Categorias
Futebol com Números

Sobre juízes, erros e estatísticas!

Juízes AlviVerdes, uma das coisas mais chatas no futebol brasileiro é o protagonismo que os juízes acabam tendo. Gastamos muito tempo reclamando dos erros dos juízes e esse tempo deveria ser dedicado a se falar de futebol.

O protagonismo dos juízes é fácil de se entender. O critério de arbitragem utilizado por aqui é bem diferente do critério Europeu e o número de faltas por jogo é sempre maior do que lá, então, a cada lance lá está o juiz parando (ou não) o jogo. E além disso, como o futebol se caracteriza por placares baixo – e onde a vitória pela margem mínima é comum – um único lance pode definir o resultado de uma partida e de um campeonato.

Mas existe um elemento que realmente falta em toda essa discussão sobre os erros dos juízes. Partindo-se do pressuposto que não há má-intenção dos juízos e que os erros são simplesmente erros, basicamente os programas de televisão dizem a mesma coisa “do mesmo jeito que o time aqui foi ‘ajudado’ por um erro do árbitro, certamente ele já foi ‘prejudicado’ em outras partidas”.

O que esse tipo de argumentação quer dizer? Que basicamente os erros deveriam se anular ao longo do campeonato e – no final das contas – ninguém seria ajudado ou prejudicado.

Esse tipo de argumentação só tem um problema: ela está errada!

Partindo do pressuposto que os erros são realmente apenas erros, a estatística não diz que para cada time os erros irão se anular. Pelo contrário seria estatisticamente esperado que alguns times fossem mais prejudicados e que outros fossem menos prejudicados!

O raciocínio seria mais ou menos esse. Imagine que você tem um baralho de cartas comum, onde existem 52 cartas, 26 vermelhas e 26 pretas. Se você for escolher aleatoriamente 6 cartas de vez, na média você teria escolhido 3 cartas vermelhas. Só que algumas vezes você teria as 6 cartas vermelhas e algumas vezes não teria nenhuma carta vermelha. Se os erros dos juízes forem aleatórios, é possível dizer que durante o campeonato Brasileiro alguns times teriam as 6 cartas vermelhas, alguns times não teriam nenhuma carta vermelha e – na média – os times teriam um número próximo de 3 cartas vermelhas cada.

Logicamente os times na parte de cima da tabela tendem (ênfase no tendem) a serem mais ajudados, afinal, se eles fossem mais prejudicados eles dificilmente estariam na parte de cima da tabela.

O Corinthians é um bom exemplo disso. Teve uma sequência de três jogos em que todos os lances polêmicos foram marcados (ou deixados de marcar) a seu favor. A não marcação de um pênalti garantiu um empate com o São Paulo, um pênalti discutível foi marcado ao seu favor contra o Sport e garantiu a vitória e um impedimento praticamente na mesma linha anulou o gol de empate do Avaí. Assim, esses três lances garantiram 5 pontos a mais para o Corinthians e se as três decisões fossem em sentido contrário o time ao invés de líder com 40 pontos teria 35 e ocuparia a quarta colocação. Tão simples quanto isso.

O leitor mais atento deve estar se perguntando: Mas, não é estranho que entra ano, sai ano, os times mais beneficiados parecem ser sempre os mesmos????

Pois é leitor, só posso dizer que talvez –ênfase no talvez – existam coisas que apenas a estatística não explique…rsrsssrrssrsrrs

Saudações AlviVerdes

* Luís Fernando Tredinnick escreve às sextas-feiras no 3VV explicando, a quem conhece e a quem não conhece, os números do futebol

27 respostas em “Sobre juízes, erros e estatísticas!”

E já está contratado o substituto do Gabriel, Thiago Santos, do América-MG. KkKkKkKkKk. Enquanto nossa base chupa o dedo, estamos fazendo a limpa no Coelho.

Está aí o resultado dessa diretoria que não sabe contratar p***rra nenhuma, contratou 9 atacantes e 4 volantes esse ano, no ano passado essa mesma diretoria contratou 10 volantes e 4 atacantes, afinal infelizmente essa diretoria contrata jogadores por quantidade do que qualidade, que na minha opinião deveria fazer uma planejamento correto por quantidade e qualidade nesse campeonato que é de pontos corridos. Já estou começando a ficar preocupado com a vaga na libertadores que esse DM poderá ser o ponto crucial para o Palmeiras nem se classificar na vaga na libertadores do ano que vem.

Piada do ano: “”Nobre defende árbitros e pede fim de papinho sobre clubes beneficiados”. É sério isso? Se sim… ‪#‎QueDesgosto‬”. A geni do futebol nunca aprende.

Impressionante, papo pior que de mulher de malandro. Impossível que nossos dirigentes não percebam as coincidências que nos prejudicam ano após ano e favorecem os mesmos de sempre.

Antigamente tinha o site ” Placar Real” que dava os ptos sem erros de arbitragem,inclusive não teríamos caído con essa contagem de ptos. Mas acho que essa obsessão com arbitros deveria acabar,sò no Brasil existe comentarista de arbitragem e dão esse valor a lances duvidosos, là fora o arbitro è lei, e respeita suas decisões, se erra muito saí fora. Nossa imprensa piorou muito e està atrapalhando o futebol brasileiro, adora explorar polemicas prà vender suas manchetes.Acho que temos que formar arbitros melhores e deixar de dar ibope prà reporter polemicos e torcedores.

Caro, é fácil explicar o “comentarista”de arbitragem nas transmissões, é só analisar historicamente a quantidade de lances duvidosos, polêmicos e tendenciosos por jogo e vai espantosamente entender o grau de influência da mesma nos jogos/campeonatos/ ligas…etc. Quantos e quantos títulos (e rebaixamentos) não foram decididos por ELES!? Em especial um timeco da zona leste que, constantemente, é beneficiado pelos “homens de preto”. Praticamente virou um Nicho de Mercado ter um comentarista de arbitragem em todos programas e transmissões.

Muitos gostam de dizer que não há complô. Afinal de contas, o presidente da CBF é Palmeirense! Eles odeiam o Andrés Sanchez! Como o Corinthians seria beneficiado pela CBF????????? Essas são palavras de muitos comentaristas do Sportv e da ESPN (atualmente os dois maiores veículos esportivos no Brasil). Apenas se esquecem de dizer que quem manda no futebol FAZ MUITO TEMPO não é a CBF, e sim a Rede Globo de Televisão. A mesma rede que passa mais de 50% dos jogos para SP do Corinthians. A mesma rede que investe milhões e após dois anos de campeonatos brasileiros fracos do Corinthians sabe que isso não pode acontecer novamente. Está aí para quem quiser ver. 2005, 2011 ( copa do BR) e esse ano que já está marcado. Podem ter certeza que daqui 3, 4, 5 rodadas os gambás serão prejudicados para que a mídia inteira possa falar que não há nenhuma contribuição e assim todos vão simplesmente esquecer de todos os benefícios que eles já tiveram nesse campeonato. Só não enxerga quem não quer. Quantos pênaltis foram marcados contra o Corinthians? Quantos foram marcados a favor do Palmeiras? E tem torcedor Palmeirense que caí nessa conversinha de imprensa gambá. O Mauro Cezar Pereira da ESPN adora falar mau dos gambás mas eu vi o programa de domingo passado depois da vitória do Palmeiras contra o Flamengo dele e ele estava possesso pelo os ~erros~ de arbitragem contra o Fla só que se esqueceu de dizer que também tivemos um penalti não marcado e que aquele ~penalti~ no guerreiro é MUITO discutível. Só não enxerga quem não quer.

Esse Mauro Cezar é um brincalhão, pra ele nada é penalti, ele até inventou a expressão “penalti à brasileira”. Mas quando é contra o Flamengo, aí ele muda de opinião rapidinho. Também assisti ao pós-jogo na ESPN e a expressão que vc usou é perfeita: ele estava possesso de raiva. Diz que é isento, mas no fundo é igualzinho os outros.

Marcelo Oliveira: Leandro Almeida não não não não não não!
Coloca o Daniel e o João Pedro no meio para marcar.
Mas Leandro Almeida não, pelo amor de Deus.

Eu tenho certeza que resultados de bastidores existam. E vem de longa data. Portanto juiz entra em campo para prejudicar ou auxiliar deliberadamente times , interesses pessoais e institucionais. Uma retrospectiva de jogos e titulos ganhos dessa forma é relativamente facil de fazer. E os beneficiados sao sempre os mesmos. Futebol é o retrato da sociedade que vivemos em nosso pais. Triste mas é a realidade, na minha opiniao.

Palmeirense tem que parar com esse mimimi de reclamar de arbitragem. Isso não existe no Brasil, é teoria da conspiracão. Time cheio de craques ganha todos os jogos, contra tudo e todos. Não existe diferença de critérios para os times, todos são iguais.

O CUrintia é lider e não é um time cheio de craques, aliás está muito longe disso, como também o Palmeiras. Se não podemos ter um time cheio de craques, já que nosso presidente tem um chefe que prega o “bom e barato”, então infelizmente temos que olhar pra arbitragem sim! E historicamente, dentre os times realmente grandes, nós sabemos bem que nosso Verdão sempre foi o time mais prejudicado pelos homens de apito.

A questão é q a mídia hj é composta basicamente de CUrintiano e urubus! E se o juiz erra contra eles caem de pau nos juízes nos programas esportivos pos jgs… Os quais pra mim poderiam ser extintos… Sem falar em juiz q são realmente torcedores. Tal qual o PC oliveira e seu irmão q sempre nos garfaram ou ajudaram seu ****** time…

Faltou outras variantes, que são os jogos que influenciam diretamente ao SCCP. Por exemplo, Atlético-MG foi prejudicado em 2 jogos, e mesmo os 5 pontos ganhos pelo SCCP também foram tirados pelo menos 2 pontos do rival direto.
Também tem as influencias indiretas como cartões e expulsões que tiram os jogadores chaves nos jogos que antecedem ao jogo do dito time.
E por ultimo, uma coisa que me levanta mais a suspeita, é a preocupação dos comentaristas esportivos em explicar que são erros dos juízes e não proteção ao dito cujo time, que o tal Andrez é inimigo do Marco Polo da CBF, mas não dizem que quem escala os juízes não é a CBF e sim a tal comissão de arbitragem cujo presidente é vinculado ao mesmo partido do Andres e ambos possuem interesses iguais na troca de comando da CBF. Ou seja, a mídia consegue inverter os valores com a simples omissão de um “detalhe” nas informações das “reportagens”.

E os bambis??? kakakaka
O Palmeiras deveria tentar contratar o Pato, esse cairia bem em nosso time, além de dar chapéu nos bambis. Chupa Wesley, kardec.
Quem sabe não dá para colocar no rolo com o Pato o Giroto, Amaral, Leandro Almeida.
Agora perdemos o Arouca para domingo, é ruim hein.

Pois é. Existem clubes, quase que, mágicos, que conseguem ter uma probabilidade dirigida, onde os erros de arbitragem, quase sempre, os beneficiam e os colocam no topo da tabela, e muitas vezes, os fazem campeões.

Estas coincidências são incríveis mesmo, umas aberrações matemáticas sem precedentes na história do universo.
Como por exemplo o fato de o sccp não ter tido nenhum pênalti marcado contra e o Palmeiras não ter nenhum marcado a favor.
Mas são só coincidências, qq um q constate os fatos e enxergue a REALIDADE é só um teórico da conspiração, um chorão…

kkkkkkk, Lucas, queria eu ter pensado nessa expressão “aberrações matemáticas”…. abs Tredinnick

Não é chorar Lucas é fato. Concordo que nenhum árbitro entra em campo, deliberadamente, para prejudicar algum clube. Mas aí vem o peso da camisa, e, principalmente, a pressão da mídia. Como a mídia favorece as maiores torcidas, na errônea suposição de que ganha, mais audiência, mais merchandise, esquecendo que se 30 milhões torcem à favor, os outros, digamos, 60 milhões são contra, fazendo com que o árbitro se sinta justificado. Então acontece o maior favorecimento à Urubuzada, Marginais e Leonoras. Agora existe sim, a marcação dos árbitros com certos jogadores. O que pode prejudicar, premeditadamente, um clube.

Renato, o Lucas foi irônico, ele disse que não existe coincidência tão grande, ou seja, não é possível que num campeonato equilibrado como o brasileiro, um time passe um turno inteiro sem um único penalti a favor, e outro sem um único penalti contra. Conclusão, a premeditação é evidente.

Tredinnick, esta expressão sempre me vem a cabeça qdo o assunto é arbitragem no BR, Hahahaha
Renato é como o Paulão escreveu.
Eu sinceramente acho q há um misto de ruindade dos árbitros e força de bastidor/ interesse.
Qtas jogadas de pênalti ocorreram contra o Palmeiras no turno? Consigo lembrar de umas 6 duvidosas e umas 2 muito claras e 0 pênaltis marcados. Foge só 1 tiquinho do q seria um desvio-padrão aceitável, não acha?

Os comentários estão desativados.