Categorias
Verdão na Mídia

VERDÃO NA MÍDIA 26-03-2014: Kleina faz piada e até manchete de jornal, mas esconde time do mata-mata ❘ UOL ESPORTE

NOTICIÁRIO ❘ UOL ESPORTE

• Kleina faz piada e até manchete de jornal, mas esconde time do mata-mata

Por Danilo Lavieri

Brincadeiras com jornalistas, manchete para emissora de rádio e um bom humor incomparável. O que todo mundo quer saber, no entanto, Gilson Kleina, técnico do Palmeiras, preferiu não revelar: a escalação de sua equipe diante do Bragantino, na próxima quinta-feira, pelas quartas de final do Campeonato Paulista.

Foram quase 30 minutos de tentativas em vão dos jornalistas. O comandante mostrou que tem habilidade para escapar das perguntas. Fez piada com o câmera que tirou um cochilo durante a entrevista, “intimou” um repórter a fazer pergunta e sugeriu até a manchete para uma emissora de rádio: “Kleina faz mistério!”.

Tudo isso porque, pela primeira vez no ano, o treinador fechou completamente os trabalhos na Academia de Futebol. Quando a mídia pôde entrar, apenas cobranças de pênaltis, batidas de faltas e jogadas ensaiadas. Na hora de dar a coletiva, o mistério continuou.

“Não tenho nada contra o trabalho da informação, mas precisamos trabalhar algumas situações, algumas jogadas”, explicou o comandante. “Ninguém quer inventar a pólvora, ninguém quer fazer aventura. Nós usamos o treino para treinar situações de jogo, mudanças que podemos fazer com o decorrer da partida”, completou.

Se estiver sendo apenas misterioso e não contador de histórias, Kleina precisará, então, optar por uma formação com três atacantes e um meia ou então com dois criadores e dois finalizadores.

Na primeira opção, a tendência é que o seguinte time seja escalado: Prass; Wendel, Tiago Alves, Lúcio e Juninho; Marcelo Oliveira, Wesley e Valdivia; Patrik Vieira, Leandro e Alan Kardec. Caso opte pela formação no 4-4-2, como foi contra o Santos, por exemplo, a mudança fica por conta da saída de Patrik Vieira para a entrada de Bruno César.

Há, ainda, outras opções que devem ser descartadas seguindo o discurso de “não inventar a pólvora”. Mendieta poderia atuar como titular, Bruno César é uma opção para jogar aberto, ou o time pode entrar em campo com três meias e só Alan Kardec isolado à frente.

A imprensa tentou descobrir, ao menos, se França, lesionado na última partida, voltaria. Nem isso Kleina quis revelar. Posteriormente, a lista de relacionados acabou por indicar que o volante está fora do jogo.

Além do mistério, o treinador também foi muito cauteloso com as palavras e tentou não colocar como obrigação a vitória do Palmeiras, apesar de reconhecer que ser eliminado seria desastroso.

“Já estive em time pequeno e sei como tudo ferve. Qualquer colocação vira motivação para o vestiário, que, com certeza, está fervendo”, disse o comandante, que lembrou seus tempos à frente da Ponte Preta, quando eliminou o Corinthians.

O Palmeiras entra em campo a partir das 21h com a vantagem apenas de jogar do lado de seus torcedores. O empate leva a decisão por uma vaga para a semifinal para os pênaltis.

Confira a lista dos relacionados:

Goleiros: Fernando Prass e Bruno

Laterais: Wendel, Juninho e William Matheus

Zagueiros: Lúcio, Tiago Alves, Marcelo Oliveira e Wellington

Volantes: Wesley e Eguren

Meias: Valdivia, Bruno César, Mendieta, Mazinho, Patrick Vieira e Felipe Menezes

Atacantes: Alan Kardec, Leandro e Vinicius

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ UOL ESPORTE

••

NOTICIÁRIO ❘ ESTADÃO ONLINE

• Palmeiras faz treino secreto e jogadores cobram pênaltis

Por Daniel Batista

No último treino antes da partida contra o Bragantino, válida pelas quartas de final do Campeonato Paulista, o técnico Gilson Kleina resolveu fazer um trabalho fechado, sem a presença da imprensa, e deixou claro que pode escalar o Palmeiras com surpresas. Quando a atividade foi liberada para a entrada de jornalistas, alguns atletas treinavam cobranças de falta enquanto outra parte do grupo batia pênaltis.

Na atividade desta quarta-feira, Bruno César, Mendieta, Wesley e Lúcio treinavam faltas. O destaque foi Bruno César, que teve um aproveitamento excelente e chegou a marcar cinco gols em seguida. Nas poucas bolas dele que não iam para a rede, paravam na trave ou nos goleiros.

No outro lado do campo, Marcelo Oliveira, Wendel, Tiago Alves, Juninho, Valdivia e Alan Kardec treinaram pênaltis. Anteriormente, todo o elenco também treinou. Mesmo porque, a vaga na semifinal do Paulistão pode ser definida nos pênaltis, caso o jogo desta quinta-feira, contra o Bragantino, no Pacaembu, termine empatado.

“Nada contra o trabalho da informação, mas queríamos ter privacidade para definir algumas coisas necessárias e fazer algumas jogadas. Entendemos agora que é uma fase final, um jogo só e se as coisas não funcionarem do jeito que a gente pensa, tem que tentar outra opção”, explicou o treinador.

Em relação ao time, Gilson Kleina avisou que não devem ter muitas mudanças. “O que trouxe o Palmeiras para o campeonato que fez foi essa estrutura. Não vamos mudar o time. Quem enfrenta a gente, vem com marcação forte. Acredito que para esse jogo, a vantagem é só jogar em casa, do lado do torcedor”, avaliou o treinador.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ ESTADÃO ONLINE

••

NOTICIÁRIO ❘ GAZETA ESPORTIVA NET

• Palmeiras se prepara para enfrentar rival que “contrata por metro”

Por William Correia

O Palmeiras ainda não enfrentou o Bragantino neste ano, mas Gilson Kleina já fala das características do adversário desde a reta final da primeira fase do Campeonato Paulista. O técnico compara o rival do jogo desta quinta-feira, pelas quartas de final, no Pacaembu, à Portuguesa e alerta para a estatura dos jogadores de Marcelo Veiga.

“Parece que o Bragantino contrata por metro. São jogadores muito grandes, o Marcelo gosta de jogadores altos e é muito competente na bola parada”, comentou o treinador do Verdão. “O Bragantino tem uma característica muito parecida com a Portuguesa.”

A lembrança em relação à Lusa é mais um aviso de cuidado. O time do Canindé foi um dos oponentes que mais trouxe dificuldades ao Verdão, que teve problemas para superar sua marcação e também de anular sua bola parada, tanto que a vitória por 1 a 0 só foi garantida graças a milagres de Fernando Prass.

O time de Bragança Paulista é esperado da mesma forma. “O Bragantino faz da sua bola parada um diferencial porque aposta muito em jogadores de estatura: tem três zagueiros, um atacante e um volante muito altos ”, citou Gilson Kleina.

Em seu elenco, o alvinegro interiorano conta com os zagueiros André Astorga (1,90m), Alexandre (1,86m), Guilherme (1,94m) e Marcelo (1,90m), os volantes Francesco (1,85m), Vitor Cruz (1,84m), Neto (1,86m) e Robertinho (1,89m) e o atacante Tássio (1,93m), atleta mais alto do grupo ao lado do goleiro Leandro Santos.

“O Bragantino marca muito, tem paciência para isso porque quer o erro e a bola parada. Já ganhou dos grandes, inclusive no Pacaembu”, disse Kleina, lembrando das vitórias por 2 a 0 sobre o São Paulo, em Bragança Paulista, e Corinthians, no Pacaembu – o Santos foi o único grande a batê-lo, impondo 5 a 0 na Vila Belmiro.

“O Bragantino tem tradição, camisa e se classificou por mérito. Precisaremos ter atitude e nos impor para conseguirmos avançar”, ressaltou Kleina, confiando na única vantagem que tem na fase: atua como mandante. “É um jogo só. Temos que estar muito atentos e tranquilos. O torcedor no Pacaembu faz a diferença, empurra o time e essa energia faz o nosso jogador vibrar e competir muito mais”, apostou.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ GAZETA ESPORTIVA NET

••

NOTICIÁRIO ❘ LANCENET

• Polícia ainda aguarda imagens, mas tem suspeito de ataque ao Avanti

Por Caio Carrieri e Thiago Ferri

A polícia já tem um suspeito na mira pelo ataque à sede do Avanti, programa de sócios-torcedores do Palmeiras, na última quinta-feira. Ainda em uma fase prematura do caso, os investigadores preferem não divulgar a identidade desta pessoa.

– Temos um nome (suspeito) ainda não confirmado. Estamos fazendo as verificações para confirmar se tal pessoa estava entre as três que iniciaram a baderna – explicou Marco Aurélio Batista, delegado do 23º DP, ao LANCE!Net.

Desde a semana passada, a polícia espera a chegada de imagens das câmeras de segurança dos prédios vizinhos para ter mais informações do quebra-quebra, já que a sede do Avanti não possui este tipo de gravação. Na semana passada, o clube chegou a recolher fitas de um edifício próximo, mas estas ainda não chegaram às mãos da polícia.

Os investigadores, porém, sabem da existência de um vídeo que pode ajudar no caso. Só que, como a gravação foi feita em VHS, a fonte vai antes convertê-las para DVD, e depois irá entregá-las à polícia. O delegado alega que o Palmeiras sabe da existência destas imagens também.

– Sabemos que a imagem existe, mas vamos esperar a transformação (para DVD) e depois vamos analisar. O Palmeiras está trabalhando junto conosco nesta operação – falou.

Segundo clube e polícia, três pessoas, incomodadas por não conseguirem comprar mais do que um ingresso para o jogo contra o Santos, iniciaram a destruição à sede do Avanti e um funcionário foi agredido – ele falou à polícia sob anonimato.

Na segunda, outros funcionários do programa de sócio-torcedor foram à delegacia para ajudar a investigação. Após o ataque, que atrapalhou a venda dos ingressos para o clássico na Vila, a sede do programa voltou ao funcionamento normal nessa terça.

Segundo o que pessoas que trabalham no local disseram ao LANCE!Net, porém, o portão depredado fica fechado, e há também um segurança do Palmeiras na porta.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ LANCENET

••

NOTICIÁRIO ❘ GLOBO ESPORTE COM

• Com elenco completo, Kleina tem opções de sobra para jogo decisivo

Por Fabricio Crepaldi e Marcelo Hazan

O técnico Gilson Kleina, do Palmeiras, tem o que todo treinador gostaria de ter em um momento decisivo: elenco completo à disposição. Com o retorno de Wesley, recuperado de lesão na coxa direita, o comandante poderá mandar a campo seu time ideal usado durante boa parte do ano contra o Bragantino, nesta quinta-feira, às 21h, no Pacaembu, pelas quartas de final do Paulistão.

A principal dúvida é se Bruno César segue no time ou dará lugar a outro jogador.

Na derrota no clássico do último domingo por 2 a 1 para o Santos, na Vila Belmiro, Bruno César, Valdivia, Leandro e Alan Kardec formaram o quarteto ofensivo alviverde, mas o rendimento do 4-2-2-2 não foi dos melhores. Eles atuaram juntos até os 24 minutos do segundo tempo, quando Bruno César deu lugar a Patrick Vieira.

O meia-atacante, aliás, é uma das opções para entrar no time. Se Patrick Vieira ou Vinicius, outra possibilidade, for escalado, o Verdão passaria a atuar no 4-2-3-1, com Leandro e um dos dois abertos pelas pontas, auxiliando o centroavante Alan Kardec. Neste caso, a equipe ganharia mais um jogador para recompor e ajudar na marcação, algo que Valdivia e Bruno César não fazem tão bem. Diogo, recuperado de um desconforto muscular, corre por fora.

Outra opção de Kleina é deixar o time mais resguardado com a entrada de França. Assim, o Palmeiras atuaria no 4-3-2-1, com o trio de volantes Wesley, Eguren e o próprio França na primeira linha do meio de campo. O uruguaio ficaria mais recuado, e os outros dois teriam mais liberdade para subir ao ataque.

Dono da segunda melhor campanha do Paulistão, o Verdão tem como vantagem única o mando de campo nas quartas de final contra o Bragantino. Em caso de empate, a decisão da vaga sairá nos pênaltis. O clube vendeu 13 mil ingressos antecipadamente.

O provável time titular é o seguinte: Fernando Prass; Wendel (poupado no clássico contra o Santos), Lúcio, Marcelo Oliveira e Juninho; Eguren, Wesley, Valdivia e Bruno César (França, Patrick Vieira, Vinicius ou Diogo); Leandro e Alan Kardec.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ GLOBO ESPORTE COM

••

BLOG DO JOÃO CARLOS ASSUMPÇÃO ❘ LANCENET

• A TV que manda

Apesar de alguns jogadores do Palmeiras e membros da comissão técnica não terem gostado de o Verdão ser o único dos grandes a atuar na quinta, com menos tempo para se recuperar para uma possível semifinal, a diretoria avisou que é assunto passado e que são ossos do ofício.

O presidente Paulo Nobre insiste que faz parte do jogo e que a TV, que é quem paga as contas do futebol (ou boa parte delas), tem o direito de escolher a tabela.

Mesmo assim ainda há conselheiros reclamando, especialmente porque o São Paulo, que fez pior campanha, terá o privilégio de jogar na quarta (leia-se hoje).

A explicação dada pela direção da Federação Paulista de Futebol à do Palmeiras é que a TV optou pelo Tricolor na quarta, deixando o Palmeiras na quinta, por questões de audiência. E Nobre aceitou, embora tenha ficado uma sensação de mal estar entre alguns palmeirenses.

Leia aqui a matéria completa → BLOG DO JOÃO CARLOS ASSUMPÇÃO ❘ LANCENET

••

36 respostas em “VERDÃO NA MÍDIA 26-03-2014: Kleina faz piada e até manchete de jornal, mas esconde time do mata-mata ❘ UOL ESPORTE”

Pronto, o juiz pipocou, foi só elogiar. Mandou voltar o pênalti do Ganso sem razão alguma.

O juiz de Bambis x Penapolense não foi pró-bichas, provavelmente amargará um ostracismo para aprender, né Cel. Marinho?

Hahahaha!! Foi só eu escrever aqui que ele mandou voltar uma cobrança errada dos bambis, sendo que o goleiro não adiantou na cobrança.

Pessoal, a Tv manda e diversifica a programação da forma que lhe convém e atende seus interesses. Sem teoria da conspiração. Quarta feira que vem, o jogo da Globo será PALMEIRAS X VILHENA.
O que dizer?

Ainda que a Globo tenha a última palavra, por força de contrato, o presidente do Palmeiras não pode, bovina e passivamente, só falar: “É, coitadinhos de nós, não dá prá fazer nada, aí, aí, aí.” Tem que marcar posição, tem que ir lá na FPF, na própria Globo reclamar.

Que notícia ridícula! “A direção da FPF” mencionou a imensa audiência das meninas : pára né? Que tal dar nome aos bois? Foi o gambá Del Nero que colocou o dedo imundo? O PN aceitou essa VERGONHA na boa? Sabemos que na TV aberta o índice de árbitros caseiros é enorme. E elas estão penando pra ganhar do Penápolis. Quanto ao Kleina, ótimo ter ficado calado. Era só o que faltava essa semana.

Todos irão ficar chateados com o que eu vou falar agora! Toda vez que há uma festa grande no interior de sp ( ex festas de formaturas de 4 ou 5 faculdades juntas; carnavais com grandes aglomerações etc) percebo que quando gritam os nomes dos clubes Corinthians e Bambis tem uma explosão do povao e quando gritam palmeiras ouvimos um pequeno burburinho de envergonhar qualquer torcedor! O Santos nem é citado!
Portanto não podemos fecharmos os olhos que nossa torcida está em queda livre e por isso não damos audiência!
Triste mas é a realidade

Como se chama o método científico que mede a quantidade de torcedores nos bailes de formatura?

Já pensou que tem gente que não grita porque não tá lá pra isso? Pra ser macaco de auditório?

Sabe o Palmeiras, que quase não tem espaço na mídia, jogos em datas e horários predatórios? É o mesmo que vende mais material esportivo licenciado no país, que testá entre as 10 TVs mais seguidas do Youtube, que consegue equiparar com “o time de maior torcida” (segundo a imprensa) que não para ingresso. Então, provavelmente esse mesmo Palmeiras deve ser a maior audiência PAGANTE na TV fechada. Não sei se existe estatística pra isso, mas é a única explicação pra assistirmos jogo dos coloridos na quarta-feira e nosso jogo passar somente no limbo, conhecido como quinta-feira 21h. Por essas e outras que minha audiência será para a qualquer site que transmita na Internet!

Não confio no Kleina. Ahhhhh mas é hora de apoiar! Claro, ninguém precisa me falar isso, já fui mal em prova da facul por estar ligado no jogo, e o time estava numa draga, então não precisam sequer me lembrar de apoiar… Faço isso por default, independente do time que esteja em campo, do treinador que estiver sentado no banco, do cartola que estiver ocupando a cadeira de presidente… Amanhã passamos, mas depois, que San Gennaro nos ajude!

O quê? Wendel, Tiago Alves, Patrick Vieira e Leandro titulares? A Globo tá certa em não transmitir o jogo.

Para os incautos que ainda não se deram conta que a audiência que a globo se refere é a de PPV. E ela não abre mão da grana da torcida do Palmeiras. O dia…quem sabe, que a torcida abrir os olhos,… e começar a cobrar mais respeito, usando seu poder aquisitivo, pode mudar alguma coisa. Nossa torcida é imensa no nordeste, mas a globo só transmite o falido carioca. A globo quer o seu dinheiro do PPV torcedor e se vc é assinante, vai ver que nunca perguntam para que time vc torce. E graças ao grande Tirone que ninguém tem raiva e leva uma vida tranqüila…. o Palmeiras prorogou pela ninharia extra de 30 milhões o seu contrato com a globo até 2018. Só os gambás e Menguinhos recebem 40 milhões por ano a mais do que o Palmeiras da globo.Mas ninguém se importa mesmo,não?

só no campo poderemos reverter este estigma de ser tratado pela TV como time pequeno ! se perdermos entãoi Kardec pros Gambás e Wesley para os Bambis, o que deve acontercer, para economizar uns trocados, isso só se confirmará e com razão .

………..A explicação dada pela direção da Federação Paulista de Futebol à do Palmeiras é que a TV optou pelo Tricolor na quarta, deixando o Palmeiras na quinta, por questões de audiência. E Nobre aceitou………..
É machão só dentro do CT, chega no Portão 14 do Pacaembu com 10 seguranças.

Mas, nesse caso, não tem como ser macho. Ele vai exigir que a Globo transmita a partida que ele quer? Como se foi dado pra Globo, por contrato, a possibilidade de fazer o que bem entender?
Pra pensar em fazer algo do tipo, primeiro precisa devolver todo o dinheiro pago pela globo.
O que tem que ser feito é, na próxima negociação, exigir mínimo de jogos em TV aberta.
Sei que são coisas diferentes, mas a Champions League, p. ex., determina contratualmente que a Globo tem que passar a final. Caso contrário, ela fecha com outro canal, por menos dinheiro, mas valoriza mais o produto dela.
Agora, nesse momento, com o contrato já assinado, não tem nem como peitar a globo.

Tem contrato assinado, o cara vai fazer o que? de fora é fácil falarmos. Vide caso Barrichello quando brecou para o Shumacher, nego meteu o pau, mas é a assinatura do Rubinho que ta no contrato e era ele quem ia dançar. De fora todo mundo é nacionalista, machão de petar a ferrari etc e tals.

Boa tarde amigos. O problema com a TV é que virou um círculo vicioso. Nós palmeirenses, se possível, não assistimos aos jogos na Globo, devido ao tratamento que dão aos gambás e bambis, consequentemente a audiência tende a cair mesmo. E dessa forma eles justificam diminuírem a transmissão dos nossos jogos. Acho que a única forma disso mudar seria contratarem um comentarista com alguma história no verdão, como um Evair, Tonhão ou o próprio Marcão, talvez aí passaríamos a ter mais empatia com o canal e diminuiria essa rejeição. Abraços.

bambis mais audiência? não seja mais um manipulado por essa mídia! abra os olhos! abraço
sou palmeirense de fortaleza CE

Me desculpe, mas nem com o ingresso a um real, eles lotaram naturalmente o panetone, precisaram doar um monte.
Aquela fase delas acabou, e a emoçao de torcer pra um time da moda, passou…e o q apareceu? a realidade….baixo ibope, pouco publico, falta de dinheiro e brigas internas..ou seja…voltaram a ser um time médio do Brasil, até conseguirem nova injecao de dinheiro do empresariado paulista pra “comprarem” mais uns títulos (e dessa vez não tem como montar um elenco em cima de falta de pgto de fgts de outros clubes, como fizeram da outra vez).

Será que o Wesley vai para os bambis??
Em relação ao Kleina, não sei não. Com ele, Wendel, Juninho Pampers, mais Bruno, Serginho, Vincíus, Sérginho ….. é complicado.
Cadê nosso patrocínio???

Só iria depois do fim do contrato, pois elas não tem dinheiro pra bancar a multa. Com isso a estratégia delas é bem clara…..oferecer salário alto. Com a filosofia hj empregada no Palmeiras (q eu acho muito correta), seria dificil segurar.
Só q a janela se abre antes do tempo pra um pré-contrato…..com isso acredito, q se ele não renovar com o Palmeiras, vai ser vendido pro exterior, ainda q por um preço não tão elevado, o q se justificaria pelo fato do tempo jogar contra nós e precisarmos amortizar a divida com o Angeloni.

Os comentários estão desativados.