Categorias
Verdão na Mídia

VERDÃO NA MÍDIA 24-03-2014: FPF marca jogos de Santos e São Paulo para quarta; Palmeiras joga na quinta ❘ FOLHA ONLINE

NOTICIÁRIO ❘ FOLHA ONLINE

• FPF marca jogos de Santos e São Paulo para quarta; Palmeiras joga na quinta

Dono da melhor campanha da primeira fase do Campeonato Paulista, o Santos vai abrir os confrontos das quartas de final do Campeonato Paulista. Após reunião realizada nesta segunda-feira na sede da FPF (Federação Paulista de Futebol), ficou definido que o time de Oswaldo de Oliveira vai enfrentar a Ponte Preta na quarta-feira, às 19h30, na Vila Belmiro.

No mesmo dia, o Botafogo recebe o Ituano no estádio Santa Cruz, às 19h30.

O jogo da TV aberta será o confronto entre São Paulo x Penapolense. A partida será na quarta-feira, às 22h, no Morumbi. O time tricolor obteve a pior campanha entre os grandes que avançaram às quartas de final.

O último confronto será entre Palmeiras x Bragantino, que será realizado na quinta-feira, às 21h, no Pacaembu.

A única vantagem de Santos, Palmeiras, São Paulo e Botafogo na próxima fase é jogarem em seus estádios. Se a partida terminar empatada, será definida na cobrança de pênaltis.

Os jogos das semifinais devem ser realizados no domingo

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ FOLHA ONLINE

••

NOTICIÁRIO ❘ LANCENET

• Federação Paulista de Futebol divulga horários das quartas do Estadual

Em reunião na Federação Paulista de Futebol, na manhã desta segunda-feira, foram divulgados os horários dos confrontos das quartas de final do Campeonato Paulista de 2014.

Os confrontos Santos x Ponte Preta, na Vila Belmiro, e Botafogo x Ituano, em Ribeirão Preto, acontecem na quarta-feira, às 19h30. No mesmo dia, às 22h, o São Paulo recebe o Penapolense no Morumbi. O único jogo que acontece na quinta-feira é Palmeiras x Bragantino, no Pacaembu, às 21h.

Na reunião, estavam presentes representantes dos oito times classificados para a próxima fase da competição. Entre eles, Carlos Augusto Barros e Silva, o Leco, do São Paulo; Paulo Nobre e José Carlos Brunoro, do Palmeiras; Odílio Rodrigues e André Zanotta, do Santos; Juninho Paulista, do Ituano; e Marcio de la Volpe, da Ponte Preta.

De acordo com a Federação Paulista de Futebol, a fase eliminatória do Paulistão terá uma novidade: os árbitros passarão a ficar concentrados antes da partida.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ LANCENET

••

NOTICIÁRIO ❘ UOL ESPORTE

• Nas quartas, centenário não pressiona Kleina por título. É o que ele diz

O técnico Gilson Kleina viveu situação de atrito após vencer a Série B com o Palmeiras em 2013: viu a diretoria do clube procurar outras alternativas para o comando do time no retorno à elite do futebol brasileiro e deixar sua renovação de contrato como última opção. Agora, após colocar a equipe nas quartas de final do Paulistão nesse início de 2014, o treinador afirma que não está pressionado para conquistar o título no ano do centenário do clube.

“A gente sempre falou do comprometimento. É o ano do centenário agora, ninguém está pressionando. Nós temos mais do que nunca que sermos copeiros e jogarmos com o regulamento. Estamos a quatro jogos para o que mais a gente quer, o titulo”, disse Gilson Kleina, em entrevista coletiva reproduzida pela Rádio Globo.

Classificado para as quartas como líder do Grupo D, o Palmeiras enfrentará o Bragantino no meio desta semana. Antes, duelou contra o Santos no clássico do último domingo e acabou derrotado por 2 a 1, o que rendeu ao clube da capital o segundo lugar na classificação geral – o Peixe ficou com o primeiro lugar.

Agora Kleina pede à torcida para que marque presença no Pacaembu para a decisão, e aponta os erros cometidos pelo Palmeiras na Vila Belmiro.

“Pedir para o torcedor ir no mata-mata. Com o Pacaembu lotado, o Palmeiras pega muita força. Nós não tivemos muita saída de bola e o Santos pressionou muito. Ficamos com dificuldades e não tivemos isso e pagamos o preço, mas contra o Bragantino temos que ser mais eficientes”, afirmou.

Ainda com setor ofensivo não tão eficaz quanto se esperava, Kleina dá algumas pistas das mudanças de posicionamento que poderá fazer para o jogo contra o Bragantino. O técnico preferiu poupar Bruno Cesar e Jorge Valdivia de críticas pela pouca produção no clássico de domingo, e apontou que as mudanças – se existirem – não irão alterar a forma de jogar adotada pelo Palmeiras.

“Nós não vamos dar responsabilidades só para eles, Vladivia e Bruno César, mas o que vem de trás também é um perigo. A gente treina com o Valdívia mais no ataque, o Bruno recompõe um pouco mais. Agora vamos avaliar temos que deixar o Palmeiras equilibrado e ofensivo, não vamos deixar de perder a característica do time”, afirmou.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ UOL ESPORTE

••

NOTICIÁRIO ❘ LANCENET

• Palmeiras deve ter trio titular de volta para as quartas de final

O Palmeiras deverá ter três titulares de volta no jogo contra o Bragantino, no Pacaembu, provavelmente nesta quinta-feira: o goleiro Fernando Prass, o lateral-direito Wendel e o volante Wesley.

Nenhum deles enfrentou o Santos, nesse domingo – o Peixe venceu por 2 a 1 na Vila Belmiro, neste domingo, no encerramento da primeira fase do Campeonato Paulista.

Prass, que havia jogado todas as 15 partidas do ano, deu lugar a Bruno por estar vivendo problemas familiares. Gilson Kleina conversará com o jogador para saber se ele tem condição de voltar.

Wendel, poupado para não receber o terceiro cartão amarelo, retomará a vaga de Bruninho. Já Wesley está em fase final de recuperação de lesão na coxa direita. Ele pode voltar na vaga de Eguren, Marcelo Oliveira ou Tiago Alves. França, que vinha jogando, sentiu um incômodo na panturrilha e será reavaliado.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ LANCENET

••

NOTICIÁRIO ❘ ESTADÃO ONLINE

• ‘Não podemos mais errar’, diz Kardec depois de tropeço em clássico

Por Gonçalo Junior

O atacante Alan Kardec, autor do gol do Palmeiras na derrota para o Santos por 2 a 1, neste domingo, na Vila Belmiro, afirma que o time esgotou sua cota de erros no Campeonato Paulista. Na partida de quinta-feira contra o Bragantino, no início da fase decisiva, o Palmeiras não pode se comportar como no clássico, na opinião do atacante. “Erramos bastante, principalmente na troca de passes. Nosso jogo ficou prejudicado. Agora, não podemos mais errar. Tem de ser erro zero”, diz o atacante.

No início do jogo, o Palmeiras foi dominado pelo Santos e poucas vezes chegou ao ataque. O técnico Gilson Kleina admitiu as falhas, mas disse que foram corrigidas no intervalo. Para o jogo contra o Bragantino, aposta no retorno de Wendel, que havia sido poupado por causa dos dois cartões amarelos, e de Wesley, que se recupera de uma lesão muscular.  Com eles, esperar que o time volte a ser criativo e tome a iniciativa da partida. Kardec afirma que o jogo contra o Santos foi um bom teste já que as duas equipes podem voltar a se encontrar numa eventual final.

“O jogo foi equilibrado. Sabíamos do potencial do Santos, mas tivemos nossas falhas”.

A Federação Paulista deve confirmar na tarde desta segunda-feira, em uma reunião do Conselho Arbitral, a realização do jogo contra o Bragantino para quinta-feira, às 21 horas, no Pacaembu.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ ESTADÃO ONLINE

••

BLOG DO ROBERTO AVALLONE ❘ UOL

• Vai começar: Santos, Palmeiras, São Paulo ou zebra?

Bem, daqui para a frente no Campeonato Paulista não tem perdão: quem vencer fica, quem for derrotado dará adeus à competição, pois chegou a hora do mata-mata- Santos e Ponte Preta, Palmeiras e Bragantino, São Paulo e Penapolense, Botafogo e Ituano brigarão pelo direito de disputar a semifinal.

E em sua opinião, amigo, quem desponta como favorito ao título?

Seja lá qual for o seu palpite, sabe-se que nesses jogos decisivos a vantagem de acumular mais pontos é muito pequena, só mesmo a de decidir em casa, pois em mata-mata tudo pode mudar em relação à primeira fase.

Tendo por base o clássico entre Santos e Palmeiras, vencido pelos santistas por 2 a 1 (gols de Neto, Thiago Ribeiro e Alan Kardec) deu para notar que a equipe de Oswaldo de Oliveira é disparada a de maior eficiência ofensiva, com a desejada velocidade no ataque, mesmo jogando sem Arouca- que começa bem as jogadas-, Cícero, Leandro Damião e até o veloz lateral Cicinho, que é quase um atacante. Sério candidato o Santos.

Por sua vez, o Palmeiras, dono da segunda melhor campanha da competição, sofreu diante do Santos no primeiro tempo. E muito.

Foi visível a lentidão da equipe, especialmente no setor de Eguren e Thiago Alves, com extremas dificuldades para a saída de jogo, mais uma vez por culpa de Eguren, mais parecendo um abismo a distância entre os volantes e os meias  (Valdivia e Bruno César), decretando-se o isolamento dos atacantes (Alan Kardec, mesmo assim o melhor do time, e Leandro, apagado), fáceis presas dos zagueiros adversários.

No segundo tempo, ao mudar a sua postura, o Palmeiras melhorou, desperdiçou chances (Bruno César desperdiçou chance clara, depois de lançamento de Kardec, à frente do goleiro Aranha) fez o seu gol e poderia até ter empatado a partida. Mas ficou a sensação de que ainda falta algo para ser apontado como favorito. Talvez, quem sabe?

Não se pode descartar também a presença do São Paulo, que vem crescendo- derrota para o Ituano à parte- e que venceu o Botafogo, em Ribeirão Preto, por 2 a 0, jogando com os reservas, embora o adversário também tenha poupado muito de seus titulares. Nos momentos decisivos, pode pesar a experiência de Rogério Ceni, Luís Fabiano, Ganso, etc. E deve passar bem pela Penapolense. Olho no tricolor.

E a zebra?

Fica por conta mais de Botafogo de Ribeirão Preto ou Ituano, em princípio. Lembrando que o Bragantino já foi campeão paulista (1990) e a Inter de Limeira (1986) também- esta, diante do Palmeiras, em dois jogos realizados no Morumbi. Não seria algo inédito, portanto, mas considero difícil.

Sei lá. A sorte está lançada.

Leia aqui a matéria completa → BLOG DO ROBERTO AVALLONE ❘ UOL

••

37 respostas em “VERDÃO NA MÍDIA 24-03-2014: FPF marca jogos de Santos e São Paulo para quarta; Palmeiras joga na quinta ❘ FOLHA ONLINE”

Paulo de Almeida Nobre não é e nunca sera o protótipo de presidente ideal para a SOCIEDADE ESPORTIVA PALMEIRAS, pelo simples fato que não é JESUS CRISTO, que mesmo assim seria crucificado ao lado da estatua de outros craques que perfilaram no gramado, com o manto alviverde, o fato já resume, que são impossíveis os acordos , quando os dois lados se odeiam, sim se odeiam, por diversos motivos, que não cabe a mim retratar ou julgar, mas qual é a solução, já que os hoje protagonistas, mantem a postura dos anteriores , possuidores de um poder transitório, que traz sequelas tão profundas, tão visíveis, que a própria mídia predatória, nas proximidades de jogos tão importantes, mantem seu processo destrutivo, alegando que dois dos mais importantes jogadores do atual plantel, estão de saída para os eternos rivais? Esta é a verdadeira postura de administradores que se rotulam profissionais, deve ser mantida? Porque manter ou conduzir processos de qualquer origem no Palmeiras , torna-se um calvário, a cada momento, quando necessitaríamos mais paz, para pensarmos como de forma estratégica , enfrentaríamos nosso adversários?

Hoje é visível um racha, na politica alviverde, pois as forças motrizes são antagônicas, buscar coerência nesta situação torna-se possível, desde que tenhamos um dialogo aberto, a carta de Wladimir Pescarmona , retrata assuntos “locais´´, da rotina do clube dentro das alamedas que estão modificadas , pelas obras do ALLIANZ PARQUE, sou sócio da sede social e do clube de campo, ambos em estado de restauro, sem seu devido uso, definido, mas com condições de serem melhor aproveitados, os itens que Wladimir destaca, são visivelmente decorativos, pois a politica Alviverde, possui diversos parágrafos a serem lidos com cuidado, já que TODOS são responsáveis, a questão financeira é uma HERANÇA, dos diversos “presidentes´´, que mantem ou mantiveram , poder politico com capacidade de alterar ou planejar , o futuro do Palmeiras de forma mais racional, é não o fizeram, hoje Paulo Nobre tem a responsabilidade de buscar alternativas para sanear, não só financeiramente o Palmeiras, mas reduzir, as tradicionais “influencias´´, politicas em todos os assuntos que são ordinários ao clube mais tectônico do planeta, lembrando que em ano de eleição ate porco fica verde, anjos são vistos , diálogos são gravados , e fins justificam os meios!

Gostaria de saber o porquê dos comentários pejorativos do Sr. Sérgio Marangão não ficarem presos na moderação enquanto que o de todos os demais ficam retidos.
Aguardo explicações.

Detalhe…… eis aqui, comentarios dizendo que nenhum Palmeirense é mais que o outros.
Pergunta; Como pode esse Sr ser considerado um Palmeirenses igual a outros ????? ..rs..

Meus caros, tenho um pedido a fazer um pouco off-topic (ou não…)

Sou leitor assíduo do 3vv e, como todos sabem, desde a eleição de Paulo Nobre os dois sites mais lidos da mídia palestrina tiveram algumas de divergência de OPINIÃO (uma vez que não se pode duvidar da palestrinidade de ambos). 3vv e Verdazzo seguiram então caminhos distintos, aquele numa linha mais crítica, porém construtiva (que é mais o meu gosto) e este numa linha governista, mas também com alguns espasmos de crítica vez ou outra. Em razão disso, comecei a mudar minha tradição ao ligar o computador. Antes abria 2 abas: uma para o 3vv e outra pro Verdazzo, e achava ambos ótimos. Depois, comecei a abrir apenas o 3vv, porque não achava mais interessante o Verdazzo, simples assim. A proporção ficou então, para cada 10 acessos ao 3vv, 1 ou 2 para o Verdazzo. Eis que, seguindo essa proporção, de acesso mais raro ao Verdazzo, deparo-me com a informação de que o Conrado foi espancado no jogo na Vila Belmiro por um sujeito da torcida do Palmeiras e de forma covarde, por trás e sem qualquer chance de defesa. Fraturou os ossos da face e precisará ser operado…

Posso até discordar do que defendes Conrado, mas lutarei até a morte pelo teu direito de expressar-se livremente!!! (inspirado em Voltaire, claro)

Que ABSURDO o que aconteceu com o Conrado! Poderia e pode acontecer com qualquer um… Nossa torcida faz isso porque ela nada mais é do que um microcosmos da nossa sociedade, cruel e violenta de forma endêmica…

Queria apenas lamentar o fato aqui e solicitar, com todo respeito que, em ato de solidariedade, apesar das divergências (que eu comungo com elas e estou mais afeito ao 3vv), deve ser publicado um ato de repúdio ao que aconteceu com o Conrado e um ato de apoio a esse momento difícil!

Um grande abraço

Senhores,
Conforme já informado em outras oportunidades pelos próprios administradores do site, a dinâmica no 3VV é um pouco diferente até mesmo por conta das atividades profissionais dos colunistas, onde, diga-se de passagem, estão mais do que certos.
A agressão ao Conrado e a carta da UVB são temas que não podem ser delegados ao estagiário, mas sim tratados por comentaristas mais parrudos como o Cúnio ou mesmo o Vicente.
Assim, tenho certeza que tão logo tenham a oportunidade, tratarão estes assundos com a devida importancia que ambos merecem.

Meu Deus. Gilson Kleina, Wendel, Juninho Pampers. Reservas: Bruno, Vinícius, Felipe Menezes, Sérginho.
Haja coração.

Pra quem quer ler o conteudo da carta da UVB (que embrulhou meu estomago) esta aqui, vou copiar. E mais legal de tudo que eles realmente soltam essa carta no momento das finais de um titulo que pode ser ganho pelo Palmeiras no ano do nosso centenário! Pensam demais no coletivo da SEP #sqn
E realmente “parabéns” ao 3VV por sequer mencionar a agressão covarde e politiqueira sofrida pelo Conrado do Verdazzo.

“ESTAMOS VIGILANTES

Estimado associado da SEP: inicialmente receba o agradecimento de quem esta sendo acolhido no seu lar e ao qual você esta dedicando alguns minutos do seu tempo, sempre escasso.
Falo em nome de um grupo de conselheiros/associados, chamado União Verde e Branca – UVB, que não compactua com a forma que é dirigido o CLUBE, por estes que foram eleitos para cuidar bem do Palmeiras, mas que estão mais preocupados em fazer dos atos um trampolim politico que lhes garanta a perpetuação no poder.
Apesar das dificuldades sabidas e anunciadas , a presidência mais se preocupa em brigar com a WTORRE, tentando com isso obter condições de abrigar os sócios do futebol (Avanti), sonho dourado do Sr. Paulo Nobre, que almeja ser eleito pela torcida e não pelos associados, o que seria um desastre, convenhamos.
O desinteresse do presidente e dos seus diretores, no que toca o quadro social, este sim, o verdadeiro suporte do CLUBE se traduz , inicialmente , na extinção de uma série de esportes amadores e/ou não profissionais (sem que tivesse sido reduzido o déficit financeiro que tais atividade (sic) causavam) e pela redução da oferta de serviços essenciais, traduzida pelo corte de funcionários, acarretando falta de segurança, limpeza precária e demora no atendimento de qualquer serviço básico de que Você SÓCIO do Palmeiras, necessite.
O item alimentação/bebidas também foi objeto , recentemente, de um aumento de 14%; nem por isso houve incremento da qualidade dos produtos oferecidos para consumo dos associados; muito pelo contrário: repetidas queixas dos consumidores mostram que tudo piorou, e muito!
Incrivelmente abusiva, também, a taxa de R$ 25,00 exigida para que convidados dos sócios possam entrar nas dependências do Palmeiras; é verdade que outras associações cobram tal pedágio, mas o valor é descontado do consumo global que o visitante virá a ter.
Numa demonstração eloquente de que o conforto dos associados não é prioridade dos atuais dirigentes, passado mais de ano de gestão o prédio administrativo, que já carece de manutenção, ainda não ficou pronto e ninguém sabe quando ficará à disposição dos usuários que a ele têm direito.
Não contentes, os atuais mandatários simplesmente não honrarão o compromisso de entrega das quadras de tênis, ignorando a promessa de outros dois presidentes neste sentido, além de desconsiderar o que o que (sic) consta na escritura assinada com a WTORRE.
Último, mas não menos importante, necessário se torna mencionar o aumento abusivo das mensalidades, que a título de recuperar a sanidade financeira do Palmeiras, foram reajustadas em 62% de maio/2013 até fevereiro/2014, 10 meses, portanto.
Pergunto ao caro associado: Qual foi a recíproca oferecida aos frequentadores do Clube? Difícil responder, não é mesmo?
Conquanto não tenha esta mensagem conotação eleitoreira, não podemos nós da UVB, deixar de apontar o total descaso com que esta diretoria trata os associados. Queremos, inicialmente, que nos conheçam os eleitores do futuro presidente do Palmeiras, e gostaríamos que nos prestigiassem em contatos pessoais, lá no CLUBE, enquanto estamos trabalhando no elenco de intenções que apresentaremos a todos, no nosso segundo encontro.

Receba as cordiais saudações de
WLADEMIR PESCARMONA,
representante da Chapa União Verde e Branca – UVB.
http://www.uniaoverdebranca.com.br

Pois éh Vinicius….. Como acreditar em “pessoas/grupinhos politicos/politiqueiros” que atuam dentro das alamedas Palestrinas, se eles ignoram os Palmeirenses do mundo, o qual acreditamos ser mais de 15 milhões e que são os verdadeiros “consumidores/pagadores de contas” do Palmeiras, vai politiqueiramente aos associados reclamar do atual Presidente pelo pouco investimento dentro do clube social ????? andes vai para o nosso futebol hem amigo !!!!

Não sei se o Vicente Criscio lerá, mas eu gostaria de uma posição dele com relação à carta que o Pescarmona enviou aos sócios em nome da UVB.

Na carta, uma posição política lamentável, onde entende-se que a dinâmica do Palmeiras deve girar em torno do clube social, que deve ser apenas sustentado pelo futebol.

Não me decepciono com o Pescarmona, porque dele eu não espero nada. Mas se pessoas como o Criscio e o Belluzzo compactuam com aquelas ideias, a decepção é grande e a esperança é ZERO.

E aí 3VV, nenhuma nota ou coisa que o valha sobre a agressão sofrida pelo Conrado no jogo de ontem?
Sei que antes eram amiguinhos mas isso acabou com a eleição do Paulo Nobre, aliás os dois sites são para mim o simbolo do raxa que ocorreu na mídia palestrina (e nos grupos de oposição às múmias do clube) após o Nobre assumir a presidência, mas nem citar o acontecido aqui? Sério mesmo?

Concordo contigo Felipe.
Nenhuma nota, nada. Fato ignorado tanto por grande parte da mídia palestrina como a mídia de massa.
Muito triste. E tanto criticam o racha dos grupos políticos dentro do clube, quem diria…

LAMENTÁVEL!!! O que fizeram com o Conrado… a culpa disso tudo é do Santos, quem já viu jogar (imagine só) uma final entre o Palmeiras e Sardinhas, dentro daquele aquário (vila Belmiro)???? SERIA MUITO ARRISCADO EM TERMO DE SEGURANÇA!!! E o 3VV não dá nenhuma nota oficial sobre o ocorrido que aconteceu com o Conrado??? LAMENTÁVEL!!!

ABSURDO………….”O Luiz Flávio foi novamente “sorteado” pra apitar nossa partida, neste caso contra o bragantino… foi barrado devido ao regulamento”…. e nós torcedores atirando no próprio pé, o famoso fogo amigo. ACORDEM!!! O Clã PCO, os 2 torcedores dos gambás, JAMAIS deixaram o Palmeiras ganhar…. e tem gente que ainda tem a cara de pau de dizer que é tudo teoria conspiratória.

Lucas. Para evitar polêmicas indevidas, pode nos disponibilizar o teor dessa carta da UVB na íntegra? Caso contrário, isso vai se transformar numa discussão sem fim

Na verdade o que está faltando pro Palmeiras é jogar futebol. Jogar bem e vencer os jogos. não importa se o jogo é na quarta ou na quinta, se vai ser transmitido pela G….. ou não ou se quem vai apitar é o PCO, PCC ou PQP. O time tem que ter postura de campeão, vontade de ser campeão e jogar como campeão. Se jogar como vem jogando, com medo, mal e porcamente, não passa nem pelo Bragantino (com ou sem PCO).

Quem sabe, naõ seria até melhor sair fora contrao BRAGANTINO !! já que passaremos vergonha de NADAR e morrer na praia com esse estágiário desse treinador de MENTIRA !!!

Depois tem gente aqui, que vem defender “alguns” dizendo que todo Palmeirense é igual, que ninguem é mais Palmeirense que outro …. dai eu leio um comentario desses acima, dizendo que seria melhor que o Palmeiras perca para o Bragantino para não passar vergonha, com criticas ao treinador, pode isso !!!!!

Isso mesmo, vamos acreditar que um árbitro não influencia no andamento de um jogo, que não adota critérios distintos para cartões, não amarela uma equipe logo no início, que não deixa o pau comer em cima do principal jogador de um time, que não deixa de ver uma penalidade, que não ignora faltas!
O futebol está cheio de exemplos onde classificações e títulos foram ganhos ou perdidos por interpretações parciais de arbitragem, como a do Sr. Oliveira na semifinal de 2011 que expulsou o Danilo, mas não expulsou o Liedson.
Vamos continuar com nossa arrogância, com a nossa prepotência, achando que vamos passar por cima de tudo, inclusive a grande força extra campo de alguns concorrentes. Força extra campo que deu ao Santos desde 2008 dez mandos em clássicos no Paulista contra cinco do Palmeiras.

uvb manda carta aos associados se dizendo contra o voto de sócios torcedores e não tem isso em lugar nenhum
UVB na carta diz que o social é que sustenta o clube, esse Palmeiras é nojento em suas politicas

uvb manda carta aos associados se dizendo contra o voto de sócios torcedores e não tem isso em lugar nenhum
UVB na carta diz que o social é que sustenta o clube, esse Palmeiras é nojento em suas politicas

Flávio Guerra vai apitar nosso jogo. Ele foi o árbitro que ousou marcar 3 pênaltis a favor do Palmeiras contra as bibas. E todos existiram. Ai tomou uma geladeira do coronel Marinho e foi apitar série c, d. Do nada, voltou favorecendo as bibas e sacaneando o Palmeiras. Aprendeu rapidamente como funciona o esquema do coronel. Ontem um dos componentes do Clã PCO, que torcem para os gambás, mais uma vez fez seu trabalho sutil, deixando descerem o cacete em nossos jogadores. E n marcando faltas que geraram contra-ataques. fORA os lances que todos viram e o Arnaldo Rabitt relativou. O PCO mais velho vai se aposentar no final do Paulista e virar…comentarista da globo. Adivinhem se ele não vai apitar um jogo nosso….???E nunca é bom parar de lembrar…. a globo tem sempre 8 câmeras nos jogos, mas só mostra os ângulos que podem favorecer ou prejudicar a quem ela interessa. O que o guru Arnaldo fala…é lei. Espero que nós torcedores nos concentremos essa semana em quem pode nos prejudicar…e não nessa política nojenta, uma vez que as eleições serão em dezembro. EU QUERO SER CAMPEÃO, E VOU SER!!

Nas fases finais do Paulistão os árbitros com maior pontuação entram para os sorteios. Pelo regulamento deste ano um árbitro só pode atuar em jogos do mesmo time após o intervalo de três partidas.
Como o Sr. Oliveira, irmão do outro, apitou Santos x Palmeiras, não poderá trabalhar em jogos do Palmeiras e do Santos nas quartas de final, semifinal e no primeiro jogo da final. Estará “liberado” para apitar o segundo jogo e caso Palmeiras e Santos se classifiquem, a grande possibilidade é que essa partida seja na Vila.
Os árbitros dos jogos do Palmeiras e do Santos, nas quartas, na semifinal e no primeiro jogo da final, caso esses times cheguem até a final, pelo mesmo critério, não poderão apitar o segundo jogo da final.
Sendo assim, caso não se repitam árbitros entre os times, seis nomes de grande pontuação na FPF estarão excluídos, aumentando a probabilidade do Sr. Oliveira voltar a apitar o clássico Palmeiras x Santos.
Acompanhamos o campeonato todo, sabemos que o Palmeiras reúne totais condições técnica para ser o campeão, mas se qualquer um dos irmãos oliveira apitar um jogo do Palmeiras nessa fase, nosso time não terá a menor chance de seguir em frente ou se tornar campeão. Qualquer um dos dois no apito significa que o Palmeiras está fora. E a FPF sabe disso!

ingresso comprado, eu e o meia ambi destro estaremos presentes no seu, no meu no nosso paacaaaemmmbú, na quinta feira. PALMEIRASSSSSSSSSSSSSSSSSSSS FIU FIU FIU

Quem definiu os jogos é quem manda no futebol hoje: a Globo. A FPF é apenas o local da reunião para formalizar.
O time de segunda melhor campanha joga na quinta e o de quarta campanha, na quarta.

E por isso que nao temos patrocinador; quem vai gastar dinheiro com um time que nao joga na TV aberta? Quem respeita um time que nao joga com uma camisa amarela belíssima da Adidas porque a Nike assim exigiu? E tem alguns desavisados que argumentam que temos um caminho mais fácil e portanto jogar na quinta nao fará diferença; lembro que se houver empate entre bota e itu, o que e bem possível dado o equilíbrio entre os dois, vamos pegar a bicharada com um dia a menos de preparação. Com a palavra o Sr Paulo Nobre.

Discordo de ti com relação ao patrocinio. Esse argumento da TV não serve. A fixação do patrocinador no subconsciente de quem assiste o jogo pela tv é infinitamente menor se comparado à foto q sai no jornal no dia seguinte ao jogo. A questão é a época mesmo (véspera de Copa) e a retração da nossa economia, q é disfarçada pelo atual governo….ano de eleição é uma zica só para as empresas, q tb tem q botar a mão no bolso pra patrocinar candidatos suspeitos. O q tu talvez possa criticar é o fato do Nobre ter dispensado algumas propostas de valores irrisorios q nos foram ofertados, pra valorizar nossa camisa.

Os comentários estão desativados.