Categorias
Notícias

3VV na Copa: Final, hora de voltar prá casa.

Por Jota Christianini

A festa acabou moçada, todos para casa. Agora chama o papai para assinar o cheque.

E agora José, ou Josefa?

Sei lá quem vai pagar a copa. Na verdade até sei, seremos nós.

A Copa – teve Copa sim!

Impecável na organização, futebol alegre e competitivo. Quem diria a Costa Rica hein!

Dentro do campo tudo normal.

O que se pensava ser um caos, ao contrário funcionou. Aeroportos funcionando – verdade que muita gente deixou de viajar a negócios ou mesmo em férias e com isso o movimento limitou-se à Copa. Além do que ninguém esperava que essa fosse a copa de torcedores e não de turistas. Estes devem vir pela divulgação que o Brasil teve mundo afora, além da simpatia com que recebeu os estrangeiros*.

Que o digam os donos de bares e restaurantes amargando prejuízo para alegria dos vendedores de cachorro quente e churrasquinho .

Por falar em prejuízo; os comerciantes de shopping estavam em polvorosa. O fechamento dos estabelecimentos em dias de jogos do Brasil ou quando realizados na cidade sede do estabelecimento  causou dano irreversível. Acreditam em queda de 20 a 30%.

Esses prejuizos mais as obras inacabadas, além dos elefantes brancos que se transformaram algumas das arenas, sem contar o investimento de dinheiro público de todas origens, serão os legados da copa.

Por isso:

Copa do Mundo no Brasil: bola rolando = 10.

Bola parada = 3,5.

O time do Brasil foi pífio. Argentina foi aos trancos e barrancos até o fim, quando bateu no barranco.

Itália e França decepcionaram,

Holanda morreu na praia de novo.

Uruguai tentou mas não conseguir morder mais uma taça.

E a Alemanha, como sempre, jogou um esporte muito parecido com futebol e no fim venceu.

Prêmio de melhor jogador na Copa para o Messi foi uma brincadeira, até muito criativa, da FIFA, afinal ele precisa ganhar alguma coisa em mundiais.

A imprensa, salvo as exceções, continua discutindo táticas em forma de números. Esqueçam; ninguém mais pensa nisso. O negocio agora, com o preparo físico evoluindo, é ocupação de espaços e posse de bola. Daí não chega a outra Copa sem antes que os times que contam vão ter goleiro, um zagueiro e um atacante mais ou menos fixo – nem sei se terão atacante fixo – o resto é tudo volante que saiba defender, sair jogando e arrematar. Caberá aos técnicos, e nisso estamos muito atrasados,  definir e treinar a forma de atuar em cada jogo.

***

* Desculpem os argentinos, mas mil gols, mil gols, mil gols mesmo só o Pelé. E outra: o Maradona tem tantos títulos mundiais quanto Viola, e metade dos do Cafu.

37 respostas em “3VV na Copa: Final, hora de voltar prá casa.”

Obrigado Paulo Nobe, por causa de R$ 5.000,00 mandamos o Kardec para os bambis. O cara começou a fazer gols. E pensar que ainda pagamos Bruno, Wendel, Juninho Pampers, JOSIMAR, Mazinho, Brunoro, Feitosa etc.

Se machucar o Bruno Cesar não tem outro meia pra por amanhã. Isso sim é planejamento.

Enquanto isso, o Allan Kardec faz gol para as BIBAS e enquanto nós, ficamos sem um camisa 9, PARABÉNS PAULO NOBRE PELA SUA INCOMPETÊNCIA

Jota, esse trecho de comentário “…o resto é tudo volante que saiba defender, sair jogando e arrematar.” é a mais pura realidade. Na hora que li, passou um filme da minha infancia, onde jogavamos bola em qqr lugar e sempre tinha um baixinho habilidoso que arrepiava. Isso se perdeu com o tempo, hoje é a era dos volantes (altos de preferencia), infelizmente está difícil de ver um Zico, um Romário, um Bebeto… entre outros craques que não chegam a 1,80m rsssss. O Futebol está ficando chato e previsivel, onde ter jogadores “inteligentes em campo” fará a diferença (pelo conjunto).

Não são só volantes… a produção em massa é a de 2o volantes. Que servem para jogar de “falso meia” e “falso 1o volante”, como também de falso zagueiro, falso lateral, Aí quando joga improvisado de falso, e vai mal, tem a desculpa “Quer o que? o cara é segundo volante !” Todo time tá coalhado de 2o volante. O próximo passo é o tal de 3o homem de meio-de campo, que na verdade é um 2o volante mais avançado, mas que joga de falso meia, como também de falso volante e graças as qualidades multiuso de falso 2o atacante ou falso zagueiro.

A verdade é que na base, não se treina os verdadeiros fundamentos do futebol como se deve (chute, passe, cabeceio esc), não se deixa criar, driblar porque tem que “fechar os espaços” e a molecada não desenvolve suas aptidões naturais. Quer-se jogadores “úteis taticamente”, mas obtusos com a bola nos pés. Dái porque a raridade em aparecer um Divino, um Zico, um Romario, Bebeto etc.

Se não deu pra acertar muito nos populares bolões, em outras deu pra cravar em cheio. Organização, variação tática e estratégica hoje têm, no mínimo o mesmo se não mais, valor que talento individual. Marcelos Oliveiras (rebatedor caneleiro), Gansos (meio campo açucareiro) e Freds (atacante cone) estão mortos pra futebol de grande nível. Será que ainda sobram daqueles que vêm rebater opiniões com “Treinador é só motivador.”, “Quem ganha jogo é só jogador.”?

Esse ano o Palmeiras com esse time atual que é fraco deve tomar cuidado se não cai novamente, O Palmeiras ano a ano se apequena, fecha logo.

“PALMEIRAS. Homens de confiança de Gareca, argentinos negam privilégio no clube”… globo…… é amigos, a tupiniquim press voltou a fazer seu papel de desagregar nosso time. back to the futebol tupiniquim parcial.

Caro LEVI, quer um conselho??? É NÃO DÁ MAIS OUVIDOS A ESSA IMPRENSINHA MARRON!!! Por isso, eu fiz muito bem torcer contra a seleNIKE e continuarei a torcer contra a amarelinha, não pelo povo brasileiro e sim por essa imprensa tupiniquim, CBF e STJD!!!

Esses mil gols… numa orelhada = começou em 58, terminou em 74 correto? 16 anos jogando bola certo. sendo mil, e dividindo por 16 anos, o Pelé teria que fazer 62,5 gols por ano, são 16 (dezesseis) anos fazendo pelo menos 60 gols. Se contar 1200 gols, a média vai para 75 gols por ano. Sei não, não teve ano que ele ficou machucado, (copa 66 ). Cabe ao Jota esclarecer isso ai, pois eu sempre fiquei e fico com um pé atrás.

ISSO, GANHAR UMA COPA SOZINHO,ROMARIO e GARRINCHA TAMBÉM FIZERAM E O PELE EM 58 E 70 TAMBÉM LEVOU O TIME NAS COSTAS E NÃO PRECISOU FAZER GOL COM A MÃO.

Pelé não levou o time nas costas em nenhuma
Copa. Vários documentários destacam Didi e Garrincha.
Pelé foi decisivo, mas não pegava a bola no meio
do campo e levava até o gol.
Sempre tinha um bom passe do Didi antes, esse o
jogador da copa de 58.
Em 62 Garrincha foi o cara, sobretudo depois da lesão do
Pelé. E em 70 brilhou o jogo coletivo, e Pelé foi, aí sim, o que mais
se sobressaiu.
94 dá pra colocar na conta do baixinho. E em
2002 na conta do Marcos, Traveconaldo e do
apito amigo, que contribuiu em 62 também.

Sei que muitos não concordam e nem gostam da comparação. Mas eu gosto. O futebol é o espelho da politica brasileira. A corrupçao campeia solta por todos os lados e nada acontece. Fato comum e cotidiano, no futebol e na politica, a corrupção banalizou-se e foi incorporada por muitos que militam, participam direta ou indiretamente do futebol e ate por “torcedores”. Se pretendemos passar o futebol a limpo ( e precisamos muito) isso ha que se estender para a esfera politica tb. Nao estou aqui defendendo ou atacando nomes e muito menos partidos. Estou sugerindo que é preciso fazer algo que transforme a nossa postura como brasileiros em relação ao Brasil. Da mesma forma penso com relação ao futebol. CBF, Confederaçoes, Clubes (dirigentes) e atletas precisam de um “choque” de “vergonha na cara” para resgatar o nosso verdadeiro futebol. No PALMEIRAS isso é mais do que verdadeiro e urgente.

Quem dizque está querendo “mudar” o futebol nacional é o tal Bom Senso FC….criado por um zagueiro gambá, com o apoio de Washington Olivetto ( publicitário e gambá fanático), está sendo assessorado jurídicamente por um conselheiro gambá…..com o intuito de colocar André Sanches no comando do futebol. E vai colocar. Lembram quando o Alex disse que quem manda no futebol é a globo no começo do Bom Senso???? …. sua denúncia foi imediatamente abafada, parece que nem existiu. Os jogadores reclamam do atraso dos salários….mas quando o Palmeiras faz contrato de produtividade, até os outros clubes boicotam. Essa deveria ser uma das bandeiras principal do tal movimento, para que se pague os salários em dia. Na Alemanha, todo clube tem que provar no começo de cada temporada, que tem condições de pagar os salários….se não, é rebaixado. Pergunta se querem isso aqui no Brasil???

Oi Paulo, acredito que a grande mudança tem que ocorrer de cima para baixo. mas duvido que o Presidente da CBF que será Vice e o Vice que será Presidente vão largar o osso. E nem oposição tiveram, até esboçaram, mas na hora os presidentes do clube votam a favor… Poxa, hoje temos Universidades voltadas para Futebol, com excelentes cursos, profissionais gabaritados e aptos a ajudar não tem chance, vá entender!

A manipulação de resultados é total.
Na copa do mundo o Brasil foi descaradamente beneficiado contra a Croácia e o México teve 2 gols absurdamente anulados contra Camarões.
Resultado:- era pro México ficar em 1º e o Brasil em 2º
Era pra batermos de frente com a Holanda nas 8ªs de final.
O futebol é uma podridão!

Prestem atenção: SERGIO CORREIA voltou a comandar as arbitragens tupiniquim pela 3. vez. Na 1. vez, as bibas foram tricampeãns sempre ajudadas pelo apito amigo. Em 2012 em sua 2. passagem o Palmeiras teve 15 pontos roubados que nos rebaixaram (mesmo com os erros do Scolari e Tirone). Esse ano as bibas só falam em título e teve diretor delas que antes do campeonato começar, garantiu que acontecerá. A globo adiantou 36 mi. para elas pagarem as dívidas e inclusive deu garantias para pagar metade do salário da Pata. Desde a volta de Sergio Correia esse ano elas já ganharam 7….repito…7 pontos no apito amigo. E o Palmeiras foi garfado contra Grêmio… E olha que le é amigo do…del nero.

E Gagálvão Bueno jßá está sugerindo Leonardo para Manager da slenike…. Leonardo do esquema Bambi…. e justamente a globo que manda no futebol Tupiniquim….lembram do Alex, falando disso e que foi censurado?

Caro LEVI, eu na minha parte estou muito atento que pode por ventura acontecer mais uma vez o Palmeiras ser prejudicado pela comissão de arbitragem e principalmente no STJD, por isso que eu estou muito atento, isso eu posso garantir!!!

E depois sonhamos com mudança no futebol tupiniquim Harley…. infelizmente temos o futebol mais corrupto do planeta.

COM CERTEZA LEVI, e digo mais, sonhar com mudanças no futebol tupiniquim é a mesma coisa de acreditar que haverá mudança a nível nacional, ou seja, SÓ PROMESSA E NADA MAIS!!!

Quem foi , foi! Nossa cobrança tem que ser em quem vira ! Impressionante a demora em adquirir um bom jogador! Ate o Gareca já se ligou: sabe que virão , só nao sabe quando, e ainda tem gente pelos blogs da vida, que considera esta diretoria profissional…

Já deram linha no M.Gabriel…agora temos Mazinho, Sleep MenezeZzzZzzz, Bruno César (ou Daniel Carvalho, o Retorno) e Mendieta para o meio-campo. Ó Céus.

Não é que a Série-B não quer nos abandonar, a verdade é que o Palmeiras, ou melhor dizendo, os dirigentes e conselheiros de modo geral gostam de disputar a segundona!!! Com essa mentalidade tacanha e pensamento pequeno liderado por Mustafá vamos cair pela terceira, quarta, quinta, sexta, sétima vez para a segundona. EU VOU DIZER MAIS UMA VEZ, O PALMEIRAS SÓ VAI VOLTAR A SER GRANDE QUANDO ESSE SENHOR (MUSTAFÁ) DAS TREVAS ESTIVER A DEZ PALMOS ABAIXO DA TERRA!!!

Bom post… mas não concordo com a definição do futebol Alemão que você usou: “um esporte muito parecido com futebol”. Isso talvez pudesse ser aplicado até alguns anos atrás… mas desde 2010 a Alemanha tem jogado para a frente, de maneira moderna e nesta Copa, até arte eles demonstraram em alguns momentos.
Temos que nos conformar que só veremos o futebol elegante de décadas atrás nos encontros de ‘veteranos’.

Esse negócio de “jogar algo parecido com futebol” é chavão daquele imbecil do Galvão Bueno. Pra mim antes mesmo de 2010 a Alemanha já jogava um bom futebol. A diferença é que eles pararam de cruzar tanto a bola na área só pra centro-avante cabecear. Os caras jogaram o fino da bola…time compacto, posse de bola, tabela/triangulações, infiltrações, chutes de longe e média distância, movimentação, cruzamentos etc..contra o Brasil mesmo foi uma aula de futsal o que fizeram dentro da área.
Temos que estudar e evoluir..e parar com essas besteiras que dizemos…senão jájá seremos um Uruguai e uma Hungria da vida!

Mateus, desculpe, mas essa do futebol alemão jogar algo parecido com futebol escuto e mantenho desde quando o Galvão talvez ainda fosse datilografo de uma empresa perto da avenida Paulista.
A referencia e forma digamos quase subliminar com que a Alemanha aparece na competição, Tomassem um gol da Argelia na prorrogação e ninguém lembraria mais deles. Esse e o jeito alemão de jogar.Não tomar gol da Argelia na prorrogação.

Os comentários estão desativados.