Categorias
Brasileiro 2016 Resenha dos Jogos

Pós Jogo Palmeiras 4×0 Atlético PR: prá empolgar

 

 

Começou o Campeonato Brasileiro 2016. E o Palmeiras começou empolgando. Meteu 4×0 no Atlético PR. E jogando muito bem.

O time de Cuca desde o início se impôs e não permitiu nenhuma ameaça do time paranaense. O Palmeiras veio a campo com Prass, Tchê Tchê, Thiago Martis, V. Hugo e Egidio; Salles, Jean, C. Xavier; Roger Guedes, Barrios e Gabriel Jesus.

E desde o início só deu Palmeiras. Cleiton Xavier mostrou porque a torcida pedia um 10 há muito tempo. Criou as melhores chances e participou diretamente de 3 gols. Logo aos 19 minutos lançou Gabriel Jesus, que passou para Róger Guedes finalizar.

No segundo tempo, logo no início, CX recebeu na entrada da área do lado esquerdo e cruzou para Gabriel Jesus fazer 2×0. Logo depois, aos 7, novamente Cleiton Xavier bateu escanteio e Thiago Martins de cabeça fez 3×0. E no final, aos 41, novamente com Gabriel Jesus.

Aliás G. Jesus e Cleiton Xavier foram os melhores em campo. Também Tchê Tchê estreou bem, com muita personalidade. Ainda é primeira rodada mas percebe-se que Cuca não só arrumou bem o time taticamente como está fazendo os jogadores crescerem em campo.

Agora é comemorar. 3 pontos na conta com goleada.

Saudações Alviverdes!

***

Pré Jogo

Depois de uma longa espera o Palmeiras volta a campo na tarde deste sábado para receber em seu estádio o Atlético PR pela R01 do Campeonato Brasileiro 2016.

Cuca teve duas semanas de treino na Academia mais um período em Atibaia para formar o time que vai disputar esse Brasileiro. Terá Cleiton Xavier, Roger Guedes, Tchê e Tchê como reforçoa, e Barrios – que pediu dispensa da seleção paraguaia na Copa América. É um novo começo para implantar sua filosofia tática e motivacional.

O time que jogou contra o Guarani em amistoso no meio da semana e que treinou na 5a feira foi Fernando Prass; Tchê Tchê, Thiago Martins, Vitor Hugo e Egídio; Matheus Sales, Jean e Cleiton Xavier; Róger Guedes, Gabriel Jesus e Lucas Barrios. Esta deve ser a formação para a estreia contra o Atlético PR.

O adversário

O técnico Paulo Autuori terá de volta sete titulares que não jogaram pela Copa do Brasil durante a semana. Mas tem duas dúvidas para o jogo: na direita, Eduardo e Léo disputam vaga. No meio, Vinícius e Pablo são as principais opções (fonte: Globoesporte.com).

Um provável Atlético-PR para a estreia, portanto, tem Weverton; Léo (Eduardo), Paulo André, Thiago Heleno e Sidcley; Otávio, Jadson e Vinícius (Pablo); Ewandro, Nikão e Walter.

Allianz Parque deve ser nosso caldeirão. Tudo para começar bem este campeonato. Afinal 3 pontos na R01 valem o mesmo que na R38.

Sorte ao Palmeiras.

E como sempre, já sabe: deixe aqui seu comentários. Este será o post do pós jogo!

Saudações Alviverdes!

 

211 respostas em “Pós Jogo Palmeiras 4×0 Atlético PR: prá empolgar”

Atacante Rodolfo foi emprestado para o XV de Piracicaba? Mais um com chances, praticamente zero, por aqui.

Recentemente o K9, perdeu o filho de 3 anos, com uma complicação no sistema digestivo, o cara é do bem, merece ter sucesso na vida.

Sabe quem está indo pra lá, também? ¼ de Hernán Barcos: Rondinelly.

As meninas já eram. Já achava q eles não iriam aguentar com o Atlético Nacional em condições normais. Qto mais agora depois de uma Vitória como essas q enchem o time de moral. Empate no panetone e vitória fácil na Colômbia. Os bambis estão se borrando todo fora de casa.

De boa, podemos dizer isso com uma vela na mão rezando pra dar certo. O SPFC não tem absolutamente mais nada a perder, além disso nos últimos dois anos o campeão se classificou na fase de grupos na bacia das almas e chegou ao título. Se a partida fosse na semana que vem, essa moral toda do jogo de ontem poderia pesar, mas até julho muita coisa vai mudar, lá e cá. Não duvido que as meninas possam ganhar do Atlético Nacional, que na primeira fase pegou um grupo fraco, penou para eliminar o Huracán e sofreu contra o Rosario, que teve a bola da classificação já nos acréscimos e desperdiçou. Se as gazelas vencerem no Morumbi sem levar gols, acho que vamos ter que aguentá-las na final, e aí…

A camisa do Atlético Nacional é verde, tem tudo pra dar certo a classificação colombiana, e podem usar a Academia de futebol pra treinar e dar sorte!

Ainda bem que Rosario e Nacional vazaram da LA. Que o grupo do Palmeiras não era fraco (como muitos pregaram antes da competição) já era sabido, mas ser eliminados, na fase de grupos, por um possível campeão (e/ou vice) poderia causar um deslumbramento retroativo.

Ainda tenho a impressão q poderíamos chegar longe e até ser campeão da libertadores. PN juvenil não fez a lição de casa e jogou o primeiro semestre no lixo. O jogo entre boca e nacional mostra bem o nível da competição tecnicamente fraco. Só o Atlético Nacional bota um pouco de medo, mas mesmo assim nada de tão espetacular tbm.

O deslumbramento retroativo aconteceu sim, Gustavo. Depois que os dois times que nos eliminaram (na verdade, foi o Nacional, que disputou dez partidas na competição e só venceu duas, adivinhe contra quem…) também deixaram Grêmio e SCCP para trás, pintou aquele papo de que “perdemos para os melhores times da América”, “o futebol uruguaio é o tal” e outras costumeiras baboseiras que tentam atenuar o amadorismo e a incompetência da nossa atual gestão. Quem tem um mínimo de senso crítico não caiu nessa arapuca. E falando em Rosario, o atacante Marco Ruben parece ser muito bom, mas não deve se encaixar no “padrão Mattos de contratação”, né?

Não vi ninguém falando que o Rosário e o Atlético eram “os melhores times da américa.” mas sim, eram bons times. Melhores do que nós. Do jeito que era dito, parecia que tínhamos perdido do Criciúma da américa. Você vai muito longe pra criar uma conexão com uma crítica a diretoria. Tem momentos de criticar e momentos de apoiar.

A fase do mata-mata da libertadores é outro campeonato. Uma pena o time do Palmeiras não ter levado a sério. Dava para levar esse ano. Olha ai , o time do Boca eliminou o Nacional.

Champions League, Europa League, Libertadores, Copa do Mundo… Qualquer torneio nesse formato é um na fase de grupos (verdadeira feira das nações) e outro completamente diferente nos mata-matas. Entrar no torneio para passear pela América é para times da Venezuela, Bolívia, Peru, alguns paraquedistas dos outros países e clubes com gestão amadora. A obrigação mínima de um time que se diz grande é passar pela primeira etapa, depois uma partida perfeita ou uma noite desastrosa podem selar o destino da competição, e isso é perfeitamente compreensível e na maioria das vezes aceitável.

Sei não. Foram dois pegas pra capar do caramba, tanto Boca X Nacional, quanto A. Nacional X Rosario. Se o Palmeiras entrasse com a verminose que entrou contra o SFC, não teria a mínima chance.

Curiosa a situação do Galo. Na penúltima partida do Brasileirão de 2015 o técnico era Levir Culpi, na última foi Diogo Giacomini, na primeira deste ano era o Aguirre, na segunda será Carlinhos Neves e talvez até a terceira haja outro comandante. Fala-se no Gargamel, tomara que se confirme, assim seria um rival a menos…

É verdade que o time que o Marcelo Moreno, o Changchun Yatai, está lutando para não cair no Chinesão? Não foi o pai dele que disse que o filho não joga em time fracassado? Kkkk

E o o Barrios saiu do treino mancando com as próprias pernas? Ô Patôô?!!

Essa libertadores está sendo para o time das meninas o que a copa do brasil 2015 foi para nós. A conta e o peso na consciência tem de ir direto ao nobre presidente , que prometeu um time para ser campeão. Ele mentiu e as meninas tem tudo para serem campeãs.

O Palmeiras fez jogos muitos ruins fora de casa na semifinal e na final, fora isso eliminou Cruzeiro e Inter sem perder um jogo, apesar dos sufocos. O SPFC tem sido absolutamente covarde em todos os jogos fora de casa. Mesmo longe de apresentar um futebol que enchesse os olhos, a campanha do Palmeiras ano passado foi bem melhor que a dos Bambis agora, mas com o atual nível do futebol aqui na América não duvido que eles ganhem essa.

Palmeiras querendo o Rithelly do Sport. Mais um volante!!!!!!!!!! Slc…queria entender tanta obseçao por volantes. Ainda se fosse Toni cross ou Xabi Alonso. Mas o Rithelly??????????

Engraçada a forma de pensar da diretoria e da comissão técnica. Se perdemos um volante parece que o mundo vai acabar e lá vamos nós trazer algum refugo tipo Thiago Santos do América MG ou Amaral do Goiás para preencher a vaga. Não temos um meia que preste há mais de ano, espera-se pela cura definitiva do CX mas ninguém tem pressa de qualificar o elenco na posição mais importante e carente da equipe. Depois que joga campeonatos fora a culpa é de quem não compra camisa, de quem não vai ao estádio, minha ou do Aroni…

Eu não gostaria de ter o Pratto aqui não, amarelou em decisão, diferente do Barrios que nos ajudou e muito na conquista da Copa do Brasil. Jogador que bate uma falta pra fora do estádio no último lance de jogo não serve pra quem quer ser campeão, que fique no galo.

Amarelar por amarelar, o Barrios perdeu um pênalti no Beira-Rio que poderia ter nos custado a classificação na Copa do Brasil de 2015 e deu o título paulista deste ano para o Santos quando já estava 1×0 para nós e ele atrasou a bola para o goleiro na cobrança que abriria vantagem de dois gols caso fosse convertida. Se for pra avaliar jogador por uma partida, vamos esquecer essas porcarias de Pratto e Barrios e trazer de volta o Betinho, esse sim é bom já que fez o gol do título da CB 2012…

Trocaria o Barrios pelo Pratto e ainda mandaria outros dois argentinos de lambuja.

O SPFC fez tudo errado e está quase na final. Mas o piloto não pode reclamar, pois fez de tudo pra cair fora de uma Libertadores em 2013 e três anos depois colheu o que plantou. O problema é que a torcida, que não tem nada a ver com esse amadorismo, também colhe…

As meninas jogando um futebol medíocre e com o nosso refugo de titular, estão nas semifinais. Se o PN tivesse feito a parte dele aceitando a ajuda da Crefisa para contratar um ou dois jogadores diferenciados e despachado o MO no início do ano, teríamos grandes chances na Liberta. Mas, segundo esse presidente de m…., não vamos ser refens da Libertadores

O M.O. dispensou o Kelvin no final do ano passado, é titular no Spfw, o Palmeiras poderia prorrogar o empréstimo, este técnico medíocre foi atrás de Leandro Almeida, jogador de confiança dele.

Alguém aqui pediu o Kelvin, dizendo que ele deveria ficar de qualquer jeito? É fácil pedir depois que o cara da certo em outro lugar… É o que eu falo: quando ta aqui, o cara não presta. Ai se mantém, somos burros, se dispensa e da certo em outro lugar, é porque somos burros também

Paraíba, em relação ao Kelvin a opção pro Palmeiras era comprar ou não… e pelo que não conseguiu jogar não valia a pena… deu azar no verdão, machucou logo no início, chegou junto com uma galera, difícil até de conseguir participar de coletivo na posição dele… foi pra outro lugar, onde só começou a ter oportunidades por falta de opção deles (lesões) e está tendo a sorte de não se lesionar… acontece todo dia no futebol o cara não consegue deslanchar num time e detona no outro… na minha visão não dá pra julgar como errada a decisão dele não ter ficado no Palmeiras esse ano…. até porque se era pra gastar dinheiro, o Erik tinha feito uma temporada muito mais promissora e tem maior chance de retorno financeiro… então, talvez seja melhor ao invés de ficar olhando pro lado de lá do muro, torcer pros que estão do lado de cá conseguirem mostrar todo seu potencial e fazerem um Palmeiras mais forte.

Assino embaixo, Diogo. Até gostaria que o Kelvin permanecesse, mas nas condições impostas realmente não valeria a pena. E apesar de achá-lo habilidoso, para um atacante chuta pior que zagueiro… De resto, as contratações deste ano conseguiram ser piores que as de 2015 (exceto talvez pelo Erik, que merece outras chances), assim na próxima lista de dispensa o primeiro a ganhar bilhete azul deveria ser o Mattos. Tem gente por aí hoje que deve fazer esse trabalho melhor por menos.

Se o Atlético não quiser mais essa “porcaria” chamada Lucas Pratto, gostaria de vê-lo por aqui. Bem melhor que o paraguaio argentino (ou argentino paraguaio) ele é. Porcaria mesmo é o Diego Aguirre, técnico covarde, sem personalidade e perdedor. Até o final deste mês ele e Muricy darão entrada no seguro-desemprego. Ah, e antes que me esqueça, essa Libertadores estava tão difícil que o patético time do SPFC está praticamente na final. Valeu, piloto, por ter feito tudo para que o Palmeiras entrasse na disputa tinindo…

O SPFW tá tendo sorte,jogaram contra quem ? O campeão vai ser o Rosário, Boca ou os catimbentos do Nacional, isso se o Independente Del Valle ( Equador) não aprontar, pode ser a surpresa, tem uma retranca assustadora.

O Palmeiras já foi vice 3 vezes, já foi campeão, fora as vezes em que esteve entre os 4 finalistas e você continua dizendo que o Palmeiras não tem tradição. É dose.

Temos a mesma tradição que um Nacional do Uruguai. Menos que São Paulo, Penarol, Independiente, River, Boca, Olímpia, Estudiantes… Paciência. Dentro do Brasil somos os maiores, na Liberta ainda não.

Qto ao Gabriel, uma pena, jogador útil ao elenco. Não acho ele esse César Sampaio todo q alguns acham kkkk, mas num campeonato longo como o brasileiro fará falta. Que azar o dele se machucar novamente. Sorte pro muleke, deve estar bem abatido, pois já demonstrou q tem caráter .

Tbm não entendi nada agora. Se trocam 2 do Palmeiras por 2 do cruzeiro a conta fecha. Mas se um rescinde com o cruzeiro pra fechar com o Palmeiras então trocaram 2 por 1? Ou eu to falando besteira? To confunso heim kkk

Philipe, acontece que o Fabrício é jogador do Internacional emprestado ao Cruzeiro, logo o Cruzeiro está repassando ele ao Palmeiras pelo período em que teria direito de contar com os serviços do jogador, sendo assim ele rescinde o contrato de empréstimo que tem com o Cruzeiro e acerta o contrato de empréstimo com o Palmeiras, é essa a burocracia que estão cuidando, por isso o Palmeiras ainda não liberou a documentação do Robinho, porque o Internacional poderia dar um balão e não emprestar pro Palmeiras ou emprestar o jogador pra outro time ou mesmo vendê-lo. Posso ter falado besteira, mas foi isso aí que entendi. Abraço

Estranha essa troca, entre Palmeiras e Cruzeiro, do Fabrício. Se o jogador é do Internacional e estava emprestado para as Marias, que rescindiu o seu empréstimo, hoje, com o clube mineiro, me digam, aonde está a troca? Trocamos com o Cruzeiro um jogador do Inter?

Pelo que li, rescindiu com as Marias e quando acabar o empréstimo com o Palmeiras, retorna ao chorolado para cumprir mais um ano de contrato. Sendo assim, a troca se baseou em dois que foram para o time de Minas, mas apenas um que veio.

Verdade que Cervi, meia do Rosário Central, emprestado pelo Benfica, é alvo do Palmeiras?

Que papelão fizeram com o Ademir da Guia, nosso maior ídolo, no sábado, hein? Isso sim é um “mals” pro Palmeiras, isso sim acaba com o Palmeiras, muito mais do que deixar de comprar uma camisa oficial, 2016. Vergonha!

E agora? Com a lesão do Gabriel volante, que o vai deixar meses de molho, voltaremos a tomar a enxurrada de gols do ano passado? Sim, porque disseram que ele um dos principais responsáveis (eu não acho) pela queda, principalmente no setor defensivo, do time, no último Brasileirão. E então? Ele não faz mais falta? Temos substitutos à altura? Teremos que contratar outro volante (mais um?) para repor a perda? Não vi ninguém comentar nada aqui.

Na boa, é por isso que eu falo que com a contusão de Gabriel e com esse DM que não cura ninguém no Palmeiras, vocês acham que o Palmeiras vai brigar pelo título brasileiro?? Com esse DM?? Esqueça.

DM não é responsável pela contusão, cara. Nosso DM devolve o jogador em ótimas condições bem antes do prazo. Para de repetir o que vc houve por ai… A primeira lesão não tem nada a ver com a segunda, pelo amor de Deus.

Dizem que macaco velho não mete a mão em cunbuca. Mas eu sou burro, vou meter. 1º- talvez muitos pensem que a SEP é um time local, regional. A SEP é nacional, por isso paulista não é mais torcedor que outros. 2º- Somos todos apaixonados. Levi falou o certo: todo faturam, roubam, metem a mão, afanam nossa paixão. Diretorias e empresários levam muita porcentagem. Enganadores, que se dizem profissionais do futebol, levam mais ainda. Jornalistas se vendem, mais do que a RGT. Então Paraíba eu sou solidário a você. Eduardo, crítico dos críticos, sou solidário a você. Philipe a você também. A todos do 3vv. Nós somos a torcida que canta e vibra, e critica e critica. Mas somos todos verdes. Somos todos parmera. Culpa do Aroni.

Obrigado pela parte que me toca, Renato. Sou apenas “o chato dos chatos”, mas no dia em que perder meu senso crítico e me conformar com o Palmeiras meramente lutando por “classificação” para alguma coisa ou apenas buscando “saúde financeira”, deixarei de ser palmeirense. De verdade.

Bom dia 3VVistas!
Criei uma liga no cartola, seu nome é Palme1r4s. Quem tiver interesse em participar é só enviar o pedido. Um abraço!

Com o Dudu voltando espero q C.u.C.a arme o time com Jesus , Guedes e Dudu na frente. Será o ataque mais veloz do campeonato. Pra puxar contra ataque então uma beleza rsrs…Jesus pode ser o jogador de referência as vezes pois tem faro de gol, cansou de fazer gol na base jogando de Centro avante. Barrios e Alecsandro seriam ótimas opções pra jogos mais truncados em q é preciso um cara lá na frente pra brigar com os zagueiros e tentar jogadas aéreas. Temos um bom time….Avanti Palestra!

Concordo. Seria ótimo um trio de ataque sem alguém pesado. Algo como o Barcelona, salvo a devida proporção. Xavier mais parado e os três correndo, seria muito bom. Mas o C.u.c.a gosta de um centroavante referencia, então duvido que seja assim.

Caro Paraíba (não sei seu nome e nem o conheço)…… mas se me permite dizer algo sobre o que escreveu, dizendo que não possui muito ou que se orgulha de ser pobre, mas ama muito o Palmeiras…….. penso que deveria guardar a grana que gasta com sua paixão com o Palmeiras ou investir em algo que possa ajudá-lo a ter uma melhor condição (estudo, aperfeiçoamento na profissão e até em uma futura família) ……… se vc não comprar mais nenhuma camisa do time ou gastar qualquer centavo com ele, continuará sendo palmeirense como todo mundo e nem sua paixão diminuirá. Pense em quanta gente fatura em cima do clube, desde dirigentes, conselheiros e jogadores que ganham uma fortuna. É muita grana cara. Futebol é apenas um negócio que explora uma paixão. E nós esquecemos isso e até ofen.demos outras pessoas por causa disso. Olha que absur.do. Compare isso, por exemplo, com, milhares ou milhões de pessoas que recebem o bolsa-família ou pouco possuem, e ainda assim doam 10% aos enganadores da fé que in.fes.tam o país. Veja quantos torcedores vão aos jogos no país inteiro com camisas da Parmalat, Fiat e outros. E muitos outros sem. Não se deixe abater por opiniões, escreva o que pensa onde desejar. Declare sim seu amor ao Palmeiras, mas não se prive de coisas muito mais importantes na vida por causa dele.

Levi, muito obrigado pelas palavras. O Palmeiras precisa de sua imensa torcida pra ganhar títulos, se não, não vai a lugar nenhum, essa é minha opinião. Paráiba é meu apelido.

Se agente refletir e parar pra pensar, não perderíamos tempo com futebol, tem muito dirigente conselheiro e jogadores que sugam o clube, são oportunistas é só pensam em dinheiro, mas o Palmeiras é diferente, já desisti de seleção brasileira, mas do Palmeiras nunca, sábado, o Palmeiras goleou, eu tava dando risada sozinho na rua.

Tirando o Guerrero e o Max Pardalzinho, eu trocaria o Barrios por qualquer um dos outros citados no ato.

Eu também, inclusive pelo Guerrero, que é muito melhor que o Barrios. Quer dizer então que não podemos nos desfazer do argentino paraguaio porque a única opção para substituí-lo seria o Pardalzinho?

Você já viu o time no qual ele joga, que por sinal hoje (ainda não terminou o quarto mês da temporada brasileira) foi eliminado do terceiro campeonato no ano? Mande o Barrios praquele time do Flamengo, traga o Guerrero para cá depois que o time estiver mais arrumadinho e depois a gente conversa, ok?

Barrios pelo Kardec? Sério? Então troca pelo Alecsandro mesmo… Kardec não ta jogando nada. Barcos também. Fred idem. Vocês se preocupam muito com nome e não com o momento do jogador…

Mas o Barrios não anda jogando essa bola toda também. Tanto é, que com a volta do Dudu, o pessoal por aqui está deixando ele fora do time. E eu apoio.

E não acho que o Barrios é ruim. É um bom jogador, mas é muito acomodado, além do Pratto ser melhor que ele.

Finalmente descobrimos: os culpados pelos dois rebaixamentos do Palmeiras em 2002 e 2012, pelas campanhas pífias, contratações ridículas e goleadas vexatórias para times de bairro desde a saída da Parmalat e por nenhum pódio em campeonatos brasileiros desde 1997 são os torcedores que não compram camisas de R$ 250, que não pagam mensalidades de sócio-torcedor e que não vão rigorosamente a todos os jogos no moderníssimo e caríssimo Allianz Parque, não importam os salários que ganham, se estão empregados ou mesmo se têm coisas mais importantes como família para cuidar. Ah, é claro, e além deles, a culpa é do Aroni…

Quem pediu pra trocar pelo André? Afirmar que o Barrios é um lixo é exagero, mas dizer que por esse valor não poderíamos ter no elenco gente muito melhor com maior regularidade de atuações e eficiência no rendimento do time é mais exagero ainda.

Ótima estréia, melhor só se fosse 4×0 contra algum paulista.

Mas eu quero ver esse time jogar fora de casa. Afinal este campeonato só se ganha com pontos fora.

Primeira(s) rodada(s) serve(m) para pouco mais que observação, mas demandam alguns cuidados. Já sabemos por exemplo que pontos perdidos para Vitória, Botafogo, Coritiba, para esse Cruzeiro bagunçado e até para o Santos quando estiver sem seus principais jogadores serão daqueles pelos quais se lamentará o resto do ano. Vamos lembrar que na largada de 2015 empatamos com o mistão do Atlético Mineiro em casa, com o futuro lanterna Joinville num estádio vazio e perdemos para o futuro rebaixado Goiás em casa.

Foi assustadora a fraqueza do Botafogo. Perdeu para o time reserva – e que jogou mal – do SPFC. Esse é um clube tido como grande que realmente está se apequenando. Levou 3 mil torcedores na estreia. Não tem perspectiva nenhuma de contratar reforços de qualidade porque não tem dinheiro para nada. Terá dificuldades para se manter na Primeira Divisão. Não existe time grande com torcida pequena e eternamente em dificuldades para se manter na Primeira Divisão. Triste decadência de uma camisa histórica.

O torcedor do Botafogo não tá nem aí pro time. Pra mim o verdadeiro torcedor é aquele que vai no estádio, se não pode ir, vira sócio torcedor ou compra camisa oficial do time, de alguma forma tem que ajudar. Agora existe a quele torcedor que só critica, não dá um centavo pro time do seu coração e que ver o time campeão. Aqui neste blog de ver ter alguns.

Certíssimo. Tem torcedor que está desempregado, que mora lá nos confins do Acre ou de Roraima, que ganha salário mínimo com filhos pra sustentar numa economia falida, mas o verdadeiro torcedor é só o que vai ao estádio (ou seja, o Palmeiras tem pouco mais de 40 mil “torcedores de verdade”, os cerca de 14,96 milhões restantes são palhaços, pobres e chorões) ou gasta os tubos com um time de futebol. No dia em que essa “filosofia” se tornar verdadeira, tenha a certeza de que o Palmeiras desaparecerá bem antes e muito mais rapidamente que o Botafogo.

Estou dizendo que muitos torcedores criticam, mais não ajudam, acho isso um absurdo. Tem torcedores que tem condições de ajudar de alguma forma, mas querem só criticar, já li aqui torcedores debochando de quem é Avanti. Você chama isso de torcedor?

E eu estou dizendo que o fato de não ter condições de frequentar estádio ou comprar camisas não obriga ninguém a deixar de ser crítico em relação ao que está errado no Palmeiras, tampouco torna esse torcedor menos palmeirense do que você ou do que eu. Ter opinião e posicionamento diante de situações e fatos não custa um centavo, sustentar um clube que explora (no bom e no mau sentido) a paixão do torcedor custa muito, só não pode custar tudo o que a pessoa tem, por maior que seja sua paixão. Pelo amor de Deus, não estou comparando ninguém aqui com esses caras, mas tem gente de torcida x ou y que mata rival na rua em nome da “paixão” pelo seu clube de coração. Será que isso faz dela “melhor” em alguma coisa?

Hoje, se o torcedor não contribuir ou seja não ligar muito pro clube, o time vai se apequenando, o que move o futebol no brasil neste momento é o dinheiro da tv, e esse dinheiro só é privilégio de três clubes: Corintia, Mengaum e os modinhas do Morumbi, gozado que essa ordem é o que predomina nos corações do funcionários da RGT. Essa emissora detesta o Vasco. Lembra da final do Br-00, quando o time carioca entrou com a estampa na camisa: sbt, resultado três rebaixamentos. Em 2012, caímos graças ao apito.
Eu tento salvar o Palmeiras de alguma forma, agora a tv influencia muito no apito, disso já estou esclarecido.

Todo mundo entendeu o que o Paraíba disse, mas alguns estão se fazendo de desentendidos. Ele quis dizer que há sim quem está em boa situação financeira, podendo contribuir bastante com o clube, mas não gasta quase nada com o Palmeiras, e ao contrário, exige muito e só sabe reclamar e ainda quer um timaço. Foi isso o que ele quis dizer. Agora cada um que analise a sua própria condição.

Por que? É obrigado a gastar para poder exigir? É obrigado a comprar camisa oficial para poder criticar? Tem que pagar para ser palmeirense e não virar botafoguense? Não adianta, não vão calar as críticas com conversa fiada. Qualquer torcedor tem que exigir time bom sim. Não é só quem paga que é zoado no dia seguinte, não é só quem compra camisa oficial que é tachado de “sem mundial”, não é só quem é Sócio Avanti que tem Edmundo e Evair como ídolos. Somos 16 milhões! Acordem!

Pois é Gustavo, concordo em gênero, número e grau. Será que pra ser palmeirense precisa pagar camisa, sócio torcedor Avanti é afins??? Pois eu vou continuar a criticar quando o time merecer e vou elogiar quando o time merecer. Ponto é basta.

Tem torcedor do Palmeiras que deveria torcer pro Botafogo, afinal tem muitos que não ajuda o Palestra com um centavo se quer. Amo este time! Essa semana vou comprar a camisa nova modelo 2016 que lançaram.

Quer dizer então que no caso de um palmeirense que não tem condições de ajudar o Palmeiras financeiramente não ama o time? Tem que torcer pra outro time? Um cidadão desempregado, para ser um torcedor verdadeiro, tem que deixar de pagar suas contas, ou comer, para sustentar o Palmeiras? Para não virar um botafoguense? Comprar uma camisa oficial, 2016, de R$250, não faz você ser mais palmeirense que ninguém, muito menos te dá o direito exclusivo de criticar o time. Ou as regras do 3vv mudaram e não estou sabendo?

Realmente, é cada uma que a gente vê!
Agora a responsabilidade de montar time competitivo é do torcedor. Kkkkkkkkkk! Piada!

Realmente, tem “muitos que não ajuda”… Camisa a 250 paus, ingresso a 100, pay-per-view custando o olho da cara, plano de sócio torcedor “amplamente acessível”… A filosofia elitista do piloto realmente faz a cabeça dos mais fracos, afinal de contas quem torce pelo Palmeiras lá em alguma aldeia no interior do Amazonas e nem televisão tem ou quem está desempregado aqui em SP mesmo não são palmeirenses de verdade, certo?…

Aroni, eu ganho pouco, sou pobre e tem orgulho disso, mas quando se fala de Palmeiras, o sentimento muda, é mesma coisa de amar uma mulher, você gasta o que não tem pra ser feliz. Este ano já é a terceira camisa que compro, se pudesse comprava tudo do Palmeiras, moro no interior, não vou no estádio, mas sou sócio, O Palmeiras tá na minha vida desde criança, o Paulo Nobre muitos criticam,mas ele tira dinheiro do próprio bolso, ele ama o Palmeiras, eu faria a mesma coisa se fosse milionário.

Paraíba, se você não vai ao estádio, então já se contradisse, pois se “o verdadeiro torcedor é aquele que vai ao estádio”, então, segundo sua própria tese, você não é um verdadeiro torcedor, certo? Mas, independentemente disso, cada um tem a sua forma ou possibilidade, e intensidade de amar e/ou financiar o Palmeiras. Mas isso não faz ninguém ser mais, ou menos, palmeirense ou botafoguense.

Aroni, ajudo o time da melhor possível, sou sócio e compro camisa, já fui muita vezes vezes de moto 125cc, enrolando o cabo do acelerador pela Rodovia dos Bandeirantes no Parque Antarctica, o Allianz não conheço, não tive o privilégio de conhecer. Faço minha parte, se agente não ajudar o Palestra, um dia este clube pode acabar, o sistema só prejudica o Palmeiras.

Foi sem dúvida nenhuma o melhor jogo do Palmeiras neste ano, em momento algum passamos sufoco e conseguimos controlar o jogo os 90 minutos, aos felizardos (como eu) que foram ao jogo puderam ver um time com padrão tático. Se continuarmos nessa toada, seremos candidatos sim ao título, a única ressalva que faço é que precisamos de um outro meia (a altura do CX-10), pois o Moisés é bem fraquinho.

Bom domingo a todos ! Estive no Allianz Parque. Excelente vitória ! Parabéns ao todo menos a um jogador : Barrios. Ele é grosso de bola. Atrapalha o time , não é esforçado e não ganha uma dividida.

Acho que esforçado ele até que é, o problema é querer inventar alguns passes de calcanhar e jogadinhas de efeito fora do contexto. Mas bom de bola, desde que anunciaram o interesse na sua contratação na metade de 2015, sempre disse que não é. Pelo investimento mensal da patrocinadora, poderíamos ter gente muito melhor no elenco.

Ele não tem domínio de bola Eduardo , é um jogador medíocre , está aqui para ganhar dinheiro e irritar os torcedores.

Bem amigo, se acha o Barrios grosso, o que eu não concordo, afinal, no jogo de ontem, ele foi um pivô, chamando a marcação e ajudando na armação, vc deveria conhecer o tal de Jean.
Esse rapaz não acerta um passe com mais de 3 metros de distância.

Não gosto do Barrios, muito caro para um jogador sem total condição física. Isso é uma coisa. Mas, dizer que ele jogou mal ontem, é uma falácia. Fez bem o pivô, deu bons toques de bola e movimentou-se bem, atraindo marcação e abrindo as brechas por onde GJ e RG apareceram. Nas notas dessa m.e.r.d.a. rgt.com deram 6 pra ele e 7,5 pro RG. Eu daria 7 pros dois.

Você vê cabeças de bagre no time? posso estar sendo muito legal com eles, mas “cabeça de bagre” mesmo acho que não tem nenhum… tem uns 8 “na média” e 4 “acima da média”. Nenhum excepcional.

Dá pra sonhar agora com mais chance de se tornar realidade, pois parece haver esquema tático, movimentação, motivação. Temos alguns bons jogadores e uns poucos muito bons e/ou com potencial para crescerem muito.
Sei q estarei no Allianz sempre torcendo em todas as rodadas.
Uma pequeníssima cornetada, ainda acho q o Gabriel é titular. Com esse desenho poderia ser no lugar do Mathes Salles. Acho ele melhor em tudo, mas principalmente na saída de bola.

Ganhamos jogando bem, muito bem, na minha opinião. Parabéns aos jogadores e principalmente ao Cuca pelo dia de hoje!
Quanto à arbitragem, o lance do Barrios foi falta nele, simples. O juiz voltar atrás não foi nenhum favor. E interpretar como chance clara de gol não seria nenhum absurdo, o que significaria cartão vermelho.
No lance da expulsão também houve falta, a câmera que pega o lance de frente me faz pensar assim.
O lance do suposto pênalti no Gabriel Jesus não assisti, então não posso falar.
Fomos “ajudados” em um lance que era tiro de meta e o juiz marcou escanteio para nós. Nossa…

Retificando um comentário anterior, no lance da expulsão do Léo quem também estava na jogada era o Paulo André, então o Patético ficaria com dez de todo jeito (ou talvez nove, já que o zagueiro poderia perfeitamente ter sido expulso na falta que fez sobre Barrios), mas não achei essa falta sobre o Jesus passível de cartão. Já o pênalti cometido pelo goleiro atleticano no primeiro tempo aconteceu. A crítica que faço é que mal haviam terminados nossos primeiros 45 minutos no Campeonato Brasileiro de 2016 e por aqui já choviam as mesmas reclamações de sempre, do tipo “contra o Palmeiras marcam tudo, a favor nada” e baboseiras similares, sempre colocando na conta da arbitragem eventuais fracassos. Se todas essas teorias conspiratórias fossem verdadeiras, Barrios seria expulso e o resultado da partida provavelmente seria outro. Achar que fomos ajudados ou garfados fica a critério de cada um, mas as imagens estão aí.

Contrariando as expectativas, concordo com você. Nao fomos roubados nem ajudados. A arbitragem é ruim, só. Se tivesse entrado pra nos prejudicar tinha expulsado o Barrios. Mesmo. Concordo com você, e é culpa do Aroni

Não sei qual foi o “mals” maior para o Palmeiras nesse jogo, para não termos vencido de 8: o Aroni ou a arbitragem.

Feliz demais com a vitória, com os gols, mas principalmente pelo futebol consistente. Gabriel Jesus finalmente mostrando todo seu potencial. Acho que jogador como ele não pode jogar de ajudante de lateral, ele é o cara que tem que ficar solto no time. Colocavam o moleque cheio de obrigações táticas, seu futebol desaparecia. Pelo menos esta é minha impressão. Roger Guedes parece ser uma boa surpresa. CX jogo muito, é bom jogador, espero que a zica tenha ido embora, e que não se machuque mais. Estou acreditando no trabalho do Cuca, mas com os dois pés no chão.

Com Dudu voltando e o zagueiro colombiano chegando (sabe Deus quando…) a tendência é melhorar, mas esperar que CX-10 aguente o tranco e que Vitor Hugo e Egídio passem ilesos durante o campeonato inteiro é exigir demais de San Gennaro. Por isso não podemos deixar de ter um meia de qualidade e opções nas laterais, até porque uma hora o rendimento da equipe vai cair – como acontecerá com todos. Entre as últimas rodadas do primeiro turno e as primeiras do segundo GJ estará na Olimpíada, e ainda acho que seu melhor substituto seja o Erik, mas parece que o Cuca pensa diferente.

Concordo Eduardo, e mesmo porque o GJ deve ser negociado na próxima janela.

Pelo mostrado até agora, achei o Roger está pelo menos em melhor fase. Não sei dizer se é melhor… Na ausência do G.Jesus, eu jogaria com Dudu/CX/Barrios/Guedes.

Sinceramente eu fiquei surpreso com o resultado de hoje. Eu achei que seria um jogo dificílimo para o Palmeiras, pelo fato do CAP vir de um título, ter poupado os jogadores na CdB, e o Palmeiras estar apenas treinando (pois se perde, uma das desculpas seria a falta de ritmo de jogo). Então, foi o time do Palmeiras que entrou nos eixos ou fez um jogo extremamente feliz? O CAP é só isso, ou fez um péssimo jogo? Não sei. O tempo irá dizer.

Acho que o Patético não é tão ruim, nem o Palmeiras vai fazer mais 37 jogos assim neste campeonato. E apenas coloquei o termo “favorito” entre aspas porque muita gente da imprensa nos coloca como tal – eu continuo não acreditando, mas outras atuações semelhantes, principalmente nos jogos mais cascudos (Inter no Beira-Rio, Galo no Independência e Grêmio na Arena deles, para citar alguns), poderão me fazer mudar de ideia. De qualquer maneira, os poucos chutões e as muitas jogadas ensaiadas foram surpresas agradáveis para qualquer um. Com cinco meses de atraso, parece que o ano começou para o Palmeiras. Independentemente do título, espero que ele só termine em dezembro.

Não me lembro quando foi a última vez que o Palmeiras passou dias e dias apenas treinando e quando voltou a campo mostrou que realmente treinou e ensaiou jogadas. Isso quer dizer que somos favoritos e que o campeonato já é nosso? Muito pelo contrário, mostra que temos um time mediano que se continuar nesse ritmo de trabalho pode dar certo. Se trouxerem qualidade ao time as chances aumentam, porém se acharem que 4×0 no Patético Paranaense mostra que temos “o melhor elenco do Brasil e que não devemos nada aos rivais”, f…

Thomaz, sou chato e continuarei a sê-lo porque tudo o que quero é ver o Palmeiras jogando futebol. E hoje jogou, mostrou que aproveitou os dias de treinamento realmente treinando. Jogos se perdem, classificações escapam e títulos escorregam das mãos, mas o futebol que se mostra fica. É tão difícil assim?

Nao discordo de vc em quase nada, Edu. Só acho que num dia de vitoria, e do jeito que foi, podiamos ser mais alegres. Sua visao nao esta errada, mas podemos ser “iludidos” so durante um dia ne? Rsrs… abracao!!

Estou feliz, sim. Muito, até. O que me irrita são coisas do tipo “mal começou o campeonato já estamos sendo roubados” ou, o que vai acontecer daqui a pouco se engatarmos umas cinco ou seis vitórias, “ninguém tem elenco melhor no Brasil”. Acompanho esse time há 43 anos, seja pelo radinho de pilha, no estádio ou pela televisão, e pouca coisa do que vem de lá ainda me surpreende. Mas já estou cansado dos campeonatos que para nós são como a Avenida Paulista aqui em SP: o início é no Paraíso e o final na Consolação…

Concordo contigo! Na verdade, não completamente. Tem que admitir que ultimamente os campeonatos já começam na Consolação… as vezes até pegam o metrô sentido Paraiso, mas descem na Brigadeiro e voltam andando. Um começo com 5 ou 6 bons jogos seria um alento…

O árbitro não dá um pênalti claro no Gabriel jesus e o Eduardo, diz que nos ajudou por dar um escanteio errado para o Palmeiras. O público inteiro no estádio e a maioria aqui viram um outro jogo. Para com isso, ganhamos e bem. E isso é o que importa. E o dia que errarem a nosso favor, vamos reconhecer também, E ele errou ao expulsar o jogador errado, Errado seria não marcar a falta dupla no jesus.

Vamos lá, vou tentar escrever em letra de forma pra ver se você entende (se não conseguir tentarei desenhar): no lance do Barrios ele sofreu falta, só que a jogada suscitou dúvidas (veja que até o Gustavo Aroni escreveu que a falta foi do argentino paraguaio) e o juiz que P O D E R I A (erradamente) expulsá-lo voltou (corretamente) atrás. Pouco antes de terminar o primeiro tempo, claramente Jean foi o último a tocar na bola antes dela sair mas foi marcado escanteio para o Palmeiras. Mesmo que não tenha saído gol, ajudou o time da casa. No lance da expulsão do lateral do Atlético, quem cometeu a falta foi outro jogador, que salvo engano (por favor corrija-me se estiver errado) não tinha amarelo, portanto o time paranaense não ficaria com dez. Gostaria que você me respondesse: se a conspiração que existe apenas para roubar o Palmeiras e tirar-lhe todos as vitórias e títulos possíveis (a d/i/r/e/t/o/r/i/a sempre é competente e nunca falha, certo?) fosse verdadeira, tudo isso aconteceria? Agora sou eu quem escreve: o importante foi que ganhamos mostrando que os dias de treinamento realmente foram usados com treinos, sendo assim pare de lutar contra as imagens e vá se tratar.

Desenhe em Photoshop, 3D ou brigue com as imagens. E aqui o que o torcedor do small club o juca Kfuro escreveu sobre o lance…….. ele também viu outro jogo e outro lance, assim como os torcedores no estádio e as imagens mostram. “De cara, a “nova arbitragem” começou vexaminosa. O assoprador de apito deixou de apitar um pênalti do goleiro Weverton em Gabriel Jesus e ia expulsar Barrios de campo por simulação quando foi alertado que o cartão amarelo deveria ser dado para Paulo André que, de fato, fizera falta no atacante palmeirense.”…………….agora escova sobre o pênalti no jesus.

Mas deixa para lá, vamos comemorar, pois ganhamos 3 pontos e jogando bem. Isso é um alento. E se tivermos sorte, gostaria que a gente pudesse comemorar no fim do ano junto, independentemente de opiniões diversas.

Muito boa a sua referência ao Kfuro, cidadão impoluto que jura de pés juntos até hoje que o pênalti sobre o Ronalducho contra o Cruzeiro marcado pelo Sandro Meira Ricci (algo que lhe valeu passaporte para a Copa do Mundo) em 2009 existiu. De qualquer modo, também achei que foi pênalti sobre o Jesus, e em nenhum lugar escrevi algo diferente disso. Você só esqueceu de destacar o que o Juquinha escreveu mais adiante, exatamente de acordo comigo: “Para facilitar, aos 15, o assoprador deu o segundo cartão amarelo, com exagero, para o lateral Léo e deixou o Furacão com 10, ou seja, o deixou Furaquinho.” Acho que a diferença é que vejo os fatos antes de ver as cores das camisas. Tente usar – ou quem sabe trocar – os óculos, as brigas com as imagens certamente vão diminuir…

By the way, Eduardo aprenda uma coisa para o resto da sua vida. Não me confunda com os incautos que vc vc costuma agredir verbalmente aqui no blog. Nunca. Principalmente quando escreve que eu devo me “tratar:……..preste atenção garoto, pois nada justifica ofender qualquer pessoa por causa de futebol e opinião contrária. Qual o nome do diagnóstico que um psicólogo dá a uma pessoa que discorda de 33 mil torcedores no estádio, dos comentaristas e locutores que torcem para outros times, mas enxergaram a mesma coisa, as imagens que estão ai para serem repetidas, a maioria das pessoas que escrevem aqui……e ela é a única que insiste e acredita estar com a razão e ainda recomenda os outros a trocar os óculos???….Eu penso que seu nível intelectual consegue acertar o nome dessa patologia.

O jogador do Atlético não foi expulso pela falta.
Foi expulso porque depois de marcada a falta deu uma balão na bola, jogando ela longe.
Por isso recebeu o amarelo.

Quanto ao lance do Barrios, continuo com a opinião de que a falta foi do Barrios, maz respeito as opiniões contrárias.

E a expulsão do jogador do CAP foi injusta, não teve falta alguma no G. Jesus. E para me crucificarem vivo e no fogo de chão, não foi penalti do goleiro no G. Jesus. Mas é a minha opinião, respeito todas as outras.

Vendo a análise do Sálvio Espínola, na espn, me convenci que foi pênalti no Gabriel Jesus. Já nos outros dois lances, o do Barrios (falta do jogador do Palmeiras) e expulsão do jogador do CAP (não foi falta no Gabriel Jesus) mantenho minha opinião inicial.

Ia confessar que também não tinha achado tão pênalti assim. Mas ai teria que concordar com você. E ai já seria maluquice demais… hahahaha. Brincadeira, Aroni.

Uma partida brillhante do Palmeiras, principalmente numa estreia. E jogando bem. O que me estranhou foi a inofensividade do CAP. Mas, hoje, os 4 a 0 foram convincentes.

3 pontos em casa. Esse é o objetivo. E o treinador parece que está treinando o time mesmo. Próximo jogo 1×0 ou empate é vitória.

4 a 0 meus amigos, e que jogo do time! em especial gabriel jesus e cleiton xavier! cresce a esperança de um bom campeonato

Pois é, o pessoal já tá reclamando de arbitragem sendo que ele errou mais pro lado de lá que pro lado de cá. Uma coisa é certa e infelizmente não vai mudar: a arbitragem brasileira é um li.xo.

Esperava muito mais um “Palmeiras X Marília” de 1993 (vitória difícil de virada) que um “Palmeiras X Ferroviária” de 1996 (goleada e passeio). Dentro dessa perspectiva, o time mostrou muita vontade, principalmente em sair tocando a bola e não na base do bicão, e errou pouco. Tchê Tchê e CX-10 foram bem, e no geral gostei, mas indiscutivelmente falta qualidade. Jogadores medianos podem treinar um mês que entrarão em campo como jogadores medianos bem treinados. Craque pode treinar um dia da semana, entrar no jogo e decidi-lo porque é craque. Num campeonato praticamente sem craques, começar bem e manter o foco pode fazer a diferença.

Concordo plenamente, e acho que o nível atual do futebol brasileiro permite que um time bem treinado, embora mediano, possa brigar na parte de cima da tabela. O próprio CX-10, que não é craque, nunca foi e nunca será, pode se destacar caso o físico aguente, já que os craques são poucos, pouquíssimos, talvez nenhum. Só espero não assistir nenhum imbecil (falo dos jogadores) dando entrevista ao final do jogo falando que o Palmeiras só perde o título para si mesmo…

Pois é, Paulão, pelo que se viu nas entrevistas agora no final do jogo o discurso será bem ao contrário disso, e acho que nem poderia ser diferente. Empolgação agora só serve para municiar os adversários. Quanto ao CX10, sua qualidade depende de sua condição física, por isso que a desconfiança sobre seu futebol continuará pairando permanentemente. Infelizmente, pelo seu histórico recente, aqui também não poderia ser diferente.

Daqui do estádio, Matheus Salles mal no meio… Retiro o q disse do Gabriel volante, tem q ser titular mesmo rs. Tchê tchê e Roger Guedes muito bem…CX é o mais técnico e com visão de jogo só tem q pegar sequência pois é nítido q está fisicamente abaixo dos outros assim como Barrios. O mais difícil mesmo vai ser vencer a arbitragem. Se dentro de casa eles fazem o q querem com a gente imagina fora. Vai ser quase impossível vencer fora de casa.

Philipe, dentro do estádio provavelmente não deu pra ver, mas não há o que reclamar da arbitragem. Pelo menos não o Palmeiras, já que Barrios poderia ter sido (incorretamente) expulso mas não foi. Ao contrário, houve um escanteio contra o Atlético no qual claramente quem tocou a bola por último foi o Jean. Estamos disputando o campeonato mais importante do ano há 45 minutos, fomos até ajudados e já tem gente demonizando a arbitragem. Menos, por favor.

No 1° tempo o Palmeiras foi muito superior ao CAP, e gostei dos dois contratados, o Roger e o Tche Tche. Porém, será que o CAP é só isso aí?

Que lambança. O árbitro viu uma coisa (simulação do Barrios), o bandeira viu outra (falta do CAP) e não foi nenhuma coisa nem outra, foi falta do Barrios.

O Barrios ganhou a dividida e foi calçado pelo Paulo André. Falta e se o zagueiro fosse expulso não seria exagero, mas pelo menos não fez a besteira de expulsar o argentino do Paraguai (no duplo sentido…).

Não, cara. Se você ler minhas postagens (assim que a moderação liberá-las) em nenhuma delas disse que o Barrios fez falta, pelo contrário. Veja que inclusive acima discordei do Gustavo Aroni. Mas se você não entendeu, explico: nos “velhos tempos” estando ou não certo, o Barrios seria expulso sem direito a retificação. Assim como já havia acontecido com o Egidio em Chapecó ano passado, tivemos uma expulsão revogada corretamente, algo impensável para um time cuja torcida (pelo menos uma parte) se acha tão perseguida. Se não entende o que escrevo, não force interpretações erradas.

O Palmeiras inicia sua caminhada na competição nacional mais importante, e aquela que mostra quem é quem de verdade. Infelilzmente, não foi feito aquilo que se espera de um time grande que foi reforçar o elenco com qualidade. Não enxugamos o elenco e não troxemos um bom meia, nem um atacante goleador. Vão fazer falta. E não queria que o Palmeiras pegasse o Patético-PR logo na primeira rodada, pois é (com sobras) o atual campeão do Paranaensão, e vem com ritmo de jogo. Mas, para quem é considerado favorito ao título, pela grande maioria da imprensa, e por muitos torcedores do clube, o Palmeiras não dece ter muitos problemas para conquistar os tres pontos, né? Palpite: SEP 1,01 X 1

“o atual campeão do Paranaensão, e vem com ritmo de jogo. ” Boa Aroni, kkkkkkkkkkkkkkk, nossa Sra, Aparecida esta com nosco, kkkkkkkkkkkkkkkkk.

Novo Campeonato, nova esperança.. E assim como o treinador que tem meta de jogo por jogo, irei torcer é claro……. e se puder ganhar todo jogo de 1×0 estarei mais do que feliz. Que comece hj.

Os comentários estão desativados.