Categorias
Verdão na Mídia

VERDÃO NA MÍDIA 12-03-2014: Nobre se mostra pessimista em manter Wesley, e Tirone é cobrado ❘ LANCENET

NOTICIÁRIO ❘ LANCENET

• Nobre se mostra pessimista em manter Wesley, e Tirone é cobrado

Por Caio Carrieri

Em reunião extraordinária do Conselho de Orientação e Fiscalização (COF) na última segunda-feira, o presidente Paulo Nobre já avaliou como muito difícil a renovação do vínculo de Wesley, que termina no dia 27 de fevereiro de 2015 – ele pode assinar um pré-contrato com outra equipe no fim de agosto.

O mandatário aponta que os salários do volante são muito elevados (R$ 350 mil mensais) e prevê um pedido ainda maior do jogador para permanecer no Verdão. Ao LANCE!Net, Nobre tinha dito que se esforçaria para manter o atleta no elenco.

Além dos vencimentos, o Palmeiras ainda tem contra si um processo na Justiça movido por Antenor Angeloni, avalista da compra de Wesley do Werder Bremen (ALE) em 2012, na gestão de Arnaldo Tirone. Inicialmente, R$ 21 milhões estavam bloqueados, mas o Alviverde entrou com recurso e baixou o montante para cerca de R$ 6,5 milhões. Essa verba travada faz o clube deixar um fundo de R$ 54 milhões em segundo plano.

Presente no encontro de segunda, Tirone foi cobrado por conselheiros por ter onerado os cofres do Palmeiras no caso Wesley, além de outras operações. O ex-mandatário se colocou à disposição do departamento jurídico do clube para ajudar a solucionar o processo. Defendeu-se e disse ter sido contra a contratação do volante, mas convecido pela sua diretoria a realizar a investida.

Lesionado, o camisa 11 não viajou com a delegação alviverde para Vilhena (RO), onde o Verdão estreia na Copa do Brasil às 19h30 desta quarta-feira, diante do time que leva o mesmo nome da cidade.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ LANCENET

••

NOTICIÁRIO ❘ GAZETA ESPORTIVA NET

• Palmeiras estreia para evitar maratona e encerrar jejum em mata-mata

Pela primeira vez no ano do centenário, o Palmeiras encara a tarefa de não só vencer, mas abrir vantagem. Nesta quarta-feira, às 19h30, o time estreia na Copa do Brasil enfrentando o Vilhena, em Rondônia, com a missão de vencer por, ao menos, dois gols de diferença para já eliminar o jogo de volta e, garantindo-se na segunda fase, acabar com um incômodo tabu.

O último mata-mata em que o clube se classificou foi em agosto de 2012, quando, ainda sob o comando de Luiz Felipe Scolari, passou pelo Botafogo na Copa Sul-americana. Desde então, já com Gilson Kleina, a equipe caiu na fase seguinte do torneio e na primeira fase eliminatória das competições do ano passado: no Paulista, diante do Santos, na Libertadores, contra o Tijuana, do México, e na Copa do Brasil, frente ao Atlético-PR.

Em Vilhena, o técnico leva a convincente campanha nos primeiros meses de temporada para superar o campeão rondoniense. A intenção é fazer um placar suficiente para garantir a classificação e cancelar a partida de volta, prevista para 10 de abril no Pacaembu, entre as finais do Campeonato Paulista, e que complicará o calendário alviverde se o time chegar à decisão.

Em campo, o Verdão continua desfalcado. O volante Wesley está fora por lesão na coxa direita, o meia Marquinhos Gabriel sofre de desgaste físico, o atacante Diogo, os zagueiros Wellington e Victorino e o volante Josimar buscam recondicionamento após contusões musculares e o zagueiro Thiago Martins se recupera de cirurgia no joelho direito.

Apesar dos desfalques, Kleina volta a contar com Leandro, que fica no banco de reservas após ser desfalque por cinco jogos, e Valdivia, fora dos dois últimos jogos, mas que será titular no meio-campo com Eguren e França na marcação. A linha de frente continua com Vinicius e Patrick Vieira nas pontas e Alan Kardec como referência.

“Não temos a equipe titular toda, mas vamos forte para eliminar o Vilhena já no primeiro jogo e ficar mais tranquilos para o Paulista”, comentou França, admitindo a preocupação em passar o Santos e terminar a primeira fase do Estadual com a melhora campanha.

Do outro lado, o Vilhena, no Portal da Amazônia, seu estádio, perdeu do Brasiliense por 4 a 3 no domingo e foi eliminado da Copa Verde. Apesar do resultado, o técnico Marco Birigui acredita que o time fez a sua melhor partida como mandante na temporada e, por isso, não deve mexer na escalação.

FICHA TÉCNICA

VILHENA X PALMEIRAS

Local: Portal da Amazônia, em Vilhena (RO)

Data: 12 de março de 2014, quarta-feira

Horário: 19h30 (de Brasília)

Árbitro: Paulo Schleich Vollkopf (MS) – Assistentes: Lincoln Ribeiro Taques e Gislan Antonio Garcia da Silva (ambos do MT)

VILHENA: Wagner; Thiago Silva, Junior, Alex Barcellos e Marinho; Thiaguinho, Cucaú, Willian Santos e Edilsinho; Roallase e Fábio Buda
Técnico: Marcos Birigui

PALMEIRAS: Fernando Prass; Wendel, Lúcio, Marcelo Oliveira e Juninho; Eguren, França e Valdivia; Vinicius, Patrick Vieira e Alan Kardec
Técnico: Gilson Kleina

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ GAZETA ESPORTIVA NET

••

NOTICIÁRIO ❘ GAZETA ESPORTIVA NET

• Brunoro vê papel social e vestibular para elenco na Copa do Brasil

O Palmeiras disputa as primeiras fases da Copa do Brasil em seu centenário com dois intuitos: dar a torcedores de cidades menores a chance de verem o time de perto e analisar o elenco para disputar o Campeonato Brasileiro, que terá nove de suas 38 rodadas antes da Copa do Mundo. Esse é o discurso de José Carlos Brunoro.

“Para o Campeonato Brasileiro, é outra história. Veremos o que precisamos, quem rendeu e quem não rendeu e as condições financeiras, que são sempre colocadas em primeiro lugar para cumprirmos nossos compromissos”, disse o diretor executivo, que não promete reforços, mas não os descarta.

“No futebol, todos pedem reforço. O mais difícil é o reforço no bolso”, sorriu. “Sempre digo que o grupo nunca está fechado, no futebol não existe isso. Às vezes, você faz uma contratação que acaba não dando certo, outras vezes existe um tipo de problema que precisa trocar o jogador. Quero deixar sempre melhor o grupo.”

Os jogadores são analisados de perto pelo dirigente. Brunoro acompanhou a delegação sem alguns titulares que venceu o Paulista no domingo, em São José do Rio Preto, e embarcou com os principais nomes do grupo para treinar em Cuiabá (MT), nessa terça-feira, e viajar para Rondônia à noite, onde a equipe enfrenta o Vilhena nesta quarta-feira.

A maratona, contudo, não é motivo de questionamentos do diretor. “Gosto muito da Copa do Brasil, é uma maneira de difundir o futebol pelo País. Tem muita coisa bacana nisso, não podemos ficar só reclamando”, ensinou.

“Muita gente é contra a Copa do Brasil porque tem muitos jogos, mas os times grandes têm um papel social de mostrar o futebol em todas as etapas. Os torcedores dos times grandes podem ver a gente de perto”, prosseguiu, ressaltando a preocupação com o primeiro torneio nacional do clube na temporada.

“Jogamos em São José do Rio Preto e demos descanso a uma parte do grupo para botarmos todos em condição de jogo. A Copa do Brasil precisará do elenco todo”, afirmou, dizendo conhecer e respeitar o rival da estreia. “Será um jogo bem difícil pelas condições e pela motivação do time do Vilhena, que estará muito motivado para ganhar da gente. O futebol é o único esporte que não tem favorito, mas iremos para vencer.”

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ GAZETA ESPORTIVA NET

••

NOTICIÁRIO ❘ GLOBO ESPORTE COM

• Valdivia festeja sequência sem lesões e fase de artilheiro no Verdão

Por Fabricio Crepaldi

O meia Valdivia começou 2014 bem diferente dos outros anos. Se nas temporadas anteriores o Mago sofria com as lesões, hoje ele tem chamado a atenção por conta do bom momento que vive no Palmeiras, sobretudo para fazer gols: já são quatro no Paulistão.

Nesta quarta-feira, ele estará em campo na estreia da equipe na Copa do Brasil, contra o Vilhena, em Rondônia. E espera seguir com a fase de artilheiro. Para ele, o fim das contusões tem participação fundamental nisso.

– Quando jogo mais adiantado, fica mais fácil fazer o gol porque estou mais próximo. Está dando certo e não tem motivo para mudar. Mas a diferença para mim é que estou mais em campo. Sempre falei que, quando você joga, adquire mais ritmo. Quando você fica dois, três jogos dentro e um fora perde um pouco. Estamos levando o planejamento a sério – disse, ao site do clube.

Esse é o começo de temporada mais produtivo de Valdivia no clube. Ele chegou aos quatro gols em apenas sete jogos. A melhor marca era de 2008, quando alcançou esse mesmo número em 13 partidas, quase o dobro do que conseguiu neste ano.

O Mago é o atleta do elenco do Palmeiras com mais jogos em Copas do Brasil, com 17. Ele foi um dos destaques do título de 2012, mas não jogou o segundo jogo da decisão. Mesmo assim, fez gol na semifinal, contra o Grêmio, e no primeiro duelo da final, contra o Coritiba.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ GLOBO ESPORTE COM

••

COLUNA PAINEL FC ❘ FOLHA DE S.PAULO

Por Bernardo Itri

• Ibope…

O Palmeiras recebeu notificação do YouTube dizendo que é agora o clube com o canal mais popular entre os times do país. Atingiu ontem 209.084 fãs, superando o Santos.

• …alto

Com esse número, a TV Palmeiras se tornou também a 8º mais popular entres os clubes do mundo.

••

16 respostas em “VERDÃO NA MÍDIA 12-03-2014: Nobre se mostra pessimista em manter Wesley, e Tirone é cobrado ❘ LANCENET”

Se tivesse patrocinio , a 2 milhōes mes, em abril,já teríamos 6 milhōes pra abater na divida de wesley, em vez de trazer pernas de pau que não vigam é melhor ter jogadores que fazem diferença.

As alas políticas que disputam o poder no Palmeiras poderiam pelo menos em um ponto chegar a um acordo.
Quando tiverem que escolher candidatos para as suas chapas, as figuras caricatas, os palhaços, aqueles que nos fazem passar vergonha jamais poderiam ser escolhidos.
Acredito que dentro da cada ala política do clube devem existir pessoas normais e não verdadeiras aberrações como certas figuras que conhecemos.

O Tirone é um Forrest Gump sem sucesso e sem vergonha na cara: acho muito dificil ele ter sido contra a vinda do Wesley já que quis trazer o aposentado Riquelme pagando os tubos.

Nobre se mostra pessimista com Wesley, com o estádio pronto, com a situação financeira do clube… Como alguém vai investir dinheiro no Palmeiras se nem seu mandatário confia na administração do clube? Abre o olho Sr. Presidente.

NOBRE tem mais é que se preocupar com o KLEINA !!! Não dá mais depois do jogo de hoje contra o Vilhena MEU DEUS !!!Eta treinadorzinho vagabundo !!!tomou nó táctico de um timeco !!

“O ex-mandatário se colocou à disposição do departamento jurídico do clube para ajudar a solucionar o processo. ” AJUDAR NO QUE??????? me explica como é que ele pode ajudar?

Olha vendo essa foto do Tirone dá vontade de chorar (dar uma bambizada). Que coisa mais feia, falta o Frizzo junto jogando água no Mustaphá. kakakakakak

E depois a “press” vem dizer que nossa torcida está diminuindo, a “Vênus Platinada” diz que nãó dá audiência, …
“Eu canto eu sou Palmeiras até morrer!!!!”

Os comentários estão desativados.