Categorias
Verdão na Mídia

Verdão na Mídia 15-01-2014: Verdão ‘segura’ Valdivia no início do ano e quer fazê-lo repetir a Série B ❘ Lancenet

NOTICIÁRIO ❘ LANCENET

• Verdão ‘segura’ Valdivia no início do ano e quer fazê-lo repetir a Série B

Por Fabricio Crepaldi e Thiago Ferri

Desde que Valdivia foi recontratado, em 2010, a torcida sonha ver o jogador ter, finalmente, uma longa sequência – as lesões, porém, impediram o feito. Nesta pré-temporada, a comissão técnica decidiu “segurar” o meia e dar mais treinos físicos para ele.

Parte de um cronograma especial para evitar lesões desde o ano passado, o Mago vem realizando só fortalecimento muscular nos treinamentos em Itu (SP), e por isto deve perder a estreia do time no Paulistão – a intenção no clube é liberá-lo a partir da semana que vem.

– O Valdivia voltou bem, dentro daquilo que a gente esperava de férias. Tem feito trabalhos muito bons, estamos conseguindo condicioná-lo bem, ele está ganhando força, mas precisa de mais tempo para trabalhar. Optamos por isto para que ele possa ter uma sequência – disse Fabiano Xhá, preparador físico do time, ao LANCE!Net.

Depois de realizar apenas nove jogos no primeiro semestre do ano passado, a comissão diminuiu o tempo dele em treinos e em campo nos jogos (fato que rendeu uma alfinetada do jogador a Kleina) e seguirá com este projeto em 2014.

Valdivia teve sequência maior no segundo semestre, e foi uma peça importante na campanha do título alviverde na Série B – seus problemas físicos no período ocorreram principalmente quando o jogador se apresentava à seleção.

Apesar de discórdias em 2013, o Palmeiras mantém contato com a comissão técnica chilena e, embora se valorize a importância de preparar Valdivia para a Copa do Mundo – o jogador põe o técnico Jorge Sampaoli como responsável por sua melhora – Xhá relembra: é preciso pensar também no Palmeiras.

– Temos de conciliar as duas coisas. Precisamos pensar no Valdivia no Palmeiras e no Valdivia profissional e sua parte na seleção.

Bate-Bola: Fabiano Xhá, preparador físico do Palmeiras, em entrevista ao LANCE!Net

L!: Quando Valdivia vai estrear?

FX: Para jogar, preciso que ele esteja com um nível de força bom. Para a estreia (do Paulista) podemos ter de segurar um pouco mais, mais provavelmente a partir do segundo e terceiro jogo esteja à disposição para o jogo todo.

A programação feita para a Série B com Valdivia servirá de exemplo?

Sim, com certeza. Vamos manter a filosofia mais ou menos de trabalho do ano passado, colocando algumas coisas mais para ele aguentar mais tempo de jogo e ter uma sequência ainda maior. Agora com uma carga alta, e ele conseguindo recuperar, ele vai se condicionar mais rápido e conseguirá uma série boa de partidas.

Vocês mantêm contato com a comissão técnica do Chile?

O departamento médico está em contato com eles. Queremos fazer tudo da melhor forma, a Copa é importante para ele, mas tem de pensar no clube. Está sendo feito um trabalho legal, temos conversas com todos para fazer treinos adequados. Todos têm a ganhar.

Mago em 2013

Trabalho particular

Valdivia se reapresentou ao Palmeiras no ano passado com quatro dias de atraso. O motivo foi o trabalho particular que ele realizou em uma clínica do Chile. O jogador utilizou o local e profissionais para fazer atividades de fortalecimento. Segundo o próprio atleta era uma forma de chegar mais preparado para a temporada. O Palmeiras aceitou a justificativa.

Primeiro semestre

O meia sofreu com as lesões no primeiro semestre do ano passado. Elas começaram em fevereiro e a principal o afastou por 110 dias dos gramados.

Segundo semestre

Com a nova programação de treinos, Valdivia teve um segundo semestre mais produtivo, participando mais e com maior qualidade das partidas.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ LANCENET

••

NOTICIÁRIO ❘ GAZETA ESPORTIVA NET

• Gilson Kleina pode entrar no Top 10 de treinadores do Palmeiras

Por Bruno Oliveira

Campeão do Campeonato Brasileiro da Série B pelo Palmeiras no último ano, Gilson Kleina acertou renovação contratual e comandará o time na sequência desta temporada. E, apesar de ainda ser contestado por parte da torcida da equipe paulista, o treinador pode alcançar marca histórica pela equipe em 2014: entrar no grupo dos dez técnicos com mais jogos pelo clube alviverde.

Contratado pelo Palmeiras em negociação com a Ponte Preta em setembro de 2012 para substituir Luiz Felipe Scolari, Kleina falhou em sua primeira missão, que era evitar o rebaixamento para segunda divisão no futebol nacional. A queda, porém, não interrompeu o trabalho do treinador, que em janeiro do último ano foi apoiado pelo recém-eleito presidente Paulo Nobre e seguiu no comando da equipe alviverde, conquistado antecipadamente o título da Série B.

Atualmente, Kleina ocupa a 19ª colocação na lista de técnicos com mais jogos pelo time paulista, com 82 confrontos. Curiosamente, o treinador paranaense está empatado com Jair Picerni, que foi responsável por comandar o Palmeiras em sua primeira participação no Campeonato Brasileiro da segunda divisão, em 2003. Osvaldo Brandão, tricampeão nacional (1960, 1972 e 1973) e tetracampeão estadual pela equipe alviverde (1947, 1959, 1972 e 1974), lidera este ranking, com 508 participações no banco de reservas.

Em 2014, ano em que chega ao seu centenário no próximo dia 26 de agosto, o Palmeiras tem participação garantida no Campeonato Paulista, Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro. Ao todo, o clube alviverde tem 55 partidas agendadas para esta temporada, mas pode alcançar 70 embates disputados se alcançar as finais do torneio regional e também da Copa do Brasil.

Caso a equipe paulista dispute 55 duelos até dezembro e Gilson Kleina cumpra seu contrato até o final, o técnico encerrará este ano com 137 partidas no comando da equipe. Com isto, o treinador subiria para 12ª colocação na lista, ultrapassando nomes renomados do futebol nacional, como Telê Santana (97 jogos) e Emerson Leão (114 confrontos). Se o Palmeiras entrar em campo em 70 oportunidades, o curitibano assumirá a décima posição, com 152 embates.

O primeiro passo de Gilson Kleina rumo ao top 10 da lista de treinadores com mais jogos pelo clube alviverde ocorre neste sábado, às 17 horas (de Brasília), quando a equipe paulista mede forças com o Linense, no Pacaembu, em partida válida pelo Campeonato Paulista. Pelo Palmeiras, o treinador acumula retrospecto de 42 vitórias, 17 empates e 23 derrotas.

Confira a lista dos 20 técnicos com mais partidas no comando do Palmeiras:

Osvaldo Brandão – 580 jogos

Luiz Felipe Scolari – 408 jogos

Vanderlei Luxemburgo – 367 jogos

Ventura Cambón – 248 jogos

Rubens Minelli – 247 jogos

Aymoré Moreira – 193 jogos

Bianco – 191 jogos

Mário Travaglini – 178 jogos

Filpo Núñez – 154 jogos

Amílcar Barbuy – 144 jogos

Dudu – 142 jogos

Cláudio Cardoso – 116 jogos

Emerson Leão – 114 jogos

Humberto Cabelli – 105 jogos

Jorge Vieira – 104 jogos

Armando Del Debbio – 100 jogos

Telê Santana – 97 jogos

Caetano De Domênico – 90 jogos

Gilson Kleina – 82 jogos

Jair Picerni – 82 jogos

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ GAZETA ESPORTIVA NET

••

NOTICIÁRIO ❘ GLOBO ESPORTE COM

• Palmeiras aposta em ataque jovem e defesa experiente para 2014

Por Felipe Zito e Marcelo Hazan

O torcedor do Palmeiras vai encontrar em 2014 um time dividido. Mas não se trata de qualquer problema interno entre os atletas. Nesta temporada, a equipe comandada por Gilson Kleina terá em campo uma grande diferença de idade entre os setores de defesa e ataque.

Enquanto na parte defensiva o time conta com peças mais velhas como o goleiro Fernando Prass (35 anos), os zagueiros Henrique (27 anos) e Lúcio (35 anos), e o volante Eguren (33 anos), na frente a aposta será na juventude de Leandro (20 anos), Alan Kardec (25 anos) e Vinicius (20 anos).

Para a atual temporada, o Verdão manteve a postura de investir em nomes experientes para a base defensiva e trouxe o ex-são-paulino Lúcio e o ex-cruzeirense Victorino, de 31 anos, para a zaga. As “exceções” são o lateral-esquerdo William Matheus, que disputou o último Campeonato Brasileiro pelo Goiás, e o lateral-direito paraguaio Jorge Moreira, que pertence ao Libertad e ainda negocia com o clube – ambos têm 23 anos.

– O que eu puder fazer para ajudar os mais jovens, vou fazer – disse o zagueiro Lúcio.

– Para você ter uma equipe capaz de grandes conquistas, tem hora que a experiência vai ditar o ritmo de um jogo; outras vezes, é a juventude que vai decidir – completou Gilson Kleina.

O desempenho do ataque alviverde em 2013 deixou a diretoria satisfeita. Tanto que o clube manteve o ex-gremista Leandro, artilheiro da equipe no ano passado com 19 gols. O jogador de 20 anos custou ao Verdão R$ 8 milhões por 64% dos direitos econômicos que pertenciam ao Tricolor gaúcho. Alan Kardec, de 25 anos e que tem contrato até o fim de junho, marcou 14 vezes na Série B do ano passado.

–  Agregando não apenas atributos técnicos,  mas também trabalhando em harmonia, todos têm a crescer. Em algumas situações, a juventude vai passar coisas importantes para todos nós, assim como os experientes terão muito o que dividir com todo o grupo – analisou Kleina.

Apesar do destaque de Kardec e Leandro no ano passado, o clube foi ao mercado e trouxe Diogo (ex-Portuguesa), de 26 anos, e o jovem Rodolfo (ex-Rio Claro), de 20 anos, para fortalecer o ataque. Eles se juntam ao plantel que já conta Patrick Vieira, de 22 anos,e Serginho, de 23 anos.

– Não vamos escalar a equipe só por causa da idade. Mas estamos construindo um plantel grande, e essa mescla vai ser muito importante para que todos nós possamos ter um grande desempenho na temporada – afirmou o treinador.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ GLOBO ESPORTE COM

••

NOTICIÁRIO ❘ LANCENET

• Alan Kardec diz que conversas para sua permanência já começaram

Artilheiro do Palmeiras na Série B com 14 gols, Alan Kardec tem contrato até o fim de junho e segundo ele já existem conversas para discutir sua permanência no clube. Com valor fixado para a compra de seus direitos, o jogador vinculado ao Benfica (POR) disse que acompanha ainda de forma distante a sequência das conversas, mas ressaltou a dificuldade para negociar com o clube português.

– Tem um valor estabelecido, pode ser negociado ou não, dependendo da mentalidade do Benfica nas conversas. A relação das diretorias é boa, não sei dizer se vão deixar (para resolver) agora ou em cima da hora. O Palmeiras tem opções claras, os valores, e se tiver que acontecer e pagar a multa, está resolvido. O Benfica é duro na queda, a dificuldade para permanecer no Santos foi grande. Se o valor for alcançado, tudo acontece sem dor de cabeça – explicou o jogador nesta quarta-feira, em Itu (SP).

Quando foi emprestado no ano passado, o jogador teve o valor de seus direitos definido entre cinco milhões e seis milhões de euros (cerca de R$ 16 milhões e R$ 19 milhões). O clube, porém, tem dificuldades para fazer grandes investimentos em reforços – Leandro, pelo qual o Verdão desembolsou R$ 8 milhões, foi comprado após um novo empréstimo feito em nome do presidente Paulo Nobre e repassado ao Palmeiras.

Depois de uma boa passagem também pelo Santos, por empréstimo, Kardec tentou permanecer no Peixe, mas a relação ruim entre a diretoria alvinegra – que negociou os laterais Danilo e Alex Sandro com o rival do Benfica, o Porto – dificultou as conversas.

Próximo da estreia palmeirense na temporada, o atacante quer apenas manter o bom nível de apresentações para convencer o clube de que deve ser contratado no fim do primeiro semestre.

– Algumas conversas podem estar acontecendo, mas não me meto. Eu faço meu trabalho. O futebol é dinâmico, ano passado foi válido, mas agora começa tudo do zero. Vida nova e ano novo, temos que fazer tudo melhor do que em 2013. Quero ficar, há conversas, mas deixo nas mãos dos meus agentes. Todos sabem o que é melhor, acho que tudo vai acontecer como se espera se eu for bem – completou.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ LANCENET

••

NOTICIÁRIO ❘ UOL ESPORTE

• Agente prevê acerto com meia nesta quarta, mas Palmeiras mantém cautela

Por Pedro Lopes

O empresário do meia Marquinhos Gabriel, Fernando Otto, prevê uma conclusão para as negociações do Palmeiras com o jogador ainda pra esta quarta-feira. Ao UOL Esporte, Otto afirmou ter sido informado de que as bases de um acordo entre BMG, que detém a maior parte dos direitos econômicos do atleta,  e o clube, para contar com o jogador em 2014, foram acertadas.

“Fui informado de que entre BMG e Palmeiras está tudo certo. Quarta pela manhã, deve se resolver” afirmou Otto.

Segundo o agente, o meio campista até já assinou contrato com seu novo clube, na última quinta-feira, e só falta acertar os detalhes com o banco detentor dos direitos. O clube, entretanto, mantém a cautela, e não confirma a contratação. Do lado alviverde, ainda não está tudo resolvido, e não há data marcada para que o atleta se junte ao restante do elenco em Itu.

O meia tem o desejo de defender o Palmeiras, e inclusive, aceita o novo modelo de contrato de produtividade implementado pelo presidente Paulo Nobre. A operação, entre tanto, é um pouco complexa: 70% dos direitos econômicos do jogador pertencem ao BMG, em parceria com o empresário Giuliano Bertolucci – os outros 30% são do próprio atleta e do agente Fernando Otto.

Marquinhos está registrado como jogador do Coimbra-MG, e será emprestado ao Palmeiras por um ano. Ao final do empréstimo, o clube paulista terá opção de adquirir 50% dos direitos econômicos, por um valor não divulgado.

O provável reforço palmeirense tem passagens por Internacional, Avaí e Sport. Em 2013, foi um dos destaques do Bahia na campanha no Brasileirão. No elenco do Palmeiras, teria concorrência: Gilson Kleina conta com Valdivia, Mendieta, Patrick Vieira, Felipe Menezes e Serginho na sua posição – Bruno César também negocia e pode chegar nos próximos dias.

O alviverde permanecerá em Itu até quinta-feira, quando retorna a São Paulo. Antes, fará um jogo treino na quarta, diante da da União Barbarense, ainda no interior. A estreia no Campeonato Paulista será no sábado, diante do Linense, no Pacaembu.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ UOL ESPORTE

••

NOTICIÁRIO ❘ ESTADÃO ONLINE

• Palmeiras ‘ajuda’ a atrasar obra da Allianz Parque

Por Daniel Batista

O atraso nas obras da Allianz Parque faz com que exista uma grande dúvida no torcedor palmeirense: quando é que o estádio vai ficar pronto? A previsão de entrega dada pela WTorre é para o começo de junho, mas ninguém se atreve a assegurar a data. Além da própria WTorre, o Palmeiras também tem sua parcela de culpa no atraso, já que não honrou com alguns prazos acertados com a construtora para ações que parecem mais simples do que se imagina.

O Estado teve acesso a e-mails e correspondências trocados entre representantes do Palmeiras e da WTorre em que a construtora cobra pelo menos três intervenções por parte do clube. E ainda não teve êxito em nenhuma das três.

Em uma delas, o documento assinado por Eduardo Losi de Moraes, gerente de Projetos da WTorre, e direcionado para Paulo Ferro, engenheiro contratado pelo Palmeiras para gerenciar a obra, pede a desocupação da área onde está instalada uma loja que vende produtos do clube na Rua Turiaçu.

O primeiro foi em 27 de outubro de 2010, e isso se repetiu quatro vezes em 2013, dias 19 de fevereiro, 26 de junho, 13 de setembro e 3 de outubro. A loja é gerida por um empresário que não tem relação com a Meltex, empresa responsável pelas novas lojas oficiais do clube.

A construtora aguarda também por uma procuração do Palmeiras para trabalhar diretamente com os órgãos públicos da liberação das obras na rampa da Avenida Francisco Matarazzo. O pedido foi feito dia 19 de setembro do ano passado. Como ainda não tem o documento, nada pode ser feito no local.

O clube também ainda não deu retorno em relação à retificação da matrícula, documento que determina o tamanho real do terreno, já que existe uma divergência do espaço total que pertence ao clube. Tanto WTorre quanto Palmeiras não quiseram se manifestar, mas admitiram que os pedidos ainda estão pendentes.

No contrato firmado em 2010, a construtora ficaria responsável pelo pagamento de uma multa diária de R$ 10 mil de atraso caso não entregasse a obra até 2012, mas ainda na gestão de Arnaldo Tirone essa cláusula foi deixada de lado, já que outras obras foram feitas sem que estivessem definidas no contrato, como a sauna e melhorias no clube social.

Luz no fim do túnel

A relação entre a construtora e o clube continua conflituosa. A divergência sobre a venda das cadeiras da Allianz é o ponto de maior discórdia, mas após várias reuniões sem sucesso pela primeira vez um dos lados parece disposto a ceder e evitar que o conflito seja resolvido pela Câmara Fundação Getúlio Vargas de Conciliação e Arbitragem.

Na última sexta-feira foi realizada uma reunião entre os advogados dos dois lados – sem a presença dos mediadores – e a construtora mostrou boa vontade em ceder e aguarda que o clube faça o mesmo para encontrarem um denominador comum. 
O Palmeiras julga que a WTorre tem direito de comercializar apenas 10 mil dos 43 mil lugares do estádio. Já a construtora entende que tem direito de negociar todos os assentos da arena.

Leia aqui a matéria completa > NOTICIÁRIO ❘ ESTADÃO ONLINE

••

BLOG DOIS TOQUES ❘ ESPN BRASIL

• Palmeiras contrata fundadores da Santos TV para alavancar canal na internet do clube

Por Conrado Giullietti

Arnaldo Hase, que comandava até o ano passado a comunicação do Santos é o mais novo reforço do Palmeiras. Ele chega com sua empresa e mais dois ex-funcionários do Peixe, responsáveis pelo sucesso da Santos TV.

O canal é mais acessado no Youtube entre todos os clubes do Brasil, e o quinto no ranking mundial (atrás de Barcelona, Real Madrid, Milan e Manchester City).

No Palmeiras, além de cuidarem do canal novo na internet, Hase e sua equipe vão ser também responsáveis pelo programa exibido no Premiere, que existe desde o fim do ano passado.

Leia aqui a matéria completa →> BLOG DOIS TOQUES ❘ ESPN BRASIL

••

BLOG DO VERDÃO ❘ DIÁRIO DE S.PAULO ONLINE

• Valdívia fica só na malhação

Por João Pontes

Principal jogador do elenco palmeirense, o meia Valdivia  realiza um trabalho diferenciado durante a pré-temporada do Verdão. Devido ao histórico de lesões, o Mago treina pouco no campo e passa a maior parte do tempo na academia.

No ano passado, o camisa 10  disputou apenas 27 partidas pelo Palmeiras e ficou boa parte da temporada no departamento médico. Em sua segunda passagem pelo Alviverde, o Mago só jogou menos em 2010. No entanto, naquele ano, ele fora contratado só em julho.

De acordo com a comissão técnica, o trabalho  de fortalecimento muscular  é fundamental para diminuir os riscos de lesões musculares.

Por causa do planejamento diferenciado, o camisa 10 não deve participar da estreia do Palmeiras no Campeonato Paulista, sábado, contra o Linense, no Pacaembu.

Sem Valdivia, o técnico Gilson Kleina deve escalar o meia  Mendieta para criar as jogadas de ataque. Em Itu, palco da preparação do Verdão, o jogador paraguaio sempre treinou na formação titular.

• Preocupação

Treinador da seleção chilena, Jorge Sampaoli mantém contato com o departamento médico do Palmeiras para monitorar Valdivia até a  Copa do Mundo.

“A seleção chilena precisa que Valdivia melhore sua forma física, porque, do jeito que está, é impossível que ele vá ao Mundial”, comentou.

Apesar da crítica, Sampaoli fez questão de exaltar o futebol do jogador palmeirense.

“Para o futebol que nós implementamos, ele é determinante, pois é alguém que se destaca, como o Messi, na Argentina, e Cristiano Ronaldo, em Portugal”, comparou.

Leia aqui a matéria completa → BLOG DO VERDÃO ❘ DIÁRIO DE S.PAULO ONLINE

••

8 respostas em “Verdão na Mídia 15-01-2014: Verdão ‘segura’ Valdivia no início do ano e quer fazê-lo repetir a Série B ❘ Lancenet”

kleinasno no top 10????? meu DEUS!!! haja remédio para pressão alta e palpitação cardíaca!!!! tomara que saia antes das finais do paulistinha para podermos ter alguma chance, pois com este burro incompetente estamos fritos…este ano do centenário tão importante mereciamos coisa melhor no comando, com este ajudante de auxiliar de estagiário de técnico teremos um ano difícil ” da agônia ao desespero”…#fora kleinasno

Gostaria que o Valdívia jogasse mais, pelo menos 70% dos jogos. — Kleina no TOP 10 acho muito difícil, seu retrospecto é fraco ainda (42 vitórias, 17 empates e 23 derrotas). Acredito que terá um time mais forte em 2014 (mais ainda no segundo semestre) pois está participando diretamente nas indicações, então não terá desculpa. Ou melhora o retrospecto ou será convidado a sair. — Tomara que o Palmeiras compre o Alan Kardec, se isso acontecer ponto mais que positivo a Gestão PN, vamos precisar dele no segundo semestre. — Marquinhos Gabriel, foi contratado! Não sei de quem se trata, espero que algumas dessas apostas jogue muito este ano, vamos precisar.

E´duro saber que nosso “craque” do centenário Valdívida já começa a temporada bixado, aguenta coração. Pior, felipe menezes se saindo bem no treino, kleininha irá escala-lo com certeza.

É impressionante! A matéria do Estadão Online mostra de forma cabal o descaso e o absoluto relaxo com que é administrado o clube Palmeiras. Alô Paulo Nobre, tem muito, mas muito trabalho prá você nessa área aí também, falô?

Esperamos ansiosamente saber o que a WTORRE quer como contrapartida à sua “boa ação”. O Waltinho já queimou o filme com toda a torcida.. e tem poucos créditos. É uma sacanagem fazer isso que ele tá fazendo..

E é uma sacanagem redigirem um contrato dessa magnitude que nem um estagiário.

Tá na hora de oficializar o Bruno Cesar como reforço, esse sim, reforço de peso para o centenário. O resto, todas apostas que podem ou não vingar que qualquer estagiário faria!

Os comentários estão desativados.