Categorias
Verdão na Mídia

Verdão na Mídia 20-11-2013: Sem ação da diretoria, elenco do Verdão vive expectativa de desmanche ❘ Gazeta Esportiva Net

NOTICIÁRIO ❘ GAZETA ESPORTIVA NET

• Sem ação da diretoria, elenco do Verdão vive expectativa de desmanche

Por William Correia

Paulo Nobre avisou que só poderá conversar sobre o elenco de 2014 quando definir o técnico do Palmeiras no ano que vem. Como não consegue renovar com Gilson Kleina, a diretoria acaba influindo diretamente no dia a dia de todos os jogadores. Existe na Academia de Futebol uma expectativa de desmanche para a temporada do centenário.

Dos 34 atletas que compõem o plantel campeão antecipado da Série B do Brasileiro, 13 ficam sem contrato a partir de dezembro: o goleiro Bruno, o lateral Fernandinho, os zagueiros Vilson e André Luiz, os volantes Márcio Araújo, Charles, Wendel, Léo Gago e Marcelo Oliveira, os meias Ronny e Rondinelly e os atacantes Leandro e Ananias. Eles equivalem a 38% do grupo.

Muitos deles formaram forte laço de amizade com colegas, e a indefinição do futuro de cada um faz com que nomes garantidos para 2014 lamentando a situação deles. No centro de treinamento, já circularam comentários de que os dirigentes parecem perdidos na elaboração do planejamento pois não adiantaram nem conversas com titulares.

A sensação de alguns atletas é de uma reforma muito maior do que se imagina no plantel que defenderá o clube na próxima temporada, o que significa, também, uma desvalorização do trabalho realizado em 2013, com o acesso garantido a seis rodadas do fim da Série B. Existe o temor de começar, mais uma vez, o ano sem um time montado.

Dos 13 jogadores sem contrato, quem parece mais próximo de ficar são Márcio Araújo e Wendel. O primeiro, embora muito criticado por torcedores, já foi procurado pela diretoria para definir sua renovação, mas as conversas ainda não se concluíram. Wendel, por sua vez, abriu mão até de um aumento salarial para permanecer.

Um dos casos que mais gera apreensão é o de Leandro. Artilheiro do time no ano, o atacante está emprestado pelo Grêmio até 31 de dezembro, mas, para ficar por mais uma temporada, basta acertar os salários com o Verdão. O acordo, porém, não tem ocorrido na velocidade que se imaginava, mesmo com a intenção declarada da diretoria em mantê-lo.

Entre outros titulares, André Luiz espera ser comunicado sobre seu futuro e Vilson já deixou clara sua preferência de atuar fora do País, mas tem em seu contrato uma cláusula de prioridade ao Palmeiras, tem pressa para definir onde jogará no ano que vem e segue reclamando de tendinite no joelho esquerdo enquanto a diretoria não define o que deseja.

Bruno, goleiro reserva que trabalha no clube há 17 anos, diz ter feito uma proposta dentro dos padrões do Verdão e espera resposta. Charles e Marcelo Oliveira dependem da negociação com o Cruzeiro e devem ter o desejo de ficar atendidos, diferentemente de Léo Gago e Rondinelly, emprestados pelo Grêmio e que pouco jogaram, dificultando a possibilidade de permanecer.

O lateral esquerdo Fernandinho, o meia Ronny e o atacante Ananias dependem, exclusivamente, da definição da comissão técnica. Como não mostraram o que se esperava, a permanência dos três é considerada improvável.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ GAZETA ESPORTIVA NET

••

NOTICIÁRIO ❘ ESTADÃO ONLINE

• Patrick Vieira e Luan devem retornar ao Palmeiras em 2014

Por Daniel Batista

O Palmeiras deve contar com “velhos reforços” para a próxima temporada. São jogadores do clube que estão emprestados e retornam no fim do ano. Da extensa lista dos que vão voltar, três têm maiores chances de ficar para o ano do centenário: o atacante Luan e os meias Patrick Vieira e Tiago Real.

Reserva no Cruzeiro na conquista do Campeonato Brasileiro, Luan fez cinco gols – sendo três deles contra o São Paulo, no Morumbi – e até o momento o clube mineiro não demonstrou interesse em renovar com o atacante.

Patrick Vieira está no Yokohama e, embora o clube japonês já tenha demonstrado interesse em sua contratação, não deve conseguir segurá-lo. O meia Tiago Real é outro que teria boas chances de retornar, mas ele disse recentemente que gostaria de permanecer no Náutico.

O elenco do Palmeiras se reapresenta nesta quarta-feira, após três dias de folga, e uma reunião entre Gilson Kleina e a diretoria, que seria ontem, deve acontecer após o treinamento para tratar da renovação do contrato do treinador.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ ESTADÃO ONLINE

••

NOTICIÁRIO ❘ GAZETA ESPORTIVA NET

• Henrique espera carinho em MS ao erguer primeiro troféu como capitão

Por William Correia e Tossiro Neto

Em seu terceiro título como jogador do Palmeiras, Henrique terá pela primeira vez a chance de levantar uma taça como capitão. O troféu da Série B do Brasileiro será erguido pelo zagueiro longe de possíveis vaias ou de quem se recusa a comemorar, como ocorreu no Pacaembu. A diretoria vendeu o mando do jogo de sábado, contra o Ceará, para Campo Grande (MS), onde o jogador espera carinho.

“Todo título é importante. Com certeza vamos lá ter carinho e apoio da torcida. Espero que seja com vitória”, comentou o camisa 3, sem vergonha de fazer festa. “Vou comemorar como qualquer outra. Título se comemora muito porque qualquer um é difícil, como foi esse. Vai ser muito comemorado”, avisou.

O atleta de 27 anos já vem jogando como capitão desde 2012, mas adquiriu a condição de maneira definitiva só após a negociação de Barcos, em fevereiro deste ano. Em seus outros títulos pelo clube, o defensor viu Marcos erguer a taça do Paulista de 2008 e Marcos Assunção repetir o gesto com o troféu da Copa do Brasil de 2012.

“Assumi a condição de capitão no começo de 2013 e já vou erguer um troféu. Será um momento único para mim, principalmente porque eu estava no elenco rebaixado no ano passado. Cumprimos nosso dever com superioridade e vamos focar ainda mais para que o ano do centenário seja ainda melhor”, projetou.

Pensando em 2014, Henrique nem lamentou tanto ficar fora da partida que garantiu o título. No sábado, o zagueiro acompanhou das tribunas do Pacaembu a vitória por 3 a 0 sobre o Boa porque cumpria suspensão – exagerou na reclamação com a arbitragem e foi expulso na rodada anterior, na derrota para o Paysandu.

“É difícil ficar fora de qualquer jogo, ainda mais um jogo como esse. Mas fiquei tranquilo e feliz, conseguimos o nosso objetivo. Agora é usufruir desse momento para descansar bem e voltar 100% no ano que vem”, declarou.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ GAZETA ESPORTIVA NET

••

NOTICIÁRIO ❘ GLOBO ESPORTE COM

• Palmeirense Henrique está na mira do Villarreal, da Espanha, diz jornal

O Palmeiras pode perder seu zagueiro e capitão para a próxima temporada. Henrique está na mira do Villarreal, da Espanha, e pode deixar o clube no início de 2014. Segundo informações do jornal “Diário de S.Paulo”, o jogador se empolgou com os valores oferecidos – pouco menos que o dobro de seus atuais vencimentos – e pode dar adeus ao Verdão em breve.

Em julho deste ano, o Villarreal já havia tentado tirar o defensor do clube alviverde. Na ocasião, porém, Henrique, que tem contrato com o Verdão até 2017, recusou a oferta e decidiu permanecer no futebol brasileiro.

De acordo com a publicação, os espanhóis estariam dispostos a desembolsar cerca de R$ 10 milhões pela transferência. O atleta estaria mais disposto agora a aceitar a oferta por causa de uma dívida o Verdão tem com ele desde o seu retorno ao clube, de valores pouco superiores a R$ 1 milhão.

Caso aceite a proposta do Villarreal, Henrique vai tentar sua sorte no futebol pela terceira vez. Negociado com o Barcelona, em 2008, após se destacar com a camisa do Palmeiras, ele nunca chegou a jogar no time da Catalunha e passou a acumular empréstimos.

O defensor atuou no Bayer Leverkusen, da Alemanha, e Racing Santander, também da Espanha, antes de retornar ao Verdão, em 2011. Com a camisa palmeirense, ele fez 157 partidas, marcou 14 gols e conquistou três títulos: Paulistão de 2008, Copa do Brasil de 2012 e Série B de 2013.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ GLOBO ESPORTE COM

••

NOTICIÁRIO ❘ GLOBO ESPORTE COM

• Galo e Palmeiras intensificam assédio a Oswaldo, mas Bota deseja renovar

Com contrato até o fim deste ano com o Botafogo, o técnico Oswaldo de Oliveira tem despertado o interesse de outros clubes, e Atlético-MG e Palmeiras já começaram a intensificar o assédio. A diretoria do Galo o vê como a principal opção para o caso de não conseguir renovar com Cuca, e no Palestra ele também é considerado uma alternativa para o lugar de Gilson Kleina. Isto se o campeão da Série B não permanecer na próxima temporada como os atletas desejam.

Mas Oswaldo de Oliveira não está valorizado apenas fora do Botafogo. Dentro do clube há a intenção de que ele permaneça no comando em 2014, e as conversas sobre renovação devem começar assim que o Campeonato Brasileiro terminar. Até lá, uma definição é bastante improvável.

Atualmente o principal foco de resistência ao treinador é a torcida, já que uma parcela parece não se empolgar com seu trabalho. Este ano Oswaldo já foi vaiado em algumas oportunidades e nos recentes protestos foi um um dos principais alvos. O fato de o time conquistar ou não a vaga para a Libertadores do ano que vem deve ter um peso grande na decisão do treinador.

Os jogadores alvinegros, ao que parece, também gostariam muito que Oswaldo de Oliveira desse continuidade em seu trabalho. Não é raro que os autores dos gols da equipe corram até o banco de reservas para saudá-lo, como aconteceu com Elias e Seedorf na goleada por 4 a 0 sobre o Atlético-PR, no Maracanã, na última rodada.

Recentemente, o camisa 10 disse em entrevista coletiva que tem uma relação especial com o treinador. – A relação que tenho com o Oswaldo é uma das melhores que já tive com um técnico na minha carreira.

Oswaldo de Oliveira iniciou esta passagem pelo Botafogo em 2012, e no fim de maio deste ano bateu um recorde de quantidade de tempo consecutivo no comando da equipe desde 1970, com Zagallo. Antes, a maior marca desde aquele período pertencia a Cuca, que ficou 491 dias entre 15 de maio de 2006 e 27 de setembro de 2007.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ GLOBO ESPORTE COM

••

NOTICIÁRIO ❘ UOL ESPORTE

• COF quer explicações de presidente do Palmeiras sobre bônus dado a Brunoro

Por Mauricio Duarte e Pedro Lopes

O COF (Conselho de Orientação e Fiscalização) do Palmeiras irá pedir esclarecimentos ao presidente Paulo Nobre sobre o valor do bônus recebido pelo diretor executivo José Carlos Brunoro por ter sido campeão da Série B do Campeonato Brasileiro. A reunião do órgão que fiscaliza as contas do clube está marcada para a próxima semana.

Cofistas contatados pelo UOL Esporte disseram que ouviram do vice-presidente Maurício Galliotte que o bônus foi de cerca de 10% do salário do dirigente, o que daria cerca de R$ 12 mil. Eles, no entanto, admitiram que não tiveram acesso ao contrato.

Entretanto, um importante cardeal político do Palmeiras que teve acesso ao contrato afirmou à reportagem que Brunoro tem direito a um bônus de dois salários para cada título conquistado durante sua permanência no clube, independentemente de qual seja o campeonato. Ainda segundo a mesma fonte, seus vencimentos são de R$ 150 mil mensais. Logo, o bônus chegaria a R$ 300 mil.

Alberto Strufaldi, presidente do COF, disse que não teve acesso ao contrato, mas que ouviu falar do bônus. Preocupado com o valor, ele afirma que vai questionar Paulo Nobre.

“Assim como outros conselheiros, estou preocupado. Não sei qual é o valor nem o que foi acordado, mas se for de R$ 300 mil é muita coisa. Vamos esclarecer isso na próxima reunião”, explicou.

Quando assumiu a presidência do Palmeiras, Paulo Nobre deparou-se com um clube em grave crise financeira e instaurou uma política de austeridade fiscal. Desde então, sempre deixou claro que seu objetivo era sanar as dívidas na medida do possível, além de colocar a equipe novamente na Série A. Até o momento, ele tem feito malabarismos financeiros para conseguir isso, como pegar empréstimos a juros menores usando seu próprio nome.

O Palmeiras foi bicampeão da Série B do Brasileirão com duas rodadas de antecedência ao vencer o Boa Esporte por 3 a 0 no Pacaembu. O acesso à elite do futebol já havia sido conquistado no último dia 26, quando a equipe do Palestra Itália empatou sem gols com o São Caetano.

O clube alviverde foi procurado pela reportagem para comentar a posição dos cofistas e informou, por meio de sua assessoria de imprensa, que “o Palmeiras não vai se pronunciar oficialmente”.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ UOL ESPORTE

••

NOTICIÁRIO ❘ GAZETA ESPORTIVA NET

• Sampaoli relata “esforço terrível” de Valdivia em jogo contra Brasil

O meia Valdivia trata a seleção chilena como sua prioridade, mas não conseguiu suportar por muito tempo em campo na derrota por 2 a 1 para o Brasil, na noite desta terça-feira. O técnico Jorge Sampaoli admitiu que só colocou o jogador no decorrer da primeira etapa por uma necessidade, já que Díaz teve de ser tirado de campo em menos de dez minutos.

“O Díaz já vinha com lesão na cintura, e o Valdivia também tinha problemas. Pela manhã, nós nos demos conta de que ele não poderia jogar os 90 minutos. Quando realizamos a primeira mudança, percebemos que faltava um organizador, e o Valdivia fez um esforço terrível, já que nunca esteve bem fisicamente”, afirmou.

Sampaoli armou seu time com três zagueiros, mas perdeu força no meio-campo com a saída de Díaz. Assim, aos 22 minutos do primeiro tempo, o técnico tirou Fuenzalida para colocar Valdivia. A entrada do palmeirense fez o Chile melhorar, mas o meia não aguentou até o fim e teve de sair aos 13 da etapa final, cedendo sua vaga a Matías Fernandez.

“Esperávamos que o Valdivia jogasse com máxima intensidade, mas não pôde por causa da lesão, mesmo fazendo um esforço grande. A estrutura do jogo foi se modificando”, completou o treinador.

Antes do jogo contra o Brasil, o palmeirense já havia ficado fora do amistoso contra a Inglaterra, o que dá indício de que dificilmente estará em campo pelo seu clube na próxima rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, contra o Ceará, no sábado, em Campo Grande.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ GAZETA ESPORTIVA NET

••

BLOG DO ROBERTO AVALLONE ❘ UOL

• Valdivia, um desperdício

Fico a imaginar como seria se os músculos não traíssem tanto a Valdivia. Nos 35 minutos em que esteve em campo contra o Brasil, conseguiu equilibrar a partida, enfiou aquelas bolas geniais, mudou o ritmo da partida. Depois, não deu mais: saiu, deixando no ar um ponto de interrogação se vai ser assim pelo resto da carreira.

Só nos resta lamentar tamanho desperdício. Não fossem as lesões e ele seria um verdadeiro “El Mago” dos campos, com um tipo de jogo que já não se vê mais por aí.

É pena.

Leia aqui a matéria completa → BLOG DO ROBERTO AVALLONE ❘ UOL

••

COLUNA DO TOSTÃO ❘ FOLHA DE S.PAULO

• Novo Técnico

O Palmeiras, ou qualquer clube brasileiro, não deveria pagar uma fortuna para contratar um treinador, do Brasil ou de fora, mas o clube foi transparente e profissional, ao comunicar ao técnico Gilson Kleina que faria uma proposta a Bielsa e que, se ele não aceitasse, como ocorreu, ele, Kleina, seria o preferido entre os treinadores brasileiros para o próximo ano. Discordo das milhares de críticas de que o clube desrespeitou o treinador. Kleina deveria ter orgulho de ser o escolhido para dirigir um grande clube.

••

COLUNA DO JORGE NICOLA ❘ DIÁRIO DE S.PAULO

• Henrique negocia ida para o Villarreal

O Palmeiras corre sério risco de perder seu capitão para 2014. É que o zagueiro Henrique recebeu proposta do Villarreal e se encantou com os valores oferecidos — os espanhóis topam pagar pouco menos do que o dobro de seu salário atual.

Há outro motivo que faz Henrique cogitar a possibilidade de ficar fora do ano do centenário palmeirense, a fim de tentar, de novo, fazer sucesso na Europa: uma dívida de  R$ 1.149.826,46 que o Palmeiras tem com ele desde seu retorno ao Palestra Itália, em março do ano passado.

O valor se refere a duas parcelas corrigidas da comissão à qual Henrique tinha direito quando acertou a volta para o Brasil. Detalhe: o clube também deve R$ 3,5 milhões à Link Assessoria Esportiva, responsável por intermediar o negócio.

O contrato de Henrique com o Palmeiras só termina em 2017 e o Villarreal topa pagar aproximadamente R$ 10 milhões para fechar negócio. A assessoria alviverde preferiu não comentar a oferta espanhola.

• Para hoje

Gilson Kleina e José Carlos Brunoro devem se reunir após o treino desta quarta, na Academia de Futebol, para tratar da renovação de contrato do treinador. O vínculo termina em 31 de dezembro e as partes não falaram em valores.

••

COLUNA DE PRIMA ❘ LANCE!

Por Bruno Andrade

• Por cima

Gilson Kleina tem em mãos desde a semana passada uma proposta de renovação com o Palmeiras. Mas o treinador, cujo contrato se encerra no fim deste ano, ainda não deu resposta à diretoria. Ele está dando um chá de cadeira na direção depois de a ela ter divulgado na mídia que procurou outros treinadores.

••

COLUNA PAINEL FC ❘ FOLHA DE S.PAULO

Por Bernardo Itri

• Dividida

“Já não tínhamos que estar com o time de 2014 montado ou com o planejamento pronto?” – José Corona – Conselheiro do Palmeiras, questionando a montagem da equipe para o centenário

••

OUTRAS NOTÍCIAS :

LANCE TV → Valdivia brilha contra Brasil e é elogiado por companheiro
 
LANCENET → Verdão inicia venda de ingressos para jogo da taça em Campo Grande (MS)
 
GLOBO ESPORTE COM → Palmeiras se reapresenta após rara folga de três dias; Kleina esconde time
 
UOL ESPORTE → Palmeiras volta após três dias de folga e se prepara para jogo da taça
 
GAZETA ESPORTIVA NET → Palmeiras volta à Academia após título antecipado e folga tripla
 
GLOBO ESPORTE COM → Léo Gago vai a campo, mas segue sem previsão de volta ao Palmeiras
 
GAZETA ESPORTIVA NET → Para Serginho, missão cumprida faz palmeirenses esquecerem indefinição
 
GAZETA ESPORTIVA NET → Serginho pede foco ao Verdão para não estragar festa pela taça
 
ESTADÃO ONLINE → Serginho celebra ambiente ‘tranquilo’ no Palmeiras
 
GLOBO ESPORTE COM → Mendieta projeta sucesso em 2014: ‘Vou ser importante no centenário’
 
IG ESPORTE → Mendieta ‘vence’ primeira cirurgia na carreira e promete fazer o Palmeiras feliz
 
LANCENET → Peça-chave na Série B, Wesley credita crescimento no Palmeiras à família
 
GLOBO ESPORTE COM → Garoto de Panorama é aprovado e integra elenco infantil do Palmeiras
 
DIÁRIO DE S.PAULO → Demora da diretoria deixa grupo chateado
 
••

37 respostas em “Verdão na Mídia 20-11-2013: Sem ação da diretoria, elenco do Verdão vive expectativa de desmanche ❘ Gazeta Esportiva Net”

As notícias estão piorando a cada dia. É Lins que está vindo, é Picachú (Sei lá de onde), é renovação com M.Araújo e Wendel… GZEUISSSS…. Agora essa suposta saída do Henrique… é o Kleina fazendo C…. doce para renovar… é camisa sem patrocínio Master… Não temos notícias de contratações de jogadores TOP para ser titulares… O que importa é que logo saio de férias e futebol só em 2014 e olhe lá.

do jeito que tá indo, 2014 será mais uma temporada rindo dos gambas e bambis. Porque alegrias mesmo, vai ser difícil. Eta diretoriazinha amadora. Deram um transatlântico (palavras do proprio presidente) para um canoeiro pilotar.

Planejamento? A única coisa que o Brunóquio deve tá planejando é o que fazer com o bônus que ganhou pelo título da Segundona. B3 e B4 são uma lástima.

Só espero que atual gestão tome vergonha na cara, estão brincando com a paciência de 18 milhões de torcedores, ser profissional é buscar soluções em todas as estancia, não só discutir a ausência de dinheiro perante a mídia predatória!

Isso mesmo Verdi. E eles tbém tem um clube social e ningúem vai na midia pedir por bocha, sauna…. o foco deles é o futebol. Fizeram estadio grande, fizeram Cotia, revelam e vendem muito seus jogadores, tem um orcamento maior que o nosso e ganham campeonatos frequentemente. Eles cresceram muito e nós ainda estamos estacionados em 1976.
Boa sorte ao Evair e ao garoto goleiro Leonardo Bortoleto.

Odeio dizer o que vou dizer, mas , os bambis, ao invés de apenas pensarem em fugir do rebaixamento, contrataram um Técnico , fugiram do rebaixamento e espero que não, mas devem conquistar este campeonato horrível da sulamericana este ano. De um rebaixamento iminente à uma Libertadores.
Só pra comparar o foco da nossa diretoria.

Verdade e pra completar, as bibas investem sempre no futebol já o lado vizinho, o Parmeira só sabe investir na porra do social sem contar que os nosso dirigentes são amadores demais e perdedores.

Retruco esse tal de Verdi…rsss: que esta mesma teoria seja usada para a poderosa Ponte Preta. rebaixada pra série B (conhecem?) e com chance de Libertadores.
Meldels….como somos mal administrados!!!!!!!!!!!!

Uma coisa q me preocupa demais é o sr. Jorgito chinelito tb. Em pesquisa do palmeirastododia.com, mais de 90% de aprovação como titular pro ano do centenário. Às vezes fica claro q merecemos o time, a diretoria, o técnico q temos. Este cara engana já há 4 anos. Repito: 4 módafuca anos! Afinal, quem não merece uma quinta chance, não é mesmo? Ainda mais qdo se trata de cidadão tão dedicado, profissional, comprometido, sangue na veia.
E continua unanimidade pra torcida, cada vez mais acostumada com a nova cara do Palmeiras q nossos dirigentes tem imposto: time médio-pequeno, do naipe de Botafogo e Portuguesa.

O problema de vender o Henrique é a reposição. Será bem difícil achar alguém. Mas sinceramente ele não está com esta bola toda. Fez um ano mediano, nem de longe esteve em sua melhor forma.
Temos é q nos livrar dos perebas. Diretoria, mantenha a caceta da coerência e pelo menos tenha a hombridade de não renovar caro por jogadores ruins como o eterno Caramujo.
Centenário “semtenada”? Q Deus nos ajude e q seja só isto já está de ótimo tamanho. Não caindo de novo é lucro absoluto.
Chapas brancas, patrulha mulher de CEO malandro, quais são as desculpas novas aí? Atualizem a gente, pq ainda não temos patrocínio, técnico, planejamento de elenco….

O Henrique de 2012, da copa do Brasil, vale muito mais que 10 milhões. Pelo Henrique de 2013, tá de bom tamanho. Mas acredito que ele possa voltar a jogar bem em 2014. gostaria que ficasse

o pesadelo não termina, se estivessemos no filme do fredy krueger estariamos todos mortos faz tempo. Renomar com Marcio Araujo e Wendel “o jogador que não tem tesão de fazer gol” é o fim…………..

Rumo ao TRI da série-B em 2015, se confirmado o Palmeiras será uma PIADA E DE MAL GOSTO, seremos pior que a Lusinha, aliás, até a Lusinha sabe investir no futebol MELHOR que o Palmeiras ou GUARANI DA CAPITAL.

Se preparem…pois, em breve teremos 2 nomes pro centenário: LINS (eu prefiro Ilhabela) e PIKACHÚ (o que seria isso…algum tipo de pimenta de cheiro)?
Essas piadas de mau gosto, me reportam aos idos e tenebrosos anos 80…onde o Palmeiras (como nos últimos anos), montava timecos pra sermos motivos de chacotas. Pois, naquela época…faziam até previsões e já apontavam que o Palmeiras NÃO SERIA CAMPEÃO…e o pior, ACERTAVAM SEMPRE! E as humilhações eram frequentes, e perdíamos pra times pequenos, onde alguns jogadores desses times “rivais” do interior, aproveitando a ruindade do nosso time (como esse atual série-B), os mesmos se destacavam marcando gols no fraco time do Palmeiras. Daí…pronto! A diretoria (com visão) ia lá e o contratavam…e a peso de ouro, com contrato longo. Teve uma vez, que o Palmeiras contratou um tal de BIZÚ (Homem-Gol – o 9)…MEU DEUSSSS!!!! Daí…desembarcam no Palmeiras…e as desculpas são as mesmas pelo fraco futebol. E nossa torcida de cabelo em pé, ficam soltando por aí que a camisa nossa “pesa”…que a pressão é enorme e tal. Caso se confirmem esses 2 CABEÇAS DE BAGRES, JOGADORES NÍVEL SÉRIE-B pro centenário…serão mais 2 pra encherem os bolsos e aumentar a folha de pagamentos e mais nada. JOGADORES DESSE NÍVEL NÃO FUNCIONA NO PALMEIRAS…NÃO INSISTAM! Pois, estão caindo NO MESMO ERRO DE ANTES…contratando um monte de perebas, que são apostas, e o Palmeiras já tem mais de 30 jogadores desse nível…e não sabemos o que fazer com eles, pois, nem doando os clubes querem. QUEREMOS E PRECISAMOS DE CRAQUES, JOGADORES ACIMA DA MÉDIA…E CONVENHAMOS, LINS E PIKACHÚ PASSA LONGE DISSO.

Pode até não vingar, mas esse goleiro que foi contratado para jogar na base aparenta ter um futuro brilhante. Fiquei feliz quando o Palmeiras reformulou as categorias de base, segundo a matéria o jogador foi indicado por olheiros do clube, o mesmo já estava apalavrado com o galo.

Pelo jeito o elenco para próxima temporada será formado por jogadores que além de BRUCUTUS são torcedores do time(Bruno-Wendel-caramujo). Deveriam Completar o grupo com jogadores da BASE(Fábio-Bruno oliveira-João denoni) e com a sobra dos salários contratar UM jogador que resolva!

O Henrique poderia sair por no mínimo 15 milhões. Assim pelo menos quitamos as dívidas com ele e com a empresa que tocou o negócio.

Mas no MÍNIMO deve vir alguém do mesmo peso dele pra vaga.

O Palmeiras é sempre assim, quando nós torcedores pensamos em contratar jogadores de nível, simplesmente o Palmeiras faz o contrário vendem os jogadores de nível (Henrique) e mantém as mesmas porcarias (Massaraújo). O ANO DE CENTENÁRIO VAI SEU UMA BOSTA, SERÁ UM CENTENADA.

Pelo que estou vendo dos “profissionais” se for um “centenada” já vai estar de bom tamanho.

Era só que faltava: tomar chá de cadeira do Kleina! Não tem que dar prazo para ele pensar! Meu, este centenário vai ser uma bosta….

Tomara que a diretoria contrate outro técnico, de onde já se viu um enganador do nível do pepkleina sentar em cima de uma proposta do Palmeiras? A situação do Palmeiras não é das melhores, mas o professor pardal tá viajadão!

Quando é pra vender jogadores IMPORTANTES para o grupo (Henrique, Prass, Kardec, Wesley, Mendieta) VENDEM RAPIDINHO, agora pra vender AS CAÇAMBAS (Massaraújo, Juninho PIU-PIU, Ananias, Wendel) NÃO VENDEM PORRA NENHUMA, ainda mais, já estão trazendo de volta as outras caçambas que estão emprestados em outros clubes, como por exemplo O MILK LEITE, ahhh vai…. Palmeiras.

Diante da situação financeira do Palmeiras, dificilmente Henrique ficará pro centenário

o Palmeiras esta melhor que o Santos Financeiramente o Nobre fala que nao tem dinheiro porque nao quer prometer nada mais tem sim o Henrique nao sai por varios motivos 1. o Valor e Muito Baixo para um jogador de selecao brasileira 2 .o Palmeiras nao quer que ele saia 3.o Henrique quer Permanecer. 4. o Henrique ja falou que fica. 5.Empresario Publicamente recusou uma proposta do Villareal em julho e falou que fica. 6. Noticia sem pe nem cabeca a Diretoria do Villareal ja falou que nao tem Grana por isso eles compraram Gabriel Paulista zagueiro do Vitoria pelo mesmo valor…

Um zagueiro com 27 anos por R$10MIL, tá muito bem vendido… O Henrique é até um bom zagueiro, mas não é nem rastro daquele de 2008.

Concordo. E além disso, só da vontade do jogador já transparecer querendo sair, prefiro que vá. Melhor do que pedir salário astronômico pra renovar.

Os comentários estão desativados.