmente a sorte não foi maior naquela partida. A equipe tem de continuar jogando para a frente e tenho certeza de que as coisas acontecerão a nosso favor”, disse.

Após retomar o caminho das vitórias contra o Atlético-GO, o Palmeiras quer manter o ritmo para chegar o mais rápido possível ao seu objetivo, que é se garantir na Série A.

“A nossa meta é sempre vencer o próximo jogo, trabalharemos forte para o jogo contra o ASA. Temos um tempo curto e a nossa maior preocupação é a recuperação de todos. Viveremos o jogo de terça-feira e buscaremos os três pontos para que a gente possa se aproximar daquele número de pontos que pode nos dar o acesso”, afirmou o técnico Gilson Kleina.

Além disso, o Palmeiras segue com alguns desfalques da rodada anterior: Marcelo Oliveira, Ananias e Fernandinho se recuperam de lesão; Ronny torceu o tornozelo e Juninho está com dores no púbis. O zagueiro Henrique está com a seleção brasileira e o volante Eguren, com a uruguaia. O ASA faz uma campanha mediana e ocupa a 13ª colocação na tabela, com 23 pontos conquistados.

A equipe está onze pontos distante do Joinville, que ocupa a quarta posição, a primeira entre os que conseguem o acesso para a elite do futebol nacional. O time terá o desfalque do zagueiro Samuel, que recebeu o terceiro cartão amarelo no empate com o Paysandu, na última rodada. O atacante Elionar Bombinha também está fora. O jogador lesionou a coxa esquerda no último treino da equipe e nem sequer viajou para São Paulo com o grupo. Assim, ao lado de Lúcio Maranhão será escalado Wanderson ou Jefferson Maranhense.

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS X ASA

Local: Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)

Data/Horário: 10/9/2013, terça-feira, às 19h30 (de Brasília)

Árbitro: Wagner dos Santos Rosa (RJ) 
Assistentes: Carolina Romanholi Melo (CE) e Rafael Trombeta (PR)

PALMEIRAS: Fernando Prass; Luis Felipe, Vilson, Tiago Alves e Wendel; Márcio Araújo, Wesley e Valdivia (Felipe Menezes); Leandro, Alan Kardec e Vinicius. Técnico: Gilson Kleina.

ASA: Gilson; Maicon, Tiago Garça, Fabiano e Chiquinho Baiano; Milton Júnior, Djair, Glaybson e Didira; Wanderson (Jefferson Maranhense) e Lúcio Maranhão. Técnico: Leandro Campos.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ UOL ESPORTE

••

NOTICIÁRIO ❘ LANCENET

• Palmeiras se aproxima da ‘nota de corte’ e pode subir em outubro

O returno da Série B começou no sábado para o Palmeiras com mais uma vitória, a 14ª na competição. O palmeirense que vai ao Pacaembu nesta terça, às 19h30, à espera de novo triunfo, contra o ASA-AL, segue contando os dias e os pontos para a volta à Série A. O objetivo pode ser atingido até o fim de outubro, no embalo alviverde atual na competição.

O Verdão já conquistou 45 pontos, em 20 rodadas. A projeção matemática atual, de acordo com o ritmo da Segundona, é de acesso com 64 pontos. As últimas edições do torneio, de fato, apontam para número parecido. Apenas o Vitória, no ano passado, terminou em quarto com pontução atípica, acima da média: 71 pontos.Os demais não passaram dos 65, pontuação do Atlético-GO, em 2009.

O mesmo Vitória, em 2007, subiu com 59 pontos. Em que rodada a volta do Palmeiras à elite pode ser confirmada? O LANCE! ouviu matemáticos, fez projeções e comparações sobre o que resta ao Verdão. O material completo você confere no L!Digital nesta terça-feira, clicando no banner abaixo.

– Temos de jogar, colocar em prática o que sabemos, para cada vez mais abrir vantagem para o quinto e, consequentemente, conquistar o objetivo, o título – disse Alan Kardec, que já fez 8 gols em 11 jogos na Série B.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ LANCENET

••

COLUNA DE PRIMA ❘ LANCENET

• Palmeiras cria comissão de inquérito para Arnaldo Tirone

Por Marcelo Damato

O Palmeiras vai criar uma comissão de inquérito para apurar as responsabilidade do ex-presidente Arnaldo Tirone (2011-13) e de seus quatro vice-presidentes nas contas de 2012, que foram reprovadas nesta segunda-feira à noite, sem nenhum voto contrário, pelo Conselho Deliberativo. Tirone e os vices Roberto Frizzo, Edvaldo Frasson, Mario Giannini e Walter Munhoz terão apurada seu papel no resultado financeiro de 2012.

A comissão ainda não foi nomeada. Ela sairá de uma reunião entre o presidente do Palmeiras, Paulo Nobre, do Conselho Deliberativo, Antonio Augusto Pompeu de Toledo, e do COF, Alberto Strufaldi, nos próximos dias.

Alguns conselheiros, no entanto, cobram que o mesmo procedimento seja aplicado em primeiro lugar ao ex-presidente Luiz Gonzaga Belluzo (2009-11) e seus vices Salvador Hugo Palaia, Clemente Pereira, Gilberto Cipullo e, novamente, Edvaldo Frasson. Belluzzo teve reprovadas as contas de 2010, também no último ano de sua gestão.

Em ambos os casos, o grupo que venceu a eleição se opunha ao presidente que estava saindo.

Leia aqui a matéria completa → COLUNA DE PRIMA ❘ LANCENET

••

COLUNA DO JORGE NICOLA ❘ DIÁRIO DE S.PAULO

• Na praia…

Um grupo de torcedores não gostou de ver o lateral-esquerdo Juninho brincando com a bola em uma praia no Guarujá, enquanto o time batia o Atlético-GO em Itumbiara.

• …e na bronca

É que Juninho não viajou com o Verdão porque alegou estar sentindo dores no púbis. À coluna, o lateral garante que fez tratamento no próprio sábado antes de descer para o litoral.

• Pisando em ovos

A votação das contas de Arnaldo Tirone, ontem, gerou desconforto no Conselho Deliberativo. Tudo por causa da presença de 34 novos conselheiros, eleitos neste ano. Ou seja, eles não participaram de qualquer ato da Era Tirone.

••

COLUNA DE PRIMA ❘ LANCE!

Por Marcelo Damato

• Triste fim

O ex-presidente do Palmeiras Arnaldo Tirone teve suas contas de 2011 rejeitadas sem nenhum voto a favor pelo Conselho Deliberativo na reunião de ontem à noite. Foram 181 votos contra e 22 abstenções. Tirone saiu antes da votação. Muitos de seus diretores votaram contra ele.

••

OUTRAS NOTÍCIAS :

GLOBO ESPORTE COM → Alan Kardec se coloca à disposição para ajudar Palmeiras como meia
 
JP ONLINE → Palmeiras recebe Asa no Pacaembu tentando manter liderança da Série B; JP transmite às 19h30
 
BAND ESPORTE → Com meta ousada, Verdão recebe o ASA-AL em ‘duelo de Valdivias’
 
GLOBO ESPORTE COM → Verdão ‘solidário’ divide gols entre quase todos titulares na Série B
 
GAZETA ESPORTIVA NET → Verdão calcula que será campeão se repetir pontos do primeiro turno
 
ESTADÃO ONLINE → Artilharia distribuída move campanha positiva do Palmeiras na Série B
 
FOLHA ONLINE → Com equipe renovada, Palmeiras reencontra ASA na Série B
 
R7 → Palmeiras pega ASA e quer iniciar arrancada rumo à elite
 
••

4 respostas em “Verdão na Mídia 10-09-2013: Com Valdivia de volta, Palmeiras recebe o ASA no Pacaembu ❘ Globo Esporte Com”

Cheguei a conclusao que prefiro o Valdivia na metade dos jogos recebendo 300 mil por mês, do que qualquer outro meia brasileiro em atividade hoje.

O cara em campo é certeza de gols e empolgacao.

Mesmo. E se custou/custa caro é porque alguém propôs pagar. E se propôs pagar (Prof° Belluzzo), foi por um jogador que participou da Copa do Mundo daquele ano e que muitos Palmeirenses julgavam que não deveria ter deixado o clube. E ninguém sabia também que ele voltaria com coxas de papel higiênico molhado.

Eu já estive mais presente que o Valdívia esse ano ao Pacaembu, triste realidade.
E o Araujo inútil não sai do time nem por decreto federal. Deve ser por isso que estamos numa draga sem fim, ou seria apenas coincidência? Não sei se comemoro mais a volta a série A ou a dispensa desse derrotado jogador no fim do ano. Isso tudo se o CEO não renovar por mais 5 anos com um belo aumento comissionado na conta de algum terceiro.

Os comentários estão desativados.