Categorias
Verdão na Mídia

VERDÃO NA MÍDIA 06-10-2014: Oposição monta ‘ministério de notáveis’ para derrubar Nobre no Palmeiras ❘ ESPN BRASIL

NOTICIÁRIO ❘ ESPN BRASIL

• Oposição monta ‘ministério de notáveis’ para derrubar Nobre no Palmeiras

Por Camila Mattoso e Paulo Vinicius Coelho

Para tentar tirar Paulo Nobre do cargo, a chapa de Wlademir Pescarmona aposta em um comitê de notáveis para reformular a vida do Palmeiras. Além de ter a missão de regastar a imagem do alviverde no mercado, a ideia é de instaurar um novo modelo de governança no clube, com empresários experientes dos mais diferentes segmentos.

A equipe, que será coordenada por Luiz Gonzaga Belluzzo, ex-presidente e agora candidato a vice, já foi definida (veja os nomes abaixo) e será apresenta na próxima quinta-feira, em coletiva de imprensa, no dia de lançamento da campanha. 

“Não é um modelo parlamentarista. É presidencialista. O que está se construindo é um comitê de administração como tem em grandes empresas, para mudar o modelo de governança do Palmeiras, por escolha do presidente”, afirmou Belluzzo, em contato com a reportagem.

“Serei responsável por esse grupo, que terá também o objetivo de ampliar os relacionamentos empresariais e melhorar a imagem do Palmeiras no mercado”, completou.

Veja abaixo quem são os nomes escolhidos por Belluzzo para o comitê:

Marcelo Castelli: presidente da Fibria, a maior companhia brasileira de celulose e papel, formada a partir da fusão de Aracruz e Votorantim Celulose e Papel. Castelli tem mais de 25 anos de experiência no setor.

José Carlos Grubisich: presidente da Eldorado Celulose, concorrente da Fibria mais novata no mercado. Os maiores investidores são do grupo J&F (47,2%), que comanda a maior processadora de carnes do mundo, a JBS (Friboi é uma das marcas). 

Venilton Tadini: presidente do banco Fator. Tadini integrou a primeira equipe econômica do governo Fernando Collor de Mello, ajudando ajudou a preparar as medidas provisórias do Plano Collor. O economista foi um dos responsáveis pela política de abertura comercial e de privatização iniciada na década de 90. Sua carreira ficou marcada pela sua experiência como vendedor de estatais. 

Italo Barioni: empresário ligado ao setor de energia, dono da Contem, que participou de diversos projetos na área de geração (termelétrica, PCHs e fontes alternativas) e distribuição (linhas de transmissão). A companhia também faz parte do segmento de papel e celulose.

Marcos Arnaldo Silva: ligado ao ramo petrolífero, Marcos é diretor presidente da Repsol, que tem história no Brasil desde 1998, quando a Repsol Espanha comprou a subsidiária brasileira da YPF, tradicional petrolífera argentina que operava aqui desde 1997. Depois, uma nova companhia nasce de uma ampliação de capital, na qual a Sinopec colocou mais de US$ 7,1 bilhões na Repsol Brasil. A operação deu lugar a uma empresa de US$ 17,8 bilhões em valor de mercado, na qual 60% cabe à Repsol e os 40% restantes são da Sinopec.

Miguel Nicolelis: médico e cientista brasileiro, foi considerado um dos 20 maiores cientistas do mundo no começo da década passada, segundo a revista “Scientific American”. Na cerimônia de abertura da Copa do Mundo no Brasil, ele e sua equipe realizaram a demonstração pública de um exoesqueleto controlado pelo cérebro de um paciente paraplégico, dando mobilidade a ele, além de certa sensibilidade

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ ESPN BRASIL

••

NOTICIÁRIO ❘ UOL ESPORTE

• Palmeiras já tem clima de guerra antes das eleições para presidente

Danilo Lavieri

O clima eleitoral que dominou o país no domingo (05) pautará os dois próximos meses no Palmeiras. Foram necessários apenas dois dias após a inscrição das chapas para que o jogo político passasse a dominar o ambiente nas alamedas palestrinas.

Com a confirmação de Luiz Gonzaga Belluzzo como vice-presidente da chapa de Wlademir Pescarmona, os adversários identificaram um fortalecimento na concorrência, mas também um ponto frágil para o ataque.

Explica-se: há uma grande ala no clube que defende que o ex-presidente foi o último que montou um time competitivo e que chegou a brigar pelo título do Campeonato Brasileiro. Por isso, conselheiros e diretores do atual presidente, Paulo Nobre, admitem que “a briga ficou mais séria agora”. É comum você ouvir associados que dizem que vão “votar no Pescarmona porque acreditam em Belluzzo”. 

Ao mesmo tempo, ele é considerado alvo frágil na hora dos ataques. Ele deixou o time em alguns problemas financeiros com contratações que só pensavam no título da competição, sem calcular o risco que um fracasso esportivo – que de fato aconteceu – deixasse evidente negócios milionários com Valdivia e Kleber Gladiador, por exemplo.

Não à toa, ele teve suas contas reprovadas e viu uma sindicância que pede o afastamento dele e o fim dos direitos como conselheiro por um tempo determinado. O detalhe é que, apesar desse processo estar sendo conduzido há muito tempo, apenas agora veio à tona.

É esse o argumento da chapa de Pescarmona para defender Belluzzo. Tratam a sindicância como algo de oportunismo político e ressaltam outros feitos positivos, como a aproximação com a WTorre, construtora responsável pelo Allianz Parque, e até a obtenção da CND (Certidão Negativas de Débitos) para que a arena pudesse sair, de fato, do papel.

Como contra-ataque, os que são contra a reeleição de Nobre lembram que ele tem o apoio de Mustafá, que rebaixou o Palmeiras em 2002 e indicou Arnaldo Tirone, que também fez a equipe disputar a Série B em 2013. Para piorar as coisas para o atual presidente, ele também vê o elenco montado por ele lutar contra aquele que seria o terceiro descenso na história. Citam ainda a falta de patrocínio máster e outras promessas de cunho político não cumpridas.

Em entrevistas recentes, Mustafá ainda disse que Nobre era seu filho político e que não poupará esforços para angariar votos para a reeleição, assim como o próprio conseguiu, apesar do péssimo momento esportivo vivido pós-Parmalat. O ex-presidente tem arrepios de ouvir sobre a possibilidade de ver o grupo que tanto lutou para derrubá-lo voltar ao poder.

Alheio à briga, Luiz Carlos Granieri tenta crescer com o rótulo de terceira via. Ele fala em conseguir unir inimigos históricos e dar, enfim, a tão sonhada paz e estabilidade política no Palmeiras, algo que parece sonho impossível há tempos. Como ainda não teve tanta exposição, fica mais difícil que ele sofra ataques, mas também há mais dificuldades em promover sua campanha.

Os três passarão pelo filtro do Conselho Deliberativo no próximo dia 13 de outubro e precisarão de 15% de aprovação para que possam concorrer ao voto do associado. Se aprovados, sonharão com o posto de presidente do Palmeiras no fim de novembro, muito provavelmente, no dia 29. 

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ UOL ESPORTE

••

NOTICIÁRIO ❘ GAZETA ESPORTIVA NET

• Valdivia vira líder e satisfaz Dorival: “Faltava entrega maior dele”

Por William Correia

Sob o comando de Dorival Júnior, Valdivia já foi expulso por dar um pisão no volante Amaral, do Flamengo, e abdicou de fazer gol em derrota para o Figueirense. Mas o técnico está satisfeito com seu jogador mais caro, não só tecnicamente. O treinador transformou o meia em capitão e, agora, enxerga empenho maior a ponto de usá-lo como exemplo de motivação e liderança.

“Faltava uma entrega maior em prol do grupo, não só tecnicamente. Esta participação no dia a dia, essa condição de liderança que, de repente, estava adormecida. Eu não gostaria de ter o Valdivia só tecnicamente”, analisou Dorival, que tem acompanhado o chileno pedir a palavra nas reuniões do grupo e incentivar os colegas durante os jogos.

“Cito o Valdivia como motivação porque ele tem participação direta, se expondo mais, chamando a responsabilidade. A cada dia as pessoas se atêm mais a situações que ele fala, gestos dele em campo. É natural que comece a criar um fato novo dentro da equipe. É o que buscamos”, completou o treinador.

Contra a Chapecoense, na quinta-feira, o camisa 10 mostrou perfil de líder ao correr sozinho para cobrar a torcida, que tinha vaiado o time no intervalo, para apoiar o time integralmente na luta contra o rebaixamento no Brasileiro. No discurso, é só elogios aos companheiros.

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ GAZETA ESPORTIVA NET

•• 

NOTICIÁRIO ❘ GLOBO ESPORTE COM

• Vestiário, museu e restaurante: veja alguns dos detalhes do Allianz Parque

Por Felipe Zito

O Palmeiras ainda não tem certeza de quando irá estrear em sua nova casa. Mas, enquanto a WTorre tenta realizar todos os eventos-teste até o dia 8 ou 9 de novembro, data da partida contra o Atlético-MG, pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro, e que deve marcar a abertura oficial do estádio, o time do técnico Dorival Júnior já tem uma noção da estrutura que terá à disposição nos próximos meses.

O vestiário destinado aos alviverdes já está finalizado. Chuveiros e banheiras de hidromassagem já foram instaladas, assim como o carpete de grama sintética na área de aquecimento. Além do espaço dos armários para os atletas, o espaço contará com duas salas: uma para rouparia e outra para a comissão técnica.

Atendendo aos padrões da Fifa, o vestiário dos visitantes seguirá o mesmo modelo, mas com uma metragem um pouco menor em relação ao espaço para o aquecimento dos atletas.

Em ritmo acelerado, operários se concentram nos acabamentos finais. Com todos os assentos instalados, o principal foco está na decoração dos camarotes e na finalização de pontos importantes da obra, como as rampas de acesso dos torcedores pela Rua Turiaçu e pela Avenida Francisco Matarazzo.

Com caráter multiuso, o complexo vai disponibilizar ao público uma galeria com até 45 lojas, além de um restaurante panorâmico e um moderno museu interativo sobre futebol e sobre o Palmeiras. O prédio de estacionamento com capacidade para até dois mil carros já está em funcionamento, inclusive com catracas instaladas nas áreas que darão acesso direto ao estádio.

As novas bilheterias, da Rua Turiassu e da Avenida Francisco Matarazzo, também foram finalizadas, restando apenas detalhes de acabamento e pintura para serem liberadas ao público. Operários ainda trabalham nas últimas instalações da estrutura de inox que revestirá o estádio, mas tal etapa não causa dor de cabeça por não impedir a realização de eventos no complexo.

No último sábado, três mil convidados acompanharam a exibição de um filme sobre o título paulista de 1993, no primeiro evento-teste oficial do Allianz Parque. De acordo com o cronograma da construtora, os próximos eventos serão a gravação de um DVD da escola de samba Mancha Alviverde, fechado para o público, e um amistoso em homenagem ao ex-jogador Ademir da Guia, partida que deve receber até dez mil pessoas.

A definição da data da inauguração do estádio ainda depende da liberação dos órgãos públicos. Além da partida contra o Atlético-MG, o Allianz Parque será palco do show do cantor Paul McCartney, no dia 26 de novembro. 

Leia aqui a matéria completa → NOTICIÁRIO ❘ GLOBO ESPORTE COM

••

COLUNA DO PAULO VINÍCIUS COELHO ❘ FOLHA DE S.PAULO

• Novos reforços se apresenta hoje

O Palmeiras vai apresentar oficialmente seus dois últimos reforços para o Campeonato Brasileiro. Jailson, 33, goleiro que vinha sendo reserva no Ceará, e Washington, 25, volante que pertence ao Penapolense, mas estava emprestado ao Joinville, foram inscritos na última sexta, data-limite. O Palmeiras volta a jogar na quarta, contra o Botafogo, no estádio do Maracanã.

•• 

COLUNA PAINEL FC ❘ FOLHA DE S.PAULO

Por Bernardo Itri

• Caixa aguarda eleição para definir se mantém patrocínios em clubes em 2015

O resultado da eleição presidencial será determinante para a saúde financeira dos clubes brasileiros em 2015. A Caixa Econômica Federal, patrocinadora de oito clubes da Série A, de cinco da Série B e de dois da Série C, só definirá se vai manter o investimento no futebol após a escolha do novo presidente da República. Somente em 2014 o banco aportou mais de R$ 100 milhões nos times brasileiros –Corinthians e Flamengo são os mais bem pagos.

• Fim da linha

Todos os contratos da Caixa com os clubes brasileiros se encerram em dezembro de 2014.

• Esperança

A carência de patrocinadores no futebol faz aumentar a preocupação com a possível saída da Caixa. Clubes como Palmeiras e Santos encontram dificuldade em fechar contrato com parceiros e já chegaram a ver no banco federal a possibilidade de acertar um acordo.

• Paz…

Pré-candidato à presidência do Palmeiras, Wlademir Pescarmona cogita, caso seja eleito, acabar com a briga jurídica entre o clube e a WTorre, construtora da arena, pela divisão de cadeiras do estádio.

• …e amor

Pescarmona afirma que quer usar seu candidato a vice-presidente, Luiz Gonzaga Belluzzo, para ser o interlocutor do clube com a WTorre. Diz que a intenção é manter um bom relacionamento com a empreiteira. Belluzzo, aliás, é ferrenho defensor da parceria.

••

35 respostas em “VERDÃO NA MÍDIA 06-10-2014: Oposição monta ‘ministério de notáveis’ para derrubar Nobre no Palmeiras ❘ ESPN BRASIL”

É meus caros amigos palmeirenses estamos indo de mau a pior esse pescarmona jah foi vice do Luiz Gonzaga ou gerente algo assim se eu não me engano e arrumou briga com alguns jogadores causando um clima mto chato inclusive o zagueiro Danilo saiu brigado por causa dele na verdade a ele vazava para imprensa informao interna presidência do palmeiras só trocam o nome mais afinal são a mesma coisa torcedores na presidência e pouco profissionalismo

Esse pessoal todo listado pode ajudar a trazer recursos e melhorar a imagem do clube, mas e o entendido de futebol que vai fazer as contratações? Vai ser o Belluzo e mais quem?

Na boa, EU ACHO q esse professor e cientista fará bastante pelo palmeiras

FORA Paulo Nobre e seu “pai” MUSTAPHÁ CONTURSI. BELUZZO JÁ!!!!BELUZZO JÁ!!!!BELUZZO JÁ!!!!BELUZZO JÁ!!!!BELUZZO JÁ!!!!BELUZZO JÁ!!!!BELUZZO JÁ!!!!BELUZZO JÁ!!!!BELUZZO JÁ!!!!BELUZZO JÁ!!!!BELUZZO JÁ!!!!BELUZZO JÁ!!!!

Pescarmona não dá! Figurinha carimbada do que existe de mais velho e mesquinho na política do palmeiras.

tenho medo de mais um mandato com belluzo no meio, do ponto de vista financeiro.

De todos os mandatos que vieram depois do finado mustafá foi o que conseguiu queimar mais dinheiro sem nenhum resultado em campo e caos financeiro fora dele. Tirone conseguiu piorar.

Nobre usou seu dinheiro como muleta para a inépcia de geração de receita . No futebol considerei um bom 2013 e um pavoroso 2014. Porém na questão da arena foi bem em não ceder nada para a wtorre e ainda cobrar a milionaria multa que a construtora n qr pagar.

No entanto não dá mais. o clube precisa de dinheiro certo, com patrocinio de camisa, com ct de base, com hotel, Precisa saber negociar contratos, televisão e etc. Nobre não consegue fazer isso…fora as burradas do futebol.

mas odeio o pescarmona…preferia o décio perin.

entre pescarmona e nobre a briga é boa…pra ver quem é pior. Ainda não me decidi

granieri é piada….só pode.

Não tem essa de esquema pro-rio, se fosse assim o Flamengo não perderia em casa do Santos. Se
j
jogar bola e não fazer gracinha e burrada ganha com ou sem interferência de arbitragem. Outra coisa, o Botafogo quando mandou embora seus melhores jogadores jogou a toalha, não tem dinheiro pra continuar na série A e os seus dirigentes sabem que o time vai cair, tanto que pretendem manter o Mancini pra série B do ano que vem.

Levi, com certeza “o esquema pro rio” vai estar em ação quarta feira. Valdívia, pelo amor ao Palmeiras, se comporte, porque você vai ser caçado pelos jogadores e cassado pelo juiz.

vamos oxigenar o verdão, chega de amadores que nem de futebol entendem. FORA paulo nobre(sempre escrevo paulo nobre em letras minusculas, pois foi minusculo o seu desempenho como presidente). que venham novas idéias.

Novas idéias com as velhas raposas de sempre, ora na situação, em outro momento na oposição?? Difícil !!!

Você prefere o discurso de “modernidade” que comemora uma CND como se fosse título mas não consegue ter uma linha de planejamento para montar um time minimamente decente e assim pelo menos PERMANECER na Série A (não falo nem de ganhar, que na pauta dessa diretoria moderna é algo para daqui a uns vinte anos, se tudo continuar como está) no ano do centenário? Eu, não.

A eleição se dará entre PN e Pesca…Beluzzo, entao vai para os sócios do clube, vi em alguns sites q eram 3 mil, outros 10 mil. Alguém pode confirmar? Mas o certo é q tem muito infiltrado no clube social, q so querem jogar bocha e usar as piscinas, e querem realmente q o futebol acabe, pois são bambi e gambá! Esses devem votar no PN, nosso agiota, pois pelo menos isto parece estar funcionando, ou estou errado? Resumo da ópera, mais dois anos de sofrimento, o próximo na série B e o outro talvez na A. E nós se fu…

“Com ‘ordem de silêncio’, Petros comemora boa notícia do STJD”……….Meia do Corinthians comemorou ‘boa notícia’ depois que procuradoria do STJD não aceitou inquérito para julgar suposta irregularidade em registro de seu novo contrato na CBF…….. já imaginaram se é jogador do Palmeiras, o que o procurador da capitania hereditária chamada stjd faria? Pobre Lusa.

Quarta -feira o Palmeiras enfrenta o Botafogo no RJ e o Flamengo enfrenta o Figueirense em SC, que podem ficar com o mesmo número de pontos………prestem atenção nas arbitragens…………….e de que estado são os árbitros da partida….. e como será o tratamento ao Valdívia.

Se o Valdivia se portar como deve, não leva cartão.
O Sheik, que até há pouco era de um time carioca, levava um monte de cartão pq era um babaca em campo.
É só ser profissional. Contra o Vitória, foi uma partida exemplar, em termos comportamentais, do Valdivia.

Depois iremos ver pq o flajuto n cai…. e quem o ajuda………e de pensar que o contursi salvou esse clube carioca de 2 rebaixamentos, com o Palmeiras perdendo o último jogo para eles.

Eu coloco minha mão no fogo pelo Professor Nicolelis. Palmeirense dos bons mesmo e cientista nos EUA……………. jamais iria queimar minha mão com César maluco, que vivw no clube e é conhecido por querer sempre umas boquinhas. Precisamos mais de nicolelis do que césar malucos no clube…….mas n importa quem for eleito, contursi estará lá….firme e forte, e agora com mais 14 vitalícios…

José, o professor Nicolelis, ao contrário de muita gente que possa de salvador do Palmeiras…. nunca escondeu sua paixão pelo clube. Sempre deu entrevistas usando um boné ou uma camisa do nosso clube….. e tentou há uns anos entrar no grupo dos eternos palestrinos e desistiu ao ver que ninguém queria realmente mudar nada lá dentro….apenas para informação…………………. pq daqui a pouco aparece um dizendo que isso ée fofoca…. que causa desunião……..e querendo me desenhar alguma coisa.

Eu queria ter 10% de toda a competência, inteligência e reconhecimento MUNDIAL que o professor Nicolelis possui. Somente com isso, certamente eu já seria muito melhor que os governantes petistas que aí estão tentando nos governar.

Até que enfim vislumbramos alguma luz no fim do túnel! Queira Deus que os filhos do Mustafá não passem na preliminar. Os planos da chapa de Pescarmona são grandiosos e factíveis, e, com a Allianz Parque sendo a nossa nova casa, creio que nossos anos de tormento estão chegando ao fim. Queira Deus.

Os comentários estão desativados.