Categorias
Drops

Drops 10-07-2015: time pronto, tchau Tobio, Valdívia fim de papo

 

Redação 3VV

Marcelo Oliveira já tem o time pronto para pegar o Sport. Victor Ramos e Egidio são os desfalques por cartão amarelo. Victor Hugo por contusão.

O time será Prass, Lucas, Jackson, Leandro Almeida e João Paulo; Gabriel, Arouca; Zé Roberto, Rafael Marque e Dudu; Leandro Pereira.

***

Já o Sport vem sem Maikon Leite (lesão que pode afastar o jogador em até 6 semanas) e o volante Rithely.

***

Tobio foi embora. Zagueiro assinou com Boca Juniors. Vai emprestado até o final do ano.

O contrato do jogador com o Palmeiras vai até 2018.

***

Fim de novela e fim de papo. Valdívia não é mais jogador do Palmeiras.

Vira a página.

***

O Presidente Paulo Nobre foi à Câmara dos Deputados para apoiar a flexibilização do texto da MP do futebol em benefício das federações.

Tá tomando a atitude certa em apoiar Federações e seus presidentes eternizados no poder? Ou deveria estar do outro lado? Opine.

Leia mais sobre a MP do futebol no Clique RBS.

Leia aqui na ESPN sobre a ida do Presidente Paulo Nobre na câmara para apoiar a flexibilização do texto da MP em benefício das federações.

Leia mais no UOL Esporte sobre a MP do futebol.

Saudações Alviverdes!

40 respostas em “Drops 10-07-2015: time pronto, tchau Tobio, Valdívia fim de papo”

Para mim, não é surpresa essa atitude do Paulo Nobre de apoiar as federações e principalmente a bancada da bola (os corruptos da bola)!! Isso mostra o nível do atual presidente que não está nem aí para o futebol brasileiro é tudo farinha do mesmo saco, inclusive o PN é amiguinho pessoal do Del Nero, aí você tira as conclusões de que lado o nosso “ilustre” presidente está…

Com os desfalques da dupla de zaga (desfalque mesmo?) e do Egídio, essa (Prass, Lucas, Jackson, Leandro Almeida e João Paulo; Gabriel, Arouca; Zé Roberto, Rafael Marques e Dudu; Leandro Pereira.) é a melhor formação que o MO pode colocar contra o Sport. É o que temos pra amanhã. O elenco é esse aí. Deixa o homem trabalhar.

Amanhã vejo a prova de fogo pro Marcelo de Oliveira. Pessoalmente, não gostei das alterações no ataque, vejo o Zé Roberto como 1º volante hoje em dia mais do que como meia de armação, mas com um pouco de criatividade dá pra sair muito bem vencedor amanhã.

Marcelo Oliveira, também é outro paneleiro—-Não precisamos de nenhuma contratação mais!!!!Depois de domingo o discurso pode ser outro se Mustafá deixar é claro!!A verdade é que não temos meia de criação——Zé Roberto—CX morto–e Felipe Gabriel—só vão enrar em forma em março de 2016…………..

Não sou contra o Paulo Nobre apoiar federação não.
Até esses tempos atrás teve time babando na CBF, agora que perdeu a bocada estão querendo moralizar.
Igual aquele presidente do Flamerda que paga se santinho, pra dividir cota de TV justa ele pula pra trás.
Pq não quer moralizar o futebol assim tbm.
Sem contar que a divida deles com a União é monstruosa por isso esse interesse.
Presidente de futebol não é santo, cada um briga pelo seu.

Não defendo isso não, mas falando sério, quando o Belluzo foi contra o Ricardo Teixeira naquela eleição do clube dos treze, as chances do palmeiras ganhar o campeonato em 2009 acabaram ali. Acho essa politicagem um nojo, mas se precisar disso pra evitar que o Palmeiras seja prejudicado pelas arbitragens, tem que entrar no jogo.

Tóbio fará falta. Valdívia o daprimeira passagem fará falta.
Mas hoje temos um técnico de verdade, um diretor de futebol de verdade, um elenco de verdade.
Vamos verdão. Que venha o Barrios. Quem sabe o Diego que era dos sardinhas também.
Dá-lhe porco.

Águas passadas não movem moinhos, mas como foram mencionados no post, fica aqui minha opinião. Tobio não deveria ter saído, muito menos Valdivia. Sobre este, sempre tive a sensação de que Nobre/Mattos nunca quiseram realmente renovar com o Mago. A maneira como se anunciou o fim da história só reforça isso. Lamentável.

Senhores, a posição e postura do atual presidente da SOCIEDADE ESPORTIVA PALMEIRAS, é surpresa para quem ? Já é claro e notório o verdadeiro STAFF alviverde, em prol de alianças politicas, as quais, temos um longo conhecimento , embasados nos já históricos e confirmados fatos ,que sempre vem a tona, o apoio que foi e sera feito pelo Senhor Presidente, é uma confirmação da “coerente´´ linha de pensamentos desta gestão, ser “amigo´´ do rei pode nós custar caro, já que as paginas policiais, estão prontas para desvelar a verdadeira faceta do que é o maravilhoso mundo do futebol tupiniquim , lembrando que em três anos vamos ficar com menos R$ 210.000.000,00 , graças a inoperância politica dos bastidores alviverdes, a dona dos direitos televisivos do futebol nacional , ainda nós trata como clube coadjuvante, já não é hora para nosso digno representante tomar uma atitude?

O Eduardo corneta o jogador com mais desarmes na competição. Já o li elogiando o Ralf. A corneta soa alto mesmo. Mas é o DNA do pslmeirense. A gente quer sempre o melhor e às vezes mais que isso.
PN perdeu a oportunidade de ficar do lado da melhora do futebol, mas dele não poderíamos esperar isso, pois é cria do Mustafá e come na mão dele.
Expectativa boa para amanhã, apesar de jogar com a zaga praticamente reserva. O jogo certamente será pelo lado direito com o Lucas.

Alex, o desarme faz parte de um fundamento importante do futebol, mas existe outro muito mais importante, o passe. O Gabriel deve ser o jogador que mais dá passes certos no time, porém 95% deles são para o lado ou para trás. Quando a bola que sai dos pés dele vai para frente, quase sempre é perdida. Outro dia (acho que foi contra a Chapecoense ou contra o SPFC) ele interceptou uma bola na intermediária, tentou dominar, viu que não conseguiria e deu uma bicicleta para o nada, devolvendo a bola para a defesa adversária. A torcida foi ao delírio, mas de prático a jogada não teve absolutamente nada. Imagine agora um jogador desses que desarme tão bem e que saiba sair jogando armando contra-ataques, tente perceber a diferença e entenda: não tenho nada contra ele, apenas acho que em termos criativos ele nada acrescenta ao time. O futebol brasileiro anda fértil na produção de jogadores como ele, em detrimento de volantes e meias criativos e habilidosos, e os últimos resultados do Brasil em competições dá bem o tom do que isso significa. A culpa é de quem acha que, na base, é mais importante ensinar e aprimorar a força do que o talento.

Alex, o termo “cornetar” é usado frequentemente de forma pejorativa e depreciativa para tentar desmoralizar alguém que tenha opinião própria e diferente da maioria do senso comum. A sua frase “a gente quer sempre o melhor e às vezes mais que isso” é perfeita e praticamente define o que vocês chamam de minhas “cornetadas”. Deixando de lado o saudosismo, até porque o futebol que eu cresci vendo e pelo qual me apaixonei não existe mais, jamais vou me conformar com jogadores limitadíssimos no Palmeiras, mesmo que fulano seja o lateral que acerta dois cruzamento em cada vinte enquanto que nos outros dezenove times da Série A cada lateral não acerte mais que um em cada trinta – para mim, esse lateral continuará sendo medíocre para não dizer extremamente limitado, e continuará sendo obrigação do técnico, do diretor de futebol ou do presidente buscar alguém melhor. De resto, só faço duas observações: não tenho o costume de depreciar jogador só porque ele joga no SCCP ou no SPFC, mas sinceramente não me lembro de já ter elogiado o Ralf, se puder me dizer quando fiz isso eu agradeceria; e ser chamado de “corneta” por alguns (que parece ser mais esclarecido, mesmo não concordando comigo) é um tremendo elogio para mim.

cara o nivel do futebol brasileiro é baixo num geral(tecnicos e jogadores) e é claro que temos as excessoes, o rafael carioca sendo umas delas.
Mas o Gabriel tem se destacado e muito. Se na base ele não foi treinado pra melhorar passses(como se fosse a funçaõ dele) agora no profissional vai ser bem mais dificil) , mas de acordo com o footstats o Palmeiras tem mais desarmes que o atle-mg, sera que o gabriel não ta correspondendo ao esperado dele ?

Eduardo, nós temos pontos de vista divergentes
quanto a maneira de ver o futebol, mas certamente
as discussões são saudáveis e educadas. Aliás, é
uma marca da grande maioria que frequenta o
3VV e opina aqui e que me faz continuar opinando
aqui também.
Também quero o melhor para o Palmeiras e não
me conformo com a mediocridade geral, não só do
Palmeiras, mas do futebol brasileiro como um todo.
No entanto, dentro da mediocridade que reina em nosso
futebol, e aí não tem muito o que ser feito por nós torcedores,
nosso elenco é de um bom nível. É o que queríamos? Não. Certamente
queríamos mais, no entanto quase toda a imprensa e boa parte
dos adversários consideram o elenco do Palmeiras um dos
melhores do campeonato e um dos candidatos ao título.
Se o Gabriel, da forma que desarma, fosse um grande passador,
estaria jogando num time de ponta na Europa.
Hoje no Brasil dá pra contar nos dedos os jogadores
que teriam algum mercado numa liga de ponta da Europa,
num grande time de lá.
Quanto ao Ralf, vc não o elogiou diretamente, mas comentou
positivamente um comentário que elogiava o Ralf, falando
que jogadores como ele não eram contratados pelo Palmeiras.
No mais, vamos discordando em alguns pontos e concordando
sempre, como bons palmeirenses que somos, que
o Palmeiras deve ter uma seleção vestindo sua camisa.

Acho que é muito fácil perceber que se a torcida gosta do Gabriel, não é porque ele é craque, mas porque ele é um dos melhores volantes do Campeonato Brasileiro. É evidente que eu preferia ter em campo o Dudu, o Cesar Sampaio, o Mazinho, o Falcão, o Toninho Cerezo, e outros tantos, só que esses caras não existem mais. Em terra de cego…

Eduardo, a maioria da torcida do Palmeiras adora volante guerreiro mas cabeça de bagre, que só sabe dar passes laterais ou para trás; Galeano, Pierre, Marcinho Guerreiro, Márcio Boa Gente Araujo e agora esse Gabriel, boa gente, também, guerreiro, botineiro, etc. Só que hoje nos temos opcao para a dupla de volantes: Arouca e Robinho, basta treinar…

Mesmo com todos os desfalques acredito na vitoria.. o time mudou de postura total depois q MO assumiu. O cara tem lideranca..e percebe-se que ele preza muito o coletivo.

Paulo Nobre me envergonha com essa atitude. Era a chance de começar a moralizar o futebol, de botar a casa em ordem, e o cara fica do lado dos bandidos.

Que vergonha, que vergonha…

Sérgio, cuidado pois ter uma opinião diferente do oba-oba que se criou após as quatro vitórias seguidas é sinônimo de cornetagem. A mediocridade tomou conta de tal forma que a grande referência do time é um cara que dá 95% dos passes para trás ou para o lado, e o povo acha isso lindo.

Vendo essa escalação a gente percebe o quanto o elenco do Palmeiras é “maravilhoso” como alguns alardeiam. João Paulo na esquerda, Zé “quem eu marco?” e Gabriel “rei dos passes certos” no meio (bom, esse só sai do time morto) e Cone Banana na frente. Um empate lá é vitória, se conseguirmos mais que isso o MO merecerá uma estátua na Turiaçu.

Corneta?! Esse cara é uma orquestra de sopro completa… Mel Dels!!!

Leiam (aqueles alfabetizados, naturalmente) a matéria (http://espn.uol.com.br/post/525984_rafael-carioca-o-raro-volante-passador-que-e-a-diferenca-do-lider-galo-no-brasileiro), e tentem entender (aqueles com neurônios, obviamente) que não tenho nada contra o Gabriel, apenas acho que ele é muito bom no combate, mas simplesmente não sabe sair jogando, e no futebol moderno isso faz toda a diferença. Tanto faz que o Atlético não é líder por acaso. No mais, ter uma opinião não é para qualquer um, já ser fã de estádio, de arrecadação e de presidente exige pouco esforço e quase nenhum critério de qualidade.

Cara eu to lendo certo?? vc esta criticando o Gabriel pelos passes???? Cara que jogo você assiste?? só para tua informação ele tem 533 passes certos no campeonato o jogador do palmeiras com o maior numero do campeonato, tem apenas 27 passes errados. isso significa que ele tem 95,17% de aproveitamento nos passes, isso sendo o jogador do palmeiras que mais passa a bola. Sinceramente ou vc deve torcer pra outro time e caiu aqui de paraquedas, ou se for palmeirense mesmo, recomendo que vc mude de time, tenta torcer pros bambis com o wesley, quem sabe dele vc gosta.

Certinho, Eduardo, concordo plenamente com você. Que saudade do time do ano passado, aquilo sim era elenco!!!

Perfeito, Paulão. Agora, se você me mostrar a linha, a frase ou a palavra no meu texto (considerando que você seja alfabetizado, é óbvio) em que estou exaltando o time de 2014 eu lhe pago um carro importado zero quilômetro à vista. Você deve ser daqueles que quando alguém diz “não gosto do azul” você regurgita um “Por que essa tara pelo amarelo?”. No mais, torço para que o time vença, mas na minha opinião (e ela não passa disso – uma opinião, assim como você e todo mundo tem a sua) algumas peças do elenco, que já deixam a desejar, não têm reposição nem em um nível intermediário, o que dirá equivalente. Tomara que o João Paulo dê três passes para gol (ou assistências, como dizem atualmente) e que dois deles sejam do Banana e outro do Gabriel, isso não vai mudar meu conceito em relação a eles nem minha expectativa para que o Palmeiras tenha jogadores melhores para não depender de lampejos, como aconteceu na maior parte dos últimos quinze anos. Parece que técnico competente, trabalhador, conhecedor de futebol e das limitações do elenco agora temos, mas apenas a competência dele não criará talento em quem não o tem.

Eu não quero ganhar carro seu, o meu eu mesmo compro. Parafraseando você, se você for alfabetizado, vai perceber que em meu comentário eu não disse que você exalta o time de 2014, porque qualquer um que o fizesse teria sérios problemas. Eu só acho que com esse espírito de que tudo é uma porcaria, não chegaremos a lugar nenhum. Se hoje, com os valores envolvidos, já é praticamente impossível ter um timaço titular, imagina o reserva e o reserva do reserva. Todo mundo torce igual, mas o excesso de corneta só atrapalha. Acho que cobrar e cornetar são coisas bem diferentes.

O Marcio Araújo, o Pierre e o Gabriel fazem parte da mesma escola, que aliás tem predominado no futebol brasileiro (que tem ganhado tudo o que disputa nos últimos anos, certo?): a dos jogadores que as estatísticas apontam como reis dos desarmes e mestres dos passes certos. Isso comprova duas coisas: os números nunca mentem, porém podem conter uma série de “pegadinhas”. É a mesma coisa se eu fizer uma pesquisa sobre as maiores torcidas do Brasil baseado numa amostragem de mil pessoas entrevistadas na porta do Moisés Lucarelli num dia de jogo entre Ponte Preta e Coritiba. A Ponte terá a maior torcida do país de acordo com essa pesquisa, os números estarão certos dentro do contexto mas não farão o menor sentido na prática, ok?

Quanto aos substitutos do Egídio (aquele tão criticado), eu concordo. Não temos ninguém. E o Leandro Pereira é um cone mesmo. Mas o Gabriel é bom. Todo cuidado é pouco lá em Pernambuco. Não podemos dar os vacilos que demos contra o Avaí, pois o time do Sport é bem superior. Mas é só deixar o homem trabalhar, que os tres pontos vêm.

Time
– Se não me engano, o Robinho também está suspenso, confere?

Maikon Leite
– Coitado não tem sorte mesmo, sempre que está começando a engrenar se machuca.

Tóbio
– Excelente Negociação! Bom zagueiro, mas que precisa pegar “cancha” ainda. Jovem, 6 meses no jogando no Boca podem fazer muito bem a ele, que demonstra potencial.

Valdivia
– Sempre o defendi, mas foi muleque ao sair do Palmeiras, que o recuperou para a seleção sem que o Palmeiras recebesse nada em troca, teve um argentino que quando estava aqui chegou até a Seleção Argentina, aonde ele joga agora? Qualquer semelhança, não será mera coincidência. Foi muleque também a diretoria que deveria ter definido isso ano passado e ter vendido o após o Brasileiro. Concordo agora é virar, porque não adianta “lamentar a morte da bezerra”.

Paulo Nobre amiguinhos das federações.
– Fiquei enojado com isso. Eu tenho memória Sr. Nobre, eu lembro de você no Bem Amigos, falando que tinha de passar sem alterações, no Arena também. Já o Sr. sofre de “Interesititis Memorium” só lembra do que e quando lhe convém. Uma palavra: NOJO.

Paulo Nobre é amigo pessoal do Del Nero, inclusive foi esse quem o colocou fortemente na política do clube. Daí vocês podem imaginar de qual lado o Nobre vai ficar.

Os comentários estão desativados.