Categorias
Campeonato Brasileiro 2015 Resenha dos Jogos

Pós Jogo Palmeiras 2×0 Ponte Preta: Dudu é o nome do jogo

 

O Palmeiras pegou a Ponte Preta em Cuiabá e fez sua lição de casa. Venceu por 2×0, dois gols de Dudu, e subiu na classificação.

Três pontos são três pontos. Depois de conquistados, ninguém tira.

Com essa filosofia Marcelo Oliveira botou o mesmo time em campo das últimas vitórias. E começou arrasando. Com Rafael Marques de garçom Dudu fez o primeiro gol do jogo, e de cabeça.

O Palmeiras dominava jogando bem. A mesma rapidez no ataque com Dudu e o futebol solidário de Rafa Marques. Arouca e Gabriel faziam a função de proteção da zaga. A Ponte, desfalcada, fechava bem as alas e desta vez Egidio e Lucas apareciam pouco.

Antes de fechar a primeira etapa veio o 2o gol, com a mesma construção. RM serviu e Dudu tocou pro gol.

No intervalo a Ponte veio com Biro Biro. Fez diferença e o time da macaca melhorou. Pressionou bastante o Palmeiras que jogava no contra-ataque. No final Cristaldo quase fez e a Ponte teve chances prá descontar.

Mas como dissemos no primeiro parágrafo: três pontos são três pontos. Enquanto o time vai se formando com a cara do novo treinador e espera Lucas Barrios, os resultados estão aparecendo.

Agora é o Avaí.

Saudações Alviverdes!

 

Captura de Tela 2015-07-05 às 8.24.36 PM

***

E a chance é boa!

A Ponte Preta de Guto Ferreira tem problemas sérios. Os três principais jogadores – Fernando Bob, Renato Cajá e Biro Biro – não reúnem condições de jogo, por suspensão (os dois primeiros) e lesão muscular (o último). Diego Oliveira deve ser poupado no ataque, e Tiago Alves deve retornar na defesa no lugar de Renato Chaves. O técnico faz mistério, mas deve apostar em Juninho e Paulinho no meio de campo e Cesinha e Roni no ataque ao lado de Felipe Azevedo. A Macaca provável para domingo tem: Marcelo Lomba; Rodinei, Tiago Alves, Pablo e Gilson; Juninho, Josimar e Paulinho; Felipe Azevedo, Cesinha e Roni.

Já Marcelo Oliveira não deve fazer mudanças no time das últimas rodadas. Fernando Prass; Lucas, Victor Ramos, Vitor Hugo e Egídio; Gabriel e Arouca; Dudu, Robinho e Rafael Marques; Leandro Pereira. Este deve ser o 11 alviverde!

O Palmeiras joga em casa. A torcida recepcionou o elenco alviverde com o carinho de sempre quando o time visita o Brasil. Então todo pensamento positivo! Vai Verdão!!

Deixe aqui seu comentário. Este será o posto do pós jogo.

72 respostas em “Pós Jogo Palmeiras 2×0 Ponte Preta: Dudu é o nome do jogo”

Vitória importante, com 1º tempo consistente e . 2º tempo bem ruim. Zé entrou igual barata tonta e não conseguiu fazer o que se espera dele, afinal o MO não deve ter dito “vai lá e fica correndo atrás dos caras o 2º tempo inteiro”, também acho que em vitórias alguns até esquecem o que de fato aconteceu no jogo, tomamos um baita sufoco da Ponte, os caras vieram com tudo no 2ºtempo, criaram diversas jogadas principalmente pelo lado do Egídio, que não estava num dia feliz, pois não conseguiu em boa parte do jogo ser aquele desafogo na saída de bola e parecia um tanto cansado, e se tivéssemos tomado um gol do início pra metade do 2º tempo a maionese poderia ter desandado. Mas como falei, apesar das falhas, trata-se de uma importante vitória e que aumenta ainda mais a confiança do time, pois veio contra um adversário difícil e com o time “jogando pro gasto”. O que me deixa ainda mais confiante para a sequência do campeonato é que nitidamente o MO enxergou as falhas do time e, apesar de parabenizar o time pela vitória, sabe que tem que coisas a serem corrigidas.

O Rafa Marques tem q jogar com a 10 no Verdão! Fico feliz de ter reconhecido o excelente futebol dele e ter o defendido mesmo qdo era muito contestado, basicamente pq muitos iam na onda da imprensa desinformada e/ou golpista q o detonava, q sequer lembrava do bom desempenho q ele teve no Fogão.
Valdisney não fará nenhuma falta. Espero q nunca mais pise no Allianz, q seja liberado e vá pro mundo árabe pra eu poder estourar a champagne logo.

Vitoria importante porque a Ponte vai tirar pontos de muita gente grande ( assim considerada) e nos emplacamos os 3. Agora, o primeiro tempo foi o time do MO e o segundo do OO. Parou de jogar e deu sopa para o azar. Quando o time jogar os dois tempos com a marca MO ai fica de bom tamanho. Começa a ter perfil de time que sabe o que quer em campo. Bom sinal.

O momento é de apoio total. Existem erros ainda e acredito que o Marcelo Oliveira irá corrigi-los. Temos que aproveitar a fase que está boa. Se conseguirmos estar entre os 4 primeiros ao término do 1o turno , eu não tenho dúvidas que nele ficaremos até o final do campeonato. E ai , dependendo de todas as circunstâncias , é só saber em qual posição iremos chegar , campeão , vice , 3o ou 4o. Como é gostoso ver o Palmeiras na 1a página da tabela de classificação. Havia tempo!

como roubam esses juizes! não sei quem concorda comigo, mas quanto lance invertido porque o juiz queria, e o gambambi também, os dois passaram lisos por penaltis no fim do jogo, essa máquina da globo e cpf e governo não aceitar perder pro Palmeiras… ótimo time, ótimo futebol, cada vez mais consistente, vejo só que nosso ataque é ainda um pouco deficiente mas a defesa vem muito bem nos últimos jogos… é um bom começo para uma era de glórias! AVANTI… um último adendo, mas não uma corneta porque o Palmeiras é maior que qualquer jogador, mas cadê os jogadores da base? o que fazer com esses atletas? vamos acabar perdendo…

A defesa vem bem porque o MO tirou o Zé40 que não marcava ninguém… A bucha toda ficava com a zagueirada, agora deu uma balanceada. Inclusive o Gabriel não precisa se matar em campo.

também os laterais passaram a se posicionar muito bem tanto para a saída de bola quanto para a contenção, além da dupla de volantes que vem muitíssimo bem todos os jogos, e são jogadores de muita qualidade além disso… também o posicionamento dos atacante quando estão sem a bola mudou, o que também atrapalha muito o outro time a jogar

Marcelo Oliveira celebra resultado, mas fala em “ajustes” após vitória……………”– Penso que a vitória sempre é importante, gera confiança, tranquilidade e permite o salto na tabela. Gostei do resultado. A produção foi irregular. Poderíamos nos aproveitar mais no segundo tempo. Permitimos que a Ponte jogasse. Fizemos apenas um ou outro contra-ataque. Depois do 2 a 0, poderia ser menos sofrido, com mais posse de bola, marcação – afirmou Oliveira, que tem quatro jogos no banco alviverde e uma única derrota até aqui.O técnico criticou principalmente os espaços dados ao adversário e citou partidas anteriores.
– Precisamos de ajustes. Não podemos deixar as equipes jogarem tanto no nosso campo. Aconteceu com São Paulo, Chapecoense e hoje. A Ponte chegou muito. É importante ter ajuste para fazer um jogo mais regular.”………………………..bom, quem decide está vendo o que falta e isso é o que importa.

Pra quem dizia que técnico não faz diferença, então né… Torço para que o grupo entenda os recados e compre a idéia do MO, pois se estiverem motivados dá SIM pra brigar pelo título, ou vão me dizer que o SPÓÓÓ tem time melhor? Grêmio, Inter, Atl-PR? Com os caras motivados e o técnico com espaço para trabalhar, temos condições de competir de igual para igual com qq time do campeonato. Lembrando, em campeonato de pontos corridos o mais REGULAR é campeão, e não o melhor.

Diogo, as quatro próximas rodadas dirão qual é
a do Sport no campeonato. Visitará o Galo, receberá
Palmeiras e meninas em casa e visitará o Grêmio na sequência.
Uma vitória do Palmeiras quarta certamente valerá uma
posição, podendo alcançar duas ou três dependendo
dos outros resultados.

Pra mim quem tá fazendo diferença é o Egídio e o Rafael Marques (quem diria!). Mas, se tá ganhando, ao MO os louros. Deixa o homem trabalhar!

Então né, e quem será o responsável por fazer os dois jogarem agora? Pq com OO eles não tavam jogando nada? Pq agora o time tem marcado (pelo menos na maior parte do tempo) mais forte e não tomou gol em 3 jogos, enquanto antes tomava gol em todos os tempos? Seria apenas coincidência? Pq se bem me lembro o time é o mesmo, não mudou nenhum jogador de lá pra cá. Mistérios!!

Não sendo pessimista, mas ainda temos que provar mais no campeonato, na teoria pegamos dois adversarios enfraquecidos e os bambis. Nós mostraremos de fato se estamos na briga ou não se vencermos o SPÓÓÓÓ lá, no domingo que vem! Por enquanto ainda é o mais do mesmo.

Na boa velho, vc ainda diz sem querer ser pessimista?
Imagine se tivessemos perdido pontos para algum desses times?
Cara ganhamos tres partidas seguidas sem sustos, ganhamos dos gam.bas na casa deles do florminense, cara nao sei o q esse time tem que fazer pra ter a confiança de nossa propria torcida , pois os adversarios e a imprensa ja estao se borrando de medo, mas nos mesmos nao confiamos a naoser que goleamos o poderosissimo xport, tenha paciencia viu, sem querer ser chato, um abraço!
FOOOOOOOOMMMMMMM!

Até ano passado, e ainda no começo deste campeonato (vide atlético mineiro e internacional) o Palmeiras pegava adversarios enfraquecidos e perdia. Se agora está ganhando, então a evolução é óbvia. E ontem, no pós-jogo da ESPN, os caras já colocaram o Palmeiras como um dos possíveis favoritos ao título, ao lado de atlético mineiro e grêmio, talvez fluminense e sport (este último com bem menos chances) , e nem citaram bambis e gambás.

A única coisa que eu acho é que passamos muito depressa de time que não brigaria por nada, para candidato ao título. Que o time melhorou muito com a chegada do MO, isso é fato. E isso é estranho. Ou a coisa estava muito errada na época do OO e está certa demais agora, ou temos que tomar cuidado para não ser apenas ilusão. Tomara que continue assim, e que venha pelo menos o G4. Deixa o homem trabalhar!

2 x 0, mais três pontos, 7º lugar e subindo… A conta a ser feita é simples: Vencer, não importa quem é o adversário e não importa onde será o jogo. Vença! Quem vê apenas o placar do jogo não pode imaginar o que aconteceu em campo contra a macaca… O segundo tempo lembrou aquele Palmeiras que tanto (e recentemente) assombrou a gente… Não pode dar chance ao adversário, vamos reviver 1996 e o Ataque dos 102 gols!

Mais um pequeno detalhe que diferencia um técnico campeão: MO está substituindo todo mundo (Rafael, Dudu, Arouca, Leandro, Robinho, Gabriel) durante o jogo. Isso mostra que ninguém é titular absoluto e incentiva quem é reserva, além de incentivar a concorrência sadia. São detalhes e mais detalhes que fazem vc formatar um time e tentar alcançar os objetivos. Claro que iremos perder jogos e tudo pode acontecer…… mas nota-se que o trabalho está sendo bem feito. E em pouco tempo. Vamos ver como será se o sr. Valdívia voltar………… o time joga pelo time e não para uma vedete.

E o penalti que não deram para o Flu contra os bambis ontem?? Ninguém fala nada, se fosse contra o Palmerias, como diria Avalone Meu Deus!!!

Contra os bambis….e small club também Lito. 2 pênaltis escandalosos, que se
fosse à favor da dupla seria dado com certeza. São esses pequenos detalhes que vão definindo um campeonato…..e no final, fazem diferença.

Obviamente nutro o mais profundo desprezo pelo spfw mas tb acho q NÃO foi pênalti. Sentiu o contato e preferiu desabar pra ver se cavava o pênalti e uma expulsão. Mas o 0x0 foi ótimo. Apesar de eu estar assistindo e ter sido 1 jogo quase insuportavelmente modorrento.

Bom jogo, boa vitória, embora não empolgue (longe disto) o time vem mostrando um futebol consistente e com boa postura tática. Parece estar controlando melhor os nervos e com isso estamos passando menos sufoco. E ainda tem jornalista dizendo que o OO não deveria ter saído.

Fil… do car… essas são as palavras de agradecimento do Michael Bastos para o Pepe Guardiola da América do Sul.
Pensou se fosse no verdão??? Essa imprensa marrom só não ataca os bambis.
Chupa Aidar, chupa Ilsinho, chupa Kardec, chupa Wesley.
Obrigado Prof. Beluzzo, Vicente pela Arena, Chupa Mustaphá e seus aliados.

Excelente resultado, mais uma vitória!! O G4 é logo ali!!! Os próximos jogos será importantíssimas que será contra o Avaí, Sport (confronto direto) e o clássico contra as sardinhas!!!

Ótima vitoria. Precisamos nos acostumar a vencer, independente de jogar feio ou bonito. Só um detalhe, é o mesmo time por três jogos seguidos, o que o O.O. não teve chance de fazer, pq cada hora um jogador diferente ia pro D.M.

Vítor, não foi apenas o nosso péssimo DM quem sabotou o trabalho do Oswaldinho. Ele jamais definiu um time titular desde que chegou, ficou fazendo testes e mais testes até o dia de ir embora. Não gosto da nossa dupla de zaga titular atual, não entendo porque o Lucas virou capitão, deixar o Banana de titular (mesmo que temporariamente) é dose e não dar nova chance ao Kelvin é um desperdício. Porém, não se pode tirar o mérito do Marcelo por dar crédito a onze jogadores, trabalhar e trabalhar com eles durante o tempo que tem para formar uma equipe entrosada para que, espero eu, ela possa ser de fato reforçada apenas onde precisa. Se já não temo mais rebaixamento, também não acredito em título este ano, mas se o trabalho continuar assim, se a vaga na Libertadores vier e se trouxermos para 2016 pelo menos dois caras nota 9 pra cima (e não mais 20 caras nota 5), aí sim poderemos falar definitivamente em protagonismo.

Eduardo, só quero lembrar, que alguns meses atrás, quando o V.Hugo falhou, afirmei que ele estará na Europa ano que vem. É um novo Miranda. Tem muito que aprender, claro, mas aguentou a pressão de sair, com todo respeito, do pequeno América-MG, jogar no imenso Verdão, falhar em um clássico, e ser disparado, nosso melhor zaqueiro. No mais, concordo, ips literi, com seu cometnário.

Eduardo, não acredito em sabotagem, mas ocorreram lesões, é um fato, o que prejudicou muito o trabalho do O.O. Não acho que a zaga é ruim, nem que o Leandro é esse horror todo. Muito do mérito do segundo gol contra a ponte é dele que ganhou a disputa da bola com o zagueiro. O Marcelo tem méritos sim, principalmente por ter abdicado da posse da bola e armar o time mais fechado jogando em contra ataques. Abs!!

Parabéns, Palmeiras por mais uma vitória! Se os resultados estão vindo, e o futebol do time melhorou, mesmo com esse elenco, só tenho uma coisa a dizer: deixa o homem trabalhar!

A imprensa está roendo o “cutovelo” até agora. Valdivia e Chile campeões da Copa América.

Na ESPN falaram. Por isso que, embora a qualidade tenha caído bastante, ainda prefiro ver os comentários pós-jogos nessa emissora, pois nos canais abertos só existe corintianismo e os dois citados por você (SporTV e Fox Sports) estão infestados de cariocas que não têm para quem torcer dado o nível falimentar das suas equipes, então concentram suas energias em diminuir os méritos de quem está indo bem.

Quanto menos a imprensa “olhar” para nós, melhor.
Até porque quando falam do Palmeiras geralmente
o viés é negativo.
O que eu vejo na imprensa desde o começo do ano
é o reconhecimento de que o Palmeiras montou
e tem hoje um bom e competitivo elenco, opinião
da qual comungo.
E agora tem um técnico com vontade e capacidade
de vencer.
Agora, é engraçado que nossa torcida adora reclamar
que a imprensa não valoriza nosso time e nossa recuperação,
mas nem boa parte de nossa torcida consegue fazer
isso.

Assistindo agora a noite no SPORTV (troca de passes) e no FOX SPORTS (ultima palavra) dá para perceber nitidamente que o Palmeiras incomoda muito a imprensa esportiva.
Todos falam do Palmeiras com uma certa raiva , inveja…….
O Palmeiras incomoda !

Destaques positivos do jogo:

Vitor Hugo(preciso nos desarmes e muito bem posicionado nos lances), Rafael Marques( o novo garçom do Verdão), Zé Roberto( foi o melhor jogador no segundo tempo) e o craque do jogo Dudu( desde que o Marcelo chegou, está voltando a jogar muito bem, principalmente na parte tática).

Jessé o Zé melhor? Barata tonta, corria, corria, sem detino algum. Ou será que fomos dominados no 2º tempo, com o Palmeiras caíndo vertiginosamente de produção, por obra do acaso? Não foi não foi a entrada do Zé, que, se observarmos bem, entra numa vontaaaaaadeeeeeeeeee. Birra de quem acha que tem que ser titular. E vaga se ganha em treinamento.

Oi Renato, tudo certo?
Cara, eu acho que vc tá vendo pêlo em ovo. Na minha opinião o time caiu de produção depois da saída do Leandro Pereira, e eu acho que isso aconteceu pq o Leandro estava conseguindo receber as bolas esticadas e fazer um pivô bem razoável, coisa que o Cristaldo não faz. Como não tínhamos um pivô, perdemos a bola, já que a saída de bola hj não tava a ideal. O ZR não demonstrou, na minha opinião, falta de vontade, nem correu como uma barata tonta… o time só desencontrou um pouco por conta do jogo um pouco abaixo do Arouca e do Egídio na saída de bola, no segundo tempo.

Um pouco de cada um. Desculpe, Lucas, mas mesmo esforçados ao extremo, Leandro Banana e Cristaldo ainda são dois cones. Basta ver as jogadas que fazem fora da área, tentando dominar ou dar passes. Perdíamos a bola porque o Prass gastou o bico das chuteiras de tanto dar chutões sem destino para a frente, e isso se deve ao fato de que falta um “camisa 10” na equipe. E não acho que o Zé esteja de má vontade, Renato. Existe algo contra o qual ser humano algum pode lutar: o tempo. E a idade está pesando demais na carreira dele. Não é que ele não queira, mas não consegue mais correr como antes. Embora por razões diferentes, pelo menos nesse aspecto concordo com você: sua entrada ditou a queda do ritmo da equipe no segundo tempo.

Concordo com você num ponto: sempre que o Gringo entra, melhora nossa saída de bola, o que não aconteceu ontem. Cristaldo não entrou bem, mas a desarrumação era no meio, claro com Gabriel e Arouca colaborando, com o mau posicionamento do Ze´. Mas que bom que estamos Palestrando sobre vitórias e pequenos erros. Antes a conversa era sobre derrotas e erros primários.

Belo jogo. Vitória convincente, apesar de ter dado uma caída no segundo tempo (depois melhorou, criou 2 chances muito claras e mais uma ou outra).
Agora engatou e logo estamos lá em cima brigando.

Ótimo resultado com um futebol não tão bom como nos últimos dois jogos, mas que serviram para colocar o Palmeiras de vez na disputa pelas primeiras posições.

Esse grupo motivado, com o apoio de uma torcida sensacional e contando com reforços como Lucas Barrios e Felipe Gabriel, a tendencia é que o Palmeiras se torne uma equipe cada vez mais difícil de ser batida, com boas possibilidades de ganhar o campeonato.

É O VERDÃO RUMO AO ENEA!!!!!!!!!!!!

Mais três pontos: ótimo. Vitória jogando fora de casa, mesmo que não no campo do adversário: excelente. O mesmo time escalado pela terceira vez consecutiva (embora possamos contestar alguns desses nomes): típico de técnico que trabalha e conhece futebol. O futebol apresentado no segundo tempo, a falta de um goleador (algo que Barrios pode resolver quem sabe já a partir de quarta-feira) e, principalmente, Prass sendo nosso maior “armador” de contra-ataques: pobreza total. Obrigado ao Oswaldo por ter dado ao Santos, hoje um dos piores times do país, mais um título paulista que estava nas nossas mãos, por ter perdido cinco pontos para Goiás e Joinville os quais nos dariam hoje no mínimo a co-liderança do Brasileirão, e por ter complicado uma classificação contra o ASA de Arapiraca a qual já poderíamos ter matado em casa. E há quem diga que técnico não faz diferença. E olha que o Marcelo Oliveira ainda precisa fazer muito, porque estamos longe do ideal.

Concordo em tudo, só lembro que o jogo de volta contra o ASA será em Londrina, com 100 por cento de palmeirenses (nossa torcida no Paraná é imensa). Ou seja, na Copa do Brasil, do jeito que o time está jogando, classificamos com o pé nas costas.

Segundo tempo abaixo do primeiro. Parece que o time acreditou que venceu no intervalo. Ainda assim, embora dominado, soube suportar a adversidade e conquistou importantíssimos três pontos.
38.000 na quarta véspera de feriado?

Pq simplesmente não está sendo prejudicial ainda sr. Marin. Mas assim que o Palmeiras estiver acima na tabela iremos ver a diferença. Espero que não. E se acontecer, irei comentar, pois não fico brigando com imagens…. como alguns. No mais, o que vale são ponto e agora o clube tem um técnico que sabe como ganhar títulos. Meu objetivo é a Libertadores agora.

Por isso que temos tão poucos comentários por
aqui. Porque estamos ganhando, subindo na
tabela.
Falta muito ainda pro Palmeiras chegar ao topo
da classificação, mas aparentemente o time
está no caminho.

Vitória importante, agora só 5 pontos de diferença pro líder. Mas a impressão que eu tive é de que se fosse contra um time melhor, ou mesmo se a Ponte estivesse jogando completa, o jogo poderia complicar. No segundo tempo o Palmeiras foi mal, não conseguiu ficar com a bola, isso com Zé Roberto e CX em campo, jogadores que deveriam dar conta do recado. Importante o Dudu fazer gols para recuperar a confiança. Entre L. Pereira e Cristaldo, sou mais o argentino.

Treinador bom é aquele que vê seu time diminuir o ritmo e cobra, em vez de ficar sentado …todo zen. …………..E amanhã…a tupiniquim press vai voltar a lembrar toda hhora da “suspensão” do Dudu. Hj ele desencantou. Valeu garoto.

Nem precisou esperar até amanhã, Levi. O repórter do SporTV que estava lá em Cuiabá lembrou do “efeito suspensivo” ainda no primeiro tempo. Queria esse mesmo empenho para cobrar quem fez a tabela do Brasileiro e marcou, pelo segundo ano consecutivo, o SCCP jogando a primeira rodada fora de casa contra um time que terminou o campeonato anterior com suspensão de mando de jogo. Pena que disso ninguém lembra.

Primeiro tempo de domínio total do Verdão.
Time começa a encaixar o toque de bola. A torcida empurra o time e joga junto. E estamos a 49 minutos da terceira vitória seguida e o sétimo lugar na classificação, a cinco pontos do líder.

Somos dois. Com certeza a melhor contratação do Palmeiras. Eu também queimei a minha língua e espero que continue queimando a minha língua!!!

Torcida que está diminuindo….segundo a tupiniquim press……….. estádio lotado e o comentarista diz que a “a maioria é palmeirense”. É…… deve ter uns 20% de torcedores da ponte.

1×0 no sufoco. Rafael Marques. Bons os resultados dos jogos das 16h, dá pra ganhar e encostar no G4. Obrigação de ganhar em campo neutro e os caras sem os principais jogadores, a ponte vai tirar ponto de muito time e temos a sorte de enfrentá-los nessas condições. Tem que aproveitar.

opa, de volta, S.E.P. 3 x 1 A.A.P.P….. (post anterior – Os argentinos são soda pra torcer….não tem igual. As musicas são boas demais.) A adidas tinha que sair, fazer um modelo de 200… pra agora…

Os comentários estão desativados.