Categorias
Corneta do Cunio

Corneta do Cunio – Histeria

Por Alberto Cunio

Coléricos alviverdes, inúmeras vezes tenho chegado a uma conclusão perigosa e que não ajuda em nada a evolução histórica de nosso clube, já tão prejudicado, tão maltratado. E isso tem se tornado uma quase patologia entre nós palmeirenses, levando a inúmeros conflitos, intermináveis discussões e pouquíssimas soluções.

Em outras oportunidades já acusei nossos torcedores de paranoicos, de sofrerem da síndrome de vira-latas, alimentando um delírio persecutório cansativo e inócuo. Creio que errei o alvo, pelo menos nas terminologias. O palmeirense é, na verdade, egocêntrico.

Nesta terça-feira foi anunciada a provável negociação de Henrique com o Napoli, de forma aparentemente simples e sem maiores complicações. Após tentarem o empréstimo, sem êxito, os italianos depositaram o valor da multa rescisória e levaram o atleta.

Bom, hoje é quarta-feira e enquanto Henrique não entrar em campo no Campeonato Italiano, nada pode ser confirmado. Afinal, já vimos casos inacreditáveis em se tratando de transações de atletas, em especial para o exterior.

O que me intrigou é o fato de que poucos palmeirenses entenderam como “natural” esta saída de nosso capitão. Como se o mundo tivesse um centro e ele fosse localizado no círculo central do (ainda inexistente) gramado do Allianz Parque, a indignação foi geral. Como pode o HENRIQUE ser vendido para o exterior? Justo agora? No momento em que estamos montando um time para o centenário? Nosso capitão?

Ninguém pensou no Henrique. Ninguém pensou se isso seria bom para o Palmeiras de outra forma. Ninguém lembrou que multas rescisórias contratuais existem para que sejam eventualmente pagas. O palmeirense pensou apenas… No seu umbigo. E mente quem diz que pensou no Palmeiras.

Não vou aqui discutir o que pode significar a saída de Henrique do Palmeiras neste momento. Muito menos se foi correta ou não. Porém, adianto que histeria por causa de um jogador razoavelmente acima da média, apesar de viver uma fase irregular há algum tempo, e que foi convocado por Felipão por ser de sua confiança, não vale a gritaria. E se alguém disser que a saída de um atleta do porte de Henrique mostra o “apequenamento” que a gestão atual estaria fazendo com o clube, isto é a prova de que o Palmeiras já está minúsculo há muito tempo. E na cabeça de todos nós.

Vou aqui desferir minha CORNETA nos ouvidos destes ensandecidos, que precisam sair do mundo da lua e voltar a pisar no chão. O mundo não tem umbigo. E mesmo que tivesse, não seria no 1840 da Turiassu. Um pouco de realismo não faz mal à saúde.

A Corneta no Twitter não precisa gritar para ser compreendida. Siga! @Corneta3VV

75 respostas em “Corneta do Cunio – Histeria”

Cunio, concordo com você, gostei do texto. Mas por outro lado eu acho que foi em um momento complicado, bem na hora que estavamos pegando confiança na equipe, nos impressionando. Eu com sinceridade, vou ao Pacaembu domingo com receio da nossa defesa, não quero NUNCA perder para os bichas… E também é uma questão de planejamento, se sabe que vai perder um zagueiro, por que não deixa outro do mesmo nível na agulha? E outra, a diretoria tem que vir a público e falar Nós vendemos por X milhões… o Palmeiras fica com X e o empresário com Y, é sempre a mesma coisa pois a imprensa gambástica fica plantando ou inventando informaçoes para os complexados palmeirenses se descabelar!

Parabéns Cunio.Um bando de chatos,pois administrar um clube da importância e tamanho do Palmeiras a quem eu chamo de o maior de todos ,não é tarefa pra meia dúzia de pessoas que sequer viram Luisão Pereira,Alfredo,Valdemar Carabina,etc.Eu vi Dudu aposentar e se tornar técnico e ser campeão com O Ademir da Guia em mcampo e também se aposentando logo após o titulo,e nem por isso mo Maior de todos acabou ou diminuiu.Entendão vocês que acham pouco o que o Palmeiras recebeu,(não tem certeza de valores,mas ainda sim criticam)vejamos o que esta por traz da negociação( a vontade do jogador e empresário ,o pedido de aumento que ele fez por conta da divida que o maior de todos tinha desde a chegada dele,etc)Aoiem incondicionalmente,confiem e cobrem depois de acabar o campeonato,isso é um pouco de inteligência.
Abs a todos

Excelente! Parabéns pela cornetada e pelo artigo. Há muitas nuances até a saída do Henrique, e também acho que há uma confusão nos argumentos e nas gritarias. Nem nós, nem a maioria dos times somos o centro do mundo e estamos isentos às negociações do mercado. Houve uma quebra de confiança que partiu do jogador quando ele endureceu com a diretoria e, isso propunha um risco aos outros, um risco à estabilidade do time. É evidente que agora surgem os PhDs de passado e tudo o que daria pra ter feito. Mas, a decisão está tomada e precisamos seguir em frente dando exemplo ao resto do time e buscando, acima de qualquer outra coisa, preservar a estabilidade e o momento de crescimento e ganho de confiança da equipe. A instituição a se preservar é a Sociedade Esportiva Palmeiras, e não qualquer um dos jogadores que aí estão. Bola pra frente, a maça podre saiu, uma grana vai entrar, e nossos gestores tem mais esse desafio de contornar a dificuldade.

Se o Adhemir da Guia jagasse nos dias de hoje, c/ certeza já seria vendido pelo colega do Mustafa, e por um preço bem abaixo. Estavamos formando um bom time, mas do jeito que vai, isso vai ser só uma nova frustação. O próximo a ser vendido será o Weslei.

Exceções feitas em 2008 e 2009, e eu tinha esperanças deste ano ser diferente também. As contratações me animaram. Mas se eu, nem ninguém ainda tinha certeza de que esse time vai dar liga, com essa negociação a desconfiança aumenta ainda mais.

Pelo que entendi, o valor da negociação não foi o valor total da multa recisória. Portanto dava para endurecer essa negociação, por exemplo, liberar o jogador no meio do ano para não quebrar a defesa no meio. Enquanto isso dava tempo de correr atrás de outro (s) zagueiro (s). Isso é planejamento. Estou falando de futebol, não de dinheiro, “bizines” ou o caramba. A saída do Henrique implica em uma queda de qualidade considerável do futebol do Palmeiras. É isso que me faz pensar que a negociação foi ruim. Aí vão dizer “que se danem os jogadores, o importante é a camisa”. Isso pode ter sido no passado. Só que a camisa hoje não ganha nada. O Palmeiras não ganha nada desde 1999 por quê? Porque monta time de m… ano após ano.

Parabéns Cunio . Torcedor palmeirense vive entre o céu e o inferno. Cada qual se acha dono da verdade. Alguns já teriam vendido o Wesley no começo do ano passado. Outros acham ele craque. Alguns odeiam o Valdívia. Outros idolatram. Por que somos tão absurdamente extremistas? Pra quem acredita que Henrique valorizaria jogando a Copa, alto lá! Não o considero jogador de Seleção. Com o futebolzinho que tem jogado, duvido que iria. Se fosse, iria esquentar banco apenas. E mais, se a selecinha der fiasco , o cara iria morrer no Palmeiras ou sair de graça aos 30 anos. Portanto, a diretoria aproveitou a oportunidade e o Henrique vai acabar de encher as bufas de dindin.
E futebol é assim, não adianta chorar. O Neymar foi vendido para o Barcelona quase 2 anos antes de sair : por isso o torcedor deve execrar o cara?

No momento atual do futebol e dos jogadores do Brasil e do Palmeiras especificamente, o Henrique é um bom jogador. Só um bom jogador. Na história do Palmeiras está abaixo de dezenas de zagueiros. Mas é do mesmo bom nível do que foram o Danilo e o Toninho Cecílio por exemplo. Acho a venda inapropriada pelo momento atual do time, que vem de boas contratacoes, e provocando expectativas positivas no torcedor. Acho ruim também pelos valores anunciados (o Palmeiras vende muito mal como muitos outros também já observaram aqui mesmo neste espaco): vao contratar quem por este dinheiro do Henrique? Manoel? Dória? Duvido. A contratacao do Paulo Henrique nao tem propósito. A nao ser que seja um genio escondido da lampada. PS: Vendem o Henrique (numa negociacao que vem se arrastando a semanas) e mesmo com Tiago Martins afastado por muito tempo ainda emprestam o Luis Gustavo. Isso nao me parece planejamento. Apesar de algumas decisoes negativas do Nobre, o Tirone e o Frizzo sao imbativeis nos quesitos irresponsabilidade e incompetencia.

Henrique já era, joga o Marcelo Oliveira na zaga (pode se dar muito bem, e é mais rápido que o Henrique) e depois quem sabe o Victorino. vendeu pronto, os caras vieram e compraram, quem tem grana compra, quem não tem vende. quero os tricolinos, se ganharmos segura.

Pela enésima vez, o problema não é a saída fo Henrique, mas a falta de reposição. A histeria, se houve, é pela falta de planejamento.
Se bem me recordo, só temos apostas para a base, jogadores que há muito não são titulares e que não estão entrosados.
A venda foi ruim pela falta de reposição e por não ter sido pelo valor da multa, simples assim.
Difícil entender?

As coisas estão melhorando… Em outros tempos Henrique iria em definitivo para o Grêmio em troca do empréstimo de Yuri Mamute, Pará e Adriano Cotovelada. De quebra, mais 15% do valor de uma futura negociação do Zé Roberto. E um quinto jogador que nunca viría…

Perfeito post. Nos torcemos pra quem? Barcos, Henrique, Judas, Valvivia? Bola pra frente.
Quando o jogador quer sair ninguém segura. Vide Elias que está ameaçando entrar na FIFA se o Sporting não negocia-lo com o “Vende a Gávea”. A negociação do Barcos foi ruim, mas essa foi normal. E que venha um bom substituto.

O problema não é a saída de Henrique, é a entrada de Welligton qdo Lucio levar cartão amarelo,ou seja,novamente o velho problema que nos fez perder campeonato e caír, zaga fraca,agora vamos ver se agem rapido e trazem alguem decente,pois desde Alexandre,sempre temos um zagueiro fraco,as vezes os dois.

Bom pro Palmeiras, bom pro Henrique, perda técnica, ganho em ambiente de grupo entre jogadores, demonstração da diretoria que os tempos de ” casa da mãe joana” acabaram, noves fora bom negócio, segue a vida, bye bye zagueiro príncipe encantado (by Shrek), nós aqui seguimos, Avanti atropelar as meninas no Domingo!
PS: Vamos ter boa surpresa com o Vitorino jogando, aguardem!

O momento foi péssimo pra venda.. não apenas pelo campeonato, mas pela formação da equipe e ânimo da torcida. Mas analisando friamente, pode ter sido algo bom a longo prazo.

O Henriique como capitão jamais deveria ter feito o que fez, romper com um acordo, especialmente vendo que a diretoria estã se mobilizando pra honrar com os compromissos.

O Henrique está na seleção graças ao Felipão e ao próprio Palmeiras. Ele é um bom jogador e ponto. Não é um grande craque, não é um grande líder e já está com seus 27 anos. Vocês acham que se ele estivesse no Napoli há 2, 3 anos ele teria sido lembrado?? Duvido.

Mas de qualquer maneira ficamos mancos.. agora a diretoria tem que se mover, do contrário irá escutar muito.

Espero que esse dinheiro seja usado para quitar as dívidas com o Wesley e que a diretoria contrate urgentemente um bom zagueiro pra ser titular.

Quem é você, e o que está fazendo no lugar do Cunio? Diga, o que fez com o verdadeiro Cunio, que a esta hora estaria cuspindo marimbondos de fogo contra Nobre/Brunoro e cia. bela? Rsrsrsrs…

Muito sensato seu post. Se o jogador quer ir e o dinheiro é bom o suficiente tem que liberar mesmo e a vida segue. Jogador frustrado e/ou insatisfeito não rende.

Esse não é o Cunio que aprendi a respeitar e admirar. A sua opinião eu respeito embora não concorde um milimetro com ela. Caspite, estamos suplicando que a gestão se profissionalize, que o PALMEIRAS volte a ser GRANDE, que a TORCIDA seja respeitada e tantas outras coisas que deixaram de existir no clube. Vender um jogador é normal. Agora, como é vendido, o momento, o porque esta sendo vendido reflete o que PENSA os GESTORES do PALMEIRAS. Parece-me que fazer caixa é mais importante que formar um elenco competitivo e ganhar titulos. E fazer caixa é importante. Inquestionavelmente SIM. Então onde esta o patrocinador MASTER do PALMEIRAS? No ano do CENTENARIO não ter o principal patrocinador demonstra a INCOMPETENCIA dessa diretoria. Então essa justificativa não me convence. O Henrique é um jogador razoavel? Quem é melhor que ele na posiçao jogando no Brasil hj? E o que isso tem de importancia? O time( não o elenco) começou a dar sinais que poderia evoluir. Poderia ser campeão? Dificil afirmar mas que disputaria titulos daria para cravar. Daria. E por que? Perdemos o melhor jogador da zaga e um lider dentro do campo. Faz diferença? Sim e muita. Então essa balela de jogador mais ou menos fica para vc Cunio e outros que assim pensam. Pra mim NAO. E para soterrar de vez com os animos de quem começava a acreditar que algo de bom estava acontecendo leio que o “menino mimado” conhecido por Paulo Nobre ficou irritado porque o Henrique ou seu procurador cobrou o PALMEIRAS judicialmente. Onde esta o poder de negociação da diretoria de um clube do tamanho do PALMEIRAS? Não tem UM que consiga sentar e conversar com o atleta, o procurador e buscar uma saida? Se não tiver é sinal que estamos na agua messssmo. Enfim, me desculpe Cunio mas quem merece um CORNETADA “nas oreias” com toda força possivel, desta vez, é VOCE. Os seus timpanos estão em bom estado e resistirão a ela com certeza.

Então se formos pensar desta maneira é só depositar a multa rescisória e levar o jogador. Como os salários que o Palmeiras paga não são TOP, então fica fácil levar nossos jogadores embora. E aí eu pergunto: dá para ser campeão sem termos jogadores de ponta???? e antes que digam que o Henrique não é de ponta (na verdade não é mesmo), faço outra pergunta? a saída dele não reduz nossas chances de levantarmos a taça do paulista deste ano???? se não, então que vá com Deus, se sim, então durmam com um barulho desses.

Excelente negócio. O Henrique já tem idade avançada pra ir pra Europa, ainda mais pra um time q vem investindo forte de um tempo pra cá e poderia ter outras opções pra investir seu dinheiro.
Pessoalmente acho q ele foi o ultimo “conspirador” de vestiário a deixar o Palmeiras. Não acho ele o líder q precisamos nesse ano de centenário. Deixa a tarja pro Prass.
Se eu pudesse indicar um jogador pro lugar dele, seria o Nirley do Figueirense. Faz o básico, não compromete mas tem uma grande vantagem, é rápido e dá botes precisos, ideal pra jogar ao lado do Lucio, q logico não tem o mesmo reflexo de alguns anos atrás.

Cunio,
Te direi se foi um bom negócio quando os números forem abertos. Por enquanto, é um negócio tão obscuro quanto a venda do Barcos – valores contraditórios. Não foi pago o valor integral da multa, como você escreveu (isso já tira bastante a força de dizer que somos coléricos por reclamarmos de tudo). Vamos esperar pela declaração da diretoria e esperemos que sejam mais claros com os termos da negociação do que foram no ano passado. Se enrolarem muito, já saberemos os motivos. Vender é algo normal e nenhum jogador é inegociável. Apenas é preciso analisar o momento da venda e o valor, e pra mim, o momento foi errado, assim como foi erradíssimo o momento e os ‘valores’ da ‘doação’ do Barcos. Como essa diretoria tem uma ‘jurisprudência’ muito negativa em seu histórico de negociações, eu prefiro esperar para ver.
Mas posso dizer que foi um banho de água fria nos nossos ânimos.

Com certeza Cunio, o seu texto bate mesmo com o meu raciocínio, a verdade está aí: O PALMEIRENSE PENSOU APENAS… NO SEU UMBIGO. Para mim essa da venda do Henrique para o Napoli foi mais uma c@gada da diretoria e com certeza no decorrer do ano de 2014 poderá ter mais “DOAÇÕES” daqui pra frente.

na realidade o que deixou a torcida apreensiva não simplesmente a venda de um jogador em si, assim como muitas outras vezes ocorreram e vai continuar ocorrendo. Mas sim a venda de um dos poucos jogadores que fazem parte da espinha dorsal do time. Independente de centenário, o que o tão maltratado palmeiras como dito e tambem sua torcida, precisa de tíulos para voltar a ser respeitado como time grande. A partir dai a formula é simples que passa mesmo involuntariamente na cabeça de qualquer torcedor. Para ganharmos precisamos de bons jogadores e não somente de bons négocios para aliviar o caixa do clube. É isso, somente isso, simples assim. Chega de continuar aser maltratado. O Palmeiras é futebol e que sustenta toda esta a roda é a torcida queiram ou não.

Concordo em tudo. Tem outro detalhe, se ele não sai agora iria sair no meio do ano. O que é melhor, perder o Henrique agora no início da temporada, com tempo pra repor sua perda, ou perder no meio do campeonato brasileiro? Eu acho melhor perder agora. Do ponto de vista financeiro, acho que foi um valor aceitável pra um zagueiro de 27 anos. E outra, qual era a vontade do Henrique? Vocês acreditam nessa conversa de seu empresário de que ele é palmeirense e não queria sair? Eu não acredito.

Não estou 100% satisfeito com essa diretoria mas neste negocio alinho com eles , pagaram o que o clube pediu e levaram simples assim. Agora é so ir atras de um zagueiro na America do Sul e repor, que sabe pela metade dos valores e salarios

Como se fosse facil, se fosse assim, nenhum clube teria zagueiros ruins

É isso aí!! (o meu pai, Nilson Menegaço e meu irmão Pedro Menegaço, também pensam assim)
Abraço, Alberto!

Perfeito, Cunio! Acabou a alegria das Henriquetes, Vamos ver se arrumam essa defesa agora. .

É, acho que não conheço você nem um pouquinho Cunio, acessei a coluna já preparado pra ler um desenrolar de críticas à diretoria pela negociação, e me deparo com esta grata surpresa. Concordo totalmente com seu texto. O Palmeiras é representado por jogadores, que podem ser qualquer um, não tem essa de “fulano” não pode ser vendido, e muito menos que existe “tempo” certo pra vender jogador. Se não aproveitassem essa oferta, duvido que o Henrique seria vendido futuramente…

Belissimo texto. Me incomoda demais esse egocentrismo do torcedor, que sabiamente foi empregado. Eu usualmente me referia a esse tipo de torcedor como mimado. Nem tudo sai como planejamos ou queremos, seja na vida, seja no jogo. A grande discordancia que tenho em relação a venda do Henrique é totalmente técnica, pois com a saida do Henrique se perde em dois sentidos no campo, tanto na linha de defesa onde com a saida dele temos 3 peças diferentes do ano passado, e na espinha dorsal do time com Prass, Henrique, Wesley/Valdivia, Leandro/Kardec. A contratação de um zagueiro rápido séria ideal no momento.

O problema não é a venda do Henrique, e acho que é isso que li na maioria dos comentarios até aqui, o problema verdadeiro foi o momento em que o Henrique foi vendido e o valor da multa(baixo na minha opinião) sendo que ele poderia muito bem ser convocado para a copa e se valorizar ainda mais e assim ser vendido de forma mais vantajosa, tanto para ele quanto para o Palmeiras, sem contar que não temos um zagueiro para repor essa venda, montamos um bom time para o centenario e o Henrique é peça importante…
Se a reposição dele for feita de forma rápida e com um jogador no mesmo nivel ou melhor ÓTIMO, caso contrario acredito que a venda foi PÉSSIMA para o Palmeiras.

obre essa historia de Valorização depois da Copa que todos falam,
1o era uma incógnita muito grande até sua presença na copa, sendo que T.Silva, Dante e David Luiz tem cadeira cativa e o Henrique disputa a ultima vaga com o Dedé, Rever e outros, inclusive um tal menino da base gamba que foi vendido por uma Safadagem de Euros esses dias lá na Europa e a imprensa toda tá fazendo lobby pro cara. O Henrique foi pra no maximo 20% das convocações do Felipão…

Segundo, por mais que ele valorizasse, jamais ele sairia por mais do que a multa recisória, esse seria no fim das contas o valor mais alto que se conseguiria por ele, se a negociação já chegou perto disso (e só vamos ter a certeza dos números definitivos quando sair no balancete), tá de bom tamanho, especialmente, porque se não saísse, iriamos ficar com um jogador insatisfeito, o que nós já sabemos que dá merd*…
portanto, por esse aspecto é complicdo criticar…
Quanto ao Momento, ao ‘Timing’ da negociação foi uma bosta, mas ai foi culpa dos cervídeos napolitanos que tiveram Janeiro todo e só vieram com a proposta agora.
Já referente a reposição,pro primeiro semestre ficou RUIM de correr atrás pra repor a altura, mas… quem sabe nõ pinta uma surpresa por aí…
Se não conseguirem alguém de nível eu iria atras de algum Zagueiro Jovém, promissor e Veloz pra compensar a lentidão do Lúcio. As vezes em termos de Dupla se encontra um cara que complementa melhor com ele do que o Henrique.

Grande Cunio,
concordo em genero, numero e grau: pagou a multa rescisória? …… ACABOU!!! tchau e bença…
bom pro jogador, bom pro clube (dizem 10 mlihoes…): muito obrigado e boa sorte
vamos lá PALMEIRAS!!!! VC É MUITO MAIOR do que a soma de todos os jogadores …. inclusive os do passado….

Cunio,

Você deveria se informar melhor antes de cornetar a torcida. Henrique não foi pelo valor da multa. Foi por um preço menor e ao que parece (e foi dito até pelo Chapabrancazzo) porque o Paulo Nobre ficou magoadinho por ele ter notificado o clube judicialmente por um valor que tinha a rceber. Segundo o Jorge Nicola, o próximo deve ser o Wesley.

É lógico que a saída do Henrique acarreta numa perda técnica significativa, mas o Henrique não é nenhum craque. Vale também lembrar que a multa serve como um parâmetro para a venda. O Henrique já tem 27 anos, e 4 ou 5 milhões de euros é uma quantia muito boa para uma negociação como essa.

Eu também não gostaria de perder o jogador, mas foi uma negociação normal, sem nada fora do comum.

Finalmente uma opinião sem histeria. Pagou, levou. Nada demais, segue o jogo…

Olha tava na hora de alguém fazer um post mais realista e com os pés no chão meus Parabéns pq depois de tanta choradeira de alguns torcedores vejo alguém escrevendo algo mais coerente , se fosse um Jogador fora do comum tudo bem mais o Henrique só é um bom Zagueiro mais nada então deu com essas lamentações o importante é entrar dinheiro nos cofres e o Palmeiras poder contratar outro zagueiro mais novo e mais barato .

Palmeiras vende Henrique ao Napoli. Wesley também deve sair
henrique

O Palmeiras fechou, há instantes, a venda do zagueiro Henrique para o Napoli, por 3,5 milhões de Euros.

E nem fez questão de segurá-lo, devido a uma pendência de cobrança, aberta pelo atleta contra o clube, noticiada, em primeira mão, ano passado, pelo Blog do Paulinho.

http://blogdopaulinho.wordpress.com/2013/07/26/dvida-do-palmeiras-com-empresrios-e-reduo-de-multa-facilitariam-a-sada-de-henrique-no-final-do-ano/

Por sinal, negada tanto pelo jogador quanto por seu empresário.

Outro que deve sair, por motivo semelhante, é o jogador Wesley, justamente agora que atravessa bom momento na equipe.
Noticiamos, também, com exclusividade, pendência envolvendo o atleta, o clube e seu antigo parceiro, o presidente do Criciúma, que cobra mais de R$ 15 milhões do Verdão, judicialmente.

http://blogdopaulinho.wordpress.com/2013/12/04/caso-wesley-presidente-do-criciuma-cobra-r-153-milhoes-do-palmeiras/

Há ainda outras cobranças de comissão, estranhas, relacionadas ao atleta, sem que nenhuma explicação plausível tenha sido fornecida.

http://blogdopaulinho.wordpress.com/2013/08/13/os-rolos-de-frizzo-na-transao-de-wesley-precisam-ser-investigados/

Outros jogadores já foram avisados por Paulo Nobre que serão dispensados se ingressarem com qualquer processo contra o clube, sem antes procurar a diretoria para resolver as pendências amigavelmente.
by paulinho

Tá de sacanagem que você fez um fake para falar aqui no 3vv…..

Não amigo. Apenas reproduzi uma informação e dei crédito ao autor, como manda a regra do bom jornalismo….
Abs..

A multa do Henrique era de 6M de Euros… fecharam por 4M… Não sou contra a venda de jogadores, mas querem levar, paga a multa e tchau… e não foi o caso. Historicamente somos os bonzinos na venda de jogadores… sempre levantamos a saia. Os bambis vendem Lucas por trocentos milhões, nós, vendemos um zagueiro de seleção (não discuto se estava bem tecnicamente ou não), pela primeira proposta que aparece. Tá “Sertu”!!!

Serena e oportuna a “cornetada”. Vendemos um jogador de médio para bom. Só.

Cúnio mudou de lado, agora é amigo do Parmerista e vota no Mustafa!!!
defendendo o indefensável!

Colocação mais sem propósito, pequena e lamentável.
Com certeza o Cunio está do lado do PALMEIRAS.
Sendo ele “opositor” à atual gestão, fazer um comentário sincero e que mostra que o presidente não fez nenhuma atrocidade com o clube, mostra que o dono da “corneta” está mais preocupado com o PALMEIRAS do que com politicazinhas de botequim.

Excelente venda ! O Henrique é um zagueiro apenas mediano e que, na minha opinião, jamais deveria ter sido convocado para a Seleção Brasileira. Uma pena que o Tiago Martins se machucou seriamente, pois ele substituiria facilmente o Henrique. Se o Palmeiras quiser , não terá muita dificuldade para achar um jogador do nível dele, tem às pencas por aí (e até mesmo dentro de casa), e bem mais jovem do que ele.

Ótima venda ! O Henrique é um zagueiro apenas mediano e que, na minha opinião, jamais deveria ter sido convocado para a Seleção Brasileira. Uma pena que o Tiago Martins se machucou seriamente, pois ele substituiria facilmente o Henrique. Se o Palmeiras quiser , não terá muita dificuldade para achar um jogador do nível dele, tem às pencas por aí (e até mesmo dentro de casa), e bem mais jovem do que ele.

Concordo com vc Gustavo. Ano passado foi muito irregular na Libertadores, falhando contra o Tijuana. Foi convocado pra Seleção por causa do Felipão, pois se fosse outro técnico jamais o seria. Está com 28 anos, daí pra frente a curva é descendente. Seu empresãrio também não ajuda, é o mesmo do Keirrison, lembra? É um zagueiro “driblável”, não é um paredão como Antonio Carlos, Cleber, Gamara, etc… Não tem um ponto forte, tem somente boa estatura pra zagueiro.

A minha indignação não é com a venda do Henrique. Isso foi ruim pela questão técnica. O que me incomoda é a postura dessa diretoria que peremptoriamente repete: “Absolutamente nenhum jogador é inegociável”. Isso me incomoda. Não pelo fato de ser verdade, pois isso todos sabem, mas pelo fato da repetição do discurso como um mantra. Não conheço clube que tinha projeto de voltar a figurar entre os maiores do mundo e que tivesse essa postura, de ficar anunciando que todos absolutamente todos do elenco estão à disposição do mercado (à venda). Ou será que os dirigentes do Bayer há 10 anos atrás faziam isso, ou há 5 anos. Não gosto desta postura e acho ela inadequada para um time que quer “mostrar que de fato é campeão”.

Amigo, ninguém no mundo é inegociável. Isso pode irritar você, mas é a vida. Eles repetem isso porque isso se chama gestão de expectativas. Quando o dono do seu time ou seu chefe repete isso, ele está lhe mandando uma mensagem de “meu caro, faça por merecer, aqui o que prevalecerá é a SEP, não você”.

Pura Verdade. Nossa torcida é tão bipolar que, mesmo se contratarem o Messi ou Cristiano Ronaldo, vai ter nego cornetando. Isso é bom. A discussão é ótima para elevar o padrão da conversa. Entretanto, o que se vê é gente levando as críticas para causas e interesses pessoais. Isso é péssimo. Saudações alviverdes!

A minha visão é EXATAMENTE essa. Não consigo enxergar polêmica ou problema na transação….

Acredito que o seu comentário dessa vez foi inoportuno Cunio… O torcedor palmeirense sofre e sofre e sofre há anos! Quando estamos montando um time minimamente competitivo não conseguimos segurar nem um zagueiro que é um pouquinho acima da média… Para piorar a situação não temos reposição a altura e só temos hoje 3 zagueiros “prontos para jogar” no elenco (esse Victorino é uma icognita e já se machucou nos treinamentos, sabesse lá quando vai jogar)… Se sabiam da saída do Henrique porque já não contrataram mais zagueiros? Se o Tiago Alves não se recuperar a tempo quem joga o clássico? Aquele Wellington? Ou o M.Oliveira improvisado? Deus ilumine o F.Prass….

Não tem o que segurar. O Napoli pagou a multa rescisória. Já era. Nem que o Paulo Nobre desse o Allianz Parque pro Henrique ele ficaria. Simples assim. Infelizmente é o futebol.

Porque quis e porque há elementos que não são numéricos que ele levou em conta também. O que vocês precisam entender é que gestão não é um número que você negocia exatamente. Essa é a confiança que depositamos no Paulo Nobre. Se ele bate o pé em 100% da multa e a briga começa a contaminar o grupo que não tem nada a ver com isso, o que aconteceria? Não estou defendendo, há sempre alternativas e diferentes visões de gestores diferentes. Mas é uma decisão explicável, não é nenhuma piração a venda como foi feita.

Acho que é bem por aí; às vezes é melhor ceder um pouco no valor da multa do que tumultuar o ambiente. Se não tivessem sido tão intransigentes com o Judas, quando o flamengo veio com a oferta, talvez não tivéssemos passado tanto perrengue naquele ano.

Quem sabia da saída do Henrique?? O Victorino não é incógnita, se não ninguém o haveria procurado. Senhores, gestão e futebol são assim. Todo dia tem um leão pra matar, vamos incentivar o time e manter esse momento que estamos vivendo de ganho de confiança do ano passado, isso é crucial pra essa equipe.

Caspita, até que enfim alguém que pensa como eu…

Pelo o que eu entendi até agora, o Napoli veio, queria levar por empréstimo, o Palmeiras disse não.

Aí falaram com o Henrique “ce quer vir mesmo?”, o cara tá louco pra sair (já declarou que gostaria de morar na Europa). Então os caras vieram e pagaram a multa. Simples. Nesses casos o clube realmente não pode fazer nada.

Vai prejudicar o planejamento da defesa? Vai.

Vai dar o motivo que a imprensa queria pra plantar crise no Palmeiras? Vai.

A diretoria deveria pegar essa grana e trazer outro zagueiro? Sim, mas no fim de janeiro vai ficar difícil.

Agora o que não pode é a torcida jogar o trabalho todo no lixo. Eu discordo de muitos pontos dessa nova diretoria, tenho os 2 pés atrás. Mas o Palmeiras não pode passar de “melhor time que se reforçou em 2014” pra “candidato a rebaixamento” só pq perdeu um jogador.

E convenhamos, o Henrique pode até ser acima da média pros padrões de hoje, mas não é nenhum Luis Pereira ou Antônio Carlos…

o problema não é dispensar o atleta , mas o desconto de mais de 30% no valor da multa do atleta e todo o contexto onde ele estava inserido. Ao meu ver o paulo nobre liberou o henrique por dinheiro de pinga(tô de sacanagem, claro!) já sabendo dos valores que iriam para o henrique e seu empresario. Poderia ter feito melhor, não foi a cagada do barcos, mas o nobre pensou apenas em si no seu querido CEO. No palmeiras nothing!

Enquanto isso vamos jogar um clássico e um campeonato inteiro desfalcados, pq outro pro lugar do Henrique não vem. FATO!

Mas rapaiz, foram só 3 rodadas ainda…desfalcado todo mundo joga. E as vezes no desfalque surge uma oportunidade de outro zagueiro que também de liga. Futebol tem disso também, da equipe tar fechada, e se unir nas adversidades.

Nem precisa elevar tanto o nível pra comparar com o Henrique.. Compare-o com o Klebão.
Klebão ganha.

Os comentários estão desativados.