Categorias
3VV Indica Arancada Heroica

3VV Indica: 20 de Setembro de 1942

Por Danilo Cersosimo (@D_Cersosimo)

O dia 20 de setembro foi, é e sempre será muito importante na história do Palestra Italia e do Palmeiras (e diria também que da história do esporte brasileiro e do Brasil, dado o contexto no qual se insere).

Todo palmeirense sabe que foi nesta data que deixamos de ser Palestra para nos tornarmos Palmeiras. O que talvez nem todo mundo saiba é que há dois livros muito bons sobre o tema, os quais indicamos fortemente aqui (e são obras tão bem pesquisadas e escritas que merecem ser lidas até por torcedores de outros clubes).

***

023 - 3VV INDICA - 1942 fernando gallupoUm desses livros é “Morre Líder, Nasce Campeão! 1942 – Arrancada Heroica Palmeirense”, do jornalista e historiador palestrino Fernando Gallupo (autor de outras obras imperdíveis sobre o clube). Como sempre muito bem documentado a obra é essencial para quem quiser entender a construção dos fatos que culminaram naquele 20 de setembro.

Livro: Morre Líder, Nasce Campeão! 1942 – Arrancada Heroica Palmeirense

Autor: Fernando Gallupo

Editora: BB Editora

Páginas: 164

Ano: 2012

Vídeo promocional → Palmeiras – Morre Líder, Nasce Campeão – 1942 Arrancada Heroica

***

023 - 3VV INDICA - 1942 - O Palestra vai à GuerraOutra obra fundamental é “1942 – O Palestra vai à guerra”, do jornalista Celso Campos Jr (autor também de uma das biografias de São Marcos). O livro tem uma narrativa envolvente, além de ser muito bem documentado com as (escassas) publicações da época. É de se ler numa tacada só.

Livro: 1942 – O Palestra vai à guerra

Autor: Celso Campos Jr

Editora: BB Editora

Páginas: 320

Ano: 2012

Vídeo promocional → Book Trailer: 1942 – O Palestra vai à guerra

Neste link há um artigo bacana sobre o livro quando da sua publicação, também recomendo:

LITERATURA NA ARQUIBANCADA: O Palmeiras vai à guerra

***

4 respostas em “3VV Indica: 20 de Setembro de 1942”

Vi que em dezembro de 2013 vocês publicaram numa carta de 1980 de um torcedor chamado Julani Assunção Rodrigues Soares comentando a péssima politica do clube que não estava investindo em bons jogadores em nome de uma politica pé no chão. Pois bem esse torcedor era meu pai. Ele faleceu em 2011. Era fanático pelo Verdão. Viu a “academia” jogar. Infelizmente nos últimos anos o Verdão não havia lhe trazido felicidades. Um abraço.
Celso Soares (palmeirense, filho de palmeirense e pai de um.pequeno palmeirense)

Danilao, eu tenho um comentário.
Quem tem as rédeas, perdeu as referencias.
Abraço

Os comentários estão desativados.