Categorias
Verdão na Mídia

Verdão na Mídia 08-12-2013: Palmeiras tem reuniões marcadas por Elano e Lúcio, prioridades para 2014 ❘ Lancenet

NOTICIÁRIO ❘ LANCENET

• Palmeiras tem reuniões marcadas por Elano e Lúcio, prioridades para 2014

Por Fabricio Crepaldi e Thiago Ferri

As negociações para o Palmeiras contratar os experientes Lúcio e Elano começarão a ter mais intensidade já nos próximos dias.

Há reuniões marcadas com os representantes dos dois atletas no início desta semana. Nelas, o clube pretende iniciar as tratativas sobre a parte financeira dos possíveis reforços para 2014.

Hoje, eles são a prioridade da direção para reforçar a equipe. Foram colocados como os principais alvos para serem as primeiras contratações visando o centenário e a direção esgotará as tentativas para conseguir um desfecho positivo.

Lúcio, encostado no São Paulo desde julho, é visto como um zagueiro experiente e ainda com qualidade, apesar da péssima passagem pelo rival. A diretoria do Tricolor, inclusive, se mostra disposta a fazer negócio com o rival e confirma que o interesse é real (veja mais abaixo). Mas para acertar teria de diminuir o salário, que hoje gira em torno dos R$ 500 mil – o clube paga R$ 300 mil e uma patrocinadora paga o restante.

Já Elano, hoje reserva do Grêmio, vive situação semelhante. Os vencimentos estão na casa dos R$ 600 mil, mas ele aceitaria diminuir esse valor para atuar no Palmeiras. A comissão técnica o vê como um atleta de muita qualidade técnica e tática, experiente e que pode atuar em várias posições no meio de campo da equipe.

Em rápido contato com a reportagem do LANCE!Net, o gremista disse que só irá se pronunciar sobre o caso quando estiver definido e falou para “deixar que os dois clubes se acertem”.

Internamente, há uma confiança de que as negociações darão certo, sobretudo pela temporada ruim que ambos tiveram. A única – e importante – ressalva é a questão financeira, já que o Palmeiras tem pouco dinheiro em caixa para gastar e isso será uma fator decisivo no caso.

As contratações dos dois foram aprovadas por Gilson Kleina, que tem participado ativamente desse trabalho. Segundo pessoas próximas ao comandante, mesmo com todos já em férias, o treinador só viajará para Curitiba, cidade onde vive a família, depois que tiver algum reforço já acertado ou, no mínimo, bastante encaminhado. Até agora o Palmeiras não contratou nenhum atleta para 2014. O clube quer ao menos cinco peças.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ LANCENET

••

NOTICIÁRIO ❘ GLOBO ESPORTE COM

• Apesar do pedido de Kleina, Verdão ainda não fez oferta a Márcio Araújo

Por Marcelo Prado

Uma das peças mais importantes no esquema do técnico Gilson Kleina, o volante Márcio Araújo ainda não sabe se permanecerá no Palmeiras. O vínculo do atleta termina no dia 31 de dezembro e, até agora, o clube só procurou o empresário do atleta, Cláudio Guadagno, para falar quem interesse em fazer um novo vínculo. Nenhuma proposta, até agora, foi apresentada.

Na semana passada, no entanto, pessoas ligadas ao presidente Paulo Nobre disseram que o atleta só permaneceria se aceitasse um contrato semelhante ao do treinador. Ele continuaria recebendo o mesmo salário e receberia alguns prêmios por metas previamente estipuladas.

O jogador está viajando com a família para aproveitar as férias. O representante do atleta já foi procurado por duas equipes da Série A do Campeonato Brasileiro, mas a resposta dada foi que ele só escutará ofertas quando sua situação com o Palmeiras estiver definida. A prioridade do atleta é continuar no clube onde ele está desde 2009. No total, já disputou 253 partidas e conquistou dois títulos: Copa do Brasil de 2012 e Campeonato Brasileiro da Série B de 2013.

Nas conversas que teve com a diretoria para tratar do planejamento de 2014, Gilson Kleina deixou claro que seria importante a permanência de Márcio Araújo, um volante que ajuda muito não só na marcação de meio-campo, mas na cobertura dos laterais. O problema é que o atleta não conta com a simpatia dos torcedores, que o apontam como um dos símbolos do rebaixamento ocorrido no ano passado.

Além de Márcio Araújo, ouros 11 atletas seguem com situação indefinida no clube: Leandro, Vilson, Charles, Marcelo Oliveira, Rondinelly, Léo Gago, Bruno, André Luiz, Wendel, Ananias e Ronny. O meia Fernandinho, cujo vínculo termina no fim do ano, já foi avisado que será devolvido ao Oeste de Itápolis.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ GLOBO ESPORTE COM

••

NOTICIÁRIO ❘ GAZETA ESPORTIVA NET

• Bruno César quer desfecho rápido e não prevê dificuldade de readaptação

Por Luiz Ricardo Fini e Tarcísio De Lucca

O meio-campista Bruno César espera que sua negociação com o Palmeiras não se estenda demais. Liberado pelo Al Ahli, da Arábia Saudita, para voltar por empréstimo ao Brasil, o jogador quer definir rapidamente seu futuro.

“Ainda está em andamento (a negociação), não me falaram mais nada. Estou esperando e não dei prazo nenhum para eles, mas espero resolver o mais rápido possível”, comentou o jogador, em contato com a GE.net.

O meio-campista explicou ainda que o Verdão não é o único time que manifestou desejo por seu retorno ao Brasil. “Há outros clubes interessados, mas não posso falar, porque pode atrapalhar. O que mais mostrou interesse foi o Palmeiras. Os outros querem o fim do Brasileirão para começar a negociar”.

Bruno César deixou o Brasil em 2011, para atuar pelo Benfica, depois de ter se destacado pelo Corinthians. Em seguida, neste ano, o clube português negociou o atleta com o Al Ahli, que aceita agora emprestá-lo ao futebol brasileiro.

Apesar do tempo fora do País, o meia acredita que não terá dificuldades de readaptação. “Vou ter a pré-temporada toda para me adaptar. Acho que isso não vai ser problema”, afirmou, entusiasmado com a chance de defender o Palmeiras. “Acho que isso anima qualquer jogador”, declarou.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ GAZETA ESPORTIVA NET

••

NOTICIÁRIO ❘ UOL ESPORTE

• Palmeiras vira última esperança para Lúcio permanecer em São Paulo

Por Guilherme Palenzuela e Gustavo Franceschini

Satisfeito com a vida em São Paulo, Lúcio não quer deixar a cidade em 2014, e por isso pode acabar no Palmeiras. O contato entre o zagueiro e o clube alviverde, revelado por João Paulo de Jesus Lopes, pode ser a última cartada do zagueiro antes de buscar o mercado exterior.

“O São Paulo não foi procurado pelo Palmeiras, mas recebeu uma consulta do representante do jogador”, disse o vice de futebol do São Paulo ao UOL Esporte, repetindo informação que já havia dado à rádio Globo pouco antes.

A revelação mostra o interesse de Lúcio na negociação, não confirmada pelas partes até então. Quando chegou ao São Paulo no início do ano, o zagueiro teve dificuldade para adaptar sua família ao país.

Depois de longos anos na Alemanha e na Itália, os filhos do jogador sofreram até encontrar escolas que se adaptassem ao modelo de ensino europeu. Hoje, Lúcio está satisfeito com a rotina da família na cidade, e gostaria de permanecer na próxima temporada.

Ficar no próprio São Paulo, porém, é difícil. Lúcio está afastado do grupo desde julho, quando Paulo Autuori entendeu que ele exercia influência negativa sobre os companheiros. Em outubro, o zagueiro pediu a rescisão de seu contrato à diretoria tricolor – não foi atendido imediatamente, mas pôde deixar de frequentar o CT.

Lúcio recebe R$ 480 mil por mês, sendo que parte de seus vencimentos são pagos pela Visa, parceira do São Paulo na contratação. Para ir ao Palmeiras, o zagueiro, elogiado por Gilson Kleina, teria de passar por uma revisão salarial.

Para 2014, o clube alviverde pretende implantar os contratos de produtividade, em que os salários estão condicionados a uma série de metas. O entendimento geral é de que um jogador do quilate de Lúcio, que esteve em três Copas do Mundo, não aceitaria a condição. Até por isso, aventou-se a possibilidade de o São Paulo arcar com parte dos salários.

“Em princípio, não [deve acontecer]. O Palmeiras é um clube grande e pode assumir qualquer salário. Até agora nós só recebemos sondagens. Se for o caso, nós podemos acertar a rescisão e o clube fica liberado para acertar a remuneração”, disse Jesus Lopes. 

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ UOL ESPORTE

••

NOTICIÁRIO ❘ LANCENET

• Alvo do Verdão, Moreira sonha: ‘Me encantaria jogar no Palmeiras’

Por Fabricio Crepaldi

Um dos laterais-direitos na mira do Palmeiras para a próxima temporada é Jorge Moreira, do Libertad, que o Verdão já tentou a contratação em julho, sem sucesso.

E o atleta não esconde o desejo de acertar com o Alviverde. Segundo ele, seria muito bom para sua carreira um acerto com o clube.

– Me encantaria jogar no Palmeiras. Se houver essa possibilidade, ficaria encantado. Seria muito bom para mim, é um dos grandes clubes do Brasil. Seria ótimo – disse ele, em entrevista ao LANCE!NET.

Quem dá as boas referências sobre o Palmeiras é Mendieta, ex-companheiro de Libertad e com quem ele conversa frequentemente, principalmente sobre o Verdão.

– Sempre falo com o Mendieta e pergunto a ele como é o clube, ele sempre me diz que é um clube muito organizado e que fazem muito bem as coisas. Seria muito bom para mim jogar no Palmeiras – falou.

A chegada de Moreira foi aprovada pelo técnico Gilson Kleina, que já disse “adorar” o futebol do paraguaio. Ainda não houve contato com o Libertad, mas com o aumento do limite de estrangeiros em cada time do Brasil de três para cinco o clube deverá fazer uma investida. O Campeonato Paraguaio acaba neste domingo e, o próprio atleta diz que na sequência estará a aberto à negociação.

Com a iminente saída de Luis Felipe, apenas Bruno Oliveira, de 20 anos, é da posição com contrato garantido para 2014. Medina, do Atlético Nacional (COL), é outro alvo.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ LANCENET

••

BLOG DO VERDÃO ❘ DIÁRIO DE S.PAULO ONLINE

• Verdão pode ter mais dois gringos no elenco

Por João Pontes

O Palmeiras foi um dos grandes beneficiados pela mudança no artigo 45 do Regulamento Geral das Competições da CBF. A partir da próxima temporada, os clubes brasileiros poderão utilizar até cinco jogadores estrangeiros. Hoje em dia, o limite permitido em competições nacionais é de três atletas.

Devido à mudança na regra, o Verdão pretende reforçar o elenco com o lateral-direito Stefan Medina, de 21 anos, do Nacional de Medellín. O jogador, que chegou a ser convocado para defender a Colômbia nas Eliminatórias da Copa, tem conversas adiantadas com o clube do Palestra Itália.

Caso seja contratado, Medina será o quarto gringo no elenco palmeirense. Atualmente, o técnico Gilson Kleina conta o meia chileno Valdivia, o volante uruguaio Eguren e o meia-atacante paraguaio Mendieta.

Com problemas financeiros, a cúpula alviverde vê o mercado sul-americano como uma ótima opção para contratar reforços bons e baratos. Por isso, além de Medina, o clube paulista pode buscar outro gringo para o ano do centenário.

Titular absoluto do Nacional de Medellín, Medina despertou o interesse do Palmeiras após as atuações contra o São Paulo, nas quartas de final da Copa Sul-Americana.

Reposição

O Palmeiras busca a contratação de Medina para ocupar a vaga de Luis Felipe. Revelado na categoria de base do Verdão, o jogador  está apalavrado com o Benfica.

Na reta final da Série B, Kleina precisou improvisar o volante Wendel na lateral direita e exigiu a contratação de um jogador para a posição.

Além de Medina, o treinador do Verdão indicou o lateral Edilson, do Botafogo. Com passagem por Grêmio e Ponte Preta, ele tem vínculo com o time carioca até o fim deste ano.

Leia aqui a matéria completa → BLOG DO VERDÃO ❘ DIÁRIO DE S.PAULO ONLINE

••

COLUNA DO PAULO VINÍCIUS COELHO ❘ FOLHA DE S.PAULO

• O mercado

O Santos ofereceu R$ 500 mil de salário ao meia Diego. Ele recusou. Pediu R$ 700 mil livres de impostos para voltar ao Santos. Leandro Damião poderia jogar na Vila Belmiro se o Santos pagasse R$ 14 milhões ao Inter. A oferta de R$ 12 milhões não agradou.

O mercado está louco.

O Palmeiras não tem dinheiro e aposta nos prêmios por bons resultados para que Elano e Lúcio joguem o que jogavam em 2010. Não está tão disposto a fazer esforço por Bruno César, que foi seu jogador nas divisões de base. O futebol de 2013 dos dois não permite nenhum tipo de investimento.

O São Paulo só tem dois reforços. Roger Carvalho foi um zagueiro estupendo no Figueirense de 2011. Não jogou bem nem no Genoa nem no Bologna, entre 2012 e 2013.

A melhor maneira de montar um time competitivo para o ano que vem é descobrir o talento onde ele está, não onde esteve. Nesse caso, vale o investimento, mas não deixa de ser uma aposta.

Os primeiros passos de Santos, São Paulo e Palmeiras parecem indicar o caminho inverso.

••

COLUNA DO JORGE NICOLA ❘ DIÁRIO DE S.PAULO

• Palestrinos…

Ministro do Esporte, Aldo Rebelo planeja lançar nos próximos dias uma coleção de crônicas de Nelson Rodrigues no Museu do Futebol, em São Paulo. Entre seus convidados, mais da metade é de palmeirenses, como ele.

• …reunidos

No encontro, espera-se que Luiz Gonzaga Belluzzo oficialize que sairá como candidato à vice-presidência do Palmeiras pela chapa da oposição — Wlademir Pescarmona tem tudo para ser o presidenciável.

••

36 respostas em “Verdão na Mídia 08-12-2013: Palmeiras tem reuniões marcadas por Elano e Lúcio, prioridades para 2014 ❘ Lancenet”

O nosso presidente não consegue nem renovar os contratos que estão vencendo no Palmeiras. Esta história de contrato de produtividade só pode ser usada para técnico que não tem outra alternativa (caso do APRENDIZ) e para jogado problema (Tipo Adriano imperador). Profissionais com bom mercado jamais aceitarão esta idéia do SONHADOR Nobre. Acho que é melhor pararmos de pensar que seremos novamente no brasileiro este ano, com certeza estamos caminhando para o rebaixamento já no paulistinha. Atrás de perebas como este aposentado Lúcio o presidente MENDIGO vai.

‘No encontro, espera-se que Luiz Gonzaga Belluzzo oficialize que sairá como candidato à vice-presidência do Palmeiras pela chapa da oposição — Wlademir Pescarmona tem tudo para ser o presidenciável.” Que Deus nos proteja!

O pior de tudo é ter que encarar o Pescarmona de candidato a presidente.
Não tenho nada contra a pessoa do mesmo mas ele não tem a MÍNIMA condição de ser Presidente da SEP.

Pescarmona e Belluzzo: até que enfim boas notícias e bons ares para passar a semana numa boa e voltar a pensar em 2014 com mais profissionalismo.

É inacreditável, mas o Palmeiras só dá certo é com a cúpula italiana mesmo.
O Tirone foi a exceção da regra.
É óbvio que se não fosse as velhas ratazanas passeando pelas alamedas do Palestra, o time estaria melhor.
Mas os velhos estão lá aos montes e não sairão tão cedo, a prova viva disso foi a última eleição de conselheiros vitalícios.
Não adianta a gente se revoltar e chorar.
Pelo menos, um presidente como o Pescarmona, juntamente com o Beluzzo, saberia contornar melhor as adversidades de se administrar a SEP (entenda-se “contornar as adversidades” como agradar o Mumu ao máximo dentro das possibilidades).
É fácil constatar isso quando analisamos as gestões de Della Monica e do próprio Beluzzo, são gestões com muito mais impacto do que as de Tirone (a anta) e Nobre (o perdidão). Muitos podem falar: – Della Monica e Beluzzo tiveram gestões razoáveis, mas comprometeram a receita do clube.
Sim, de fato a receita foi comprometida, mas o time tinha mais brilho e era competitivo.
E se o Pesacarmona fosse o presidente, acho que já teríamos patrocínio Master, imbróglio da arena resolvido e um futuro um pouco melhor para o centenário.
Triste realidade.

deram duas tartaruguinhas para um Nobre senhor tomar conta. ele, muito esperto, viu que não ia dar conta de tamanha empreitada. chamou seu amiguinho brunoquinho. em várias reuniões, viram também que seria um esforço muito grande, apesar da ajuda do papai mustafá. chamaram um carequinha, o feitosinha, para dar uma mão. Eram quatro, para tomar conta de apenas dois bichinhos. e não muito velozes. passou novembro, passou dezembro, chegou janeiro. quando foram ver, uma das tartaruguinhas estava grávida. a outra, havia sumido.

Só péssimas noticias….Depois da renovação do asno kleinanta. ..continuam as burrices e só falam em jogadores que ninguém quer…ou ninguém conhece… Ou pior…só refugo ou jogador de bengala e fralda geriátrica ou que não dá certo em time nenhum faz muito tempo vide Lúcio ou Elano…Estamos no fundo do poço. ..só não percebemos ainda…estão cada dia arruinando cada vez mais o campeão do século. .somente a lamentar…

Galera o Paulo nobre pego o clube numa draga desgraçada, milagre ele não pode fazer, calma aos poucos tudo vai se encaixando; O que da pra contratar hoje são esses jogadores, e na minha opinião são bons jogadores, muito melhor do que muitos que estão lá atualmente.
Elano é muito bom jogador, gosto do futebol dele, e o Lúcio se vier, vai jogar muito, vocês vão ver.
O Lúcio jogo mal no são Paulo, porque o clube tá cheio de problema, agora se vier para o verdão no centenário, ai vocês vão ver.
Quem sabe possa pintar um ótimo patrocínio no, ano do centenário, e então o clube tenha condições de contratar o Huck e muitos outros jogadores de excelente nível.
Tenha um pouco de fé, eu acredito no Palmeiras em 2014, se eu não acreditar quem vai? Os rivais claro que não, força palmeiras.

Elano, Lucio, Zé Roberto, Uendel, Rafael Sóbis, Alex, Bruno César, Jorge Moreira, Medina, Edilson entre outros nomes citados como futuras contratações, tudo isso para que o torcedor fique sem cobrar reforços para o centenário, e no final das contas, virão jogadores em fim de carreira VELHOS e “BONS” e baratos que estamos de saco cheio. — Hoje o Alex (Coritiba) no final do jogo disse que não tem nada definido com o clube, disse que não cumpriram o que foi combinado e que vai conversar com o Presidente se fica. Está ai uma boa oportunidade do Paulo Nobre oferecer um contrato de produtividade com o Alex, quem sabe não aceita uma redução salarial.

O Palmeiras nao aprendeu e nem Vasco e fluminense, todos bi rebaixados (o Fluminense tri rebaixado).
O Vasco como o Palmeiras engessado no estigma de time de colonia. O Fluminense como Palmeiras anteriormente nao tirando proveito de uma boa parceria (nós a Parmalat e eles a Unimed) para estruturacao patrimonial e institiucional.
O Vasco e Palmeiras maiores que o Fluminense, mas perdendo muito terreno (torcida principalmente) nos ultimos anos. Aqui o desastre Mustafás e lá o desastre Eurico, péssimos administradores e centralizadores impedindo novas liderancas capacitadas (Tirone aqui e Dinamite lá escancarando a incompetencia administrativa). Apesar dos pesares o Paulo Nobre é uma esperanca. O novo estádio é uma esperanca. Há que se mudar de mentalidade. Parar de alimentar esta história de time da colonia italiana é fundamental. Se nao ficaremos eternamente nesse revezamento de 3×3 na série B com o Vasco e o Fluminense. O Palmeiras é muito maior que o velho ( e glorioso) Palestra Itália. Essa é a realidade a ser trabalhada e vendida.

Concordo em gênero, número e grau, DOIS CLUBES DE COLÔNIA (Palmeiras e Vasco) E NÃO APRENDEM E DO JEITO QUE VAI NÃO APREDERÁ NADA, SÃO DOIS CLUBES QUE SÓ VIVE DE PASSADO. Tem um ditado que todo mundo sabe, TIME GRANDE DE VERDADE NÃO CAI!!!!

ONDE O PAULO MOLE é esperança ??? ONDE VC VIU ISSO ??? UM PLAYBOY, Que só sabe repetir sempre a mesma coisa !! A´te parece um MANTRA—–Não temos dinheiro !!! Não seremos refém do centenário !!! E isso vem de um cara que se diz um dos maiores investidores do mercado financeiro !!! 1 ANO SEM CONSEGUIR UM PATROCÌNIO MASTER PARA CLUBE !!!!

Pescarmona???? Já é inadmissível a eleição das seis múmias vitalícias e o Pescarmona candidato a eleição em 2014???? Daqui a pouco é a volta do Mustafá a presidência do clube??? ÉSSA É A OXIGENAÇÃO (RENOVAÇÃO) QUE O PALMEIRAS PRECISA???? Não me faça rir kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Se for verdade, estão de brincadeira nomes tipo Elano e Lúcio, dois refugos, o Bruno Cesar seria uma boa contratação.

O Drops poderia estender minha análise e faze uma lista de jogadores com os quatros rebaixados do Brasileirão e mais destaques da segunda divisão e do futebol da américa do sul (o numero de estrangeiros aumentou p 5, então temos duas vagas em aberto p o elenco).
Se a Diretoria reclama da oposição “predatória”… vamos mandar uma lista de opções viáveis… quero ver qual a desculpa!

Sugiro pauta para o próximo Drops:

Já que os nossos dirigentes gostam da mediocridade do “bom e barato”… porque não fazer uma triagem nos elencos dos quatro rebaixados do brasileirão.

Teríamos bons nomes…apenas alguns exemplos:

Rafael Sóbis
Jean (Flu)
Wagner (Flu)
Samuel (Flu)
Leandor Euzébio e Gum (Flu)
Carlinhos (Flu)

Fagner (Vasco)

André (Vasco)

Pedro Ken (Vasco)

Vou dar um exemplo mais prático: o Vasco desde o ano passado cobiça o Juninho (lateral esquerdo do nosso time). Porque não propor uma troca com o Vasco? OU entregar o Luan e o Maikon Leite pelo Fagner?

No caso do Sóbis e do Wagner (Flu), o palmeiras poderia ceder jogadores e pagar uma quantia em dinheiro… além de quitar os atrasados deles com o Florminense pelo empréstimo (com preço fixado) de um ano… ou até a transferência definitiva.

Vamos pensar e ter criatividade diretoria!!!!

Elano e principalmente Lúcio não! Paneleiro evangélico morfético, estrelinha, segregador de grupo. E ainda seria uma baita vitória do bambi. Caralho, já não é suficiente eles nos atravessarem sempre em negociações agora tb vão conseguir empurrar seus lixos pra nós? Vai se foder diretoria profissional da negociata e da falcatrua.

Seria muito bom pro Palmeiras se existisse uma verdadeira situação e oposição, se alternando na presidencia Belluzzo e Nobre. Só assim conseguiriamos ter continuidade nos projetos, com um melhorando o q o outro fez, e não paralisando toda boa idéia…a briga seria pelo melhor resultado, pois são dois caras persistentes, objetivos e capacitados, q não se aventuram em vão, e com isso o lucro ficaria todo com o Palmeiras. Haveria aí o q o Belluzzo citou logo em seus primeiros dias como presidente, q deveria existir um fio condutor, um planejamento amplo, q independeria de presidente…entra um e sai o outro, e o rumo do Palmeiras seria o mesmo…..foi o q faltou na transição do mandato dele pro Tirone, q não soube dar continuidade no processo de transformação q o professor tinha iniciado e num gesto de pura incompetencia, rompeu um ciclo virtuoso q havia se iniciado, levando o Palmeiras a um endividamento recorde, q para os pobres de conhecimento a culpa é do Belluzzo. E quem tá pagando a conta é o Nobre, q tá precisando de uma habilidade extrema pra colocar o Palmeiras no eixo, mas ainda bem q ele tem. Gostaria de ve-lo por uns 5 anos pelo menos como presidente, 2 desse mandato e mais 3 (o numero de anos ideal) de uma consequente reeleição.
Já o Pescarmona seria um Caio Jr dos presidentes, não parece ter um perfil progressista. Tem muito jeito de ser aqueles italianos totalmente conservadores.

ONDE O PAULO MOLE é esperança ??? ONDE VC VIU ISSO ??? UM PLAYBOY, Que só sabe repetir sempre a mesma coisa !! A´te parece um MANTRA—–Não temos dinheiro !!! Não seremos refém do centenário !!! E isso vem de um cara que se diz um dos maiores investidores do mercado financeiro !!! 1 ANO SEM CONSEGUIR UM PATROCÌNIO MASTER PARA CLUBE !!!!

Lúcio não, pelamor….. Elano se vier sob produtividade pode ser… Dois laterais-direitos estrangeiros é desnecessário… Belluzo vice de Pescarmona? Pescarmona?!!!! Aff…

Meu Deus. Lucio?? Elano?? Gastar uma vaga de estrangeiro com esse lateral do Libertad??

Bora Brunoro, você é melhor que isso, vamo trabalhar direito, vamo?!

“(…) você é melhor que isso(…)” , desde quando ele entrou ele não tem se mostrado eficiente em nada, ou melhor, ele só foi eficiente em conversa fiada e bixo pra si.

Meu deus, como reclama. Aliás, como reclamam!
Torcida do Palmeiras reclama do presidente, CEO, Gerente de Futebol, roupeiro. Reclama que não tem planejamento, reclama de especulações, reclama de quem vem, de quem vai, de quem não vem, de quem não vai.
Criticam a mídia gambá, mas a partir de notícias vindas dessa própria mídia que tanto criticam pegam tais informações para criticar mais o próprio Palmeiras (time, diretoria e o cazzo todo)
Criticam Lúcio, Elano, outros jogadores que nunca viram jogar, mas querem quem? Diego (700 mil/mes livre de impostos) Bielsa (1 milhão mês livre de impostos)… é o que falaram, se vier o Messi vão criticar.
Tenho vergonha de ver essa torcida do Palmeiras, que é a mesma que vai no estádio pra encher o saco e não apoia o time.

Nós reclamamos , porque a diretoria não aprende com os erros do passado !!!Chega de paraguaios !!! Nosso time vaiser um verdadeiro CAVALO-PARAGUAIO !!!

O Frizzo apóia esse trocadilho, afinal o Palmeiras não é marinha pra ter Barcos

Pois é cara, reclama de tudo, se tem especulação, reclama que vaza noticia, se não vaza nada reclama que a diretoria faz nada, se contrata nego pagando 700k, fala que tão torrando o dinheiro, se não paga esse valor, reclama que não faz nada… ou seja, não importa oque aconteça, vão reclamar

Os comentários estão desativados.