Categorias
3VV Indica

3VV Indica: B.B. King

 

Danilo Cersosimo (@D_Cersosimo)

B.B. King nos deixou neste 14 de Maio de 2015, aos 89 anos.

Aqui vão minhas dicas para quem quiser conhecer melhor seu legado.

The Life or Riley

Documentário dirigido por Jon Brewer a narrado por Morgan Freeman. Conta a trajetória do artista através de depoimentos de músicos do calibre de Eric Clapton, Santana, Buddy Guy, entre outros; bem como entrevistas com o próprio B.B.King e material de acervo. O filme foi lançado em 2014 e você pode acessar mais informações e ver o trailler aqui: http://www.bbking.com/film

Blues All Around Me: The Autobiography of B. B. King

Pegue uma vida intensa e artisticamente rica como a de B.B. King e um especialista em música como David Ritz e o que temos é um livro muito bem escrito, honesto e gostoso de ler. Autobiografias muitas vezes podem ser pouco sinceras ou omitir fatos marcantes da vida do autor, mas na minha opinião não é o que acontece em “Blues All Around Me”. O livro foi lançado em 1996, mas há novas edições atualizadas (a última, de 2011). Altamente recomendável.

Indianola Mississippi Seeds (1970)

Indianola Mississippi Seeds, de 1970, é o álbum do B.B.King que eu mais gosto. E, segundo o próprio autor, ele também: https://www.youtube.com/watch?v=Yq1v7abDj6s

B.B. King & Jimmy Hendrix @Generation Club Jam Session Live NYC (1968)

Já imaginou dois gênios da guitarra improvisando juntos num palco? Aqui o áudio desse momento histórico (infelizmente, desconheço vídeos dessa sessão): https://www.youtube.com/watch?v=hnA8cOahBlQ&spfreload=10

Live In Cook County Jail (1970)

Para muitos, um dos maiores álbuns do famoso bluesman. Gravado ao vivo numa prisão de Chicago: https://www.youtube.com/watch?v=Pn7Jc1sWGg4

***

#RIPBBKing.

 

 

2 respostas em “3VV Indica: B.B. King”

Tive a felicidade de assistir dois shows de B.B. King, um no Velódromo da USP e outro no finado Via Funchal. Além da qualidade e estilos únicos, era uma figura adorável.
Já estava nos meus planos assistir ao documentário sobre a vida dele (Life of Riley), agora para mim virou obrigação.
Belas dicas, Danilo!

Os comentários estão desativados.