Categorias
Campeonato Brasileiro 2015 Jogos

Pós Jogo Chapecoense 5×1 Palmeiras: prá esquecer

 

O Palmeiras perdeu para a Chapecoense por 1×5 lá em Chapecó.

Prá esquecer.

De um lado um time que jogava como se fosse um faminto por um prato de comida.

De outro, um time que mescla bons e maus momentos. O de hoje foi péssimo. Parece que ficar longe do Allianz Parque e do apoio da torcida faz os jogadores palmeirenses murcharem. Foi assim neste domingo.

Ok que a ausência de Robinho e também de Thiago Santos prejudicou a armação e marcação. Do lado da armação, pouquíssimas chances de gol. Barrios praticamente não recebeu uma bola. Do lado da marcação, um desastre. E piorou com a saída do Arouca, machucado, ainda no 1o tempo.

MO também foi mal. Sem armador e com marcação falha, sem cobertura nas costas de Egidio, o Palmeiras era uma presa fácil prá velocidade pelas pontas da uma Chapecoense que, convenhamos, merece estar disputando prá não cair.

Agora o melhor é esquecer esse jogo. E dar graças que só voltaremos a jogar daqui a 10 dias. Dá prá esquecer o resultado de Chapecó. Mas tem que melhorar. Na próxima vamos jogar contra a embalada Ponte Preta, no Allianz. Sem Egidio e Jackson que tomaram o 3o amarelo.

Saudações Alviverdes!

382 respostas em “Pós Jogo Chapecoense 5×1 Palmeiras: prá esquecer”

O que me deixa indignado é a falta de cobrança do Presidente em cima dos jogadores após um resultado desastroso como esse. Pra mim esse resultado foi pior que o do Goiás no ano passado. Fomos goleados pelo lanterna do segundo turno que não vencia a 9 jogos . Nos tempos em que tínhamos dirigentes de verdade e não só administradores uma derrota dessas faria com que cabeças
rolassem. .

Só uma sugestão (ou comentário) sobre o título da postagem. Seria bom se pudéssemos esquecer um resultado como esse. O fato de perdermos, de novo, por um placar tão amplo, como vem acontecendo todo ano, seria mais um empurrão pro costume a esse tipo de situação; seria mais uma pá de terra no enterro do ‘gigante Palmeiras’ e mais uma colherinha de mingau pro ainda jovem, adolescente e ‘saudável’ ‘medíocre Palmeiras’. No entanto, talvez por ter vivido algum trecho da vida do gigante, parte da torcida se recusa a abrir mão de alguns hábitos, como o de se incomodar profundamente com resultados como o desse final de semana. Por conta disso, em vez do cérebro esquecer, esse é o tipo de coisa assombra a todos por tempos e tempos. Talvez o ‘acaso’ de ter acontecido num jogo contra mais uma equipe (verde) medíocre (casos de Goiás e Coritiba… não que a nossa paleta de cores seja tão limitada: amarelo – Mirassol; alvinegro – Figueirense; coloridas – Fluminense) faz dessa memória uma ainda mais grudenta, mais marcante.
Sendo assim, e talvez isso valha pra todo mundo, o título justo da matéria seria “Pra não esquecer nunca mais!”… eu sei que é o que vai acontecer comigo.

E as bambinas, talvez na pior crise de sua história, estão na nossa frente no campeonato. Realmente o Palmeiras está muito bem acostumado à mediocridade dos últimos 15 anos…

E o Arouca tá fora da semi-final contra as bichinhas do Rio. Outro Valdivia esse cara, sempre nos
jogos importantes ou tá suspenso ou machucado. Desde que chegou já é a terceira ou quarta contusão. Aturar Girotto e Amaral é dar adeus à Copa do Brasil.

o cara no santos se machucava pouco, chegou aqui foi só umas trés vezes esse ano, algo na preparação física do Palmeiras esta errada

tivemos a oportunidade de trazer um ótimo e bom técnico(pra chegar forte na libertadores e ganhar), que estava ai dando sopa disponível no mercado, preferiram o péssimo M.O…. que foi demitido do cruzeiro…. não vejo novidades adiante… só desespero.

Paulão, na época que o Marcelo foi contratado, tinha sim um ótimo técnico disponível, que hoje esta empregado, capaz de organizar nosso time, não vou citar por que é por uma questão subjetiva(ou seja ao meu ver), eu acredito que o técnico é a alma de uma equipe, Não acredito nesse Marcelo oliveira, não tem perfil de campeão de libertadores e mundial(que é apenas o que me interessa, campeonato paulista e brasileiro é lixo.) as equipe que ele forma ou o estilo dele de jogar não se adapta com equipe que jogam fechado e saem rápido em um contra ataque eficiente que é o estilo gaúcho e argentino de jogar…. lembre-se que fomos campeão da libertadores com um gaúcho no comando com uma equipe meia boca heim…
bom minha opinião, não sou o rei da verdade ou sabedoria, veja que existe um clube que é nosso rival, que entendeu que o estilo gaúcho ou argentino de jogar é a saída pra ganhar libertadores e etc…
Do mais resta torcer pra esse limitado e fraco Marcelo oliveira, com seu péssimo sistema, em que consegue arrebentar todos os volantes(pela carga de responsabilidade dos mesmos) dar certo no palmeiras.

Marcelo de Oliveira é um Técnico fraco, limitado, não treina a equipe e não consegue manter um padrão definido de marcação e saída de bola qualificada, só chutão.. acredita na sua intuição e no bom momento que vive.
foi uma péssima contratação. esse ano e o próximo perdido.

O time não é o melhor do Brasil, ok. Mas também não é ruim pra levar de 5 da chapecoense. Tem que colocar os culpados pra rua e ponto. Duvido se em uma empresa séria os colaboradores responsáveis por isso não estariam na rua.

Já que ops canelas de vidro não conseguem jogar dois campeonatos, abandone essa m. de brasileiro
e optem pela Copa do Brasil pra ver se pelo menos ganha um título. Não vejo vantagem nenhuma em
ir à Libertadores, ou vocês acham que teremos elenco pra competir com o falido Corinthians com um
Presidente que só contrata refugos. Vai acabar sendo eliminado por um Cerro Portenho da vida.

Melhor contratar o Tite que com jogadores normais e alguns cabeças de bagre consegue armar um time coeso.

Depois que o Palaia o mandou calar a boca e o demitiu em 2006, depois dele salvar o Palmeiras do rebaixamento, o Tite nunca mais pisa no Palestra Itália.

Todo mundo metendo o pau no Egídio e ninguém vê q o cara não é nunca foi e nunca vai ser Lateral. Ele é Ala e como Ala é um dos melhores do país. MO ta queimando o cara com esse esquema suicida dele. Aí o ano q vem o curintia contrata ele e o cara voa lá Pq lá o Ralf e o Elias cobrem as laterais e os caras q jogam abertos como o malcon vota toda hora pra ajudar na marcação. É f..da ver tanta incompetência no Verdão . os caras parecem q começaram no futebol ontem.

Passando somente pra colocar o post no topo dos mais “populares”

Fora M O!!!
Felipão, Wanderley Luxemburgo, Muricy, Guardiola ou AnoqueVem já!

Essas derrotas vexatórias tem 2 viés: o lado bom…(se e’ que ser goleado pode ser) . Assim, o time zoado será cobrado até entre os jogadores e entrarão com a faca nos dentes contra a Ponte em 10 dias, e o outro, PÉSSIMO… pois, os politiquentos das piscinas se ouriçam. E o pior e’ que evocam goleadas sofridas de até 10 anos atrás pra atacar o time. Pra esses politiquentos (que fazem politicas das piscinas, o que interessa e’ tentar mamar nas tetas de alguma forma no clube). Pra essa gente, por causa dessa goleada, tem que trocar tudo…e claro, principalmente o presidente e diretoria. Tem até algumas topeiras que “empurram” chefes de torcidas organizadas pra presidência. Kkkkkkkkk. Mais patético, irresponsável e apelativo, impossível. Como se fosse fácil gerir um clube GIGANTESCO COMO O PALMEIRAS, e um amador faria isso molinho e transformaria o Palmeiras num Barcelona. Sobre o jogo: Perdemos e jogamos mal? Sim!!! Mas, não e’ o fim do mundo. Estamos no bolo do G4 e na semifinal da CB, com CHANCES REAIS NAS 2 COMPETIÇOES. Só que, pra isso, temos que jogar completo, ou com o menos desfalque possível. Ontem foi uma tarde onde tudo deu errado… da escalação a mudanças. Tarde infeliz do time e do BOM M.O. E essa parada será boa demais, pq irá recuperar alguns machucados e dar uma folga pra quem jogou a maioria dos jogos. Contra a Ponte teremos um meio totalmente diferente, com: Thiago Santos (fez muita falta ontem), Arouca (deverá se recuperar) e Robinho (tbm recuperado). E ainda teremos o Zé Roberto na lateral. Como se vê, completamente diferente e reforçado. No mais, acho que G.Jesus deveria pegar banco e por Allione e colocar Rafa Marques no Barrios, pois, ele já estava entrosado antes, e Barrios ainda não se adaptou. Além de muito lento e sem combate. Vamos meu Verdão!!! Estamos no páreo nas 2 competições.

Sensato o comentário. Estava vendo o pré-jogo
no Sportv e mostraram as duas equipes chegando
ao estádio. Chapecoense chegando pra uma decisão,
Palmeiras pra mais um jogo. Em campeonato equilibrado
não se pode entrar desconcentrado. Não é apenas mais um
jogo, é sempre mais uma decisão.
Pior é achar que está tudo errado.
Quanto ao G. Jesus, alguém deve ter falado que pra ser craque
tem que driblar o tempo todo. Jogar simples é muito mais efetivo
e faz o jogador aparecer muito mais.

Realmente, estava faltando levar a goleada do ano para um time ridículo. Depois o torcedor que é bipolar. Mas será que o MO não sabia que muitos jogadores estavam desgastados depois de quarta feira? Talvez um time misto até perderia o jogo, mas não levaria esse atropelo. Colocasse o Alcione de titular, o Felipe Gabriel pra jogar pelo menos 3/4 do jogo, até pra ver se ele serve pra alguma coisa. Não é possível que ele ainda não aguenta jogar, meio tempo que seja. Coloca o Jesus no banco pra ver se ele abaixa a bola, tá achando que é quem? Lucas de meia, que merda de treinador é esse?

A inexistência do meio-campo ontem foi mais do que visível. O Dudu (que não é meia) ficou sozinho entre 4 jogadores da Chapecoense… não é possível que o F. Gabryel e Allione não pudessem jogar pelo menos meio tempo.

Desta vez, todos os problemas que já temos foram potencializados, Guto Ferreira (!?) não teve trabalho para anular o Palmeiras… Com um meio-campo inexistente, C. Santana e Camilo tiveram total liberdade para organizar o jogo… os 4 atacantes e mais o egídio não marcavam ninguém e os gols saíram ao natural. Salvo engano, todas as jogadas de gol iniciaram pelo lado esquerdo… Amaral, depois Girotto e Lucas, não conseguiam sair jogando (até porque não tinha meio-campo) e a bola era rifada o tempo inteiro… Egídio foi uma nulidade total, o pior entre os piores… senti pena do Amaral e do Girotto… as únicas ressalvas foram o V. Hugo e o Dudu, sacrificado no meio… Quanto ao M. Oliveira, nada justifica ele armar o time sem meia, com o Allione o F. Gabryel (este cara deve ser muito ruim, não entra nem 5 min.) no banco… Esperamos que não tenha sido nada de mais com o Arouca.

Bom, pelo menos o Palmeirense esta com sorte no amor…. hahahahahahahahah

Resultado pra esquecer. E esquecer como cara palida?? Esquecer igual esquecemos os resultados contra Mirassol, Goias, Parana?? Esse resultado jamais será esquecido, entrou pra história, assim como esse presidente de mer.da que nada entende de futebol… Ano que vem será a vez de quem nos golear? Mogi? Guarani? Remo? Ibis?

Lucas de volante??? Amaral, Giriotto, Giroto, Egídio, Jackson ,,,,,,,,,,,
M Oliveira com certeza achava que ganharíamos fácil.
Será que o corpo mole não é por causa do salário do Barrios.
G Jesus, sou seu fã cara, mas abaixa a bola, você tem muito o que mostrar ainda.
Volta Tirone e Frizzo!!!

Constatações: 1) M.O. é um treinador comum, como tantos que tem por aí escala mal, substitui mal; só tem um esquema de jogo, sempre faz as mesmas substituições, não tem criatividade nenhuma.
2) PN não sabe nada de futebol e o Mattos também não sabe muito; contratar 26 jogadores quando prestam apenas 04 é sinal de incompetência. Quem indicou Barrios ao Palmeiras não pode ser palmeirense; nenhum time da Europa se interessou por esse jogador: lento, ontem conseguiu passar 90 minutos sem fazer NENHUMA finalização, em outros jogos as chances que tem desperdiça, inclusive penalti, é inacreditável; contrataram o Alekssandro, pesado, em final de carreira; e liberaram o Leandro Pereira, nosso melhor centroavante.
3) Quanto ao Egidio, afirmo com segurança, é o pior lateral marcador que vi jogar em mais de 40 anos.
4) Enquanto isso PN conta o nº de sócios.

Não dá para passar pano em uma derrota como esta, todo mundo em culpa: treinador, jogadores, diretor e presidente. Perder faz parte do esporte, mas o que vimos ontem foi VERGONHOSO. Já passou da hora dos discursos motivacionais e das desculpas, todo mundo lá recebe em dia, então tá na hora de começar a jogar com um mínimo de vontade (GJ, RF, Egídio, etc….) ou então amargar banco e também já passou da hora de cobrar o MO para que ele faça o que se espere dele. Monte um time com variações táticas.

Opa, o técnico tem que ser cobrado sim. Ele afirmou que o Palmeiras possui um dos melhores elencos do país.
Agora, o que acontece com o meia de ofício que o time tem? Por que o técnico não coloca o cara de jeito nenhum?
Somos obrigados a aceitar a ruindade de alguns jogadores, mas VAGABUNDAGEM é demais.
Por fim, eita clube que tem jogadores contundido, hein?

O Gabriel J., Barrios e Egídio merecem banco. Não estão jogando nada. Pior, atrapalham.

porque contrata mal, errou na contratação de todos os zagueiros inclusive o Tóbio que já está sendo contestado no Boca. Além disso, me parece que os jogadores não são devidamente cobrados, nem pela torcida e nem por quem os contratou..

Paulinho chegou aos gambás vindo do Bragantino.
Rildo da Ponte, Edilson do Botafogo. Lucas Lima era
contestado no Sport.
Esquece de onde vem jogador. A grande maioria dos
jogadores hoje são ruins, independente de onde
jogam ou foram formados.

Não sou de defender diretoria mas esse ano os caras fizeram oq tinha de fazê. Nenhum time brasileiro tem condição de desmontar um time inteiro e contratar uma seleção no outro ano. Ainda assim o PN e o AM montaram um elenco na média do futebol atual no país e pra mim a responsabilidade de não obter maior sucesso é dos dois técnicos q passaram por aki esse ano. Ex: Corinthians e Santos no começo do ano eram motivo de chacota nossa. Estavam falidos, em desmanche etc…perderam jogadores mas arrumaram a casa e hj junto com Atlético MG e grêmio são os melhores times do país. Aí eu pergunto: esses times tem algum super craque? Esses times tem ótimos jogadores em todas as posições? Pq só o Palmeiras não consegue?

“Jogador brasileiro é tudo vagabundo e mercenário”…./pelo jeito todos eles vem só pró Palmeiras então Pq lá no Gambás os caras tão com salário atrasado e vão ser campeão.

muito simples Caio, desde a saída da Parmalat o Palmeiras só contratou quantidade e bem pouca qualidade, técnico que fazia milagre já morreu ( Telê Santana ) portanto não adianta um grande treinador se o elenco é fraco. Entra Presidente, sai Presidente e faz-se sempre a mesma coisa, vão
buscar revelação so São Caetano, do América MG, jogadores sem tarimba sem um curriculum ganhador. Junte-se a isso o péssimo desempenho do departamento físico e médio e um Presidente que contrata um jogador por amizade (Clayton Xavier ) sem preocupar-se com suas condições físicas para atuar num campeonato tão difícil como esse, jogando no lixo R$400.000,00 do sócio torcedor todo mês. O lucas Barrios foi outra furada, vinha caindo de produção atuando num time desconhecido da França e lá vai o palmeiras mais uma vez contratar sem critério. Enquanto isso perdeu-se Pratto Çucas Lima e outros, além de não saber formar bons jogadores na base porque quem cuida disso não é do ramo, não sabem contratar e aí querem jogar tudo em cima do treinador que não é milagreiro.

Tenho certeza que esse time vai treinar exaustivamente durante 10 dias e no primeiro escanteio gol dois caras. Os zagueiros contratados ( todos ) não sabem sequer se posicionar, são todos fracos ( Vi
tor Hugo é o melhorzinho ) e não é treinamento que vai ensiná-los a jogar, basta ver o curriculum dos caras, mas o mais importante é que são todos baratinhos.-

Não li todos os comentários, no entanto, não posso deixar de elogiar a precisão, de bisturi, com que Sérgio Ricardo e Eduardo Augusto, com verve e amargura inevitáveis, apontam as mazelas deste clube tão glorioso e tão apequenado…
Pequena reflexão: MO errou, e errou feio? E não foi a primeira vez? Sim, para as duas perguntas, sem dúvidas. Mas o que se passa neste clube? Reparem, de 2008 para cá contratamos praticamente todos os treinadores considerados ‘de ponta’ do Brasil, revelação da América do Sul, trouxemos vários jogadores que foram eleitos o melhor da posição deles na edição anterior do Brasileiro e… todo mundo vira besta, burro e perna de pau ao trabalhar no Palmeiras (vejam, não estou criticando quem critica técnicos e jogadores que não deram certo). O que espanta é que ninguém que dá (muito) certo em outros clubes rende no nosso. Certo, ganhamos dois títulos, mas como já foi apontado nos comentários, várias vezes, foram muito mais fortuitos que frutos de planejamento, elenco forte, direção competente, etc. Entra ano, passa ano e a mesma toada. Desesperador. Alguém arrisca uma explicação que não seja superstição ou puro achismo?

Não sou a favor de ficar trocando técnico a todo momento mas é preciso acertar na escolha. MO provou q nao vai arrumar a defesa, nosso sistema defensivo é uma lástima e não é culpa só dos jogadores. É inadmissível ver o Prass pegando a bola toda hora ter a opção de sair jogando com laterais ou zagueiros mas preferir dar um chutão pra ver se o RM mata no peito ou escora pra alguém correr. Isso não é futebol e um técnico de verdade já tinha dado um jeito nisso. Frustrante ver um ano tão promissor se tornando em mais um 2014.

Técnicos brasileiros são muito fracos…muito limitados…o MO é a prova disso. Só sabe montar time num estilo de jogo só. Se der sorte de montar um elenco com jogadores q encaixam no seu esquema blz (cruzeiro) mas se chega num time com elenco já montado e com características q fojem ao seu esquema de jogo simplesmente não saem do lugar, não tem capacidade de se reinventar de montar um padrão utilizando os jogadores q tem a disposição. E ainda ganham de 300 picanhas pra cima….TCS TCS tcs

O problema nunca foi treinador e SIM jogador, pode colocar até o Pepe Guardiola ou qualquer outro de nível que não vai dar certo no Palmeiras e olha que não é de hoje. JOGADOR BRASILEIRO É TUDO VAGABUNDO E MERCENÁRIO!!!

O ano passado o Lucas lima não veio pro Palmeiras porque o Santos ofereceu R$ 50.000,00 a mais
e o Palmeiras como estava falido não podia pagar. São esses erros que nos deixam todo ano nessa situação, o cara paga meio milhão por mês pra esse morto do Barrios e não teve a visão de contratar oque falta pra esse time.

Tivemos chance (mais de uma) de trazer o Lucas Pratto, e ele foi para o Galo. Durante muito tempo (pelo menos desde que acompanho futebol, há 42 anos) o Palmeiras perder jogador para o Atlético Mineiro seria uma piada. Há pelo menos uns quatro anos que não dá para criticar quem prefira um clube sério, organizado, comprometido com vitórias (endividado sim, mas ciente de que clube de futebol não é banco pra dar lucro) e que tem disputado de verdade praticamente todos os títulos nos campeonatos de que participa em detrimento de uma camisa centenária com glórias inigualáveis em sua história mas que vive do passado e que se afasta a cada ano que passa o protagonismo no futebol.

Nunca pensei que um dia leria isso: o Atlético-MG ” tem disputado de verdade praticamente todos os títulos nos campeonatos de que participa”. Sinal dos tempos. A derrota para a Chapecoense foi um desastre, irrita e entristece, mas não podemos achar agora “que o clube acabou”. Temos que esfriar a cabeça – há a pausa de cerca de 10 dias – e tomar consciência que estamos bem em 2 competições. Dá para fazer desse limão uma limonada sim. Mas dependerá, e muito, do Marcelo Oliveira. Vamos ver se ele terá essa competência.

E do jeito que a Macaca apertou os Gambás, não sei não…tem que ir com uma espada de samurai nos dentes

Não duvido nada, Gustavo. No começo do ano, a Ponte do Guto Ferreira (estamos virando fregueses de qualquer um…) veio aqui e ganhou de 1×0. Hoje ela está jogando muito mais que nós, então usando apenas bom senso o resultado mais surpreendente seria uma boa vitória do Palmeiras.

Anotem a escalação de hoje da Chapecoense. Em janeiro, pelo menos uns três desses desembarcarão por aqui, junto com mais uns quatro ou cinco do América Mineiro, e quem sabe uns dois do Goiás, que nos derrotou nos dois turnos. Assim, formaremos o esquadrão que vai “disputar todos os títulos” em 2016. E já é bom avisar que só vai poder criticar quem se candidatar a presidente e puder fazer melhor que isso, ok?

Tem gente que lá no quinto comentário botou 4×1 pra nós, desapareceu do fórum e depois fica execrando quem não elogia. Por que não vem debater agora, por que não diz que quem critica hoje vai ser presidente ou diretor do clube no futuro para assim fazer melhor? Será que os argumentos acabaram ou acabou se engasgando com a própria arrogância?

É por isso que o Palmeiras todo ano não ganha nada, e ainda tem gente que diz que a torcida é chato…, é corneteiro… !! Nós palmeirenses temos é que exigir mesmo e sempre se não vira bagunça!!!

Cadê o gênio que comentou aqui que “seleção para o Vitor Hugo é questão de tempo”? E o cara do “Paulo Nobre devolveu o orgulho ao torcedor palmeirense”? E que tal “não devemos nada a elenco algum do Brasil”? Vou mais longe, no começo de 2013: “Com PN só vem coisa boa por aí”. Sou corneta, predador, profeta gambá do apocalipse, mas não sou cego.

Já que ele gosta de enfiar o Lucas na meia, por que não testa o Victor Hugo de centroavante. Tá tudo uma várzea mesmo, de repente dá certo.

Deveria jogar com Rafael Marques e Barrios na zaga (nunca acertam o gol, mesmo), Vitor Hugo de atacante fixo na área, Egydio de ponta esquerda e o Prass de meia fazendo lançamentos. Pior do que isso que vimos hoje, não ficaria.

Tem uns 10 comentários meus na moderation. Se a defesa do Palmeiras segurasse os ataques adversários assim, seríamos campões de tudo.

Chapecoense 5 x 1 Palmeiras

Na cidade em que mais se mata porco no mundo, o destino palmeirense não poderia ser diferente. Mas nem o mais pessimista torcedor do Palmeiras poderia prever tamanho massacre.

5 a 1 para a Linguiça Atômica, que se afasta da zona de rebaixamento e, de quebra, atrapalha o sonho alviverde de se manter no G4.

Um fato curioso foi a lambança feita pelo árbitro Jailson Macedo Freitas, que expulsou lateral Egídio e depois voltou atrás, fazendo com que o atleta retornasse do vestiário.

Apenas Pelé passou por situação parecida, quando também teve que voltar do vestiário após uma expulsão, em 1968, por pressão da apaixonada torcida colombiana presente no estádio El Campín, em Bogotá.

O outro fato inusitado foi o gol de Ananias, autor do primeiro gol da história do Allianz Park. O maranhense se consolida cada vez mais como um dos maiores carrascos alviverdes da atualidade.

Mesmo com 41 anos, o Papai Smurf é melhor que o Egídio na lateral…

Há uns meses escrevi aqui que tínhamos um técnico nota 9 para um time nota 7 e um elenco nota 5. Errei. O técnico é nota 6, o time (com os melhores “titulares” que conseguir reunir) é nota 4, o elenco é nota 2 e pela progressão aritmética vocês já imaginam a nota da diretoria…

se tem uma coisa que eu queria saber é pra onde esta indo o dinheiro do avanti, as rendas já que a crefisa esta pagando todas as contratações

Só se for pra comprar bolacha “Club Social” pois pelo que tenho acompanhado o clube também está uma draga. Certamente o bolso de muita gente deve estar adorando essa situação: o gigante agonizante que nunca morre nem deixa de render.

Os comentários estão desativados.