Categorias
Resenha dos Jogos

Pós Jogo Palmeiras 0x0 São Caetano: voltamos!

E o Palmeiras está promovido matematicamente à série A de 2014.

O fato consumou-se na tarde deste sábado, 26 de outubro, com o empate contra o São Caetano: 0x0.

O um ponto assegurado permite que o palmeiras chegue a 69 pontos e não poderá mais ser alcançado pelo 5o colocado. Mesmo que perdesse, com a combinação de resultados da rodada, o Palmeiras já teria assegurado matematicamente o acesso.

Captura de Tela 2013-10-26 às 18.14.59O jogo? A esta altura importa pouco. Foi tecnicamente fraco, com Valdívia tentando algumas jogadas de efeito e deixando os atacantes na cara do gol. Num deles aconteceu o lance mais inusitado da partida: no 1o tempo o árbitro José Luis Seneme apontou pênalti do goleiro do Azulão em Kardec, após passe de Valdívia. Mas voltou atrás após consultar o bandeira.

Valdívia, Luis Felipe e Prass foram os destaques do Palmeiras. O goleirão foi um dos responsáveis pelo zero do placar.

Mais destaque ainda foi o uniforme palmeirense e a camisa de Prass. Simplesmente linda.

 

E agora?

Comissão técnica, elenco e a Diretoria estão de parabéns. O Palmeiras cumpriu sua missão sem sustos na série B. Assegurou o acesso com várias rodadas de antecedência, com sobras. Agora precisa preparar um grande time para 2014. Não só por ser nosso centenário, afinal de contas o Palmeiras exige e o palmeirense merece todo ano um grande time. Mas também por ser nosso centenário!

Por enquanto vamos comemorar. E esperemos nunca mais retornar onde estivemos em 2013. E que os responsáveis por essa vergonha em 2012 tenham a humildade em se afastarem completamente do Palmeiras.

Saudações Alviverdes! E Parabéns Palmeiras e palmeirenses!!!

58 respostas em “Pós Jogo Palmeiras 0x0 São Caetano: voltamos!”

Garantido na elite, Palmeiras segue rumo ao tri em 2015

Por CLÓVIS ROSSI

COLUNISTA DA FOLHA

Assegurada a sua volta à primeira divisão, o Palmeiras deu importante passo para ser tricampeão.

Não entendeu? Simples: campeão da Série B em 2003, bicampeão em 2013, o velho e glorioso Palestra tem tudo para ser tri em 2015, porque há claramente mais chances de que ele fique entre os quatro últimos da Série A em 2014 do que entre os quatro primeiros.

Logo, voltaria em 2015 a comer a poeira das estradas e gramados (eu disse gramados?) da “segundona”, único sítio em que consegue brilhar nos últimos muitos anos.

Suponho que até o mais fanático palmeirense, se sobra um dedo de lucidez em fanáticos, há de admitir que, com esse elenco, o Palmeiras terá imensas dificuldades em manter-se na elite do futebol brasileiro, por mais que essa tal elite esteja bastante danificada, ante a incapacidade de competir com os europeus, que nos levam os melhores talentos e até as melhores promessas.

O fato é que, pelo menos no ano passado e neste ano, o Palmeiras não jogou futebol. Jogou “toscobol”, que é o que se pode esperar de um time cujo astro (Valdivia) é reserva da seleção do Chile.

Com todo o respeito e o carinho que sinto pelo Chile, seu futebol não tem uma história como a da Argentina ou mesmo a do Uruguai. Se é assim, ter um reserva de seleção secundária como astro do seu time, é porque seu time está mal das pernas.

Para sobreviver sem sustos na Série A, teria que contratar no mínimo, no mínimo, uns quatro jogadores de alto nível. Já nem falo em craques que aí seria de um irrealismo primário. Falo em bons jogadores. Qual é o atleta palmeirense que merece esse rótulo?

Como não há dinheiro para contratações, temo que a equipe da Série A seja bem parecida com a da B, ou seja, tosca.

Restaria formar jogadores na base, mas o Palmeiras revela incompreensível incapacidade de revelar jogadores. Apareceu, por exemplo, um tal Vinícius, que me pareceu uma promessa interessante. Foi sumindo com o tempo. Hoje, já nem é titular, ofuscado por contratações que, no tempo em que dava para torcer para o Palmeiras, não seriam nem reservas dos reservas.

O único consolo é que haverá um novo estádio, agora chamado de arena. Parece estádio de primeira divisão. Só falta um time idem.

Este empate em 0x0 com o São Caetano foi lapidar e um cruel recado para os otimistas sem motivo chapas brancas de plantão. Este Palmeiras, com este técnico, com este CEO $@#@&*, empata sem gols com time de série C. E se não brigar por novo descenso já será um imenso lucro. Acho q o único jeito é rezar mesmo. De presente de natal, um centenário sem Kleina, sem M. Araújo e sem brunóquio. Amém.

Olá palmeirense Claudio Longo,

Pois é…eu sempre batí nessa tc da mentalidade pequena desses últimos dirigentes do nosso clube. Estou sinceramente preocupado, pois, o palmeiras não resistirá uma nova queda pra segundona, pois, a decepção será geral, e estamos perdendo torcedores há mais de uma década…e esse time mediano atual, já demonstrou em vários jogos, inclusive com goleadas vergonhas (Mirassol), que é um time muuuuuito fraco. Eu não aguento mais ouvir e ler entrevistas desse presidente fantoche, pau-mandado… de mentalidade de dono de pizzaria, pois, são sempre as mesmas idiotices, e ele faz questão de apequenar nosso clube. Ele sempre fala a 4 ventos que estamos quebrados (e não é verdade), pois, já provaram A+B que o Palmeiras não deve tanto assim, e tem mais de 8 times devendo mais que nós…mas, com verdadeiros timaços montados. A MENTALIDADE NOS OUTROS CLUBES É DE PRIMEIRA DIVISÃO, DE ELITE…QUE PENSA EM TÍTULOS E VALORIZAÇÃO DA MARCA.
Não apoio ninguém no clube, pois, tenho NOJO da política palmeirense…pois, ela é feita de conchavos, interesses próprios ($$$$)…e enquanto isso, nos últimos 10 anos foram 2 quedas (a terceira está encaminhada) e mais 2 vezes pendurados, pois, fomos salvos por outros times nas últimas rodadas… sem falar de eliminações vergonhas em torneios, e até no paulistinha, onde ficamos em nono, décimo, , ou, perdemos vagas nas semis pra times pequenos. Portanto…sempre serei crítico aos dirigentes que continuam com essa mentalidade de time pequeno. E basta assistir a primeira entrevista assim quando assumem a presidência, pra sabermos o que virá adiante. Geralmente começa assim: ESTAMOS FALIDOS….NÃO VAMOS FAZER LOUCURAS…TEMOS QUE TER OS PÉS NO CHÃO…A OUTRA ADMINISTRAÇÃO NOS QUEBROU E DEIXOU DÍVIDAS…E depois…escolhem sempre uma frase de efeito: TIME BOM E BARATO…SANGUE NAS VEIAS….e por aí vai. E o pior de tudo: as dívidas (estranhamente) aumentam, os times (sem craques, medianos) montados são sempre humilhados, e as vezes, rebaixados. Títulos? kkkkkkkkk. E a frase que nos persegue já há alguns anos: ACABE LOGO 2010, 2011, 2012, 2013, 2014…? E eles NUNCA APRENDEM….E CAEM SEMPRE NOS MESMOS ERROS? OU SERIA ACERTOS pros próprios bolsos ($$$$)? Tenho sérias dúvidas dessas “incompetências” todos os anos. Abraços a vc, Claudio!!!

Olá Aldo AMIGO VERDE como vai??? Eu estou plenamente de acordo com você, o Palmeiras conseguir essa façanha de cair várias vezes para a segundona, É MELHOR FECHAR AS PORTAS. É muito melhor fechar as portas do que ficar só participando (ser coadjuvante). Somos dois, que temos NOJO dessa política do Palmeiras, aliás, não só o Palmeiras, O FUTEBOL EM SI É UMA MÁFIA. Eu digo uma coisa se o mundo não existisse o futebol, com certeza o nosso país seria um país melhor de se viver, teria mais educação, segurança, saúde e por aí vai.

Os comentários estão desativados.