Categorias
Jogos Paulistão 2016

Pós Jogo Palmeiras 1×0 Corinthians: Prass, Dudu e cia

 

 

O Palmeiras fez uma partida quase perfeita contra o Corinthians. Ganhou de 1×0, melhorou sua classificação no grupo 2 do Paulistão (só depende do Verdão para se classificar para as finais) e de quebra encheu o time de moral para encarar o Rosário na próxima 4a feira na Argentina.

Cuca foi muito bem e começou a mostrar trabalho. Primeiro porque não colocou como titulares nem Dracena nem Lucas. Preferiu manter a zaga com Thiago Martins e Victor Hugo. Jean ficou na lateral direita.

E armou uma verdadeira armadilha para Tite. Que caiu nela. Gabriel Jesus funcionava como um pêndulo entre o lado direito e esquerdo do ataque. Gabriel (muito bem) anulou o meia Guilherme. Arouca ajudava no ataque. Zé Roberto fechava o meio. Alecsandro saía da área para buscar o jogo. E o time jogava pressionando a saída de bola.

Funcionou. No primeiro tempo o Palmeiras jogava no campo do adversário que teve apenas uma chance (chute prá fora). Já o Palmeiras teve chance com Gabriel Jesus e um lance inusitado de Fernando Prass que da intermediária quase surpreendeu Cassio.

Mas faltava algo pro Palmeiras. A bola não chegava bem pro ataque… faltava o último passe e a finalização.

Veio o 2o tempo. A dúvida era se o Palmeiras conseguiria manter a pressão do 1o. Alecsandro perdeu gol incrível, mais mérito de Cássio que demérito do atacante. Já se percebia o gás faltando no Palmeiras. Até que numa jogada quase sem risco Thiago Martins comete pênalti. Lucas bateu e Prass mais uma vez defendeu.

E aí veio o futebol na sua melhor essência: 1 minuto depois falta na intermediária corintiana. Egidio bateu, Zé Roberto desviou de cabeça e a bola foi para no alto dos 1m66cm de Dudu (que havia entrado minutos antes)… de cabeça mandou para o gol do 1m95cm de Cássio, que saiu de forma atabalhoada.

Gol do Palmeiras.

A partida ficou tensa porque os jogadores palmeirenses cansaram e começaram a sentir câimbras. O Corinthians foi prá cima com Danilo em campo. Deu em nada. Fim de papo. 1×0. Vitória e tudo de bom que traz um resultado desse tipo.

Destaques:

Cuca pela armação do time, Victor Hugo muito bem, Gabriel, anulando Guilherme, Jesus levando muito perigo e claro Dudu, que entrou prá fazer o resultado. Mas o melhor foi Prass: o homem do jogo por uma defesa. E que defesa.

Captura de Tela 2016-04-03 às 6.02.28 PM

Saudações Alviverdes!

***

Pré Jogo

O Palmeiras pega o Corinthians na tarde deste domingo, 16 horas no Pacaembu. O mando é alviverde.

Cuca vem a campo depois da 1a vitória na última 5a feira contra o Rio Claro. É a chance de conseguir uma boa vitória e dar moral para a partida decisiva contra o Rosário no meio de semana.

Edu Dracena volta após cumpriu suspensão pelo terceiro cartão amarelo. Dudu foi relacionado e pode entrar já como titular. Matheus Salles suspenso por 3o cartão amarelo e Cristaldo (dores musculares) estão de fora. Uma possível escalação do Verdão é a seguinte: Fernando Prass; Jean, Edu Dracena, Vitor Hugo e Egídio; Thiago Santos e Arouca e Robinho; Gabriel Jesus; Alecsandro e Lucas Barrios (ou Dudu).

Do lado de lá

Elias volta a ser escalado por Tite após 50 dias se recuperando de lesão.O Corinthians deve jogar com Cássio; Fagner, Felipe, Yago e Uendel; Bruno Henrique; Giovanni Augusto, Elias, Guilherme e Lucca; André. O Corinthians já está classificado em seu grupo.

Arbitragem

A arbitragem é de Flavio Rodrigues de Souza, auxiliado por Carlos Augusto Nogueira Junior e Anderson Jose de Moraes Coelho. Esse ano o árbitro apitou um jogo do Palmeiras (contra o São Bento, 2×2) e dois do Corinthians (derrota pro Santos por 2×0 e empate com a Ponte em 2×2). (fonte: soccerway.com)

Confronto direto (fonte: porcopedia.com)

Geral

Confronto Jogos Vitórias Empates Derrotas Gols Feitos Gols Sofridos Saldo de Vitórias
Palmeiras x Corinthians 358 126 110 122 514 472 +4

 

Por Torneios

Campeonatos Jogos Vitórias Empates Derrotas Gols Feitos Gols Sofridos Saldo de Vitórias
Libertadores 6 3 0 3 10 10 0
Brasileiro 45 14 17 14 56 46 0
Paulista 205 69 61 75 299 279 -6
Roberto Gomes Pedrosa 7 4 3 0 9 4 +4
Rio-São Paulo 29 16 6 7 58 36 +9
Taça Cidade de São Paulo 10 4 2 4 20 20 0
Outros Torneios e Taças 41 10 16 15 58 64 -5
Amistosos 8 2 3 3 13 13 -1

 

Conclusão

Dérbi é dérbi. Se vencer, todos os problemas serão esquecidos.

Saudações Alviverdes!

 

223 respostas em “Pós Jogo Palmeiras 1×0 Corinthians: Prass, Dudu e cia”

Sobre a lesão de Dudu, tem um benzedô caboclo “pai João” ou a benzedeira Dona Benta que deveria trabalhar no DM no lugar destes médicos que não recuperam ninguém ou mandar Dudu fazer tratamento pelo SUS. E quando aquele jogador de enfermaria, um tal de CX, quando volta??

Se o Roger Guedes for bom mesmo, quem vai sair para não inchar mais o elenco? Reforçar time é isso, chega um mais forte vaza um mais fraco. No nosso caso dá pra vazar uns três.

Segundo reportagem que li, o Palmeiras mandará vários jogadores que não estão nos planos – 3, 4, até 6 jogadores! -, para o Criciúma disputar a Série B. Se for isso mesmo, acho que é um bom negócio. O Roger Guedes tem apenas 19 anos, então tem de se dar um crédito e ainda nos livraríamos de vários “baciáveis”.

Pois é, precisa ver quem serão esses cinco ou seis. Hoje, alguém duvida que se empreste o Matheus Sales “pra ganhar experiência” (não que eu concorde, estou tentando “pensar” com a “cabeça” desses dirigentes…) e se mantenha o inútil do Arouca, só pra dar um exemplo? E outra: nessa história de trocar “cinco por um com vantagem para os dois lados” só quem costuma cair é o Palmeiras, em todo caso vamos aguardar. Vou dar muito, mas muito crédito mesmo quando trouxerem um meia nota 9 pra cima e outro nota 8 para chegarem chegando.

A propósito, quando será contratado um meia de qualidade?

Vai que o time comece a jogar bem, consiga classificação para a próxima Libertadores correndo o risco de outro presidente aparecer na foto levantando a taça, isso é algo inadmissível para o colecionador de porquinhos…

Não sei não, mas se botar o Victor Hugo de centravante ele faz de oito gols em 63 jogos.

Aposto que faz muito, mas muito mais. No mínimo 25. O que não dá para aceitar é isso: podem até ter descoberto o futuro Fenômeno do futebol mundial, mas contrato de cinco anos? E se for mais um dos tantos craques catarinenses que nos encheram de alegria nos últimos anos, como Rivaldo genérico, Tiago Real, Ivo, Pedro Carmona, Juninho Pampers? Será preciso algum físico nuclear renomado para explicar pra esse pessoal que Quantidade é diferente de Qualidade?

O avião sem piloto e os caras insistindo em contratar aeromoça, stewart, carregador de bagagem, catering, equipe da limpeza do avião…..

8 gols em 63 jogos. Aí vai: 2 gols no Metropolitano de Blumenau (em jogos diferentes), 1 gol no Inter de Lajes, 1 gol no Avaí, 1 gol no o Boa Esporte, 1 gol no Vitória-BA, 1 gol no Guarani de Palhoça e 1 gol no nosso eterno freguês S. C. C. P. 8 gols em 63 jogos.

Antônio, como você é da região certamente conhece o garoto melhor que a imensa maioria dos colegas de 3vv, então merece um voto de confiança. A pergunta que fica é: precisava ser contrato de cinco anos? Os Weldinhos e Capixabas da vida já não deveriam ter ensinado alguma coisa aos dirigentes palmeirenses?

Os comentários estão desativados.